Trânsito

Infração de trânsito mais cometida pelo natalense em 2017 foi flagrada por equipamento eletrônico

por Dinarte Assunção

Todos os dias, 627 infrações de trânsito, em média, são registradas em Natal, de acordo com levantamento disponibilizado pela Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU) a pedido do BlogdoBG.

Os erros cometidos nas vias da cidade são flagrados por agentes de trânsito, fotossensores, lombadas eletrônicas, radares e, mais recentemente, videomonitoramento.

As infrações mais cometidas são justamente as condutas que são senso comum, ou seja, conhecidas exatamente porque não podem ser feitas. É como se o natalense decidisse se arriscar contrariando a lei.

Ao longo de 2017, foram exatas 229.055 infrações registradas por amarelinhos e equipamentos eletrônicos nas ruas de Natal.

A infração campeã e que depende da fiscalização eletrônica para ser flagrada foi o excesso de velocidade.

Já aquela que depende da fiscalização humana para ser apanhada foi a falta de cinto de segurança.

Confira o ranking geral:

> Total geral (agentes e equipamentos eletrônicos): 229.055

1º – Transitar em velocidade superior a máxima em até 20%: 63.465 | 27,71% do total

2º – Avançar o sinal vermelho do semáforo (eletrônico): 15.044 | 6,57 % do total

3º – Deixar o condutor de usar o cinto de segurança: 12.573 | 5,49% do total

Opinião dos leitores

  1. Certíssimo.
    Parabéns aos amarelinhos, deve ser horrível trabalhar com tanta pressão desses natalenses boçais, que se acham dono de tudo e parente de toda a gente importante.
    E mesmo assim, esses condutores incapazes dizem que é indústria da multa. Não sabem nem entrar e sair de uma rotatória e quando sã autuados, esperneiam que é indústria da multa.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

COVID: Brasil registra 121 óbitos e 74,1 mil casos nas últimas 24h

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta segunda-feira (17).

– O país registrou 121* óbitos nas últimas 24h, totalizando 621.166 mortes;

– Foram 74.134* novos casos de coronavírus registrados, no total 23.074.791;

*Sem dados do Ceará.

Dessa forma, a média móvel de óbitos ficou em 154 e a média móvel de casos em 73.728, a 2ª maior desde de junho de 2021.

O ministério da Saúde calcula que mais de 21,6 milhões de pessoas já se recuperaram da Covid.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

OPAS e OMS fazem alerta epidemiológico para o uso racional de testes diagnósticos Covid-19

Foto: SMS/Natal

O aumento de casos de Coronavírus, com a nova variante Ômicron, e a escalada de infectados por Influenza A, H3N2, provocaram um aumento exponencial de solicitações de testes para Covid-19, impactando diretamente na falta mundial de insumos.

Neste contexto, a Organização Pan-Americana da Saúde e a Organização Mundial da Saúde recomendaram critérios mais rígidos para a realização dos testes RT-PCR e de antígeno e orientam aos estados-membros que assegurem estratégias de racionamento para manutenção de um percentual mínimo de material para que os pacientes dos grupos de risco e os hospitalizados não sejam prejudicados.
(https://www.paho.org/pt/documentos/alerta-epidemiologico-uso-racional-testes-diagnostico-para-covid-19).

Na semana passada, os laboratórios credenciados à Unimed Natal, registraram recorde histórico de exames de diagnóstico de Covid-19: foram 7,4 mil. O número representa acréscimo de 70% em relação à semana anterior, que já apresentava aumento expressivo em relação à semana precedente (+50%).

Para evitar o colapso global, a Unimed Natal reforça, em consonância com as Organizações de Saúde, a recomendação de se disponibilizar RT-PCR nas seguintes condições:

– Casos hospitalizados devido a sintomas respiratórios;

– Pacientes com sintomas respiratórios que estejam nos grupos de risco com possibilidade de agravamento da doença;

– Profissionais de saúde com sintomas respiratórios (para permitir orientação referente ao retorno ao trabalho);

– Profissionais com sintomas respiratórios que fazem parte de serviços essenciais e presenciais, como profissionais de segurança (para permitir orientação referente ao retorno ao trabalho);

O teste não está recomendado para: indivíduos assintomáticos, para liberação do isolamento e nem para garantir o acesso a locais públicos.

A Unimed Natal informa ainda que vai otimizar o atendimento no Centro de Referência em Doenças Respiratórias, situado na Rua Gastão Mariz de Faria, 1063 – Nova Parnamirim, com funcionamento diário, desde a quarta-feira (12), das 7h às 18h. Os serviços laboratoriais, no entanto, passam a ser prestados exclusivamente via Drive-thru, das 7h às 11h.

Neste momento crítico, as medidas de distanciamento social, o uso da máscara e a higienização constante das mãos são os principais aliados para conter o avanço tanto do Coronavírus quanto do Influenza A. Assim a Unimed Natal segue investindo incansavelmente para cuidar de cada cliente, cada vez melhor!

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Pessoas curadas da Covid que se vacinam têm 90% de proteção, diz estudo

Foto: STEPHANE MAHE / REUTERS

Um estudo feito pela Agência de Segurança da Saúde do Reino Unido mostra evidências de que as pessoas que se recuperam da Covid-19 e são vacinadas com duas doses dos imunizantes adquirem uma proteção robusta e duradoura contra o novo coronavírus.

Pesquisadores do governo britânico, liderados pela consultora médica e chefe da agência, Susan Hopkins, analisaram os dados de 35 mil profissionais de saúde.

Eles observaram que os não vacinados que foram diagnosticados com a Covid-19 desenvolveram 85% de proteção contra uma nova infecção no intervalo de três a nove meses após terem se recuperado. Mas a taxa caiu para 73% no prazo de 15 meses depois da infecção.

Por outro lado, as pessoas que tomaram as duas doses das vacinas no intervalo de três a nove meses depois de se curarem da Covid-19 tinham 91% de proteção por mais de um ano. Depois de 15 meses, a proteção caiu para 90%.

Metrópoles

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mundo

Fortuna dos 10 homens mais ricos do mundo mais que dobrou durante pandemia

Foto: Joe Raedle / AFP

Desde que a pandemia eclodiu em março de 2020, um novo bilionário surgiu quase todos os dias. As fortunas dos 10 homens mais ricos do mundo – incluindo Elon Musk, Jeff Bezos e Bill Gates – mais que dobraram para US$ 1,5 trilhão, tornando-os seis vezes mais ricos do que os 3,1 bilhões de pessoas mais pobres do mundo, disse a Oxfam em relatório para embasar discussões online de líderes políticos e empresariais do Fórum Econômico Mundial.

Enquanto isso, mais 160 milhões de pessoas foram empurradas para a pobreza durante a pandemia, disse a instituição, citando números da lista dos bilionários da Forbes de 2021, do Global Wealth Databook do Credit Suisse e do Banco Mundial.

“A pandemia tem sido uma bonança bilionária”, disse a diretora executiva da Oxfam Internacional, Gabriela Bucher, em entrevista. “Quando os governos fizeram os pacotes de resgate e injetaram trilhões na economia e nos mercados financeiros para apoiar a economia para todos, o que aconteceu é que muito disso foi para os bolsos dos bilionários”.

O desenvolvimento de vacinas tem sido uma das histórias de sucesso da pandemia, mas Bucher disse que foram “acumuladas pelos países ricos” que buscam proteger os monopólios farmacêuticos.

Um imposto único de 99% sobre os 10 homens mais ricos da pandemia poderia render mais de US$ 800 bilhões e ser usado para financiar esse esforço e outros gastos sociais progressivos, disse o grupo.

O dinheiro “poderia pagar vacinas para todo o mundo, ter sistemas de saúde para todos”, disse Bucher. “Também seríamos capazes de compensar os danos das mudanças climáticas e ter políticas que abordem a violência de gênero”, deixando os 10 bilionários US$ 8 bilhões mais ricos do que eram no início da pandemia, acrescentou.

A Oxfam pediu que os países ricos abram mão das regras de propriedade intelectual sobre as vacinas contra a covid-19, em um esforço para expandir sua produção.

Mas a organização observou que os Estados Unidos e a China, as duas maiores economias do mundo, estão começando a considerar políticas destinadas a combater a desigualdade, como aumentar as taxas de impostos sobre os ricos e tomar medidas contra os monopólios corporativos. “A questão é que a desigualdade extrema não é inevitável e é por isso que nos traz esperança”, disse Bucher.

Estadão Conteúdo

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Técnica que usou doses erradas em crianças diz que não foi treinada

Foto: Reprodução

Em depoimento ao MPF (Ministério Público Federal), a técnica de enfermagem responsável por vacinar pelo menos 48 crianças contra a Covid-19 com doses destinadas a adultos alegou ter recebido instruções de aplicar o imunizante em todos os públicos, uma vez que o insumo estaria prestes a vencer. O relato mostra, ainda, que a profissional não recebeu treinamento para realizar a imunização em crianças, tampouco era supervisionada de perto.

Tanto o MPF quanto o Ministério da Saúde investigam o caso, que é considerado um “erro vacinal” pelo ministro Marcelo Queiroga. As aplicações foram realizadas no município de Lucena, na Paraíba, antes mesmo da chegada da dose pediátrica contra a Covid-19 ao Brasil. A responsável por injetar as vacinas foi afastada em 14 de janeiro, uma semana depois de ter imunizado indevidamente as crianças.

De acordo com a técnica, as vacinações equivocadas foram feitas tanto na UBS-V do município quanto em uma unidade âncora localizada no assentamento Outeiro de Miranda. Em 7 de janeiro, a profissional relata ter imunizado ao menos 36 crianças no assentamento. Já em 29 de dezembro de 2021 e em 11 de janeiro deste ano, o atendimento ocorreu na UBS.

A depoente alegou ter se queixado à chefe de imunização do município de “que estava sozinha na vacinação, sem coordenadora, enfermeira, médica nem dentista, acompanhada somente de uma ACS (agente comunitária de saúde) e do motorista”. A chefe teria sido a responsável direta por dar aval à instrução de vacinar a todos. Além de ter respondido “sim” ao ser questionada, por mensagem de texto, a chefe de imunização teria “ligado para a depoente confirmando que era para vacinar todas as pessoas porque as vacinas iriam vencer”.

Além da chefe de imunização, vinculada à Secretaria de Saúde de Lucena, a técnica de enfermagem ainda teria tido contato com a secretária adjunta da pasta e com a chefe da UBS-V, mas não especificou ao MPF se recebeu dessas pessoas orientação sobre a vacinação. A depoente ainda alegou que ela só realizava a aplicação e que a agente comunitária é quem preenchia as fichas. A parceira de vacinação teria, inclusive, vacinado a própria filha, de 5 anos.

Apesar da indicação de outros nomes, a técnica relata que só ela foi afastada. Além de alegar falta de assistência, a profissional relatou que “não houve capacitação da prefeitura sobre a vacinação de Covid para adultos e crianças […], que ninguém lhe repassou nenhuma informação sobre diferenças de volumes [entre vacinas para adultos e crianças]”, e que, por isso, imunizou a todos com a mesma dosagem.

“No momento, o que mais preocupa o Ministério Público são as vacinações futuras, o acompanhamento das crianças, e mostrar que esse fato isolado no município de Lucena não atrapalha em nada a vacinação pediátrica aplicada de maneira adequada”, completou o órgão.

R7

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Meio Dia RN

VÍDEO MEIO-DIA RN: Confira o programa desta segunda-feira

Confira programa desta segunda-feira (17). O Meio-Dia RN, com este blogueiro, debateu os principais assuntos no Estado, pelo país e no mundo. Clique abaixo e assista via YouTube.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Lewandowski dá o troco em Messi e leva prêmio de melhor do mundo da Fifa pelo segundo ano seguido

Foto: Andreas Gebert / Reuters

Robert Lewandowski fez valer nesta segunda-feira (17) o ditado popular “nada como um dia após o outro”. É que o atleta do Bayern de Munique foi coroado como o melhor jogador do mundo na temporada 2020/2021 no prêmio Fifa The Best, realizado em Zurique, na Suíça, dando uma espécie de ‘troco’ em ninguém menos que Lionel Messi, segundo colocado agora e que em novembro passado levou a Bola de Ouro, entregue pela revista francesa France Football, batendo justamente o polonês, que ficou com o vice. Lewa agora é bi, já que também ganhou a honraria da Fifa no ano passado.

Além do argentino, que ficou em segundo, o polonês de 33 anos também desbancou o egípcio Mohamed Salah, do Liverpool, outro finalista e que ficou com o terceiro posto.

Em 2020, ano em que a Bola de Ouro da France Football não foi entregue, Lewa faturou pela primeira vez o The Best. Novamente vencedor do prêmio entregue pela Fifa, ele ainda entrou na galeria dos jogadores campeões de forma seguida em premiações da entidade máxima do futebol.

Além dele, apenas Messi, Cristiano Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho e Ronaldo Fenômeno já conquistaram uma premiação de melhor do mundo entregue pela Fifa em dois anos seguidos. Inclusive, o argentino tem o ‘tetra’ na premiação, já que ganhou todas as edições entre 2009 e 2012.

