Camisas de Corinthians e Vasco entram em lista de uniformes mais bonitos da década

Fotos: Divulgação

Com a virada de 2019 para 2020, listas dos melhores da década em diversas áreas foram elaboradas. No futebol, os gols mais bonitos e principais jogadores do período 2010/2019 foram temas de debate. E quais foram as camisas mais bonitas dos anos 10 do século XXI? O site especializado “Classic Football Shirts” encarou o desafio de montar o top 20 dos uniformes dos últimos dez anos. E dois clubes brasileiros conquistaram um lugar na lista dos melhores.

O Corinthians ficou na oitava colocação, com o terceiro uniforme lançado em outubro de 2018 em homenagem a Ayrton Senna. A camisa preta com detalhes em dourado era uma referência às cores do carro da Lotus, pela qual o piloto brasileiro conquistou sua primeira vitória na Fórmula 1, em 1985. O uniforme apresentava o autógrafo de Senna no lugar destinado ao patrocinador principal e 41 listras douradas, em referência a cada uma das vitórias do piloto na F-1.

O Vasco também foi agraciado com a presença na lista, na 14ª colocação, com o modelo preto de 2015. O uniforme, lançado para marcar o centenário do futebol vascaíno, tem gola pólo negra e a barra das mangas em branco. E detalhes em azul e branco na gola interna, em uma homenagem aos 450 anos de fundação da cidade do Rio de Janeiro.

Camisa da Nigéria foi eleita a mais bonita da década por site especializado — Foto: Reprodução

Quem lidera a relação é a camisa titular da Nigéria preparada para a Copa do Mundo de 2018. Com um design ousado, o uniforme é composto por vários símbolos em V em verde e branco. E os mesmos detalhes nas mangas, mas em preto e branco.

A relação das 20 camisas mais belas da década (segundo o classicfootballshirts.com)

1 – Nigéria 2018/19
2 – França 2011/12 (branca)
3 – Internazionale 2010/11 (branca)
4 – Itália 2019/20 (terceiro uniforme)
5 – Real Madrid 2014/15 (terceiro uniforme)
6 – Juventus 2017/18
7 – Roma 2019/20 (terceiro uniforme)
8 – Corinthians 2018/19 (terceiro uniforme)
9 – Internazionale 2014/15
10 – Lyon 2010/11
11 – Lazio 2014/15
12 – Celtic 2012/13
13 – AIK Estocolmo 2017/18
14 – Vasco 2015/16
15 – Arsenal 2019/20
16 – Athletic Bilbao 2011/12
17 – Holanda – 2014/15
18 – Japão 2016/17
19 – Rayo Vallecano 2015/16
20 – PSG 2018/19

Memória E.C Globo Esporte

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Economista disse:

    Nenhuma delas chega perto da camisa do ABC, o mais querido!!

  2. Porfirio disse:

    A camisa mais bonita do futebol mundial, é a do Cruzeiro de Belo Horizonte disparada, o resto e colcha de retalhos.

Apresentador do Sportv critica diferença de tratamento de jornais no Rio sobre vice de Vasco e Flamengo no Mundial: ‘ é ultrajante’

Rizek afirmou que é ‘ultrajante’ a diferença de tratamento entre as equipes (Foto: Reprodução) -Foto: Lance!

O apresentador do SporTV, André Rizek, tuitou na manhã desta segunda-feira sobre a matéria do ‘Redação SporTV’ que comparou as capas do jornal ‘Extra’, do Rio, com as manchetes do dia seguinte das derrotas de Vasco, em 1998, e de Flamengo, neste ano.

Em ambas ocasiões, as equipes cariocas jogaram de igual para igual com os times europeus, porém, em 98, a manchete tirava sarro da derrota vascaína e afirmava que os rubro-negros estavam comemorando. Em 2019, o jornal exaltou a partida do Fla diante do Liverpool.

Rizek afirmou que é ‘ultrajante’ a diferença de tratamento dado aos dois clubes em situações parecidas.

– Redação Sportv está mostrando como os jornais do Rio retrataram o vice do Vasco em 1998 (depois de grande atuação na derrota para o Real) e como retratam o vice do Fla, agora. É ultrajante a diferença no tratamento dispensado aos dois clubes, em situações muito parecidas – disse.

O jornalista recebeu uma chuva de apoio e criticas no Twitter e sobrou até para Márvio do Santos, editor-chefe do ‘Extra’, que foi gravado correndo com a camisa do Flamengo pela redação em comemoração ao segundo gol de Gabigol, que deu o título da Libertadores ao Flamengo.

Um internauta marcou Márvio na publicação questionando-o sobre o que ele achava da opinião de Rizek. O jornalista respondeu dizendo que a manchete do Vasco não se repetiria neste ano.

Terra, com Lance

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Augusto Carvalho disse:

    Vamos ser sinceros, o Flamengo adotou uma estratégia corajosa que não deu certo, não criou nenhuma situação real de gol enquanto o Liverpool abusou de errar gols, poderia ter feito 3 a 0 no tempo normal!!! O resto é glamorizar a derrota!

  2. Érico disse:

    Concordo com o Rizek, e o Márvio vem com uma desculpa quê hoje à materia com à derrota do Vasco, seria outra, sustente à palavra cabra frouxo, Márvio você e um flamenguista de merda!

  3. Danniel Montenegro disse:

    Verdade. A massa, podre, rubro-negra só olham para o umbigo deles e muitos jornalistas são tendenciosos ao se falar de Flamengo. O Vasco jogou melhor que o Flamengo na final que fez conte a o Real Madrid em 1998 e foi vice tanto quanto a equipe da Gávea. Já a imprensa valoriza o vice do Flamengo e não valorizou o do Vasco.

  4. Antonio Turci disse:

    Verdade. Certos apresentadores, locutores deveriam dosar o entusiasmo. Têm que entender que os respectivos papéis materializam-se quando das transmissões de jogose/ou programas especializados cultos espectadores, ouvintes, são de times distintos.

