PF cumpre mandado de busca em endereço do senador Fernando Collor em SP

Foto: Reprodução/TV Globo

A Polícia Federal cumpre nesta quarta-feira (21) um mandado de busca e apreensão em um endereço ligado ao senador Fernando Collor (PROS), em São Paulo. As buscas fazem parte da operação Quinto Ato, que investiga um esquema em 2014 e 2015 que envolvia o pagamento de propina para a liberação de licenças ambientais no Ibama, no Paraná. Cerca de 50 policiais participam da operação.

A operação desta quarta foi autorizada pelo ministro Edson Facchin, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Foram expedidos 12 mandados de busca e apreensão em endereços vinculados aos investigados e também foi determinado o bloqueio de valores financeiros. Além de São Paulo, também há mandados sendo cumpridos nas cidades de Curitiba e Pontal do Paraná, no Paraná, e Gaspar, em Santa Catarina.

Os crimes teriam ocorrido entre 2014 e 2015, quando vantagens indevidas teriam sido pagas para a liberação de uma licença ambiental para a instalação de um porto no Paraná.

Procurado pelo G1, o senador ainda não se manifestou.

A operação desta quarta é um desdobramento da Operação Politeia, deflagrada em 2015, no âmbito da Lava Jato, quando carros de luxo do senador Collor foram apreendidos.

O nome da operação, Quinto Ato, é uma referência a um rastreamento financeiro feito pela PF a partir da quinta parcela de um jato executivo comprado pelo senador.

G1

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. José Augusto disse:

    Já era p ta na cadeia a muito tempo

  2. Cidadão pagador de impostos disse:

    Collor é da base do governo Bolsonaro!
    Moro Presidente 2022

  3. servidor de direita disse:

    vai morrer e nunca vai ser preso.
    isso é brasil!
    e no final o problema é o servidor público né?
    o problema é a corrupção!

  4. Alguém disse:

    E ainda passa na cara dos trouxas que elegeram ele.

  5. Alguém disse:

    Maior prova que nossa justição não funciona e que o crime compensa no Brasil.

  6. SEI disse:

    De novo?. Desmembramento de uma operacao de 2015. Senador com dinheiro na cueca vai dar em nada. Com Collor nao sera diferente. Senado nao vai autorizar nada contra os seus.

COMENTE AQUI