Velório de "Rivotril" teve revista da Polícia, dois detidos e indignação dos presentes

Um ônibus que chegava ao velório de Isaac Heleno da Cruz, de 28 anos, conhecido como “Rivotril”, foi alvo de confusão na manhã desta quarta-feira (19), durante uma abordagem da Polícia Militar, que revistou vários amigos do morto e moradores de Mãe Luiza.

Segundo a Polícia, durante a revista, dois suspeitos foram presos, o que causou a revolta dos presentes. Após o tumulto o corpo de “Rivotril” foi enterrado por volta de 11h, no Cemitério Parque da Passagem, em Extremoz, com presença de muitas pessoas.

Rivotril morreu estava internado no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel e tratava de uma infecção adquirida ao ser baleado em confronto com a polícia. Após ser preso e permanecer em regime de custódia, passou por procedimentos e morreu de infecção generalizada.