Cidade do Canadá abre 430 vagas de emprego e recruta brasileiros

Foto:(Quebec International/Divulgação)

A região de Quebec, no Canadá, quer atrair brasileiros e deu início a mais uma missão virtual de recrutamento. Nesta edição, além de profissionais, estudantes e pesquisadores também encontram oportunidades de bolsas-de-estudo.

Nos últimos anos, mais de 500 brasileiros se estabeleceram na cidade de Quebec para trabalhar, recrutados por meio de inciativas como essa, promovida pela Québec International, que é a agência de desenvolvimento econômico local.

“Mais do que nunca o Brasil é um território prioritário para nossas ações. Por isso, na missão de recrutamento on-line, apesar de ter uma abrangência mundial, o Brasil é um dos territórios mais visados pelas empresas de Quebec, por conta da qualidade dos perfis profissionais brasileiros”, diz Sara Tapia a diretora de mobilidade internacional da agência. A facilidade de adaptação à cultura de Quebec é também uma vantagem competitiva que as empresas enxergam nos brasileiros.

As inscrições para participar do processo seletivo desta missão vão até o dia 11 de agosto pelo site Québec En Tete. Profissionais podem se candidatar a 430 vagas temporárias de trabalho disponíveis em 21 empresas. As oportunidades são sobretudo para atuar nos segmentos de tecnologia da informação, jogos virtuais, saúde e manufatura.

Falar francês é um requisito para os interessados em morar em Quebec, já que essa é a língua oficial da província, e o nível proficiência exigido pode variar de uma vaga para outra. Algumas empresas também exigem conhecimento de inglês.

Os contratos são válidos por períodos de 1 a 3 anos, mas podem ser renovados de acordo com a necessidade do empregador. Os selecionados vão receber apoio dos empregadores para os trâmites de imigração. De acordo coma agência Quebec Internacional, os contratados terão salário, carga horária e benefícios sociais idênticos àqueles oferecidos a profissionais canadenses.

Os pré-selecionados farão entrevistas online, via Skype, entre os dias 9 e 20 de setembro com os gestores das vagas a que se candidataram.

Oferta de bolsas-estudo de até 40 mil dólares canadenses

A novidade desta missão é a oferta de bolsas-de-estudo. Serão selecionados estudantes para 13 bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado. Os cursos disponíveis são nas áreas de saúde, ciências biológicas, química,geografia, oceanografia e meio ambiente.

Os valores das bolsas vão de 15 mil a 40 mil dólares canadenses. Cada dólar canadense valia, 2,88 reais, segundo a cotação do dia 15 de julho.

Os interessados nas bolsas devem fazer o mesmo procedimento dos profissionais que vão se candidatar a uma das vagas de trabalho. Preencher o perfil no site Quebec Em Tête e então escolher a bolsa desejada.

Os programas de pós-doutorado são para pesquisas em: cuidados e serviços primários; pesquisa orientada ao paciente, ciências da saúde, bioestatística ou epidemiologia.

Para doutorado, há bolsas em programas de ciências ambientais, ciências sociais, ciências da saúde, bioestatística ou epidemiologia.

Em nível de mestrado a oferta é para bolsas nos programas de ciências sociais, ciências da saúde, bioestatística ou epidemiologia; bioprocessos e materiais; oceanografia; gestão da vida selvagem e do habitat; desenvolvimento regional e territorial.

Exame

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Comentando apenas disse:

    Já tive esse sonho de morar no
    Canadá em dias passados, na minha realidade de hoje é algo impossível de acontecer. Deus abençoe quem conseguir uma vaga de trabalho lá no exterior pois aqui as coisas estão cada vez mais complicadas.

  2. Antonio Turci disse:

    Excelente oportunidade para profissionais jovens. O Canadá é um país muito bom, organizado sob todos os aspectos. Quanto à Província do Québec há uma certa facilidade uma vez que esta tem como idioma uma língua neolatina – o francês e um povo que se identifica razoavelmente conosco. Menos no cometimento de certas irresponsabilidades. Ex.: atrasar horário, aparecer sem agendar, exercitar a lei de Gerson. Estas coisas por lá não têm vez. No mais é um povo muito bacana.

    • Alaca disse:

      Sobre o idioma discordo, na verdade dificulta, dado que a maioria do pessoal só tem inglês em nível próximo do avançado, por isso que é sempre Quebec que tem mais demanda de vagas.

OPORTUNIDADE: Sine disponibiliza 200 vagas de emprego para trabalhadores do interior

FOTO: ASSECOM/SETHAS

O Governo do RN, por meio do Sistema Nacional de Emprego (Sine), vinculado a Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas-RN), está com processo seletivo aberto para 200 vagas de emprego para atendentes de mesa e auxiliares de cozinha. As vagas são destinadas para trabalhadores oriundos do interior do Estado e são para trabalhar na rede de Restaurantes Madero, especializado em sanduíches gourmet, que será inaugurado em Natal, no mês de setembro.

Para concorrer as vagas, os candidatos devem preencher os seguintes requisitos: ter idade entre 18 e 26 anos, o ensino fundamental completo e não podem residir em Natal. Os interessados devem procurar os guichês do Sine-RN, nas Centrais do Cidadão do interior do estado, munidos dos documentos pessoais, carteira de trabalho e comprovante de residência atualizado.

As entrevistas serão realizadas nos seguintes municípios: Mossoró (29/07), Assu (30/07), Caicó (31/07), Currais Novos (01/08), Santa Cruz (02/08), São José de Mipibu (05/08), Serra de São Bento (06/08), João Câmara (07/08) e Macau (08/08).

“Essa é a primeira grande empresa que captamos, mas já estamos trabalhando para que mais vagas sejam disponibilizadas por meio do Sistema. É preciso resgatar a credibilidade do Sine-RN e atrair os empresários para que eles possam utilizar os serviços de intermediação de mão de obra que oferecemos”, explica a subsecretária do Trabalho, Karla Veruska.

Os candidatos selecionados serão encaminhados para treinamento, na sede da empresa em Curitiba, que poderá durar de 30 a 40 dias. A Madero oferece uma série de benefícios como: alojamento (masculino e feminino), três refeições diárias, convênio médico e odontológico e desconto no restaurante.

Mais informações sobre a seleção nos telefones: (84) 3232-7848/7859.

O que é o Sine-RN?

O Sistema Nacional de Emprego (Sine) é o órgão que disponibiliza serviços gratuitos de intermediação de mão de obra, acesso ao seguro desemprego, cadastro dos trabalhadores, captação de vagas de emprego, entrevistas, encaminhamentos, como também ações de qualificação, capacitação e geração de renda.

Atualmente existem 15 postos, sendo quatro em Natal e 11 postos nos municípios de: Assu, Apodi, Caicó, Currais Novos, João Câmara, Mossoró, Nova Cruz, Parnamirim, Pau dos Ferros, Santa Cruz e São José de Mipibu).

Como fazer o cadastro?

O trabalhador, maior que 14 anos, deve procurar um dos guichês do SINE nas Centrais do Cidadão ou a unidade Matriz, situada na Rua Adolfo Gordo, na Cidade da Esperança, em Natal, no horário das 8h às 14h, de segunda a sexta-feira.

Quais documentos são necessários?

Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS);
Número do PIS/PASEP;
Comprovante de Residência;
Documento de Identidade;
Cadastro da Pessoa Física (CPF);
E-mail.

Como consultar as vagas?

O trabalhador pode consultar as vagas no site www.sine.rn.gov.br, presencialmente nas agências ou pelo portal do Ministério da Economia https://empregabrasil.mte.gov.br/, onde ele deverá fazer um cadastro.

Bolsonaro diz que Polos de Agricultura Irrigada vão gerar emprego

Foto: Arquivo/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro comentou nesta sexta-feira (03), em sua conta no Twiter, a portaria do Ministério do Desenvolvimento Regional estabelecendo os Polos de Agricultura Irrigada.

“Nova Portaria 1.082/19 do @mdregional_br gere os ‘Polos de Agricultura Irrigada’ desenvolvendo e aumentando a produtividade. Foco é gerar emprego e renda, alavancar desenvolvimento dos setores produtivos, organizando esforços e investimentos”, escreveu o presidente.

A portaria define Polos de Agricultura Irrigada como aglomerados agrícolas irrigados onde a agricultura irrigada está presente e que tenha potencial de expansão, considerando, especialmente, disponibilidade de água e de solo.

É necessário que exista organização social na área, com associação de irrigantes organizada. As lideranças locais trabalharão em parceria com entidades de ensino e pesquisa, empresas públicas e privadas, bancos de desenvolvimento, entre outros. Os grupos gestores de cada projeto de irrigação usará recursos próprios e parcerias públicas e privadas.

Segundo o ministério, os polos de produção irrigada da Bacia do Rio Santa Maria (Rio Grande do Sul) e do Vale do Araguaia (Goiás) já realizaram a oficina de Planejamento Estratégico. O primeiro alcança cerca de 120 mil hectares nos municípios de Cacequi, Lavras do Sul, Dom Pedrito, Rosário do Sul, São Gabriel e Santana do Livramento.

Já o segundo integra mais de 100 mil hectares nas cidades de Britânia, Jussara, Santa Fé e Montes Claros de Goiás.

Em junho, será instalada a unidade da região de Cristalina (Goiás). Até o fim do ano, há a previsão de que os polos do Oeste da Bahia e o de Sorriso, este em Mato Grosso, também entrem no processo.

Agência Brasil

Jerimum Jobs: Instituto Metrópole Digital da UFRN amplia plataforma que oferece vagas de emprego, estágios e bolsas

Plataforma Jerimum Jobs está acessível a usuários de todo o Rio Grande do Norte – Foto: Ascom IMD

A plataforma Jerimum Jobs, serviço oferecido pelo Parque Tecnológico Metrópole Digital, cujo objetivo é conectar empresas de Tecnologia da Informação (TI) a estudantes e profissionais que atuam na área, acaba de lançar uma nova versão. Voltado para o anúncio de oportunidades de emprego, estágio e bolsas, a ferramenta teve várias mudanças de funcionalidade e expandiu seu raio de alcance, podendo receber inscrições de alunos de todos os cursos da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), além de também ficar disponível para estudantes de outras instituições de ensino.

Assim, seu público em potencial se amplia para dezenas de milhares de pessoas e não mais apenas para profissionais de cursos como Ciência da Computação, Engenharia da Computação, Engenharia de Software e Bacharelado em Tecnologia da Informação – para os quais era dada mais ênfase em um primeiro momento.

Anteriormente, o Jerimum Jobs voltava-se aos estudantes da área de Tecnologia, em especial àqueles matriculados na UFRN. A administração do Parque, no entanto, percebeu a necessidade das empresas de TI em contratar estagiários ou profissionais que não tenham formação na área, mas que são necessários aos seus quadros funcionais. Além disso, a plataforma ainda passa a acolher o cadastro de alunos da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa) e das unidades do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN), entre outras instituições de ensino.

Outros estados

A expansão da plataforma também vai se dar para empresas de fora do Rio Grande do Norte. É que negócios de TI de outros estados do país vão poder anunciar suas vagas de estágio e emprego na ferramenta, desde que tais vagas sejam para atuação no estado. “A ideia, com isso, é expandir as oportunidades, mas ao mesmo tempo manter e atrair os talentos profissionais para o Rio Grande do Norte”, explica o diretor do Parque Tecnológico, Anderson Paiva Cruz.

Ele ainda esclarece que o Jerimum Jobs também aceita o cadastro de empresas que não tenham sua atividade fim voltada para a área de TI, contanto que seu objetivo seja o de disponibilizar vagas nesse campo. Com todas essas diretrizes em mente, a equipe do Parque Tecnológico vem dialogando com coordenadores de cursos da área de TI de outras universidades, com o objetivo de estimular que estudantes de fora da UFRN também adiram à plataforma.

Interatividade

A nova versão da plataforma ainda apresenta funções voltadas para melhorar a interatividade tanto com as empresas como com os candidatos. Uma delas é dirigida aos estudantes da UFRN, que poderão fazer seu cadastro por meio do sistema interno da Universidade, o Sigaa, o que vai agilizar a inscrição no Jerimum Jobs.

E, para o público em geral, a plataforma agora disponibiliza que, ao cadastrar-se, o estudante ou profissional receba notificações sempre que uma vaga em sua área de atuação for lançada. Em contrapartida, as empresas inscritas serão notificadas cada vez que um candidato demonstrar interesse em suas vagas.

“Antes o candidato se cadastrava no Jerimum e não tinha informação nenhuma de quando surgia uma nova vaga em sua área; ele tinha que acessar a plataforma e pesquisar. O grande diferencial técnico foi justamente este: a comunicação do sistema com os candidatos, bem como com as empresas. Nessa versão, candidatos e empresas sempre serão notificados quando novas oportunidades forem cadastradas”, esclarece um dos administradores da plataforma, Danilo Câmara.

Diretoria de Tecnologia da Informação do IMD é responsável pelo desenvolvimento da ferramenta – Foto: Ascom IMD

Ele conta ainda que, semanalmente, os candidatos cadastrados na plataforma receberão uma espécie de agenda da semana, com informações sobre as vagas abertas nos últimos dias, além de uma atualização daquelas que já estavam cadastradas.

Desenvolvido pela Diretoria de Tecnologia da Informação (DTI) do Instituto Metrópole Digital (IMD), o Jerimum Jobs está em funcionamento desde 2018. Conheça a plataforma acessando aqui o seu endereço eletrônico.

Com informações da UFRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ceará-Mundão disse:

    Independente de qualquer reflexão sobre o ensino superior público e gratuito, parabéns pela plataforma. Parece ser algo realmente útil à sociedade.

  2. Ceará-Mundão disse:

    Nem tudo é marxismo nas universidades públicas. Mesmo assim, há outros aspectos a considerar. A relação custo-benefício é o principal, a meu ver. São caríssimas e produzem relativamente pouco. Também são frequentadas, em geral, por quem poderia pagar por seus estudos. Num país carente de muita coisa e cheio de desigualdades, como o Brasil, representam a melhor opção? Não seria melhor substituí-las por bolsas de estudos (concedidas aos realmente carentes) e financiamentos, aumentando a inversão de recursos no ensino básico e fundamental? E a UERN, que custa caríssimo a um estado pobre? E ensino superior não é obrigação dos estados. Para refletir.

  3. Realista disse:

    UFRN, antro do marxismo cultural, com esse tipo de proposta? Vai "bugar" uns comentadores daqui.

    • Ceará-Mundão disse:

      Os marxistas detestam estudar e trabalhar. Logo, preferem outras áreas da universidade. Se vc for de lá sabe quais cursos e centros são os seus preferidos. Todos sabemos.

    • Curiosa disse:

      Bom mesmo é o Olavismo, um homem que nunca frequentou um dia na sala de aula, mas se diz filósofo e ainda é "Guru"

    • Ceará-Mundão disse:

      A verdade lhe doeu, Curiosa? Foi mal. Rsrsrsrs.

    • Ceará-Mundão disse:

      Só um detalhe, Curiosa: esse tal "olavismo", se é que existe, não custa um centavo sequer a nenhum brasileiro. Já as universidades públicas…

    • Netto disse:

      Brasileiro é muito bacharelista. Herança ibérica.

PL prevê estabilidade no emprego para responsáveis por pessoa com deficiência

Tramita na Câmara dos Deputados, em caráter conclusivo, o PL 10.966/18, que prevê estabilidade no emprego de responsáveis por pessoa com deficiência.

Pela proposta, os pais ou responsáveis legais por pessoa com deficiência não poderão ser despedidos, senão por motivo de falta grave ou circunstância de força maior, devidamente comprovadas.

De acordo com a justificativa do projeto, a perda do emprego potencializa os prejuízos e o desemprego dificulta o suporte dado pelos responsáveis ao filho com deficiência. Para autora, deputada Conceição Sampaio, não se trata de um privilégio, mas sim de uma contrapartida justa ao ônus da inclusão social que os pais, via de regra, assumem sem qualquer auxílio do Estado.

PL 10.966/18
Migalhas

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. djailson disse:

    COM TODO O RESPEITO mas acho que isso vai dificultar a admissão das pessoas nessa situação. Deveria ser assumido pelo estado não pelo empresario

TRT-RN não reconhece vínculo de emprego de motoboy com pizzaria em Natal

O Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN) não reconheceu vínculo de emprego de motoqueiro entregador de pizza que prestava serviço em veículo de sua propriedade.

A decisão manteve julgamento anterior da 7ª Vara do Trabalho de Natal.

No processo, o motoboy alegou que trabalhou, sem carteira, para a E C S Silva – ME (Mercatis Pizzaria), de junho de 2016 a março de 2018.

Durante esse período, ele fazia entregas de pizza e diversos tipos de lanche nos bairros da zona norte da cidade. Seu deslocamento era feito em motocicleta própria, sendo que ele arcava com os custos de combustível e manutenção da motocicleta.

O motoboy afirmou, ainda, em sua reclamação que recebia salário mensal da pizzaria no valor de R$ 1.100,00. A empresa não negou a prestação de serviços, mas afirmou que o trabalho se deu por “parceria e de forma autônoma, sem qualquer subordinação”.

O pagamento dos serviços prestados pelo motoboy, segundo a empresa, era feito diariamente, no valor de R$ 8,00 por entrega.

O relator do processo no TRT-RN, desembargador Carlos Newton de Souza Pinto, destacou que a prova juntada ao processo favorece a tese da empresa, “no sentido de que as atividades prestadas pelo reclamante não dão ensejo ao reconhecimento do vínculo de emprego”

Carlos Newton destacou trechos da decisão da Vara, concluindo que, pelo depoimento do ex-entregador, “não havia a vinculação direta do trabalho, haja vista que as entregas poderiam ser feitas por terceiros e que, ao se ausentar por faltas, não teve descontos procedidos pela empresa”.

Para o Carlos Newton, no caso, não ficou provada a “subordinação jurídica, habitualidade e pessoalidade típicas dos contratos de emprego e, nesse diapasão, não se fazem presentes todos os requisitos indispensáveis para a configuração da relação de emprego”.

A decisão da Segunda Turma do TRT-RN foi por unanimidade.

Processo: 0000298-34.2018.5.21.0007

Fonte: Ascom – TRT/21ª Região

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Anderson disse:

    FOI COVARDIA!
    AUTOR, POR QUE VOCÊ NÃO DISCUTIU ESTE ASSUNTO COM OS RESPONSÁVEIS PELA PIZZARIA ANTES DE ACEITAR O TRABALHO?

  2. Luciana Morais Gama disse:

    Parabéns a Justiça do Trabalho, realmente fez justiça. ????

  3. Jorge santos disse:

    Esse povo pensa que pode arrancar dinheiro dos empresários de todo jeito, a coisa mudou, a lei agora esta mais rigorosa…

Emprego: Demitido antes de reajuste tem direito a ganhar rescisão maior

Quem foi demitido ou pediu demissão depois da data-base da categoria (data anual de revisão do acordo coletivo), mas antes da concessão do aumento, tem direito a ter sua rescisão recalculada com base no salário reajustado.

A crise e a alta do desemprego acirraram os embates entre empresas e trabalhadores na definição dos valores de reajuste salariais. Com isso, muitos acordos têm saído depois da data-base.

Foi o caso, por exemplo, dos bancários, que aceitaram o reajuste de 8% pouco mais de um mês após a data-base.

No Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região de São Paulo, o maior do país, o número de ações de dissídios coletivos (quando cabe à Justiça resolver impasses entre trabalhadores e empresas) passou de 90, em 2015, para 129, em 2016.

José Carlos Wahle, sócio da área trabalhista do escritório Veirano Advogados, diz que o trabalhador deve estar atento para o período de aviso prévio. Assim, se o empregador comunicou a dispensa a 30 dias ou menos da data-base, o término efetivo do contrato será posterior a ela, o que dá ao funcionário o direito de ter sua rescisão calculada.

Quem tem mais de um ano de casa deve acrescentar ao período de aviso prévio três dias para cada ano trabalhado, respeitando o limite de 90 dias, diz Daniela Yuassa, do escritório Stocche Forbes.

Quem se demite depois da data-base, mas antes do reajuste, tem direito à rescisão complementar independentemente de ter cumprido o aviso prévio ou não.

Se o funcionário não trabalhou o período, porém, o desconto de 30 dias de salário aplicado nesses casos também pode ser corrigido pela empresa, implicando uma redução maior da verba.

JUSTA CAUSA

Só quem é desligado com justa causa antes da data-base não tem aviso prévio, diz Wahle. Nesse caso, ele só tem direito à rescisão reajustada caso tenha sido demitido entre a data-base e o acordo.

Já em relação a bônus e participação nos lucros e resultados (PLR), as regras dependem do acordo coletivo.

O mais comum, segundo Wahle, é que o demitido sem justa causa tenha direito a uma PLR ou bônus proporcionais ao período em que esteve ativo –incluindo o aviso prévio, que conta como tempo de serviço.

Na fábrica da GM de São José dos Campos, por exemplo, os funcionários receberam R$ 7.859 correspondentes à segunda parcela da PLR de 2016. A primeira, no valor de R$ 8.600, já havia sido paga em maio, de acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos.

Com a divulgação dos balanços anuais dos bancos entre janeiro e março, o sindicato dos bancários vem pressionando as instituições para adiantar o pagamento da PLR, cujo limite definido na convenção coletiva da categoria é 2 de março.

Até agora, a campanha funcionou com o Santander, que antecipou o pagamento da segunda parcela para 20 de fevereiro, e com o Bradesco, que antecipou para sexta (10).

MULTA

Quem perde o emprego a 30 dias da data-base (já contando o período de aviso prévio) tem direito a receber uma multa no valor de um salário.

Assim, caso a contagem de 30 dias a partir da data de comunicação da demissão caia dentro do período de um mês antes da data-base, o trabalhador tem direito a multa.

O empregador só é isento de pagar essa indenização caso o contrato seja rompido com justa causa ou por iniciativa do próprio funcionário, afirma Wahle.

*

ENTENDA

Data-base
Data definida em convenção coletiva entre empresa e sindicato para revisão do acordo, incluindo reajuste salarial

Multa
Quem é demitido sem justa causa durante os 30 dias que antecedem a data-base (contando o aviso prévio) tem direito a receber uma multa no valor de um salário

Rescisão complementar
Diferença entre o que a empresa pagou ao empre-?gado demitido com base no salário pré-acordo e o que ela deveria ter pago com base nos valores reajustados

Folha de São Paulo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Blue disse:

    Os salários são baixos no Brasil. A CLT é de fundamental importância nessa desigualdade entre empregador é empregado. Precisamos lutar contra a reforma trabalhista e previdenciária.

  2. Luciana Morais Gama disse:

    Tá muito difícil gerar emprego no Brasil.

  3. bueno disse:

    É por isso que esse pais não vai pra frente. É muito direito, muito sindicato enchendo o saco e cada vez mais recai sobre o empregador encargos, taxas, impostos enfim e tome aumento no rabo de quem tenta fazer desse pais um pais melhor. Tomara q um dia entre um caba dos cunhão roxo e mude essa bagunça.

Ministro do Turismo empregou tia da mulher com salário de R$ 19,4 mil

Foto: MF Models Assessoria
Foto: MF Models Assessoria

O atual ministro do Turismo, Alessandro Teixeira, empregou uma tia da mulher, a ex-miss bumbum Milena Santos, como secretária na Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI). O órgão está vinculado ao governo federal e foi presidido por Teixeira até o fim da semana passada, quando foi empossado ministro pela presidente Dilma Rousseff. Após ser questionada pelo GLOBO, a ABDI informou que demitiu hoje a servidora.

A tia de Milena é Delfina Alzira da Silva Gutierrez, que ocupou uma função de confiança na ABDI com um salário de R$ 19.488,60. Trata-se de um cargo de assessoramento especial da diretoria de nível 3 (CAE-3). A ABDI é uma caixa-preta no governo e esconde contratações; cargos e funções desempenhadas; salários e diárias pagas a funcionários e diretores.

Teixeira é um nome de confiança de Dilma e coordenou o programa de governo da petista na campanha à reeleição. Um dos próceres do PT gaúcho e aliado de primeira ordem da presidente, chegou a atuar como assessor especial do gabinete presidencial. O economista foi escolhido para ser ministro do Turismo diante da debandada do PMDB, que incluiu ex-titular da pasta Henrique Eduardo Alves.

Apesar da relevância dentro do governo e de ter virado ministro, Teixeira era um servidor dos bastidores. Milena fez o marido sair do quase anonimato ao publicar em sua página no Facebook, na última segunda-feira, um ensaio de cinco fotos dentro do novo gabinete do marido. O ministro aparecia em três das cinco fotos. A ex-miss bumbum usava um decote ousado e escreveu na página social que acabara de se tornar “primeira-dama do Ministério do Turismo”. “Ao lado de um grande homem, existe sempre uma linda e poderosa mulher”, escreveu a modelo, que apagou a página na rede social depois da forte repercussão negativa do caso.

Fonte: O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Edu disse:

    Com essa ai eu empregava minha avó, minha cozinheira, meu papagaio, meu cachorro, etc, etc….

  2. BRUNO disse:

    Acho que não vai da tempo ele receber nem o primeiro salário cheio kkkkkkkk
    #foraPT

  3. Falando Sério disse:

    Virou zona.

  4. Val Lima disse:

    Kkkk…dizer o q??!!

  5. Na bandeira do meu país não existe a cor vermelha disse:

    Essa turma do PT não tem jeito.

  6. Alfredo disse:

    Quando iremos virar um país?

  7. Mortadela no Pão disse:

    Hooooo Cagadorzão

  8. Quem nunca comeu mel, quando come se lambuza! kkkkkkkk

[OPORTUNIDADE] Sine-RN oferece mais 16 vagas de emprego nesta nesta terça-feira (19)

CarteiraTrabalhoEvelsondeFreitasFolha1O Serviço Nacional do Emprego (Sine) oferece nesta terça-feira (19), mais de 16 oportunidades de emprego em Natal e Mossoró.

Para concorrer às vagas, os candidatos devem se cadastrar via Internet no Portal Mais Emprego do Ministério do Trabalho e Emprego no endereço maisemprego.mte.gov.br ou na unidade do Sine Matriz Cidade da Esperança, localizada na Rua Adolfo Gordo, s/n, Cidade da Esperança – Natal-RN no prédio da Central do Trabalhador no horário de 8h ás 16h ou em qualquer agência do Sine nas centrais do cidadão de Natal e no interior.

Os interessados  que não tem cadastro e acesso ao Portal Mais Emprego, podem comparecer as Agências do SINE, com Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), Número do PIS, cédula de identidade (RG),Cadastro de Pessoa Física (CPF) e comprovante de residência. O atendimento é de acordo com os horários das centrais do cidadão e no SINE Matriz Cidade da Esperança no prédio da Central do Trabalhador, das 8h às 16h.

Sine oferece 28 vagas de emprego nesta terça-feira (12)

05-06-2014 - São Paulo - O MPT-RJ (Ministério Público do Trabalho no Rio de Janeiro) entrou com ação civil pública pedindo que todos os selecionados para o programa de trabalho voluntário da Fifa para a Copa do Mundo sejam contratados com carteira de trabalho assinada. Foto Rafael Neddermeyer/ Fotos Publicas
Foto: Rafael Neddermeyer / Fotos Públicas

O Sistema Nacional de Emprego (Sine) oferece nesta terça-feira (12), mais 28 oportunidades de emprego em Natal e Mossoró. Para concorrer às vagas, os candidatos devem se cadastrar via Internet no Portal Mais Emprego do Ministério do Trabalho e Emprego no endereço maisemprego.mte.gov.br ou na unidade do Sine Matriz Cidade da Esperança, localizada na Rua Adolfo Gordo, s/n, Cidade da Esperança – Natal-RN no prédio da Central do Trabalhador no horário de 8h ás 16h ou em qualquer agência do Sine nas centrais do cidadão de Natal e no interior.

