FOTOS: Ucraniano campeão mundial de mergulho é esfaqueado em assalto no Rio; vítima que, felizmente, passa bem, foi até ameaçada em inglês durante ação criminosa

Foto: Wilton Junior/Estadão

O ucraniano Alexander Bubenchikov, de 30 anos, foi esfaqueado no ombro e numa perna durante uma tentativa de assalto na Lapa, na região central do Rio, na última segunda-feira, 7. Ele recebeu atendimento médico e já está recuperado. Os assaltantes fugiram com dinheiro e objetos pessoais da vítima, e não haviam sido identificados nem presos até a noite desta quinta-feira, 10.

Bubenchikov, que é mergulhador e campeão mundial de mergulho livre em piscina, chegou ao Rio no dia 3 e vai ficar até o dia 20. No dia 7 ele visitou a escadaria Selarón, ponto turístico da Lapa, e em seguida foi até os Arcos. Ali foi abordado por três assaltantes – pelo menos dois deles armados com facas.

Bubenchikov foi ameaçado até em inglês. Segundo ele, um dos assaltantes afirmou, em inglês, que iria matá-lo. Um dos criminosos desferiu dois golpes com a faca, e em seguida o trio fugiu com o celular, a carteira e a mochila da vítima. O ucraniano pediu auxílio a um taxista, que o levou de graça ao Hospital Municipal Souza Aguiar, no centro.

Consciente, o atleta foi atendido, levou pontos e recebeu alta no mesmo dia. “Eu gostaria realmente de voltar, mas penso que não voltarei enquanto estiver tão perigoso”, afirmou o ucraniano, que sonhava conhecer o Rio e se assustou com a violência.

Estadão

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. JCabral disse:

    O Brasil sempre na frente… um ladrão poliglota… KKKKKKKKKKKKKKKK

Ucraniano que prestava serviço para Petrobras desce do navio para tomar uma na Rocas e é assaltado e assassinado

Foto: Sérgio Costa / Reportagem Portal BO

Um estrangeiro de 42 anos foi morto na noite desta terça-feira (13), após reagir a um assalto em um bar no bairro das Rocas, Zona Leste de Natal. A vítima identificada por Oleg Niktchenko era nataural da Ucrânia e estava em Natal a serviço de uma empresa terceirizada da Petrobras.

Ele e mais três amigos deixaram o navio ancorado no porto e seguiram em direção ao bar do Manuel, localizado na rua São João de Deus. Por volta das 20h, três homens não identificados chegaram ao local armados de faca e revólveres e anunciaram o assalto, exigindo os pertences das vítimas.

Mesmo diante da ameaça, Oleg reagiu tentando tomar a faca de um dos assaltantes. O bandido com um revólver atirou acertando o peito de Oleg, que ainda foi socorrido para hospital dos Pescadores, que fica há 20 metros do bar, mas não resistiu e morreu. De acordo com a médica Ana Carolina, que atendeu a vítima, o tiro atingiu o peito de Oleg e provavelmente feriu o coração fatalmente.

O tenente Luciano Claudio, oficial do 1º Batalhão da Polícia Militar, conversou com os companheiros de trabalho de Oleg e colheu informações importantes para tentar identificar os autores do latrocínio. “ Perguntei as outras vítimas sobre as características dos assaltantes e já enviei três equipes para realizar diligências em toda a região Leste de Natal”, disse.

O corpo do estrangeiro foi levado para o ITEP sob a responsabilidade da Companhia em que trabalhava. O delegado Pedro Paulo Falcão, plantonista da Zona Sul, realizou todos os procedimentos necessários para iniciar as investigações sobre o crime.

Do Blog: Brincadeira, o cara desce de um navio para tomar uma e acontece uma tragédia dessas.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Paulo Trigueiro disse:

    Não tenho o que comentar. O fato é vergonhoso para qualquer ser humano ou será que a pessoa responsável por isso era Um Ser Humano?