Vasco prevê dobrar superávit em 2020 e arrecadar R$ 48 milhões com o sócio-torcedor

Imagem do projeto do novo CT do Vasco — Foto: Vasco da Gama

No próximo dia 26 de dezembro o Conselho Deliberativo do Vasco votará se aprova ou não a proposta orçamento de 2020, que apresentou números expressivos em comparação a do ano passado. O superávit, por exemplo, que foi de R$ 72 milhões, dobrou, passando para R$ 154 milhões. Em relação ao valor de receita bruta, uma margem líquida estipulada em 49,7%.

Outro ponto curioso na proposta apresentada pela diretoria administrativa fica na parte de “Direitos Federativos e econômicos”, ou seja, quanto o clube espera arrecadar com uma possível venda de atletas. O valor é de R$ 46 milhões, bem inferior ao que se imagina receber em uma proposta por Talles Magno.

Proposta prevê R$ 18,9 milhões em doações para o CT

Um dos principais objetivos da diretoria no próximo ano, a obra de construção do novo CT prevê R$ 18,9 milhões em doações, sendo que o custo final seria de R$ 22 mi. Entre os maiores gastos estão: Superestrutura (R$ 5 mi), campos (R$ 1,5 mi), campo/estádio (R$ 1,7 mi) e parte elétrica (R$ 1,5 mi).

Quanto aos custos gerais para a temporada, o clube, mesmo com um bom superávit, também não destarta a possibilidade de um empréstimo no valor de R$ 42 milhões para manter as contas em dia.

Globo Esporte

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. PITANGA disse:

    Atualmente os torcedores dos times cariocas se resumem a dois grupos: o grupo dos FLAMENGUISTAS e o grupo dos secadores. O choro é livre…

  2. Bento disse:

    O Flamengo desembarcou no Rio e só tinha 5 gatos minguando aguardando.
    Como às coisas mudam

    • H4CK3R disse:

      Aonde vc viu isso, eterno vice?? Assisti no Sportv, Fox Sports e ESPN Brasil ontem à noite e não vi pouca gente aguardando o time. Pelo contrário.
      Faz assim: guarde R$7,00 todo mês e pague a contribuição que seu time lançou como promoção e ajude a não depender de outras equipes a não cair pra série B sempre! Aproveite que Eurico morreu e não vai ficar com o $$$. SRN
      Flamengo não é so dos cariocas! Flamengo é do mundo!!!

  3. Bento disse:

    O vasco e o cheiro de carniça são dos cariocas.
    É por isto que todos nós do Rio Grande do Norte estamos na série "d" por não apoiar 100% os nossos clubes do coração Abc América e Alecrim.
    Será que os cariocas tem carinho pelos nossos times?

    • Amaury disse:

      Frescura. Agora estão querendo controlar o time par se torcer. mi mi mi do caralho. Coisa chata. Torça, pague as contas do time, vista camisa, faça o que quiser e deixe que cada um cuida da sua vida. Chatonildo.

  4. Anderson disse:

    Esperando os comentários dos recalcados do time do cheirinho…

    • Curiosa disse:

      Cheirinho? Campeão Brasileiro, Libertadores, vice campeão mundial….Vasco o que mesmo? hahahaha

    • Amaury disse:

      Os recalcados estão ocupados segurando todos os troféus do ano… e tentando imaginar como gastar quase um bilhão arrecadado. Mais alguma coisa torcedor de segunda?

Clube com mais sócios do Brasil, Vasco pode ganhar até R$ 6,2 milhões em um mês

Foto: MARCELO THEOBALD / Agência O Globo

O Vasco se tornou na terça-feira o clube com o maior número de sócios-torcedores do futebol brasileiro. Ao superar o Flamengo em uma campanha de associação em massa que começou no último dia 25, o clube ainda tenta dimensionar o tamanho do impacto que a adesão terá na sua realidade financeira. As projeções mostram que o Cruz-maltino pode arrecadar até R$ 6,2 milhões em um mês com um número de sócios na casa de 150 mil.

O cálculo é feito baseado nas informações disponibilizadas pela diretoria quando o número de novos sócios chegou aos 120 mil. O Vasco recebia, antes da promoção, com 33.400 sócios pagantes, cerca de R$ 1,3 milhão. Ao bater 120 mil, o clube afirmou que o número subiu para aproximadamente R$ 3 milhões.

Se as associações seguintes seguiram o mesma proporção quanto aos tipos de planos escolhidos pelos torcedores, com 150 mil sócios, o Vasco deve chegar a R$ 3,75 milhões, R$ 1,3 milhão dos sócios pré-promoção e mais R$ 2,45 milhões dos novos associados.

Mas existe um detalhe: todas as adesões foram feitas com 50% de desconto nas mensalidades nos seis primeiros meses. Se o Vasco, depois de encerrado o desconto, conseguir manter os novos sócios por pelo menos mais um mês, conseguirá receber algo em torno de R$ 6,2 milhões – R$ 1,3 milhão da base antiga, de antes da promoção, e mais R$ 4,9 dos novos sócios, que passariam a pagar o valor integral de seus planos.

Internamente, o clube sabe que é muito difícil manter intacta a base criada na campanha. As discussões agora são sobre como reter o máximo possível de torcedores. O valor de R$ 6,2 milhões por mês é equivalente ao dobro do custo atual da folha salarial do elenco vascaíno, de cerca de R$ 3 milhões.

Rivalidade acirrada

Desde que os números de sócios do Vasco se aproximaram dos do Flamengo, que a discussão entre torcedores das duas equipes aumentaram nas redes sociais. Os rubro-negros questionam os valores que o rival poderá ganhar com seu programa de sócio-torcedor, uma vez que o plano mais barato do “Nação Rubro-Negra” custa R$ 23,90, enquanto que no “Gigante” a opçao mais em conta, com a promoção, está saindo a R$ 4.

