Polícia

Apreensão de droga nas fronteiras disparam e crescem 295% passando 90t para 356t

Foto: Fabio Seixo | Agência O Globo

O Programa Nacional de Segurança das Fronteiras e Divisas (VIGIA) do Ministério da Justiça registrou, nos últimos quatro meses, um aumento de 295% na apreensão de drogas em comparação ao primeiro quadrimestre do ano.

De maio a agosto de 2020, foram apreendidas 356 toneladas de drogas apreendidas, entre maconha, cocaína, haxixe e outros entorpecentes. De janeiro a abril, foram 90 toneladas.

Foram confiscados também 27 milhões de maços de cigarros, contra 24 milhões no primeiro quadrimestre do ano, o que representa um aumento de 16%. O crescimento também foi registrado na apreensão de veículos (47%), embarcações (167%), armas (12%) e celulares (605%). O número de prisões efetuadas durante as operações também cresceu (48%).

Lauro Jardim – O Globo

Opinião dos leitores

  1. Libera essa porra. Agora alteram a CF e o código penal pra pena de morte também, lei do talião também é uma boa. Amigo veio onde tem peia, cacete, chibata, açoite, pau no lombo nego pensa duas vezes antes de errar.

  2. Já imaginou o viciado poder ter uma plantinha de maconha em casa para poder usar quando quiser!!?? esses malditos traficantes iriam ter que arrumar outro meio de vida.

  3. Isso podia tá gerando empregos, renda e recolhendo impostos mas só está dando custos polícia, justiça, cadeia e saúde. Legalizado tira o poder econômico das facções, libera a força policial, desafoga a justiça, prisões e ajuda a pagar a conta da saúde.

  4. Liberar as droas e depois tratar os viciados???? Que idéia brilhante
    O Uruguai liberaram, depois o trafico aumentou seguindo de roubo e homicídios.
    Quem vai controlar a droga? Vão criar um maconhabrás???

    1. Empresas privadas, igual a Souza Cruz ou Ambev que produzem as drogas cigarro e álcool, ficariam encarregadas da produção e venda aos otários. Seriam milhares de empregos criados, além de impostos gerados para o Estado, que ficaria encarregado de promover campanhas de esclarecimento sobre o perigo das drogas, assim como é feito com cigarros. Só para lembrar, a violência no Uruguai e muitíssimo menor que no Brasil.

  5. Parabéns as Pf's, PRF's, PC´s e PM's dos estados de fronteiras desse brasilzão que comem um dobrado correndo atrás dos traficantes e fazendo apreensões importantes para nosso país.

    1. Libera o uso das drogas, faz uma campanha forte contra o consumo e trata os viciados, pois além de acabar com o tráfico, geraria empregos formais e ainda deslocaria esse pessoal da segurança que trabalha no combate ao tráfico para outras atividades, como por exemplo, fiscalizar e prender os ladrões de fios do centro da cidade, pois estão roubando toda a fiação da região central da cidade e a polícia não faz absolutamente nada. Estou vendo a hora a Cosern criar uma polícia privada para acabar com esses escárnio.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *