TENSO: Transporte Coletivo em Natal pode parar durante a Copa do Mundo

A situação no transporte público em Natal é mais delicada do que se imagina. Pelo menos, diante do silêncio do Município e Governo. Se não houver um posicionamento nos próximos dias, a capital potiguar poderá passar uma vergonha mundial e viver uma greve dos rodoviários em plena realização da Copa do Mundo, inclusive, sem as quatro linhas especiais, chamadas “shuttle”, para ligar pontos de estocagens de veículos particulares à Arena das Dunas.

Acontece nesta sexta-feira (6), a 7ª reunião do dissídio coletivo dos rodoviários. Sentarão para discussão Seturn e Sintro, na Delegacia Regional do Trabalho – DRT. Até aí, tudo bem. Acontece que a Prefeitura não tem comparecido as reuniões, e este encontro é considerado pelos trabalhadores como a última e decisiva para a normalidade ou paralisação do transporte público em Natal. Enquanto os empresários alegam aos rodoviários que não tem como dar aumento a categoria em decorrência da tarifa defasada, os trabalhadores são taxativos e garantem que sem aumento o serviço vai parar. Independente do evento, o usuário não merece passar por um prejuízo que não teria como calcular um tamanho.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Elias disse:

    Engraçado é que parece que o brasil só tem governo federal. E a prefeitura e o governo do estado não tem nada com isso não, né? os políticos daqui brigaram para trazer a copa. goiânia, belém e florianópolis estavam na cola, esperando uma das sedes ser eliminada. Mas a culpa é do PT…

  2. Carvalho disse:

    A turma de esquerda que está hoje no governo já fez muitas greves quando era oposição.
    Então, tem aquele dizer popular: quem com ferro fere, com ferro será ferido.

COMENTE AQUI