PP vai apoiar Hermano Morais

Está no Novo Jornal:

PRÉ-CANDIDATO À PREFEITURA de Natal pelo PMDB, o deputado estadual Hermano Morais ganhou ontem um apoio importante para a sua candidatura, que deverá aumentar o seu tempo de propaganda eleitoral em um minuto e cinquenta e sete segundos. O Partido Progressista (PP), depois da indecisão em se coligar com o Partido Verde, confirmou o apoio ao PMDB na chapa majoritária para as eleições municipais. Assim, o tempo de exposição de Morais na TV passará de aproximadamente nove minutos para quase doze.

O PP deve anunciar oficialmente o apoio hoje, às 10h, na sede do partido, em Lagoa Nova. Ontem, por volta das 22h10, o deputado federal Henrique Alves (PMDB) tuitou a informação: “Amanhã PP anuncia apoio a HERMANO Morais. Vice-Pref Paulinho Freire, vereadores Chagas Catarino e Albert Dickson. E importantes lideranças”.

O jornal procurou falar com o presidente do PP em Natal, o vice-prefeito Paulinho Freire, mas ele não atendeu às ligações.

O vereador Albert Dicksson confirmou o apoio e disse que ela foi tomada em uma reunião onde estavam presentes, além dele, Hermano Morais, Paulinho Freire e Chagas Catarino. De acordo com Dicksson, a decisão foi influenciada por uma resolução nacional do PP e pelo bom relacionamento dos dois pepistas com o deputado Hermano Morais. “Acreditamos na competência dele, tem uma boa história política e foi meu colega na CEI dos contratos. Temos um bom prognóstico para ele”, disse Dicksson, que tentará, junto a Catarino, se reeleger vereador.

A pré-candidatura de Morais, com o apoio do PP, alia-se ao oitavo partido, garantindo ao PMDB, depois de 20 anos, o maior tempo de TV entre os candidatos.

Para efeito de comparação, o líder nas pesquisas, Carlos Eduardo Alves, terá quase cinco minutos a menos que o peemedebista. Morais conta agora com o apoio do PP, PMN, PSC, PSDC, PRTB, PTB e PR.

O vice de sua chapa será Osório Jácome (PSC), que tem uma boa penetração no segmento evangélico.

O apoio do PP vale apenas para as eleições majoritárias. Paulinho Freire e Rafael Motta, também integrante do partido, devem tentar vagas na Câmara Municipal.

O vice-prefeito Paulinho Freire é considerado o grande “cabo eleitoral” do PP e deve desenhar um projeto para levar o partido ao protagonismo na Câmara.

Enquanto acontecia a reunião entre os quatro pepistas, o deputado federal Henrique Alves viajava pelo interior do estado.