Secretária geral do DEM diz que suposto "Caixa 2" eram doações partidárias

A secretária geral do DEM no Rio Grande do Norte, Fátima Lapenda, emitiu uma nota de esclarecimento sobre o possível “Caixa 2” praticado pelo então PFL em 2006 para acandidatura de Rosalba Ciarlini para o cargo de senadora da República.

De acordo com Fátima, a quantia se tratava de simples doações partidárias. Ela também ressalta que as contas do partido foram aprovadas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Segue a nota na íntegra:

“NOTA DE ESCLARECIMENTO SOBRE DOAÇÕES PARTIDÁRIAS DO PFL-RN EM 2006

O então PFL – RN fez nas eleições de 2006 doações oficiais a todos os seus candidatos a deputado, conforme atesta relação em anexo da prestação de contas já aprovada pelo TRE-RN .

Dessas doações partidárias fazem parte três parcelas de R$ 20 mil (comprovadas pela cópia de recibos oficiais em anexo) repassadas ao então candidato a deputado estadual Salatiel de Souza.

Atenciosamente

Fátima Lapenda

Secretária Geral do Democratas-RN

Tesoureira do PFL em 2006″

Ainda não viu a nova-velha polêmica?

VÍDEOS de “Caixa 2″ na campanha de Rosalba: “Isso é exploração política gratuita”, diz advogado