Esporte

Joia do futebol brasileiro, Talles Magno, do Vasco, tem lesão na coxa direita e está fora do Mundial Sub-17

Foto: Bruno Kaiuca / Agência O Globo

Talles Magno , do Vasco, está fora da Copa do Mundo Sub-17, que é disputada no Brasil. O atacante sentiu dores na coxa direita nos minutos finais da partida entre Brasil e Chile, na noite desta quarta-feira, pelas oitavas de final do Mundial, no Estádio Bezerrão, em Brasília. Nesta quinta-feira, a CBF confirmou que o jogador não vai mais atuar peça seleção brasileira.

O tempo de recuperação supera as duas semanas, e ele não retorna a tempo para entrar em campo novamente pelo Brasil. A CBF não deu um prazo para que o jogador retorne aos gramados.

“Logo após o jogo, o departamento médico da Seleção Brasileira realizou exame de imagem no camisa 11, e ficou constatada lesão muscular no bíceps femural. Talles Magno não terá tempo de se recuperar para a disputa das etapas finais do torneio mundial”, disse a nota da CBF.

O Globo

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Nigéria conquista Mundial sub-17 e supera Brasil no número de títulos

13312584A seleção nigeriana sub-17 superou o México por 3 a 0, nos Emirados Árabes, e conquistou o seu quarto título do Mundial. Assim, o país se isolou como o maior vencedor do torneio nesta categoria.

A Nigéria já havia levantado a taça em 1985, 1993 e 2007. Até hoje, dividia a hegemonia com o Brasil, que levou a melhor em 1997, 1999 e 2003.

Na final desta sexta-feira, a equipe africana chegou à vitória com gols de Erick Aguirre (contra), Kelechi Iheanacho e Musa Muhammed.

A Suécia ficou em terceiro lugar do Mundial com vitória sobre a Argentina, por 4 a 1.

O meia nigeriano Iheanacho foi eleito o melhor jogador do torneio. O artilheiro da competição foi o sueco Valmir Berisha, com sete gols.

O Brasil caiu nas quartas de final para o México. Depois do empate por 1 a 1, os mexicanos venceram na decisão por pênaltis por 11 a 10.

Folha

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Após 24 pênaltis, México elimina o Brasil do Mundial Sub-17

Brasil-Mexico-Sub-17-Foto-AFP_LANIMA20131101_0077_49Depois de uma interminável disputa de pênaltis, o Brasil está fora do Mundial Sub-17. O algoz foi o México, que venceu a Seleção por 11 a 10, depois de um empate em 1 a 1 no tempo regulamentar, nesta sexta-feira, em Dubai, pelas quartas de final do torneio.

Qualificados para a semifinal, os mexicanos enfrentam o vencedor de Argentina e Costa do Marfim, que se enfrentam neste sábado.

O Brasil teve uma atuação abaixo do esperado durante o primeiro tempo. Foi difícil conseguir criar mediante a um adversário tão cauteloso e plantado na entrada da área. As jogadas pelo alto também não surtiram efeito.

Apenas nos últimos minutos, a Seleção conseguiu chegar com perigo. No entanto, a grande chance foi do México, quando Ochoa saiu na cara do gol, mas foi detido por uma grande defesa de Marcos.

O time verde-amarelo seguiu nervoso durante a segunda etapa e foi deixando o México gostar do jogo atá abrir um placar em falha coletiva da defesa. O esperto Ochoa aproveitou e colocou lá dentro.

Com as três alterações feitas, a equipe de Alexandre Gallo teve cerca um pouco mais de dez minutos para tentar o empate. E finalmente acordou. Nathan deixou tudo igual e por pouco Leo Pereira, com uma cabeçada na trave, não vira a partida.

Nos pênaltis, Gabigol e Mosquito pararam em duas defesas do goleiro Godiño. Marcos pegou uma cobrança, mas a vaga foi mexicana.

Lance

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Brasil bate Rússia e pegará atual campeão para ir à semi do Mundial sub-17

13301323Dono da melhor campanha da fase de grupos do Mundial sub-17 com 100% de aproveitamento, o Brasil precisou de 72 minutos nesta segunda-feira para abrir o placar da vitória por 3 a 1 sobre a Rússia, que foi a penúltima entre as 16 seleções classificadas às oitavas de final, nos Emirados Árabes.

O adversário dos brasileiros sexta-feira, na briga por um lugar na semifinal, será o México, atual campeão, que derrotou a Itália por 2 a 0.

O centroavante Mosquito marcou para o Brasil aos 27 min do segundo tempo e o meia Boschilia ampliou a vantagem aos 35min. Makarov aproveitou uma falha da dupla de zaga e diminuiu o prejuízo aos 45 min. Boschilia, que recebeu o segundo cartão amarelo na competição e estará suspenso na próxima partida, pegou rebote na área e fechou a conta aos 47 min.

Os russos haviam ficado com um jogador a menos aos 24 min da etapa complementar, quando Barinov foi expulso por causa de um carrinho frontal no lateral direito Auro.

“Nosso time tentou, a todo momento, jogar no ataque. No segundo tempo, conseguimos fazer os gols”, comentou o treinador Gallo após o jogo.

A Suécia superou o Japão por 2 a 1 e enfrentará Honduras, que passou pelo Uzbequistão por 1 a 0.

Nesta terça-feira, Uruguai e Eslováquia duelam, assim como Nigéria e Irã. Argentina ou Tunísia, que medem forças, terá pela frente Marrocos ou Costa do Marfim.

Folha

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *