FOTO: Hospital de Campanha de Macau já está em pleno funcionamento exclusivo para pacientes da Covid-19

Foto: Divulgação

Com capacidade para receber até 20 pacientes de uma só vez, a Prefeitura de Macau colocou em funcionamento nesta 4a feira, 01/07, o seu Hospital de Campanha, com a finalidade única de receber enfermos acometidos do Novo Coronavírus. O município de Macau já tem mais de 200 casos confirmados, com cerca de 100 pessoas em tratamento da COVID -19.

O Hospital de Campanha que já está em funcionamento na cidade de Macau é montado todo em Contêiners, possui 20 leitos, Enfermaria, Repouso Médico, banheiros para os profissionais e para os pacientes. O custo de locação do equipamento é de 20 mil reais/mês e para o funcionamento do Hospital de Campanha será utilizada uma equipe formada por 1 médico, 1 Enfermeiro, 4 Técnicos de Enfermagem, 1 Fisioterapeuta, 1 Maqueiro, 1 ASG e 1 Porteiro por plantão, totalizando cerca de 50 profissionais.

O prefeito Tulio Lemos lamenta que neste momento esteja se registrando quedas de receita no município e afirma que “muito mais preocupante são as vidas das pessoas, principalmente as acometidas do Novo Coronavírus. Daí o nosso esforço e a nossa abnegação juntamente com todos os profissionais da saúde para dotarmos o nosso município de equipamentos que ajudem a salvar vidas, mesmo que tenhamos de redobrar as dificuldades em outros setores”.

Para fazer funcionar o Hospital de Campanha, a Prefeitura de Macau investiu cerca de 200 mil reais em equipamentos e a unidade de saúde deverá consumir entre 350 mil a 400 mil reais por mês, na sua manutenção, conforme previsão da diretora do Hospital Antonio Ferraz, Ludmila Melo.

O prefeito Tulio Lemos afirmou que manter um hospital exclusivo para pacientes da Covid será um grande desafio e que espera contar também com a ajuda do governo do Estado: “Não temos convênio ou pactuação oficial, mas nosso hospital poderá também atender pacientes de Guamaré, Galinhos, Jandaíra, Pendências e Alto do Rodrigues. Já comuniquei aos prefeitos vizinhos que a prioridade é para os pacientes de Macau, mas receberemos também pacientes dessas cidades irmãs, se houver necessidade, pois a vida não tem endereço”, concluiu o prefeito Túlio Lemos.

O Hospital de Campanha de Macau foi entregue nesta quarta-feira, primeiro dia do mês de julho de 2020. Por determinação do prefeito, não houve solenidade de inauguração, mas sim o início de seu funcionamento.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Maria Lygia Bezerra disse:

    Parabéns ao Prefeito Túlio Lemos e aos macauenses , que me incluo, pela conquista do Hospital de Campanha já em funcionamento. Sou também vítima da Coronavirus e sei da
    fundamental importância do tratamento emergencial dessa doença

  2. Pedro disse:

    Daqui a pouco entra na conta do governo do estado, está sendo assim, a SESAP doa respiradores distribuídos pelo governo federal, e contabiliza como ação sua de enfrentamento ao COVID. Um bando de malas sem alça, a Gov. Fatao continua em isolamento social e administrativo, ações inerentes a melhoria do estado, estão a deriva, seu grupo gestor mal paga a folha dos funcionários, sobre o atrasado silêncio absoluto e o estado afundando em mortes e desatinos. Só Deus na causa.

COMENTE AQUI