PROCON NATAL constata redução nos preços dos combustíveis após redução nas refinarias

Pesquisa realizada no dia 03 de junho de 2019 em 70 postos da cidade do Natal, nas quatro regiões da cidade e encontrou redução nos preços da gasolina. O percentual reduzido foi na ordem de -5,79%. O preço médio da gasolina nas bombas em maio era de R$ 4,866, enquanto na nova pesquisa o valor médio encontrado foi R$ 4,584, ou seja, uma redução no preço médio encontrado de uma pesquisa para outra de R$ -0,282 centavos. O diesel comum também teve o preço reduzido de R$ 3,761 para R$ 3,754 com uma diferença de R$ -0,007 centavos de reais.

O Núcleo de pesquisa do PROCON NATAL acompanha mensalmente os preços dos combustíveis na cidade do Natal devido à política de preços aplicada pela estatal brasileira com reajustes de maior periodicidade, ou seja, a qualquer tempo com a variação da moeda internacional. Este formato tem sido aplicado desde 3 de julho de 2017.

No mês de maio de 2019, houve diversos reajustes, mas no mês de junho os preços dos combustíveis apresentam queda após a redução aplicada nas refinarias. Sendo assim o núcleo de pesquisa observou que o preço nas bombas para o consumidor natalense se encontra em queda e orienta aos motoristas que mesmo com preços em baixa não deixem de consultar a página do PROCON, uma vez que o a pesquisa encontrou postos com preços acessíveis e os que oferecem um valor melhor estão listados no endereço eletrônico www.natal.rn.gov.br/procon.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rocha disse:

    Baixou apenas em alguns postos da av. Ayrton Senna. A gasolina comum custa R$ 4,29

  2. junin disse:

    Baixou muito né ??? pra todo mundo comentar com felicidade!!!! esse só pode ser dono de posto…!!!!!

  3. Lino disse:

    Ninguém vai comentar????????????????.

    Quando sobe, não falta quem não fale em cartel, ximgamento a os donos de postos.
    Cadê os comentários?

Pesquisa do PROCON NATAL constata redução nos preços dos combustíveis

O PROCON NATAL realizou pesquisa de combustíveis no dia 07 fevereiro de 2019, em 70 postos de combustíveis da cidade do Natal nas quatro regiões. O levantamento constatou a tendência de baixa que é observada nos preços dos combustíveis desde do ano passado. Nos últimos meses, a pesquisa identifica uma redução nos preços repassados pela refinaria aos donos de postos, nos dois primeiros meses do ano o acumulado identificado pelo Núcleo de pesquisa foi de -6,32% uma vez que em janeiro a redução encontrada foi de -3,04% e em fevereiro a redução foi de -3,18%.

O PROCON NATAL constatou, portanto que os valores encontrados nos postos de combustíveis seguem tendência negativa uma vez que houve reduções por dois meses seguidos, janeiro e fevereiro. Em fevereiro, inclusive, foi encontrada redução em 98,6% dos postos pesquisados. O PROCON NATAL orienta aos consumidores que consultem na íntegra a pesquisa mensalmente realizada e divulgada, no endereço eletrônico www.natal.rn.gov.br/procon, e que fiquem atentos aos preços.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Juailson disse:

    Só não baixa o gás veicular, queria saber que mistério é esse!!!!

PROCON Natal constata aumento nos preços dos combustíveis e gasolina custa em média R$ 4,81

No último dia 05 de setembro, o PROCON NATAL realizou uma pesquisa após a Petrobras anunciar aumento nas refinarias nos preços da gasolina tipo A para averiguar se o acréscimo havia sido repassado ao consumidor. O órgão constatou um aumento de 6,10% em relação à pesquisa do mês de agosto. O levantamento apurou os valores praticados em 69 postos de combustíveis da cidade do Natal nas suas quatro regiões. A constatação é a de que o aumento dos preços das refinarias foi sim repassado ao consumidor final.

GASOLINA COMUM

Com relação ao combustível mais utilizado pelo natalense, a gasolina comum, a diferença entre o maior preço praticado (R$4,899) e o menor (R$4,550) equivale a uma variação de (10,19%). Já o preço médio atual do combustível é de (R$4,814).

Entre as regiões, a Zona Oeste foi a que apresentou o menor preço médio para a Gasolina Comum, (R$4,727). O menor valor foi encontrado no bairro de Cidade da Esperança (R$4,550). Já o maior preço da gasolina comum em média foi encontrado na zona sul com (R$4,843) sendo o maior valor encontrado no bairro de Ponta Negra (R$4,899).

O PROCON NATAL orienta aos consumidores que consultem na íntegra a pesquisa mensalmente realizada e divulgada no endereço eletrônico www.natal.rn.gov.br/procon. Através dela, é possível ter acesso às informações dos preços praticados em toda a cidade.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ítalo disse:

    Em Caicó sexta-feira(14),está 4,76.

  2. Anderson disse:

    Constatou. E? NADA! Efetivamente, o PROCON só "descobriu" o que a população já está cansada de saber: houve, há e haverá abusos nos reajustes dos combustíveis. Mais digno seria, salvo melhor juízo, propôr uma demanda estatal contra os abusos, ou contra os abusadores. O que, possivelmente, o PROCON fez, neste caso, foi simplesmente uma "cotação de preços", deixando, porém, a defesa do consumidor prejudicada.

  3. Antônio paiva disse:

    Abasteci em Recife hoje 4,29