Os interessados que não tem cadastro e acesso ao Portal Mais Emprego, podem comparecer as Agências do Sine, com Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), Número do PIS, cédula de identidade (RG),Cadastro de Pessoa Física (CPF) e comprovante de residência. O atendimento é de acordo com os horários das centrais do cidadão e no Sine Matriz Cidade da Esperança no prédio da Central do Trabalhador, das 8h às 16h.

Sine oferece 264 vagas de emprego para Natal, região metropolitana e interior no fim de agosto

Untitled-1 Untitled-2 Untitled-3 Untitled-4Faça uma busca aqui e veja se existe hoje uma vaga adequada ao seu perfil Caso você encontre uma oportunidade, e não seja ainda cadastrado(a) no SINE, procure o quanto antes uma Unidade do SINE Estadual mais próxima de sua casa. Não se esqueça de levar Carteira Profissional de Trabalho, Nº do PIS, RG, CPF e os comprovantes de residência e escolaridade.

SINE-RN disponibiliza nesta sexta 934 vagas de emprego; níveis fundamental, médio, técnico e superior

O Sistema Nacional de Emprego (SINE) no RN disponibiliza para esta sexta-feira (4), 934 vagas de emprego para Natal, região metropolitana, Mossoró e região. Faça uma busca aqui e veja se existe uma vaga adequada ao seu perfil.  Caso você encontre uma oportunidade, e não seja ainda cadastrado (a) no SINE, procure o quanto antes uma Unidade do SINE Estadual mais próxima de sua casa. Não se esqueça de levar Carteira Profissional de Trabalho, Nº do PIS, RG, CPF e os comprovantes de residência e escolaridade.

SINE-RN disponibiliza nesta sexta 900 vagas de emprego; níveis fundamental, médio, técnico e superior

O Sistema Nacional de Emprego (SINE) no RN disponibiliza para esta sexta-feira (28), 900 vagas de emprego para Natal, região metropolitana, Mossoró e região. Faça uma busca aqui  e veja se existe uma vaga adequada ao seu perfil.  Caso você encontre uma oportunidade, e não seja ainda cadastrado(a) no SINE, procure o quanto antes uma Unidade do SINE Estadual mais próxima de sua casa. Não se esqueça de levar Carteira Profissional de Trabalho, Nº do PIS, RG, CPF e os comprovantes de residência e escolaridade.

FOTO: Ex-seleção brasileira ganha emprego e deixa de ser mendigo

Índice Após se aproximar do fundo do poço e vagar pelas ruas de Portugal no final do último ano, Perivaldo Lúcio Dantas voltou a ter nome, sobrenome e dignidade neste início de 2014. Mais do que isso, o ex-mendigo e lateral da seleção brasileira, com passagens marcantes por Botafogo, Bahia, São Paulo e Palmeiras, agora tem até emprego e uma casa para morar na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro.

Em um recomeço ainda que tardio, aos 60 anos, o famoso “Peri da Pituba” agarra como pode a “chance da vida” no Sindicato dos Atletas de Futebol do Rio de Janeiro (Saferj). Lá, em um cenário que nem de longe lembra os últimos meses, exerce a função de auxiliar técnico de um projeto que mantém em treinamento jogadores sem clube e ainda colabora no setor administrativo.

Com o bom humor que cativa todos ao seu redor e espanta qualquer lembrança mais triste, Perivaldo celebra o renascimento e diz não ter mais problemas na vida. Ou quase nenhum. Seu grande desafio agora é na área da tecnologia, onde trava uma “guerra” com o computador sobre a mesa em seu mais novo local de trabalho.

“Vou aprendendo as coisas no dia a dia. Nunca tive interesse em informática, mas agora preciso me informar, pegar uns toques. Me falaram até que vou ter que fazer um curso… Eu digo ‘não quero, não quero’, mas eles insistem [risos]. Dizem que eu preciso ir. E vou acabar fazendo mesmo. Estão me convencendo. E vai me ajudar bastante nesta nova função”, contou.

Em fase de adaptação na nova casa, Perivaldo terá que se acostumar com a vida em um escritório. O ex-jogador ficará responsável pelo setor de cadastro de atletas no Sindicato. Mas também não esquecerá da função à beira do campo na equipe de desempregados.

“Vai ser tipo uma vida dupla, aqui e no campo. E lá ainda dou meus pitacos. Chego na galera, dou uma dica, falo da maneira de bater na bola, principalmente para o pessoal que joga na lateral. É bacana poder ter uma chance de passar tudo o que aprendi com a bola no pé também”.

E após muito tempo sem rumo na Europa, Perivaldo nem pensa em mudar sua trajetória e função no Brasil. Ele só espera ser forte o suficiente para não “vacilar” mais uma vez e desperdiçar a oportunidade

“Estou aqui, gosto do ambiente, das pessoas, da maneira como sou tratado. São todos amigos de verdade. Só peço a Deus que me dê força e coragem para seguir aqui. Até me apareceram e ofereceram outras coisas, mas não dá para sair daqui. Dinheiro não me atrai mais, já tive muito. Eu só quero esse ambiente. E acho que não encontro outro lugar para ser bem tratado como esse. Isso aqui é meu futuro. Não posso desperdiçar mais uma chance. Se não fosse o Alfredo [Sampaio, presidente do Saferj] para me ajudar, não sei onde estaria e como seria meu regresso. Nem sei se teria isso”, contou Peri, que tem sido até reconhecido nas ruas.

“Posso dizer que estou muito feliz com esse regresso. As pessoas me ajudam muito aqui. Encontro até torcedores de Flamengo e Vasco na rua e recebo carinho. Eles vêm falar comigo, chamam o ‘Peri da Pituba’, brincam que não gostavam de mim na época que me enfrentavam”, completou.

Por fim, Peri, mesmo evitando tocar no assunto, comentou os dias sofridos em Portugal nos últimos meses. Emocionado na conversa com o UOL Esporte na sede do Saferj, ele não culpou ninguém pelos tempos como mendigo, assumiu os erros, como os problemas com bebidas, e só lamentou as amizades não confiáveis no período.

“Vou falar do fundo do meu coração: eu tive uma vida muito bacana em Portugal. Não tenho que culpar ninguém, apenas a mim. Bebi, gastei muito. Mas não posso reclamar. Sei que tudo que aconteceu foi culpa minha. Eu tive muito dinheiro, fui milionário, mas me prejudiquei. Bebia direto, dormia na rua por conta disso. Além disso, fui traído por muita gente. O futebol tem disso. As pessoas se aproximam, usam seu dinheiro e somem. Tomei muita volta. Por isso que não ligo mais para dinheiro hoje. Só quero estar bem acompanhado e feliz aqui”, encerrou.

UOL

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carvalho disse:

    Grande gesto.

SINE-RN disponibiliza nesta terça 877 vagas de emprego; Natal, região metropolitana, Mossoró e outras cidades

O Sistema Nacional de Emprego (SINE) no RN disponibiliza para esta terça-feira (25), 877 vagas de emprego para Natal, região metropolitana, Mossoró e região. Faça uma busca aqui  e veja se existe uma vaga adequada ao seu perfil.  Caso você encontre uma oportunidade, e não seja ainda cadastrado(a) no SINE, procure o quanto antes uma Unidade do SINE Estadual mais próxima de sua casa. Não se esqueça de levar Carteira Profissional de Trabalho, Nº do PIS, RG, CPF e os comprovantes de residência e escolaridade.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. paulo kasinsk disse:

    Completando"Tenho pena da minha amiga", claro.

  2. paulo kasinsk disse:

    Como se escreve mal neste país, meu caro editor. Todo dia, de hora em hora, a cada minuto assistimos o assassínio da língua portuguesa. Emprego até que tem, e eu não sei como é que as empresas se viram na hora de contratar, porque o despreparo é mais do que comum. O constrangimento é geral, mesmo num simples e-mail de uma ou duas linhas. Alguns executivos estão correndo atrás, fazendo cursos, para não ter que pagar mico perante sua diretoria; imagine a parte aqui embaixo. Para onde você se vira, meu estimado, está lá o maltrato com a nossa língua. As aberrações são tantas que já chegou às redações do jornalismo. A publicidade, coitada, essa é uma das que mais sofrem. São erros grosseiros, verdadeiros crimes de lesa-pátria. Um texto bem ou mal escrito diz muito sobre o seu autor; tenho uma amiga que largou um paquera pelo meio do caminho porque o cidadão soltou um "menas". 'Kasinsk, brochei!'. Até hoje tenho da minha amiga..

SINE-RN oferece 1.115 vagas de emprego nesta terça; Grupo Pão de Açúcar contrata 250 de imediato

1111111111Untitled-72222222222222333333334444444444Untitled-1155555Faça uma busca aqui e veja se existe hoje uma vaga adequada ao seu perfil Caso você encontre uma oportunidade, e não seja ainda cadastrado(a) no SINE, procure o quanto antes uma Unidade do SINE Estadual mais próxima de sua casa. Não se esqueça de levar Carteira Profissional de Trabalho, Nº do PIS, RG, CPF e os comprovantes de residência e escolaridade.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. paulo kasinsk disse:

    Ora, meu caro editor, me desculpe pelo comentário deslocado. Mas,sobre esse erro na camisa, encino com "C", não há do que se assustar nem reclamar. Este é o país cujo ex-presidente fala "defragrar", e no entanto é "amado e idolatrado", inclusive por quem pronuncia corretamente a palavra "deflagrar". No mais, férias pra que te quero. Inté.