Trânsito

Estudo faz levantamento para instalação de mini-rotatórias no trânsito em Natal

FOTO: STTU

Uma equipe de engenheiros e arquitetos da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana iniciou nesta semana curso de planejamento e construção de mini-rotatórias com o arquiteto e urbanista Carlos Milhor – diretor do Departamento de Engenharia de Trânsito da STTU.

Apesar de sua ampla utilização em todo o mundo, as mini-rotatórias são ainda pouco empregadas no Brasil, justamente pela falta de estudos nacionais e a capacitação dos técnicos que tratam do trânsito nas cidades.

De acordo com Milhor, “apesar da análise dos dados para elaborar o projeto (estudo preliminar), a simplicidade presente na geometria das rotatórias permite resolver complexos problemas de circulação com investimento de baixo custo, além de apresentar uma forma simples e facilmente perceptível pelos condutores – permitindo assim uma homogeneização nos movimentos de conversão, a redução dos índices de sinistros e uma quase inexistência de acidentes com fatalidades.”

Para realização do curso, o arquiteto dividiu o conteúdo programático em dois momentos: o primeiro com a análise dos dados técnicos e toda estrutura teórica; e o segundo com um exercício prático nas vias da cidade.

Na parte teórica, serão analisados – por exemplo – alguns dados e elementos na via onde será implantada a mini-rotatória como: a quantidade de linhas de ônibus que transitam no local e suas respectivas frequências; o volume de pedestres e ciclistas; a geometria do cruzamento existente (plantas do cruzamento); a distância dos cruzamento vizinhos; as proximidades de instalações sensíveis como escolas, asilos e instalações para deficientes; o volume de tráfego pela manhã e tarde separado pelo tipo de veículo; os dados de acidentes nos cruzamentos existentes; as limitações de velocidade de saídas e o regulamento do trânsito nos cruzamentos vizinhos.

A capacitação aborda também os elementos do desenho de uma mini-rotatória: ilha de canalização, ilha central, faixas de retenção e travessias de pedestres perpendiculares, além do sentido de circulação na rotatória e seus aspectos técnicos.

Opinião dos leitores

  1. Devemos observar esse exagero de instalação de lombadas e semáforos… deve existir muita capivara…

  2. Devem também revisar as inúmeras rotatórias instaladas na cidade, que não tem características mínimas de uma rotatória, a exemplo o que vemos nos cruzamentos da Rua Açu com Av. Rodrigues Alves e Rua Açu com Afonso Pena. A sinalização horizontal e vertical é “escondida” em postes (quem dirige olhando para os postes?) além do tamanho diminuto do círculo que compõe as rotatórias, fazendo com que o motorista passe em deslocamento retilíneo nas vias. Isso não é uma rotatória! Inúmeros acidentes e confusões entre motoristas são presenciados diariamente nesses “supostas rotatórias”. Espero que a capacitação realizada traga a revisão nas diversas rotatórias na nossa cidade. Atenção Ministério Público……esses erros crassos do nosso órgão da municipal do trânsito gera risco de morte e graves dados matérias para os condutores de veículos da nossa cidade.

  3. Verdadeira aberração esse grupo de engenheiros da STTU, se o trânsito Natal era ruim, virou uma verdadeira zona! Só sabem colocar sinais de trânsito, faixa de pedestres e canteiros de estacionamento. O que demorava uma hora agora são 2 horas. Deus tenha piedade dos motoristas de Natal!

  4. Deveriam começar consertando ambas as da rota do sol! Tanto da engenheiro quanto a q da acesso à cidade verde! Instale placas preferencial não se caracteriza rotatória e sempre tem vários acidentes! A de Ponta Negra nem se fala! Quem já viu rotatória com via que atravessa direto sem entrar no sentido da rotatória?

    1. A rotatória da Rota do Sol / Cudade Verde precisa urgentemente de quebra molas. Estão esperando morrer alguém importante morrer de acidente para fazer essa modificação?

    1. Pois é Manoel, Natal sempre atrasado, mas aos poucos chegaremos lá, basta não votar em petista para prefeito.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Libertadores: Atlético-MG e Palmeiras decidem vaga na final na noite desta terça-feira

Foto: Pedro Souza/Atlético/Direitos Reservados

Atlético-MG e Palmeiras decidem nesta terça-feira (28), a partir das 21h30 (horário de Brasília) no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, quem será o primeiro finalista da atual edição da Libertadores.