Uma análise dos balanços divulgados pelos clubes referentes ao terceiro trimestre de 2019 ajuda a ter uma noção da receita de Flamengo e Vasco com o programa de sócio-torcedor. O Vasco, até setembro, teve uma receita de R$ 13,277 milhões com sócios, uma média de R$ 1,48 milhão por mês. Com a base de sócios criada depois da promoção, esse número certamente aumentará mais que o dobro.

Já o Flamengo, de janeiro até setembro, acumulou um total de R$ 39,873 milhões com seu programa de sócios. A média por mês é de R$ 4,430 milhões. O balanço trimestral rubro-negro ainda permite ver a comparação com o mês anterior. De agosto para setembro, o Flamengo arrecadou R$ 5,850 milhões com seu programa.

O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. JUNIN disse:

    E VIVA OS OTÁRIOS….QUE PAGAM AS REGALIAS DE UM BOCADO DE BOLEIROS….!!!!

  2. Diogo disse:

    América e ABC tem que aprender com essa jogada!

MAIS DE 140 MIL: Vasco ultrapassa Flamengo e se torna o clube com mais sócios no país, em manifestação histórica da torcida, em menos de 10 dias

Foto: Reprodução

O Vasco é o clube com o maior número de sócios no país. A escalada incrível no ranking, acarretada pela campanha de desconto no preço da adesão que foi lançada há exatos oito dias, fez com que o Cruz-Maltino alcançasse nesta terça-feira a marca de mais de 140 mil sócios. Ultrapassou o Flamengo, que encabeçava a lista com mais de 139 mil.

Como o número cresce a todo instante, é difícil informá-lo com exatidão. O Flamengo tem no momento seu quadro consolidado em 139.700 sócios-torcedores aproximadamente. O Vasco, por exemplo, extrapolou a casa dos 139.800. E contando…

Esses são dados retirados dos sites oficiais tanto do plano do Flamengo (nrnoficial.com.br) quanto do Vasco (sociogigante.com). Em ambos, há uma contagem em tempo real com a quantidade de sócios.

Mais cedo nesta terça, em participação no programa “Redação SporTV”, Alexandre Campello, presidente do Vasco, disse que passar o Flamengo no ranking era uma questão de tempo.

– Não entramos com a meta de passar o Flamengo, mas acho que isso vai acontecer. Sobre chegar a 200 mil, (…) Já havia a intenção de prorrogar a promoção, mas deixei pra fazer na sexta para não diminuir o ímpeto da torcida. A partir do momento em que prorrogamos e o movimento permanece, acho que não tem limite – afirmou o cartola cruz-maltino.

Com desconto de 50% em alguns planos, o torcedor vascaíno pode, por exemplo, associar-se por uma mensalidade de R$ 7,98 – a promoção é válida nos primeiros seis meses, com o preço voltando ao normal após esse período. Campello revelou que houve um acréscimo de quase R$ 2 milhões na receita de sócios por conta da onda de adesões.

13,3 mil sócios por dia

Em outubro, o GloboEsporte.com fez um levantamento do quadro de sócios dos principais clubes brasileiros, e o Vasco aparecia em oitavo lugar, com 31,6 mil associados. Graças à mobilização de sua torcida, deixou para trás, nessa ordem, Sport, Bahia, Corinthians, Grêmio, Atlético-MG, Internacional e Flamengo.

Para bater a marca de 139.700 em oito dias, o Vasco precisou reunir 13,3 mil novos sócios por dia. Seu quadro, portanto, mais do que quadriplicou desde o início da promoção. O boom também se deu por conta da mobilização de jogadores do elenco, como Leandro Castán e Thalles, ex-atletas do clube e artistas nas redes sociais.

Globo Esporte

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cavalcante disse:

    Com 140 mil sócios, e não conseguir receita p montar um time de vergonha é mesmo que fazer cocô e limpar com canjica.

  2. Armando fernandes disse:

    A torcida do Vasco é toda associada. Todos os 140 mil.kkkkkk

  3. Claudiney disse:

    5,00 por mês nos primeiros seis meses, kkkkkk

  4. Tete disse:

    O mequinha vai lançar o sócio rapadura lá em japecanga, quem comprar uma rapadura assiste grátis aos jogos no boga do Dragão kkkkkkkk

  5. Alaca disse:

    A cariocada tá pesada hoje no blog, ainda mais sendo flamenguista.

  6. Mascarenhas disse:

    NOOOOOOOSSA o vasco vai chegar a 200 mil sócios torcedor a R$ 7,90 a mensalidade, maravilha, fantástico, isso sim é projeto de sucesso, valeu vasco, assim logo terá renda para contratar meio time do barcelona… só que não!
    Segundo a lógica vascaína é a quantidade de sócios a R$ 7,90 que vai fazer caixa e não colocar 60 mil torcedores por jogo em campo, ganhar título, jogar um futebol sublime e ter sócios pagando valores de contribuição real ao clube que mudará a realidade, entendi! Só que não!

  7. José aldomar disse:

    Vamos ver quantos vão chegar em dia com os pagamentos daqui a três meses

  8. Robério Mauricio da Silva disse:

    A diferênça esta no valor que arrecada o Flamengo e quanto o Vasco arrecada, que é muito grande.

Torcida do Vasco abraça clube e número de sócios-torcedores pula de 32 mil para mais de 100 mil de segunda para esta sexta

Foto: Reprodução

Como era esperado, o torcedor do Vasco conseguiu atingir a meta estipulada pelo clube de chegar a 100 mil sócios até essa sexta-feira. Para comemorar e seguir aproveitando essa onda de adesões, o presidente Alexandre Campello prorrogou a promoção até a última rodada do Campeonato Brasileiro, na partida contra a Chapecoense.

Na última segunda, quando iniciou a onda de adesões, o clube tinha 32 mil associados. Ou seja, mais que triplicou seu quadro em apenas uma semana.

O clube aproveitou o momento de Black Friday e ofereceu ao vascaíno um desconto de 50% em alguns planos pelo período de seis meses. A onda de adesões começou muito bem e foi se intensificando ao longo da semana depois de grande mobilização de torcedores, ex-jogadores e alguns artistas nas redes sociais.

Souza, Douglas Luiz, Alan Kardec e Paulinho aproveitaram a onda e se tornaram sócios cruz-maltinos. Segundo Kardec, é uma forma de retribuir o que o Vasco fez por ele.

– É uma forma de gratidão, de poder colaborar e ajudar de alguma forma. Acompanho da forma que posso. De longe não conseguimos ter acesso a todas as matérias, a tudo que acontece. Mas conseguimos perceber que o Vasco tem planos ambiciosos para um futuro próximo: construção de CT, modernização do estádio. Acho que toda ajuda é bem-vinda – disse Kardec.

Mesmo após a derrota para o São Paulo por 1 a 0, na noite desta quinta-feira, a Mega Loja de São Januário amanheceu mais uma vez com uma grande fila de torcedores com o objetivo de aderir ao projeto.

Fonte: GloboEsporte.com

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. aof disse:

    Independente da promoção, isso é prova de amor da torcida ao clube. Há muito tempo que o Vasco não conquista nada. O seu arquirival, o Flamengo, é campeão brasileiro e da Libertadores, com time para ser Campeão Mundial. Olha o que a torcida do Vasco faz. Exemplo para nós, potiguares,torcedores de ABC e América e que estão numa série D. Ajudem seus clubes. Não se deixem influenciar por opiniões derrotistas. O Flamengo e o Vasco só são chamados times grandes por causa de suas apaixonadas torcidas. Há um jargão na imprensa que diz que "sem clube não há futebol"; eu digo, sem torcida não há clube.

    • Cristian disse:

      Os babões daqui chupam os bagos dos times do sudeste, não querem saber dos times locais.

Joia do futebol brasileiro, Talles Magno, do Vasco, tem lesão na coxa direita e está fora do Mundial Sub-17

Foto: Bruno Kaiuca / Agência O Globo

Talles Magno , do Vasco, está fora da Copa do Mundo Sub-17, que é disputada no Brasil. O atacante sentiu dores na coxa direita nos minutos finais da partida entre Brasil e Chile, na noite desta quarta-feira, pelas oitavas de final do Mundial, no Estádio Bezerrão, em Brasília. Nesta quinta-feira, a CBF confirmou que o jogador não vai mais atuar peça seleção brasileira.

O tempo de recuperação supera as duas semanas, e ele não retorna a tempo para entrar em campo novamente pelo Brasil. A CBF não deu um prazo para que o jogador retorne aos gramados.

“Logo após o jogo, o departamento médico da Seleção Brasileira realizou exame de imagem no camisa 11, e ficou constatada lesão muscular no bíceps femural. Talles Magno não terá tempo de se recuperar para a disputa das etapas finais do torneio mundial”, disse a nota da CBF.

O Globo

Fluminense, Inter, Palmeiras, Vasco e Goiás são os times mais impactados pelo VAR no Brasileiro

Foto ILUSTRATIVA/  Leandro Lopes/ via site CBF

Alvo de polêmicas recentes, o VAR foi um dos protagonistas da 22ª rodada. Foram incríveis seis gols anulados: dois do Corinthians, um do Vasco, um do Palmeiras, um do Fortaleza e um do Cruzeiro. A controvérsia foi tamanha que o Cruz-Maltino protestou contra a arbitragem, o Verdão foi à CBF pedir explicações, e o Colorado também pediu acesso aos áudios do VAR na derrota para o Flamengo na 21ª rodada.

Apesar de estarmos no returno, o que se percebe é que, com o decorrer do Campeonato Brasileiro, as reclamações pelas decisões com a tecnologia não diminuíram. Para PC Oliveira, comentarista de arbitragem do Grupo Globo, as reclamações têm razão em certa parte, mas discorda de favorecimento a alguma equipe específica.

– No geral, o desempenho dos árbitros no campo é ruim, ocasionando um número muito grande de revisões e mudanças de decisão. O VAR, que era para ser exceção, até agora é protagonista. Eu só discordo da teoria da conspiração que existe um direcionamento para favorecer determinadas equipes. Dirigentes, treinadores e jogadores que se manifestam dessa maneira irresponsável, criam um clima de desconfiança e desvalorizam o produto “futebol brasileiro”.

O Espião Estatístico* esmiuçou todos os 218 jogos disputados até aqui no Brasileirão, as partidas foram paralisadas para análise do VAR 408 vezes. Em média, a cada parada, a arbitragem levou 1min35s para anunciar sua decisão. Porém, quando o árbitro precisou consultar o vídeo na beira do campo, a média sobe para 2min49s. A demora e a excessiva paralisação do jogo são algumas das reclamações dos clubes.

No total, o árbitro de vídeo mudou a decisão de campo em 111 oportunidades nestas 22 primeiras rodadas. Uma média de cinco mudanças por rodada. Com 10 mudanças de decisão, o Fluminense é o time mais impactado pelo VAR até o momento, seja com decisões favoráveis ou não. Com a ajuda do recurso, a arbitragem marcou três pênaltis contra o Flu, deu três vermelhos e um amarelo, além de anular dois gols e confirmar um.

Uma das principais reclamações da última rodada foram os gols anulados após consulta do VAR. Mas você sabe quais os times que mais tiveram gols invalidados até aqui? Ceará, Internacional e Vasco estão empatados no topo desta lista, com quatro gols cancelados com ajuda da tecnologia. No total, a arbitragem já anulou 26 gols neste Brasileirão.

OBS: a lista abaixo mostra apenas os gols anulados pelo VAR, com mudança da decisão inicial do juiz de campo.

Times com mais gols anulados pelo VAR

Time Gol anulado

Ceará 4
Internacional 4
Vasco 4
Corinthians 3
Botafogo 2
Fluminense 2
Palmeiras 2

Fonte: Espião Estatístico

Enquanto o ranking acima impede uma comemoração de gol, o próximo ranking alivia o torcedor. Isso porque, graças ao VAR, um gol anulado equivocadamente é corrigido pela equipe de vídeo. Ou seja, um gol anulado por impedimento pode ser validado após checagem do árbitro de vídeo. Neste quesito, o Goiás é o time que mais comemorou com gols confirmados pelo VAR: três vezes.

Times com mais gols confirmados pelo VAR

Clube Gol confirmado

Goiás 3
Flamengo 2
Grêmio 2
Palmeiras 2
Vasco 2

(Fonte: Espião Estatístico)

Outra marcação importante nas partidas são os pênaltis. Athletico-PR e Flamengo são os dois times mais impactados pelo VAR, com quatro pênaltis marcados contra cada um. Por exemplo, na 14ª rodada, o árbitro Bráulio da Silva Machado revisou uma falta de Pablo Marí em David Braz dentro da área e apontou para a marca da cal após voltar da revisão no vídeo.

Pênaltis cometidos assinalados pelo VAR

Time Pênaltis marcados contra

Athletico-PR 4
Flamengo 4
Atlético-MG 3
Chapecoense 3
Fluminense 3
Palmeiras 3

(Fonte: Espião Estatístico)

*A equipe do Espião Estatístico é formada por: Guilherme Maniaudet, Guilherme Marçal, Leandro Silva, Roberto Maleson, Roberto Teixeira, Valmir Storti e Vitória Azevedo

Globo Esporte

 

Vasco repudia e se desculpa por cantos homofóbicos em São Januário: “Preconceito é crime”

Vanderlei Luxemburgo chegou a pedir para torcedores pararem com gritos homofóbicos — Foto: Getty Images

O Vasco divulgou uma nota oficial nesta segunda-feira repudiando e pedindo desculpas pelos cantos homofóbicos ocorridos em São Januário na partida contra o São Paulo, no domingo. O jogo chegou a ser interrompido pelo árbitro Anderson Daronco.

– O Club de Regatas Vasco da Gama lamenta e repudia qualquer canto ou manifestação de caráter homofóbico por parte de alguns de seus torcedores. Da mesma forma, a Diretoria Administrativa do Clube manifesta seu pedido de desculpas a todos que, corretamente, se sentiram ofendidos por este comportamento – diz uma parte da nota.

O clube afirmou ainda que o combate aos gritos não deve acontecer apenas pelo temor de uma punição esportiva, mas “por uma questão de cidadania e respeito ao próximo e cumprimento da lei”.

– Preconceito é crime – complementa a nota.

Os gritos fizeram com que o jogo fosse interrompido pelo árbitro Anderson Daronco. Ele chegou a informar ao quarto árbitro e ao técnico Vanderlei Luxemburgo. Imediatamente, os auto-falantes de São Januário alertaram os torcedores para que não houvesse esse tipo de manifestação.

STJD prometeu punir cantos homofóbicos

Após a Copa América, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva passou a punir com multa ou até perda de pontos clubes cujos torcedores cantarem gritos homofóbicos nos estádios. A Procuradoria, caso identifique a ocorrência de homofobia ou haja o relato em súmula por parte de algum árbitro, então, poderá denunciar o clube dos autores da discriminação. É o artigo 243-G do Código Brasileiro de Justiça Desportiva que tratará do caso.

Leia a nota oficial do Vasco:

“Em relação ao episódio registrado na partida deste domingo (25/08) contra o São Paulo, o Club de Regatas Vasco da Gama lamenta e repudia qualquer canto ou manifestação de caráter homofóbico por parte de alguns de seus torcedores. Da mesma forma, a Diretoria Administrativa do Clube manifesta seu pedido de desculpas a todos que, corretamente, se sentiram ofendidos por este comportamento.

O combate a este tipo de postura – iniciado ainda em campo, quando o técnico Vanderlei Luxemburgo, os jogadores, parte da torcida e o próprio Vasco da Gama, através do sistema de som do estádio, clamaram para que os gritos cessassem – não deve ser motivado pelo receio de punição desportiva (perda de pontos), mas, sim, por uma questão de cidadania e respeito ao próximo e cumprimento da lei.

Preconceito é crime. E se existe um Clube no Brasil historicamente habituado a levantar a voz contra qualquer tipo de discriminação este é o Vasco da Gama, dono da história mais bonita do futebol. Assim foi com a resposta histórica de 1924; assim é com os cantos que o torcedor vascaíno entoa orgulhosamente na arquibancada enaltecendo a luta do Clube a favor de negros e operários.

A plateia de um estádio de futebol e a sociedade de maneira geral passam por um processo de aprendizado e conscientização necessário para que atos de preconceito fiquem no passado – um triste passado, diga-se. A Diretoria Administrativa do Club de Regatas Vasco da Gama compromete-se em promover ações educativas neste sentido junto ao seu torcedor, certa de que encontrará em cada vascaíno um aliado no combate a qualquer tipo de discriminação. O Vasco é a casa de todos.”

Globo Esporte

 

Importante passo: Vasco avança na reestruturação da dívida em duas frentes, destaca Globo

Foto: Leonardo Achão

A penhora que tanto atrapalha a situação financeira do Vasco está perto de ser resolvida. Há uma confiança grande no clube de que haverá uma solução nesta semana para levantar a ação da Biosanear, que impede o clube de obter garantias para empréstimos.

O assunto é considerado prioridade total na diretoria. A solução passa também por uma primeira parte do plano de reestruturação da dívida do Vasco, através de recursos de um Fundo de Direitos Creditórios (Fdic) idealizado pelo clube.

– Estamos perto de resolver a penhora da Biosanear. Está mais adiantada. Quanto ao Fdic, tivemos duas reuniões. Imagino que até o fim da semana a gente já tenha recursos derivados disso para fazer negociações. Tem toda uma discussão para fazer avançar mais ainda – afirmou o vice-presidente de Controladoria do Vasco, Adriano Mendes.

Além da Biosanear, há outra ação de penhora em nome do escritório de advocacia Barreira de Oliveira. Esta está suspensa à espera de uma decisão do STJ (Superior Tribunal de Justiça), mas, ainda assim, trava algumas conversas da diretoria.

– Essas penhoras surpreenderam, porque estão numa velocidade anormal de trâmite. As penhoras mais sensíveis com as quais lidamos são de 10, 15 anos. Ações da Olimpíada de 2000, da época do Roberto Dinamite. Essa é de meses, está num nível de processo que se consegue em anos. Me parece de uma força excessiva com efeito descomunal – completou Adriano.

Ato trabalhista ajuda nas finanças do clube

Na busca para se reequilibrar financeiramente, o Vasco deu um importante passo na última sexta-feira: assinou um novo acordo de ato trabalhista, no qual concentrará o pagamento de dívidas que, somadas, chegam a R$ 125.064.079,54 – a informação foi divulgada pelo jornal Lance! e confirmada pelo GloboEsporte.com. Desta forma, evitará penhoras na esfera trabalhista e poderá organizar o fluxo de caixa.

Pelo acordo, o Vasco pagará cerca de R$ 2 milhões mensais para quitar a dívida num prazo de seis anos. O dinheiro virá diretamente dos recebíveis que o clube tem direito em relação a cotas de televisão.

– O ato suspende todas as penhoras de condenações superiores a R$ 20 mil. Todas as varas já foram comunicadas. Toda a parte trabalhista está equacionada – disse Paulo Reis, ex-vice-presidente jurídico do Vasco, que ajudou a diretoria no caso.

Mas o acordo não resolve todos os problemas. Embora todas as penhoras trabalhistas tenham sido suspensas, persistem aquelas da esfera cível – atualmente, são estas que travaram o clube financeiramente.

O próximo desafio da diretoria é reorganizar a parte cível. Sem as atuais penhoras, o Vasco consegue obter o empréstimo de R$ 20 milhões e dar sequência ao processo de reestruturação da dívida.

Globo Esporte

 

Morre aos 96 anos, o português Antônio Soares Calçada, presidente mais vitorioso da história do Vasco

Foto: Marco Antônio Teixeira

O Vasco perdeu nesta segunda-feira o presidente mais vitorioso da história do clube. Aos 96 anos, Antônio Soares Calçada faleceu em um hospital na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, vítima de complicações causadas por uma infecção abdominal.

Mandatário do Vasco entre 1983 e 2000 e considerado presidente de honra do clube, conquistou os principais títulos do cruz-maltino. Foram três campeonatos brasileiros, uma Libertadores, uma Copa Mercosul, um Torneio Rio-São Paulo e sete campeonatos estaduais.

Foi na sua gestão que o Vasco assinou contrato com o Bank of America, uma parceria que gerou milhões de reais ao clube na segunda metade da década de 1990. O dinheiro trouxe títulos no futebol e nos esportes amadores — o time foi campeão brasileiro, bicampeão do Campeonato Sul-Americano e bicampeão da Liga Sul-Americana de basquete masculino, e campeão brasileiro de futsal, além de ter patrocinado uma longa lista de atletas olímpicos.

Entretanto, os gastos excessivos nos últimos anos de sua gestão ocasionaram um crescimento acelerado das dívidas do clube. O problema com o grande passivo é uma realidade vascaína desde então.

Nascido em Portugal, ele chegou ao Brasil em 1935 e se tornou sócio do clube em 1942. A partir daí, participou ativamente da vida política do clube, ocupando o primeiro cargo de destaque em 1955, quando foi vice-presidente de futebol. Também foi Diretor de Tênis de Mesa em 1959 e Vice-Presidente de Futebol nos anos de 1955, 1956, 1964, 1980, 1981 e 1982.

Sua última participação mais direta na política do Vasco foi em 2017, quando, na eleição dentro do Conselho Deliberativo, foi candidato à vice-presidência do clube na chapa de Julio Brant. A dupla foi derrotada por Alexandre Campello, atual mandatário vascaíno.

Calçada é o segundo ex-presidente do Vasco que falece em 2019. Em março, Eurico Miranda morreu aos 74 anos, vítima de um câncer no cérebro. Antônio Soares Calçada esteve no velório do ex-dirigente, que foi seu vice-presidente de futebol por mais de uma década, em uma de suas últimas aparições públicas em São Januário.

Principais títulos do Vasco na gestão Calçada

Futebol

1 Libertadores da América (1998);

1 Copa Mercosul (2000);

3 Campeonatos Brasileiros (1989, 1997 e 2000);

7 Campeonatos Cariocas (1982, 1987, 1988, 1992, 1993, 1994, 1998)

Basquete

2 Ligas Liga Sul-Americanas (1999 e 2000);

2 Campeonatos Sul-Americanos de Clubes (1998 e 1999);

1 Campeonato Brasileiro (2000)

O Globo

 

Vanderlei Luxemburgo é o novo técnico do Vasco

Vanderlei Luxemburgo é o novo treinador do Vasco. O próprio técnico anunciou em suas redes sociais sua chegada ao clube da Colina.

“Quero dar uma alô para a torcida do Vasco. Tmj!!! [sic]”.

Luxa acertou contrato com o presidente Alexandre Campello até o final de 2019.

Vanderlei Luxemburgo não comanda uma equipe desde 2017, quando treinou o Sport.

Na última terça-feira, algumas especulações davam como certa a contratação de Luxa. O treinador, porém, desmentiu que tivesse concretizado seu retorno ao futebol com um vídeo bem-humorado em uma feira livre em São Paulo, localizada em frente ao Estádio do Pacaembu.

Veja a nota oficial do Vasco:

O Club de Regatas Vasco da Gama acertou nesta quarta-feira (08/05) a contratação do técnico Vanderlei Luxemburgo. O local e o horário da apresentação do novo treinador ainda serão definidos.

Cinco vezes campeão brasileiro e com passagens pelo Real Madrid, da Espanha, e pela Seleção Brasileira, Vanderlei Luxemburgo assina contrato com o Vasco até o fim do ano.

ESPN

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Francisco Nicolau dos Santos disse:

    Um Flamenguista treinando o Vasco, isso vai dar certo ?

  2. Marcondes Morais disse:

    Luxa já foi um bom técnico, mas tem ideias ultrapassaras para o futebol atualmente jogado. Prova disso é que estava fora do mercado há quase 2 anos. Aceitou pegar essa batata quente do nanico da colina e agora terá um rebaixamento no curriculum.

  3. altamir disse:

    Muita pose e conversa fiada. Se o time tiver algum jogador destaque dentro de campo, ele fará tudo para apagar o jogador. A estrela tem que SER ELE

  4. Antonio Bigga, s disse:

    Agora o vascao desse à ladeira de vez.

VÍDEO: Meia Yago Pikachu tenta agredir com soco torcedor em desembarque do Vasco em Manaus

 

ASSISTA AQUI

Yago Pikachu protagonizou uma cena de violência no desembarque do Vasco em Manaus, na madrugada desta sexta-feira. Em um vídeo que circula nas redes sociais, o jogador aparece tentando dar um soco em um torcedor que estava no aeroporto da capital do Amazonas quando caminhava para sair do local e ir para o ônibus do time.

Nas imagens, que já viralizaram nas redes sociais, Pikachu é retirado pela polícia de perto do torcedor após o golpe. É possível ver em um dos vídeos que uma pessoa atira o que parece ser uma sacola plástica no jogador, que de imediato revida com o soco.

O Vasco está em Manaus para o jogo contra o Corinthians, neste sábado, às 19h, na Arena Amazônia, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Até a noite de quinta-feira, 20 mil ingressos já haviam sido vendidos. O cruz-maltino é o lanterna, com duas derrotas.

A agressão do jogador do Vasco remete à do craque Neymar, do Paris Saint-Germain, que também deferiu um soco contra o um rapaz nas arquibancadas do Stade de France, enquanto se dirigia para pegar a medalha pelo vice da Copa da Françam no sábado. Neymar será julgado pela Comissão de Ética da Federação Francesa e pode pegar gancho de oito jogos.

O Globo

O grande reforço do Vasco sou eu. Não tem hipótese de rebaixamento’, diz Eurico Miranda

CJkct0iWEAAbyOPNa mesma entrevista convocada pelo presidente do Vasco, Eurico Miranda, para falar que entrará na Justiça para discutir a divisão de torcida no clássico do dia 19 com o Fluminense, o dirigente voltou a garantir que o clube não cairá para a segunda divisão. Questionado se o elenco atual é melhor do que o do último rebaixamento, ele afirmou:

– Em 2013, eu não estava aqui. O grande reforço do Vasco sou eu – disse, referindo-se ao ano em que o clube era presidido por Roberto Dinamite. – Não tem hipótese de rebaixamento do Vasco. Eu afirmo e garanto em especial ao torcedor do Vasco que não tem hipótese de rebaixamento.

Questionado se estava satisfeito com o desempenho de Celso Roth, que, em quatro jogos, venceu as duas primeiras partidas e perdeu as outras duas, Eurico disse:

– Até agora, se for levado em consideração, ele está “fify-fifty”.

Eurico fez ainda uma análise sobre a classificação do campeonato, em que relacionou a posição do Vasco, vice-lanterna, à capacidade financeira.

– Nós temos uma folha de pagamento que, comparativamente a outros clubes que estão acima de nós na tabela, é superior. Ao mesmo tempo, a gente cumpre com nossas obrigações religiosamente. Só posso dizer que não era para o Vasco estar nesta posição, mas reafirmo que isso é absolutamente temporário – garantiu.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Sérgio disse:

    Eita cabra macho, vai fazer o quê? Comprar a arbitragem? Sem jogador o lugar do vasco é na série B.
    Qual vai ser o milagre Eurico? Vai ganhar no tapetão? A CBF e arbitragem está toda comprada?
    Como é essa sua arrogância, pode explicar direito, não entendi nada do que falou, parece tudo subliminar. Os tempos mudaram será que as velhas práticas da cartolagem ainda impera no futebol a ponto de um time que frequenta a zona de rebaixamento desde o começo do campeonato está certo que não será rebaixado?

COPA DO BRASIL: Vasco elimina o Cuiabá e pega o América-RN na terceira fase

20150521-0029-4-dagobertoO Vasco mais uma vez não mostrou um bom futebol e ficou no empate por 0 a 0 com o Cuiabá, nesta quarta, em São Januário. Mesmo assim, o resultado classificou os cruz-maltinos para a Terceira Fase da Copa do Brasil. Este foi o quarto empate seguido dos cariocas, sendo o terceiro sem marcar gols.

No primeiro tempo, o Vasco criou algumas chances de gol, mas parou nas boas defesas do goleiro André Luís. Já na etapa final, os cruz-maltinos desperdiçaram um pênalti, com o zagueiro Luan. O Cuiabá pouco foi efetivo na frente e só assustou o goleiro Martín Silva em um lance de Nino Guerreiro.

Na próxima fase da Copa do Brasil, o Vasco terá pela frente o América-RN. A partida de ida será em São Januário, ainda sem data definida.

O JOGO

O Vasco começou melhor a partida e criou a primeira chance de gol aos seis minutos. Dagoberto recebeu passe de Thalles na entrada da área e finalizou para grande defesa de André Luís. O Cuiabá tinha muita dificuldade em avançar, pois parava na marcação cruz-maltina. No entanto, os visitantes conseguiam segurar a pressão carioca.

Depois de um bom início, o Vasco viu o Cuiabá melhorar a marcação e impedir os bons avanços dos cariocas. Somente aos 31 minutos, os cruz-maltinos voltaram a ter chance de abrir o placar. Rafael Silva foi lançado na área e chutou para boa defesa de André Luís, que colocou para escanteio. Na cobrança, Thalles cabeceou, mas parou em mais uma grande defesa do goleiro mato-grossense.

Na parte final, o Cuiabá conseguiu criar sua primeira chance. Aos 41 minutos, Egon aproveitou erro da zaga para cabecear, só que sobre o travessão de Martín Silva. O lance animou os visitantes, que voltaram a assustar no minuto seguinte. Nino Guerreiro foi lançado na área e tentou uma puxada para o gol. Martín Silva estava atento para fazer a defesa. O Vasco ainda tentou se lançar ao ataque antes do fim, mas teve que sair para o intervalo com o empate.

No segundo tempo, o Vasco tentou impor uma pressão, mas esbarrava na dificuldade da equipe em criar boas jogadas no setor ofensivo. O Cuiabá pouco avançava e deixava o jogo em ritmo lento em São Januário.

A partida permaneceu com o mesmo panorama até os 29 minutos, quando Yago deu belo passe para Christiano na área. O lateral esquerdo finalizou, mas o goleiro André Luís fez grande defesa para salvar o Cuiabá.

O lance fez o Vasco crescer na partida. Tanto que aos 36 minutos, os cruz-maltinos tiveram a oportunidade de marcar. Yago sofreu pênalti, mas Luan desperdiçou a cobrança, ao ver André Luís acertar o canto e fazer a defesa.

Nos minutos finais, o Cuiabá passou pressionar em busca do gol da classificação, mas viu o goleiro André Luís salvar a equipe duas vezes em chutes de Marcinho e Yago. Os visitantes tiveram a última oportunidade marcar, em chute de Egon, que Martín Silva salvou. Assim, os cruz-maltinos asseguraram a passagem de fase na Copa do Brasil.

Com informações do NetVasco

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. scaval disse:

    Pq será que os abcdistas incomodam tanto??
    Até um festejo que deveria ser somente de vcs, fazem questão de falar na gente…kkkkkkkkkk
    Otário, comemora pq teu timinho passou de fase.

  2. Renato disse:

    Estou triste… todos os meus amigos abcistas sumiram do whatsapp. 🙁

(VÍDEO) – Rodrigo Pimpão: 'Voltaria sim para o Vasco. Não tenho nenhuma mágoa'

Após abrir o placar para o América-RN sobre o Vasco com um belo gol, Rodrigo Pimpão não enfrenta o América-MG, no estádio Independência, sexta-feira, às 19h30. Feliz com a vitória por 2 a 0, que deixou o time rubro com 33 pontos e apenas dois de deixar a zona do rebaixamento, o atacante se mostrou contente com o bom momento vivido no clube, mas admitiu que não teria receio de voltar a jogar em um grande centro do futebol. E, após deixar o clube cruzmaltino em 2012, Pimpão não vê problema em retornar ao Rio de Janeiro (assista ao vídeo).

– O Vasco abriu as portas para mim. Eu não tinha experiência como jogador, porque cursava faculdade e estava jogando futebol profissional a um ano, mas consegui realizar um bom trabalho, demonstrar um bom futebol em 2009, mas acabei me machucando e tendo algumas lesões. Então, voltaria sim para o Vasco. Não tenho nenhuma mágoa, nenhum receio. Aquele Rodrigo era um pouco inexperiente e, hoje, já está mais experiente, por ter aprendido um pouco no futebol – comentou Rodrigo Pimpão.

Entretanto, no América-RN desde março de 2014, após sair do clube potiguar para se aventurar no futebol iraniano, Pimpão diz querer cumprir seu contrato até maio de 2015. O bom desempenho na série B, já que ocupa a vice-liderança da artilharia com 13 gols, chamou a atenção de clubes da primeira divisão e até do grande rival do Dragão, o ABC. Profissional, Rodrigo diz que não veria problema em defender as cores do alvinegro.

– Já tive algumas propostas para sair esse ano de alguns clubes da série A, do exterior, uma oficial do Qatar, mas eu tenho contrato com o América-RN até mais de 2015. Se eu falar que já tive proposta do ABC, não estaria mentindo. Não vejo como desrespeito, mas sou um atleta profissional e tenho que defender as cores do clube que me contratar – disse o atacante.

Aos 26 anos e com passagens por 10 clubes, Rodrigo Pimpão contou que sente saudade do período que jogou no futebol japonês. Na “terra do sol nascente”, o atacante atuou pelo Cerezo Osaka e pelo Omiya Ardija em 2011. Porém, é do “maior mundo” que o jogador tem a lembrança mais marcante na carreira: o quinto, e gol da classificação, do América-RN sobre o Fluminense na Copa do Brasil, em pleno Maracanã.

– Tenho muita saudade do Japão, porque é um país onde recebi muito carinho de todos e ainda hoje converso com os japoneses. Mas o gol mais inesquecível é o que foi contra o Fluminense. É um gol que deu para a gente uma classificação histórica, com um resultado que todo mundo já dava como perdido. E o gol mais bonito foi contra Luverdense esse ano, pela série B, que vencemos por 2 a 0, em que peguei de vôleio e a bola foi no ângulo do goleiro adversário – concluiu.

Fonte: Sportv.com