Homem se apresenta à polícia, confessa assassinato de professor no litoral sul do RN e é liberado

O portal G1-RN destaca nesta sexta-feira(24) que um dos suspeitos de ter matado o professor Eliezel Urbano, de 42 anos, se apresentou à Polícia Civil nesta quinta-feira (23) e confessou ter esfaqueado a vítima durante uma briga, em uma casa da praia de Barreta, em Nísia Floresta, na região metropolitana de Natal, na madrugada da última quarta-feira (22). Como não foi preso em flagrante, o homem acabou sendo liberado. e agora só pode ser detido por força de mandado judicial. Matéria completa aqui.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bruno disse:

    Que absurdo!!!!!!!!!
    O criminoso se apresentar na delegacia, confessar o crime de homicídio e depois ser liberado.
    Ou seja pode continuar matando, o crime compensa.

  2. Az disse:

    Depois a culpa da violência brasileira é só exclusivamente da polícia, tem muita coisa que tem que mudar nesse país, começando pelas leis mas quem tem o poder da caneta não está muito preocupado pois a violência não bateu na sua porta, ainda.

  3. é foda disse:

    Tudo certo, pode sair matando a torto e a direito, pois é só escapar do flagrante e stá tudo certo.

COMENTE AQUI