Saúde

VÍDEO: 80% dos recuperados de Covid-19 tiveram perda de memória, diz pesquisa do InCor

Foto: Reprodução/CNN

Um levantamento feito pelo Instituto do Coração (InCor) monitorou como a Covid-19 pode deixar sequelas no cerébro, revelando que a maioria dos pacientes infectados apresentaram dificuldades de atenção, algum grau de perda de memória e também diminuição da coordenação motora. (ASSISTA REPORTAGEM AQUI).

O publicitário Pedro Peres, de 27 anos, foi um dos pacientes que relatou esses sintomas. “Eu tive bastante confusão mental, de não conseguir distinguir as coisas. É uma fração de segundo, parece que o corpo está tentando reagir, aí tem uma travinha e solta”, detalhou.

No estudo do Incor, foi identificado que 80% dos participantes tiveram dificuldade de atenção, perda de memória e problemas de compreensão. Outra consequência detectada foi a diminuição da capacidade de coordenação motora.

Essas sequelas acontecem, segundo o estudo, porque o vírus entra pelas vias aéreas, compromete o pulmão e, com isso, baixa o nível de oxigênio. A dessaturação, como os médicos chamam a falta de oxigenação, vai direto para o cérebro e acomete o sistema nervoso central, afetando algumas funções. A boa notícia é que por meio de exercícios específicos o quadro pode ser revertido.

“A gente sugere que se faça exercícios aeróbicos e de concentração simples, como yoga, pilates. E também aqueles que estimulem o cérebro”, explicou a neuropsicóloga do InCor, Lívia Stocco Sanches Valentin.

A especialista usou um jogo digital chamado Mentalplus, criado por ela em 2010, para avaliar as pessoas que tiveram Covid-19 em estágios e idades diferentes. A primeira fase do estudo foi feita com 185 pessoas, entre março e setembro de 2020. Atualmente, 430 pacientes estão sendo acompanhados.

CNN Brasil

 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Grupo compra Hospital Papi por R$ 20 milhões

O Incor Natal e o Grupo Delfin Saúde adquiriram através de compra direta realizada na justiça do trabalho o prédio do Hospital Papi.

A venda tem valor total na ordem de R$20.000.000,00 com perspectiva de gerar mais de 600 empregos diretos, além de adicionar novos leitos, inclusive de UTI pediátrica e maternidade a cidade.

O processo de aquisição foi executado pelo Venceslau Carvalho Sociedade de Advocacia.

 

Opinião dos leitores

  1. Achei que fazia parte da “massa falida” dos antigos donos e a justiça teria tentado vender em leilão. Acumulou dívidas com fornecedores e funcionários .

  2. Foi 10 por cento de entrada e 50 parcelas, a prioridade foi o uso do dinheiro para fornecedores e o resto vai ser dividido para os funcionários, a ordem de pagamento será por idade.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *