PF conclui que eram falsas as mensagens de WhatsApp que resultaram na demissão do general Santos Cruz

Foto:Thomas Mukoya/Reuters

A PF concluiu que eram falsas as mensagens de WhatsApp que resultaram na demissão do general Santos Cruz.

Sim, ele foi vítima de uma trama criminosa.

Segundo a Folha de S. Paulo, a PF não conseguiu descobrir quem foi o autor dessa fraude colossal.

As falsas mensagens do general Santos Cruz foram levadas a Jair Bolsonaro pelo chefe da Secom, Fabio Wajngarten, como revelou a Crusoé.

Nas mensagens forjadas, Carlos Bolsonaro era chamado de “desequilibrado” e Flávio Bolsonaro de “frouxo”.

O próprio presidente era tratado como “covarde” e “imbecil”.

O que se sabe é que o general Santos Cruz foi alvo constante dos ataques de Olavo de Carvalho, que o chamou de “bandidinho”, “politiqueiro de merda”, “um nada” e “bosta engomada”.

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. François Cevert disse:

    Mais uma vítima do escritório do ódio!!!

  2. Antonio Turci disse:

    Se isto for verdade, o Presidente Bolsonaro deveria dar a mão a "palmatória", pedir desculpas aí General Santos Cruz, e, caso General aceite, tê-lo de volta à equipe.

    • Minion alienado disse:

      O fetiche dos Minions é dizer que todos que pensam ao contrário são da esquerda 😂

    • Ceará-Mundão disse:

      Por definição, todos que pensam o contrário são mesmo esquerdistas. Uns mais, outros menos. Os mais "malucos" e inconsequentes a gente chama de esquerdopatas. Bem simples, sem mimimi. Kkkkkk

COMENTE AQUI