Veja como foi a negociação do Governo do Estado com o Banco do Brasil

O governo vendeu a conta geral do Estado por R$ 251 milhões para o Banco do Brasil. Mais de R$ 102 milhões foram pagos sobre acerto de atrasados não recolhidos, quase R$ 830 mil foram destinados da ação judicial para honorários advocatícios e mais de R$ 123 milhões serão creditados em dezembro.

Veja mais: Governo vende conta geral do Estado por R$ 251 milhões; acordo permite liberação de consignados

O acordo foi firmado nesta segunda-feira(26). Por ora, não entra nenhum valor. O que vai acontecer é que serão liberados empréstimos consignados para os funcionários, já que serão quitados os valores que o Estado recolheu e não pagou. Em dezembro, entram R$ 123 milhões.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Matematica disse:

    251 – 102 é igual 149. Menos 1 milhão(advogado) é igual 148. Mas so vai receber 123. Nao fecha.

  2. Emmanoel do Nascimento Costa disse:

    Apropriacao indebita se fosse um prwfeiti ho do interior tava lascado.Aqui no RN e assim.

  3. AMARO disse:

    ESPERA UM POUCO, DEIXA ENTENDER…
    R$ 102 milhões foram pagos sobre acerto de atrasados não recolhidos…
    ISSO SIGNIFICA QUE O GOVERNO ANTERIOR RECEBEU E NÃO REPASSOU??
    ISSO NÃO É CRIME??
    QUEM VAI RESPONDER POR ISSO?? O SERVIDOR QUE ESTÁ SEM RECEBER OS ATRASADOS E O DÉCIMO TERCEIRO DE 2018??
    COMO FICA ESSA SITUAÇÃO??

  4. Cesanildo disse:

    Deixa ver se eu entendi:
    "O governo vendeu a conta geral do Estado por R$ 251 milhões para o Banco do Brasil. Mais de R$ 102 milhões foram pagos sobre acerto de atrasados não recolhidos, quase R$ 830 mil foram destinados da ação judicial para honorários advocatícios e mais de R$ 123 milhões serão creditados em dezembro"

    Essa conta foi criada para todos os recursos do estado cair nela ou centralizou tudo nessa conta ter autonomia somente dela. Neste caso o banco do brasil é que vai adminstrar essa conta e o governo não tem autonomia nenhuma nos recursos do estado ou seja a governado não tem autonomia de administrar 1 centavo do estado.

    Pense num negocio vantajoso!!!!!

    Tamos Lascado

    • Anti-Político de Estimação disse:

      O que eu gostaria de saber, e espero que o Ministério Público também, é para onde foram os 102 milhões de reais que foram descontados dos servidores e não foram repassados ao Banco.
      Isso é caso de Polícia !, que se punam os responsáveis !

COMENTE AQUI