Após o empate em 0 a 0 no jogo de ida, na última semana em São Paulo, o Galo precisa vencer para se classificar à sua segunda decisão da competição continental. Em 2013, o Atlético-MG foi campeão superando o Olímpia (Paraguai) na final. Já o Palmeiras segue adiante até mesmo empatando com gols. Em caso de novo 0 a 0, a decisão será na disputa de pênaltis.

A equipe comandada pelo técnico Abel Ferreira não tem nenhum desfalque para a decisão. O provável Verdão será: Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Luan e Piquerez; Felipe Melo, Zé Rafael, Raphael Veiga e Dudu; Rony e Luiz Adriano.

Do lado dos donos da casa a expectativa é sobre o aproveitamento do trio Diego Costa, Keno e Savarino. O ex-jogador do Chelsea (Inglaterra) se lesionou na coxa no primeiro confronto contra os paulistas e dificilmente deve ir a campo nesta noite.

Já o venezuelano Savarino já está na fase de transição de uma lesão na coxa e tem chances de jogar. Dos três, aquele que parece mais perto do retorno é Keno. Com um quadro de virose, o atacante não foi relacionado para o jogo do final de semana contra o São Paulo pelo Brasileiro. Porém, tem presença quase certa no grupo para o jogo da noite desta terça-feira. Ainda com essas dúvidas, o provável Galo é: Everson; Mariano, Nathan Silva, Júnior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Jair, Zaracho e Nacho; Hulk e Keno (Vargas).

Agência Brasil

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Deputada lembra que combustível do RN é o segundo mais caro do país: “PB, PE e CE estão lá atrás”

A deputada estadual Cristiane Dantas, aquela tem cobrado a redução do ICMS sobre os combustíveis como alternativa para redução dos valores de venda praticados no Rio Grande do Norte, ppntuoi que o combustível do combustível no estado é o segundo maior do país.

“O combustível no RN figura no ranking brasileiro como o 2º mais caro do País, enquanto estados vizinhos como Paraíba, Pernambuco e Ceará aparecem lá atrás. O valor é exorbitante, penalizando a população que vem pagando um preço muito elevado e injusto, sobretudo quem trabalha com serviços de transporte”, alertou Cristiane.

O preço médio da gasolina no RN é de R$ 6,623, segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). O menor preço é de R$ 6,409 e o maior de R$ 6,699.

De acordo com ela, a manutenção do ICMS de 29%, uma das maiores cargas tributárias do país, só tem servido para aumentar a arrecadação e prejudicar o trabalhador.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Covid: São Gonçalo retoma vacinação para adolescentes sem comorbidades e reduz intervalo da 2ª dose da Pfizer

Após receber mais doses de vacina contra a covid-19, a Prefeitura de São Gonçalo do Amarante/RN vai voltar a imunizar os adolescentes sem comorbidades de 12 anos ou mais nesta terça-feira (28). O município também vai reduzir o intervalo para a D2 da Pfizer para quem tomou a primeira dose até 4 de agosto.

Confira o cronograma

Primeira dose (D1)

Adolescentes, com ou sem comorbidades, acima de 12 anos; e população geral acima de 18 anos.
Locais: ginásios de esportes do Amarante e Santo Antônio.
Horário: das 15h às 19h.

Gestantes, puérperas e lactantes acima de 12 anos.
Local: UBS Mangueirão
Horário: das 8h às 12h.

Segunda dose (D2)

Pfizer: para quem tomou a D1 até 4 de agosto.
Locais: em todas as unidades de saúde, das 8h às 12h; e nos ginásios do Amarante e Santo Antônio, das 15h às 19h.

Oxford: para quem tomou a D1 até 20 de julho.
Locais: Ginásios do Amarante e Santo Antônio, das 15h às 19h.

Coronavac: para quem tomou a D1 há 28 dias.
Locais: em todas as unidades de saúde, das 8h às 12h; e nos ginásios do Amarante e Santo Antônio, das 15h às 19h.

Dose de reforço (D3)

Idosos acima de 70 anos que completaram o esquema vacinal há seis meses;

Pessoas com alto grau de imunossupressão acima de 18 anos, com a segunda dose (D2) feita há 28 dias.

Locais

Em todas as unidades de saúde, das 8h às 12h.

Já os idosos acima de 90 anos e os acamados que completaram o esquema vacinal há seis meses, a vacinação está sendo em domicílio.

Documentos

Para D1: é necessário estar cadastrado no RN Mais Vacina, comprovante de residência e documento oficial com foto.

Para D2: cartão de vacina e documento oficial com foto.

Para D3 dos imunossuprimidos: comprovação de alto grau de imunossupressão, comprovante de segunda dose da vacinação e documento oficial com foto.

Para D3 dos idosos: cartão de vacina e documento oficial com foto.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Justiça mantém suspensão do concurso de perito criminal do Itep/RN

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) manteve a suspensão do concurso público do Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (Itep-RN) para perito criminal, área geral. A Justiça negou dois pedidos de liminares em agravos apresentados pelo Ministério Público e outro pelo Governo do RN.

O certame foi suspenso em julho por indícios de ilegalidade no edital, ao prever o provimento do cargo em dissonância com a Lei Complementar Estadual nº 571/2016 e com a Lei nº 12.030/2009. O juiz Francisco Seráphico da Nóbrega destacou na decisão liminar que a legislação nacional e a estadual exigem formação superior específica para o cargo de perito criminal. O edital do concurso não inseriu qualquer exigência no que se refere à especialidade dos candidatos.

O pedido para suspensão foi apresentado pela Associação Brasileira de Criminalística (ABC) em Ação Civil Pública, e suspendeu o concurso público do Itep-RN apenas em relação ao provimento de vagas para o cargo de Perito Criminal – Área Geral, permitindo a continuidade do certame quanto ao restante dos cargos.

O concurso foi aberto em maio, e ofertou 276 vagas para os cargos de agente de necropsia, agente técnico forense, assistente técnico forense, perito criminal, perito médico legista e perito odontolegista. Os profissionais contratados serão lotados em Natal, Mossoró, Caicó e Pau dos Ferros com remuneração de R$ 2.807,36 a R$ 7.440.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Rogério e Fábio têm acordo para definição do candidatos até março de 2022

Antes de passarem o fim de semana cumprindo agenda politica e administrativa no Rio Grande do Norte nesse fim de semana, os ministros potiguares do governo do presidente Jair Bolsonaro – Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) e Fábio Faria (Comunicações), conversaram em Brasília sobre a postulação de pré-candidaturas ao Senado da República e a forma como cada um deve consolidar esse projeto político sem criar arestas que possam prejudicar politicamente o bolsonarismo local na campanha eleitoral de 2022.

Para Marinho, a data limite é a que “a própria legislação eleitoral preceitua e a forma como a gente tem de se conduzir é com a civilidade natural das pessoas que se respeitam e estão dentro do mesmo ambiente, tenho toda admiração pelo ministro Fábio e não tenho duvida que as coisas vão se dar das melhor forma possível e quem tiver melhor condição será o candidato”.

Para Marinho, o processo de construção de uma pré-candidatura a senador tem até o final de março – diante do prazo de seis meses antes das eleições para desincompatibilização de cargos públicos para quem pretende ser candidato a cargo eletivo, “para tomarmos uma decisão mais definitiva”.

Leia a notícia completa aqui na Tribuna do Norte.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

ButanVac é segura e induz resposta imunológica potente, diz estudo preliminar

A ButanVac, vacina contra a covid-19 desenvolvida pelo Instituto Butantan, apresentou taxas de segurança e resposta imunológica satisfatórias em estudo inicial em humanos, de fase 1.

Os resultados são de ensaio clínico realizado na Tailândia. Foram analisados por cientistas da Universidade Mahidol, de Bangcoc (Tailândia), da Icahn Escola de Medicina Monte Sinai, de Nova York (EUA), e da Universidade do Texas, em Austin (EUA).

Os pesquisadores publicaram na última 5ª feira (22.set.2021) artigo em versão pré-print (sem ter sido revisado pela comunidade científica) na plataforma MedRxiv. Segundo os autores, a NDV-HXP-S, nome internacional da ButanVac, demonstrou um “perfil de segurança aceitável e é altamente imunogênica”.

Participaram 210 voluntários de 18 a 59 anos. Foram 82 homens e 128 mulheres. Eles receberam duas doses do imunizante, com 28 dias de intervalo entre elas.

A vacina é testada também no Brasil e no Vietnã, mas ainda não foram divulgados dados desses estudos.

Poder 360

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

‘Não seria conveniente iniciar impeachment de Bolsonaro neste momento’, diz Michel Temer

O ex-presidente Michel Temer (MDB) avalia que não seria conveniente iniciar neste momento um processo de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro. Ele ressalta que a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid pode concluir que o presidente teve “incúria” no combate à covid-19, o que eventualmente pode levar o Ministério Público a pedir o afastamento de Bolsonaro. Entretanto, Temer acredita que o momento não é o ideal para este processo.

“Se você me perguntasse um ano atrás, eu diria que talvez fosse o caso de começar um impedimento. Nesse momento, eu não acho adequado”, disse ele, em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, na noite desta segunda-feira, 27. Segundo Temer, o processo de impedimento é “traumático” e, com o mandato de Bolsonaro já em estágio adiantado, esse efeito se ampliaria.

Temer disse que o impeachment, por passar pelo Congresso, é um processo mais político do que jurídico e que, por isso, não consegue avaliar se Bolsonaro cometeu ou não crimes. “Não há condições para avaliar sobre o foco jurídico, porque o foco é sempre político”, afirmou.

Estadão Conteúdo

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Alta dos combustíveis leva receita com ICMS a superar nível pré-pandemia e faz estados encherem os cofres

As vendas de combustíveis ainda não se recuperaram totalmente da crise provocada pela pandemia, mas a escalada nos preços já garante aos estados uma receita de ICMS (Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços) com esses produtos maior do que a registrada no mesmo período de 2019.

Com a receita em alta, alguns estados começam a anunciar medidas para tentar suavizar os impactos ao consumidor: o Espírito Santo decidiu congelar o imposto, e Roraima vai reduzir a alíquota cobrada sobre o botijão de gás.

Entre janeiro e setembro, os estados arrecadaram R$ 68,4 bilhões em ICMS sobre produtos de petróleo, uma alta de 24% em relação a 2020, quando o mercado e os preços despencaram com a pandemia. Na comparação com 2019, antes da crise, a alta é de 4,5%.

Folhapress

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

Ministros do STF reclamam de campanha de Fux por Mendonça e temem volta do lavajatismo

A pressão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, para que o Senado vote a indicação de André Mendonça para a Corte incomodou colegas dele no tribunal.

Eles acreditam que Fux está em campanha pela aprovação de Mendonça por causa do perfil lavajatista do ex-advogado-geral da União, indicado ao cargo por Jair Bolsonaro.

Uma vez no STF, Mendonça se uniria a magistrados derrotados para reverter o resultado de votações sobre temas que representaram derrotas para a Lava Jato.

Monica Bergamo

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acidente

Acidente em mina da Vale no Canadá deixa 39 funcionários presos no subsolo; não há feridos

Mina de Totten foi inaugurada em 2014 | Foto: Vale/reprodução

Um acidente em uma mina de níquel da Vale no Canadá deixou 39 funcionários da mineradora presos no subsolo. De acordo com a Vale, o acidente ocorreu no domingo, 26, na mina de Totten, localizada na cidade de Sudbury, ao norte de Toronto. A empresa afirmou que os trabalhos de resgate já começaram e que todos passam bem.

“Todos estão seguros, com acesso a água, alimentos e remédios. Os empregados sairão por meio de um sistema de escada de saída secundária com o apoio da equipe de resgate da empresa”, diz a companhia em nota.

Segundo a Vale, o incidente ocorreu na tarde de domingo, quando o meio de transporte para transferência dos empregados saiu do eixo, após um incidente no poço. De acordo com a mineradora, os empregados estavam no subsolo no momento e imediatamente foram para os postos de refúgio como parte dos procedimentos normais.

A empresa diz manter frequente comunicação com eles desde o ocorrido, e que não há relato de ferimentos, além de terem acesso a água e comida.

“A equipe de resgate alcançou os mineradores e iniciou a movimentação via acesso de escadas secundário. Resgatar os empregados de forma segura e rápida é nossa prioridade número um”, afirma a Vale.

Estadão Conteúdo

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *