Esporte

Técnico do PSG confirma lesão de Neymar e prevê volta após 3 semanas; CBF monitora situação e não descarta corte para jogos da Eliminatórias

Foto: © Pool via REUTERS/Ozan Kose

O técnico do Paris Saint-Germain (PSG), Thomas Tuchel confirmou na manhã desta sexta-feira (30) a lesão do atacante Neymar. Em entrevista coletiva, Tuchel afirmou que a recuperação do atleta deve ocorrer em três semanas. O camisa 10 deve desfalcar a equipe nos próximos três jogos contra Nantes, Rennes e RB Leipzig.

“A informação que eu tenho é que ele volta depois da pausa para as partidas das Eliminatórias da Copa do Mundo”, disse o treinador alemão. E admitiu: “Estamos tristes por Neymar estar machucado, mas ele pode voltar após o intervalo [datas Fifa]”.

Na última quarta (28), Neymar saiu de campo aos 26min do primeiro tempo no embate entre PSG e Istambul Basaksehir pela Liga dos Campeões, depois de sentir dores na coxa esquerda. O técnico da Seleção Brasileira, Tite e a comissão técnica da CBF monitoram a situação do jogador, que até o momento segue entre os convocados para os próximos dois jogos das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo do Catar. O Brasil encara a Venezuela, no dias 13 de novembro, em São Paulo, e quatro dias depois, enfrenta o Uruguai, na capital Montevidéu.

Agência Brasil

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

ABC agradece solidariedade do América por contusão de Wallyson

Foto: Reprodução/Twitter

O ABC agradeceu o rival América, na tarde desta quinta-feira(06), pela mensagem de solidariedade pela contusão do atacante Wallyson, em jogo da Copa do Brasil na noite dessa quarta(05).

Veja mais – WALLYSON: América se solidariza com grave contusão e deseja “recuperação plena e rápida ao atleta do co-irmão

“É exatamente esse o sentimento. Estamos satisfeitos com nossas classificações, mas tristes com o ocorrido com o Wallyson”, respondeu o alvinegro no Twitter, deixando de lado, pelo momento, o êxito na competição nacional, e o foco no ser humano e atleta.

Opinião dos leitores

  1. Eu sou abc fc mais o América está de parabéns por deixar de lado a rivalidade

  2. Meus parabéns ao América pelo apoio ao nosso conterrâneo e atleta do Mais querido vllw mecao,e que a recuperação de wallisson rápida pra ele poder volta a fazer mais gols pela frasqueira

  3. Parabéns aos dirigentes de ambos os clubes, a rivalidade deve existir sim, sempre, mas no campo de jogo, a união das duas maiores forças do nosso futebol fora do campo, tem que prevalecer, é para o bem do futebol

  4. Nós abcedistas não queremos a solidariedade de torcedores e muito menos da diretoria americana, pelo acontecido com nosso atleta Wallyson, está solidariedade deles americanos é de gozação ok

    1. Fale por você, gozação é em outros momentos, a parada aqui é séria.

  5. Dá pra sairmos desse buraco juntos. A rivalidade dentro de campo não pode acabar nunca, mas fora de campo é burrice.

    1. Concordo com você é plena burrice, devemos ser sóbrios e olhar pelo lado da razão, quem não se chateia pela derrota do seu time, mais é inevitável que isso aconteça as vezes. Sou abecedista e isso nunca me empediu de admirar o futebol jogado por Souza.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Após sofrer entrada criminosa contra o Guaratinguetá, atacante do América fica fora de dois jogos

O Departamento Médico americano confirmou a ausência do atacante Rodrigo Pimpão nos dois próximos jogos do América pelo Campeonato Brasileiro da Série B. O jogador, que na partida do último sábado sofreu uma entrada criminosa por parte de um defensor do Guaratinguetá, sofreu um afundamento e uma fratura entre o arco zigomático e o maxilar, e será necessário alguns dias em tratamento.

Apesar da entrada criminosa, o defensor do Guaratinguetá – que já tinha cartão amarelo – continuou normalmente em campo, enquanto o volante americano Márcio Passos foi expulso por pedir uma atitude mais enérgica do árbitro da partida, o alagoano Francisco Carlos do Nascimento.

Blog do Mecão

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Kaká suspende o próprio salário até se recuperar de lesão

kakaO Milan confirmou nesta segunda-feira que o meia Kaká sofreu uma lesão no músculo adutor da perna esquerda. Um novo exame será feito daqui a dez dias para analisar a evolução do tratamento, mas a expectativa é que o apoiador fique pelo menos um mês afastado dos gramados. Com isso, o brasileiro tomou a iniciativa de suspender o seu salário até que esteja recuperado para voltar aos campos.

– Peço apoio e carinho. Eu renuncio ao salário até voltar a ficar bem e curado – disse Kaká.

Kaká se machucou em sua reestreia oficial pelo clube no empate em 2 a 2 com o Torino, neste domingo, pelo Campeonato Italiano. Com a lesão, o meia perderá a estreia do clube na Liga dos Campeões da Europa na quarta-feira, contra o Celtic.

Seu sonho de retornar à seleção também fica prejudicado. Se tinha alguma esperança de ser convocado pelo técnico Luiz Felipe Scolari, agora o apoiador vai ficar de fora da convocação para os jogos contra a Coreia do Sul e Zâmbia nos dias 12 e 15 de outubro.

“O Milan comunica que os exames médicos de Kaká evidenciaram uma lesão no adutor esquerdo. Daqui a dez dias o jogador efetuará outros exames para um melhor diagnóstico”, informou o clube, em nota.

Kaká já começou o tratamento e espera voltar ao time o mais rápido possível. Além de Kaká, o Milan também perdeu Montolivo e Poli por causa de lesão para a estreia na Liga dos Campeões.

O Globo

Opinião dos leitores

  1. Se Kaka começar a suspender o salário toda vida que se machucar vai passar fome, ou melhor, vai antecipar sua vida como pastor e ficará ainda mais rico.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Atacante Fred tem lesão grave e deve ficar meses fora de combate

bfd753a2-5308-4a2e-b0d6-003f57f867a7_gazeta-press-foto-554202O medo expresso por Fred logo depois do jogo contra o Santos, no último sábado, confirmou-se nesta segunda-feira. O resultado do exame de imagem realizado para detectar o grau da lesão na coxa direita do atacante do Fluminense apontou problema grave que deve deixar o jogador fora dos gramados pelos próximos três meses.

Caso esta previsão inicial seja mantida e cumprida à risca, Fred só terá condições de jogo na última rodada do Campeonato Brasileiro, no dia 8 de dezembro. Além de desfalcar o Tricolor, o centroavante também vai ficar fora dos amistosos da seleção brasileira. Titular absoluto, o camisa 9 não vai disputar os jogos contra Austrália e Portugal, nos dias 7 e 10 de setembro.

A contusão faz o Fluminense relembrar as temporadas 2009 e 2010. Nos dois anos, os primeiros de Fred nas Laranjeiras, o atacante foi atormentado por lesões e pouco participou dos jogos da equipe. Na primeira vez, o artilheiro voltou para comandar a incrível reação do Tricolor, que escapou de um quase garantido rebaixamento. Já no ano seguinte, Fred viu de fora o argentino Conca carregar o Flu ao título brasileiro.

Até o momento, o Fluminense não anunciou oficialmente a lesão do jogador e a CBF também não comunicou se o jogador será substituído na lista de Luiz Felipe Scolari.

Yahoo Esportes

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *