IFRN oferta 320 vagas para cursos de graduação via SiSU e pelo ENEM

A Pró-Reitoria de Ensino do IFRN (Proen) divulgou os Editais de nº 23 e 24/2019, referentes às vagas para Cursos Superiores de Graduação ofertados pelo Instituto. No total, são 320 vagas: 260 delas via o Sistema de Seleção Unificada (SiSU) e outras 60, também com a nota do ENEM, mas com inscrição pelo Portal do Candidato do IFRN. Todas as vagas são para ingresso no segundo semestre.

Inscrições

As inscrições para os interessados no processo seletivo relativo ao Edital n° 23/2019 devem ser efetuadas pela internet, por meio do Portal do SiSU, até o dia 7 de junho de 2019.

Já as inscrições relacionadas ao Edital de nº 24/2019 devem ser feitas exclusivamente via Portal do Candidato, até o dia 14 de junho, às 17h, horário local.

Para mais informações, acesse:

Edital Nº 23/2019 – Proen/IFRN 

SiSU

Edital Nº 24/2019 – Proen/IFRN 

Portal do Candidato 

Com informações do IFRN

IFRN divulga 496 vagas para Cursos de Graduação; veja editais

A Pró-Reitoria de Ensino (Proen) do IFRN divulgou, nessa sexta-feira (28), os editais 47 e 48/2018 que dão acesso a cursos de graduação (veja lista abaixo) usando as notas das últimas três edições do Enem. As inscrições devem ser feitas pelo Portal do Candidato entre os dias 28 de janeiro e 3 de fevereiro de 2019 e o candidato deve sinalizar no ato da inscrição de qual edição do Enem vai submeter a nota para avaliação.

O edital 48/2018 dá acesso exclusivamente aos cursos superiores de graduação em Licenciatura em Educação do Campo 2019.1 com habilitações em Matemática ou Ciências Humanas e Sociais, já o edital 47/2018 inclui diversos cursos de graduação, nesse caso o preenchimento das vagas por curso, campus e turno se dará por processo classificatório. Os resultados finais serão divulgados no dia 8 de fevereiro e os escores de Argumento de Classificação Preliminar no dia 5 de fevereiro.

Cursos

Ao todo são ofertadas 496 vagas, sendo 40 para os cursos do edital 48/2018, específico para o Campus Canguaretama, e outras 456 para o edital 47/2018, nos campi Apodi, Caicó, Canguaretama, Currais Novos, Ipanguaçu, Natal – Cidade Alta, Nova Cruz, Macau, Parnamirim, Pau dos Ferros, Santa Cruz, São Gonçalo do Amarante e São Paulo do Potengi. Entre os cursos ofertados: Licenciaturas em Química, Matemática, Informática, Biologia e Física; Superior de Tecnologia em Design de Moda, Gestão de Turismo, Alimentos, Sistemas para Internet, Agroecologia, Gestão Desportiva e de Lazer, Processos Químicas, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Logística e Rede de Computadores.

Acesse

Edital nº 47/2018-Proen/IFRN

Edital nº 48/2018-Proen/IFRN

Portal do Candidato

Com informações do IFRN

Publicado edital de seleção do IFRN para cursos de Graduação via Sisu

A Pró-Reitoria de Ensino (Proen) do IFRN, divulgou o Edital 43/2018 referente a abertura das inscrições para o Processo Seletivo dos Cursos Superiores de Graduação ofertados pelo IFRN, via Sistema de Seleção Unificada (Sisu), com ingresso para o 1º semestre de 2019.

As inscrições no Sisu estarão abertas no período de 22 ao dia 25 de janeiro de 2019, até às 23h59, de acordo com o horário oficial de Brasília-DF, e serão efetuadas exclusivamente no Portal do SiSU. Caso o candidato não tenha acesso à internet, a inscrição poderá ser realizada presencialmente em qualquer um dos campi do IFRN, seguindo os horários pré-estabelecidos no edital.

Avaliação

Para efeito de cálculo da nota final do candidato serão utilizadas as notas obtidas nas avaliações de cada uma das áreas de conhecimento do Enem 2018 (Linguagens, Códigos e suas Tecnologias; Matemática e suas Tecnologias; Ciências Humanas e suas Tecnologias; Ciências da Natureza e suas Tecnologias; e Redação), não sendo atribuídos pesos diferenciados. O candidato que desejar participar da lista de espera deverá obrigatoriamente confirmar no Portal do SiSU o interesse na(s) vaga(s) durante o período especificado pelo Ministério da Educação, no Edital nº 83/2018. O processo seletivo do Sisu referente à primeira edição de 2019, será constituído de 1 (uma) única chamada regular, que será divulgada no dia 28 de janeiro de 2019.

Acesse

Edital Nº 43/2018 – Proen/IFRN

Site do Sisu

Com informações do IFRN

 

Governo confirma fim do Ciência Sem Fronteiras para cursos de graduação, e mira recursos para bolsas em pós-graduação

csfReprodução: TV Globo

O governo confirmou o fim do Programa Ciências Sem Fronteiras para os alunos de graduação. A justificativa é o preço. Nem dinheiro em caixa é garantia da volta dessas bolsas, realmente agora vai dar uma parada pelo menos nos cursos de graduação.

A prioridade agora é outra. Se tiver dinheiro no ano que vem, será usado para bolsas na pós-graduação. O Ministério da Educação avaliou que era alto o custo para mandar alunos da graduação para o exterior e que muitos nem estavam preparados para estudar fora.

Foi uma experiência inesquecível. A Bia mostra, com o maior orgulho, as fotos do período em que passou em Glasgow, na Escócia. Ela estudava psicologia na Universidade de Brasília e foi selecionada para participar do Programa Ciência Sem Fronteiras.

“A gente cria uma rede de contatos no Brasil com esses outros intercambistas também. A gente troca ideias, faz interfaces com a nossa área, cria ideias de pesquisas”, afirmou a psicóloga Beatriz Yamada.

Hoje, a psicóloga diz que valeu muito a pena, mas faz algumas críticas ao programa que, segundo ela, investe alto para mandar alunos para o exterior, mas não cobra quase nada no retorno.

“Acho que tem possibilidade da gente trazer de retorno para o Brasil o que a gente aprendeu lá e talvez formar um grupo mesmo, compartilhando essas experiências”, afirmou Yamada.

O programa começou em 2011 e já mandou mais de 100 mil alunos de graduação e pós-graduação para universidades no exterior. A maioria das bolsas, 65 mil, foi para estudantes que ainda estavam na faculdade. Ano passado e este ano já não teve seleção para novas bolsas. Por falta de recursos, foram mantidos apenas os alunos que já tinham sido selecionados antes e agora o programa deve mudar.

O governo diz que o Ciência Sem Fronteiras não acabou, mas como já não tinha mesmo previsão no orçamento deste ano para selecionar novos bolsistas, o Ministério da Educação decidiu fazer uma avaliação do programa. Chegou à conclusão de que custa muito caro para manter os alunos lá fora, principalmente os de graduação. Isso porque a maioria dos selecionados não tinha conhecimento suficiente de língua estrangeira para frequentar as aulas. Então primeiro tinham que passar alguns meses, lá fora, estudando a língua, antes de fazer as matérias específicas. Então a partir de agora, se tiver dinheiro no Orçamento do ano que vem para o programa, as bolsas vão ser só para alunos de pós-graduação.

A Capes, um dos órgãos do Ministério da Educação que concede as bolsas, diz que o custo médio de um bolsista de graduação no exterior é de R$ 100 mil por ano.

“Do ponto de vista do país, a gente tem que considerar, sim, a questão do custo benefício, porque nós temos outras carências, nós temos o ensino básico, que tem uma carência muito grande”, declarou o presidente substituto do Capes, Geraldo Nunes.

Ele explicou que, além disso, a vantagem dos bolsistas de pós-graduação é que normalmente eles publicam artigos em revistas estrangeiras importantes, o que conta muito para as universidades brasileiras.

O Pedro, estudante de engenharia de produção, que pretendia se candidatar a uma bolsa do programa ainda na faculdade, ficou frustrado.

“Um currículo com Ciência Sem Fronteiras é um peso a mais. Pessoal vai lá para fora, amigos meus que foram para Holanda e Bélgica, trabalham com logística e viram coisas que eu só vou ver lá no meu 10º semestre, nono semestre. Tecnologias completamente diferentes que a gente tem aqui. Vai para Europa trabalha com logística, vê uma malha ferroviária gigantesca, que a gente não tem essa disponibilidade de ir conhecer essas ferrovias. É uma pena”, afirmou o estudante Pedro Nascimento.

Quem já está no exterior não será atingido por essa decisão do governo. São cerca de 10 mil bolsistas. Eles vão continuar recebendo os pagamentos das bolsas até o fim do intercâmbio.

Bom Dia Brasil – Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. PAULOROBERTO disse:

    INTERESSANTE ESSES BANDOS DE PETISTAS ALIENADOS CHAMAM O ( PMDB ) DE GOLPISTAS E OS PETISTAS LADROES PASSOU 14 ANOS JUNTOS PARA SE MANTER NO PODER QUE NA VERDADE O PT SÓ MANTERIA NO PODER SE TIVESSE O PMDB APOIANDO ? É TUDO LADRÃO…

    JAIR BOLSONARO PRESIDENTE.

  2. Igor disse:

    E agora? Como nossos bravos jovens vão turistar no exterior sem o dinheiro do povo? Coitadinhos… Se pelo menos fizessem algum projeto, alguma coisa produtiva lá…

  3. João disse:

    Mais uma ilusão do PT que acabou.

  4. Batuta arretado disse:

    Agora batam as cabeças já que não existe mais panelas..parecem que encheram todas !!! Viva o Governo corrupto do PMDB .

    • Benito disse:

      Agora o PMDB é ruim.

    • Fim da Linha disse:

      Mais um projeto sem pé nem cabeça lançado no governo CORRUPTO do PT que não trazia qualquer benefício aos brasileiros. Quem saía para fazer o curso fora, voltava e devido a diferença de currículo perdia 01 ano de estudo.
      A grande maioria fazia por aventura e aprendizado da linguagem, sem benefício curricular.
      NADA era exigido em troca ao aluno que participava, ou seja, era mais uma farra populista para compra indireta de votos.
      VEZ MUITO BEM EM ACABAR COM ESSA FARRA ESTUDANTIL!!

    • Batuta Golpista disse:

      Agora Bata as Mortadelas no Pão e Agradeça a Dilma por isso.

  5. Brasil, Meu País NÃO SERA DOS FACISTAS (Original) disse:

    Parabéns Trouxinhas!
    Parabéns Golpistas!

    • Benito disse:

      A própria Dilma já havia dado um baita corte no Turismo Sem Fronteiras.
      Depois das eleições, é claro.

    • Dilma Golpista disse:

      Tudo isso e culpa da Dilma por onde ela passa so traz isso Desgraça

    • Fim da Linha disse:

      Vão morrer de raiva falando em golpe, vão engolir a lei sendo cumprida.
      Para quem apoia ditador, cumprir a lei = golpe. O PT nunca respeitou as leis brasileiras.
      Melhor se prevenir e comprar um estoque de remédio controlado para não perder o rumo, vão ser banidos do poder por várias ilegalidades e vão perder todas as eleições até o ano de 2050, ou mais!

    • Brasil, Meu Pais NÃO SERA DOS FASCISTAS MORTADELISTAS GOLPISTAS (Original) disse:

      #Obrigado Mortadelas
      #Obrigado Molitontos

IFRN com 195 vagas disponíveis para cursos de graduação

logo20ifrn5b35dO Instituto Federal do Rio Grande do Norte divulgou Edital Nº 23/2016, que regirá o processo seletivo para ocupação de vagas para os Cursos de Graduação.

As inscrições na seleção devem ser realizadas entre às 14h, do dia 18 de julho, até às 22h do dia 3 de agosto, através do site Processo Seletivo do IFRN. Para o processo seletivo serão consideradas as notas das últimas cinco edições (2010-2015) do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). O candidato deverá informar no momento da inscrição o ano da edição que deseja utilizar.

Metade das 195 vagas ofertadas serão destinadas aos candidatos que cursaram integramente o ensino médio em escolas públicas. Nove campi estão ofertando as vagas, sendo 77 vagas para os Cursos Superiores de Licenciatura (Biologia, Matemática, Química e Física) e 118 vagas para os Cursos Superiores de Tecnologia (Design de Moda, Gestão Ambiental, Processos Químicos, Análise e Desenvolvimento de Sistemas e Logística).

Edital Nº 23/2016 

Inscrições 

Com informações da UERN e IFRN

OPORTUNIDADE: Inscrições até sexta na UERN para cursos de graduação referentes ao 1º e 2º semestres letivos de 2016

A Pró-Reitoria de Ensino de Graduação (PROEG/UERN) publica o edital de Vagas Não Iniciais nos Cursos de Graduação da UERN referentes ao 1º e 2º semestres letivos de 2016. São ofertadas vagas em todos os Campi da UERN localizados nas cidades de Mossoró, Assú, Natal, Caicó, Pau dos Ferros e Patu.

As vagas podem ser preenchidas por candidatos a:

  • Transferência Interna, destinada a aluno regular da UERN que pretenda o remanejamento;
  • Transferência Externa, destinada a aluno proveniente de outra Instituição de Ensino Superior;
  • Retorno à IES, destinado a graduado em curso de nível superior devidamente reconhecido pelo conselho competente.

A inscrição no Processo Seletivo deve ser realizada de 9 a 13 de maio de 2016, na Secretaria da Faculdade (Campus Central) e/ou do Campus Avançado a que o Curso pertença. O valor da taxa do requerimento de solicitação de vaga será de R$ 18,00. O pagamento deverá ser efetuado como depósito bancário na conta nº 15.160-2, Agência nº 4687-6, Banco do Brasil. Não será considerado como válido comprovante de depósito efetuado via envelope bancário.

O resultado final do processo de seleção e classificação para preenchimento das Vagas Não Iniciais será divulgado até às 19h do dia 22 de junho de 2016.

Confira o edital com o quantitativo de vagas e os critérios para o preenchimento das mesmas:

EDITAL

Com informações da UERN

IFRN oferta 480 vagas para cursos de graduação; inscrições a partir desta sexta

O Pró-Reitor de Ensino do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte – IFRN -, divulgou nessa quarta (11) o edital 07/2015 PROEN/IFRN, que oferta 480 vagas para cursos de graduação com ingresso previsto para o primeiro semestre letivo de 2015. As inscrições podem ser feitas do dia 13 de fevereiro ao dia 02 de março de 2015 pelo site http://ingresso.ifrn.edu.br.

O Processo Seletivo utilizará as notas obtidas nas edições 2010, 2011, 2012, 2013 ou 2014 do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) para selecionar os candidatos. Para efeitos de classificação, o candidato deverá informar no momento da inscrição o ano da edição do ENEM que deseja utilizar.

Dentre os cursos oferecidos no edital, encontramos: Química, Física, Informática, Biologia, Matemática, Gestão de Turismo, Alimentos, Sistemas para Internet, Energias Renováveis, Agroecologia, Produção Cultural, Gestão Desportiva de Lazer, Marketing, Processos Químicos e Logística. Os cursos estão distribuídos entre 13 campi do IFRN.

Acesse:

Edital 07/2015

Com informações da assessoria IFRN

IFRN: Veja edital para preenchimento de vagas remanescentes dos cursos de graduação – Campus João Câmara

O Campus João Câmara do IFRN divulgou na última sexta-feira (29 de março) o Edital Nº. 004/2014-DG/JC-IFRN que dispõe sobre o preenchimento das vagas remanescentes para os cursos superiores de graduação do IFRN Campus João Câmara.

Estão sendo ofertadas 54 (cinquenta e quatro) vagas, das quais 30 (trinta) são o Curso de Energias Renováveis (matutino) e 24 (vinte e quatro) para o Curso de Física (vespertino).

Os candidatos (ou seus representantes) interessados em preencher uma das vagas remanescentes relativas ao Curso Superior de Graduação do IFRN, regidas pelo Edital Nº. 06/2014-PROEN/IFRN, deverão comparecer à reunião para o preenchimento de vagas, no dia 08/04/2014, às 09 h, no Auditório do IFRN Campus João Câmara, portando toda a seguinte documentação:

a) 02 (duas) fotos 3×4 (recentes e iguais);

b) Carteira de identidade (cópia acompanhada do original);

c) Cópia da Certidão de Nascimento ou Casamento;

d) Certificado de conclusão do ensino médio ou documento equivalente (cópia acompanhada do original);

e) Histórico escolar do ensino médio (cópia acompanhada do original).

f) Título de Eleitor, no caso dos maiores de 18 anos (cópia acompanhada do original);

g) Certificado de Alistamento Militar, de Dispensa de Incorporação ou de Reservista, no caso dos maiores de 18 anos do sexo masculino (cópia acompanhada do original);

h) Cadastro de Pessoa Física (CPF) (cópia acompanhada do original);

i) Parecer de equivalência de estudos da Secretaria Estadual de Educação, para os aprovados que realizaram estudos equivalentes ao Ensino Médio, no todo ou em parte, no exterior, observando-se que, se apresentar documentos em língua estrangeira, estes deverão estar visados pela autoridade consular brasileira no país de origem e acompanhados da respectiva tradução oficial.

Edital Nº. 004/2014-DG/JC-IFRN

Lista Geral Energias

Energias Lista I

Energias Lista II

Energias Lista III

Energias Lista IV

Lista Geral Física

Física Lista I

Física Lista II

Física Lista III

Física Lista IV