Para eleger Lewandowski melhor do mundo, foi avaliado o período que vai de outubro de 2020 a agosto de 2021. Fizeram parte da votação técnicos e capitães representantes de seleções, jornalistas e o público em geral.

Na temporada 2020/21, o polonês disputou 40 jogos pelo Bayern e anotou incríveis 48 gols, com média superior a um gol por partida. Além disso, contribuiu com 8 assistências.

Além do Campeonato Alemão, Lewandowski ainda foi campeão do Mundial de Clubes, da Fifa, da Supercopa da Alemanha e da Supercopa da Uefa.

ESPN Brasil

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Forças integradas de Segurança Pública realizam operação “SOSSEGO” em Ceará-Mirim

Foto: Reprodução 

Na noite de sábado (14), com o objetivo de combater o uso indevido de paredões de som, além de atos infracionais de acordo com o ECA. A Guarda Municipal Polícia Militar, Polícia Civil, Agentes Judiciários de Proteção da Criança do  Adolescente e o Conselho Tutelar, participaram da operação “SOSSÊGO”.  Ao todo foram mobilizados cerca de trinta e cinco agentes entre policiais, delegados, guardas municipais, policiais civis e militares.

A operação, iniciou as 19h no litoral de Ceará-Mirim, na praia de Muriú, se estendendo até às 0h com termino na praia da Redinha em Natal, a qual transcorreu dentro da normalidade.

De acordo com informações da Secretaria Municipal de Defesa Social, a operação contou com o apoio do prefeito Júlio César, que determinou participação, da mesma, em consequência da Operação Verão +Seguro*.

Opinião dos leitores

  1. Guerreiros partem para uma guerra contra os paredões de som no interior.Essa batalha é muito mais difícil do que o desembarque na Normandia. Avante guerreiros.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Em Mossoró, Ministro das Comunicações, Fábio Faria, anuncia liberação de recursos para o município

Foto: Reprodução

O Ministro das Comunicações, Fábio Faria, cumpriu agenda em Mossoró, região Oeste do Rio Grande do Norte, com o prefeito do município Allyson Bezerra, nesta segunda-feira (17). O evento contou com a presença do presidente da CMM, Lawrence Amorim, vereadores e secretários municipais.

Em entrevista coletiva no Palácio da Resistência, sede do executivo mossoroense, Fábio Faria anunciou a liberação de recursos nas áreas de educação, saúde, assistência social e perfuração de poços.

A ordem de serviço dos recursos para saúde foi assinada na sexta-feira (14). A verba liberada já está disponível e garante a construção da Policlínica no Grande Alto de São Manoel, construção de 4 Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) e de 2 unidades de acolhimento (adulto e infantojuvenil), 2 ambulâncias ALFA para o SAMU, além de custeio e equipamentos de saúde e atenção especializada, recursos do FNDE, Assistência Social e perfuração e instalação de poços, além de apoio a Projetos de Desenvolvimento Sustentável Local Integrado.

“A parceria com o prefeito Allyson tem trazido resultados muito importantes. Hoje anunciamos recursos de emendas parlamentares, reforçamos as realizações que vem sendo feitas pelo Ministério das Comunicações e o meu intuito é continuar trabalhando pelo município e pela população de Mossoró”, destacou Fábio Faria.

Os benefícios se somam aos investimentos realizados pelo Ministério das Comunicações que trouxeram conectividade para zona rural do município, computadores para escolas e chips que levarão internet para famílias mossoroenses.

“Quando eu assumi, disseram que eu não teria força em Brasília. O apoio do Ministro Fábio Faria tem sido fundamental para Mossoró. Esses são recursos novos, agora a responsabilidade é com o município em dar andamento às obras”, destacou o prefeito Allyson Bezerra.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Paciente necessita de doadores de sangue em Natal; saiba como participar

Foto Ilustrativa: Agência Brasília

O paciente Guilherme Venâncio Rebouças, necessita de doadores de sangue para reposição (qualquer tipo sanguíneo). Os doadores devem ir ao Hemovida na avenida Nilo Peçanha, 199, Petrópolis. Próximo ao hospital Onofre Lopes.

Ligue nos números: 32024289 ou no 988710248 e agende seu horário.

HORÁRIO

Segunda a sexta-feira, das 8h às 16h. O local tem estacionamento próprio.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *