Após recusa de universidades, MEC desiste de retorno das aulas em janeiro

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministério da Educação vai revogar a portaria em que determina o retorno das aulas das universidades a partir de janeiro. O ministro, Milton Ribeiro, afirmou à CNN que irá abrir uma consulta pública para ouvir o mundo acadêmico antes de tomar nova decisão.

O ministério foi criticado por universidades que se recusaram a voltar às aulas por não avaliar ser o melhor momento.

“Quero abrir uma consulta pública para ouvir o mundo acadêmico. As escolas não estavam preparadas, faltava planejamento”, afirmou o ministro à coluna.

O ministro afirmou que consultou mantenedores de universidades antes de publicar a portaria desta quarta-feira. E que não esperava tanta resistência. “A sociedade está preocupada, quero ser sensível ao sentimento da população”, disse.

De acordo com Milton Ribeiro, o ministério vai liberar o retorno às aulas somente quando as instituições também estiverem confiantes de que as aulas possam ocorrer em segurança.

CNN Brasil

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cesar Bomone disse:

    VERGONHA, formar profissionais para o mercado de trabalho apenas com aulas remotas, como ficam as aulas práticas? Isso é uma ENGANAÇÃO.
    Como esses profissionais vão ter condições de realizar qualquer procedimento no mundo real, se não praticaram em sala de aula.
    As universidades privadas há muito retornaram, com as medidas de segurança as universidades públicas também já poderiam retornar.
    Muitos outros profissionais estão trabalhando em condições muito mais arriscada para o Covid do que os professores, tais quais bancários, motoristas de ônibus, policiais, etc.
    Parece que os professores gostaram de passar a maior parte do ano recebendo em dia e em casa. A sociedade é quem paga a conta.
    Parece também que a educação de qualidade não é prioridade para as universidades, que parecem não se esforçar para melhorar a situação.

  2. Lucis disse:

    Todo mundo voltou a trabalhar.So esse segmento tem privilégio de ficar em casa.As suas vidas tem mais valor que as demais?

  3. Morais disse:

    André, Severino e Osvaldo, grandes…,
    Seus comentários equiparam-se aos seus conhecimentos. Lamentável! Não generalizem! A maioria desses que provocam aglomerações vocês sabem quem são e o que pensam. Desconhecem o trabalho dos professores. Gostaríamos muito de trabalharmos presencialmente. De moso remoto temos que replanejar, pesquisar, trabalhar por videoconferência, preencher dezenas de formulários, participar de formações e reuniões administrativas e pedagógicas on-line sem turno definido, acompanhar os e-mails para recebimento de atividades, acompanhar os grupos de mídias sociais para atender alunos, ir à escola pegar atividades impressas devolvidas pelos alunos que não têm acesso a internet, acessar o sistema para lançar conteúdos, atividades e acompanhar os que acessam. E ainda elaborar relatório de desenvolvimento parcial das atividades remotas em andamento, pois o MP também acompanha as ações realizadas pela escola. Falem apenas do que sabem com propriedade! Professor está acostumado a trabalhar. Afinal jornada de dois turnos de trabalho com cinco aulas cada um, com quarenta alunos em cada sala, mais um em casa planejando e corrigindo atividades não assusta ninguém!

  4. Ivan disse:

    Vagabundos!!!! Instituições fomentadoras de vagabundagem!!!!

    • Kelly disse:

      Que revolta é essa, vamos estudar numa federal e publicar alguns artigos internacionais. Prometo que a raivinha passa.

  5. flavio disse:

    quando vejo um posicionamento destes acho que deveríamos renomear as Universidades, para creches superiores. É um absurdo ! estamos lidando com o ensino superior deste país, se os professores e alunos não tem a capacidade de se adequar as exigências sanitárias imaginem a qualificação profissional dos que irão sair destas autarquias.
    Infelizmente estão utilizando as UF´s como campo de batalha ideológico, pena que os alunos não enxergam o tamanho do dano que estão causando na sua formação profissional, os servidores estão com seus proventos garantidos e não estão preocupados com a perdas do aprendizado, acorda moçada o tempo perdido vai ser cobrado depois e na vida real não vale mimimi, nem choro e vela o fumo é grande.

  6. thiago barbosa disse:

    sem condições de escolas e universidades voltarem na modalidade presencial.
    nunca deram valor aos professores, agora tudo pedindo arrego… não aguentam seus filhos dentro de casa?
    aprendam a respeitar os professores! são 40 adolescentes dentro de uma sala, você não aguenta 1 na sua!

    • André disse:

      Todo mundo pode voltar ao trabalho, enquanto isso vcs não podem voltar ? Os bares estão lotados de universitários de segunda a segunda

    • Severino disse:

      -Quem não aguenta aborrecente não vai ensinar.
      -Professor é pago para aturar (pelo visto não são os riscos de contágio, né? arrumaram um pretexto).
      -Quem já é professor e não os atura pede demissão.
      -As particulares já voltaram.
      -Quem não dá valor a professor?
      -EU até acho que professores públicos no Brasil são até sobrevalorizados para o que entregam.

    • Osvaldo disse:

      Se os pais vão ter a função de educador, tranquilo, que vocês SEJAM DEMITIDOS.
      Se professor não é para assumir sala de aula, que a função SEJA EXTINTA.
      Simples assim.
      Por sinal, desde quando alguns professores não são dispensáveis?
      Professor deveria dar exemplo e não ficar querendo receber SEM TRABALHAR

  7. Gaudêncio Honorato disse:

    O MEC é inocente ou se faz de desentendido?
    Nunca os professores tiveram tanta chance de não trabalhar e receber, que conversa é essa de voltar as aulas presenciais?
    Nem com a vacina isso vai acontecer, afinal o discurso já está todo preparado, depois de torrar bilhões com as vacinas, vem os "cientistas" dizem que o vírus mudou e o isolamento com lockdawn deve continuar, pois a vacina não tem efeito sobre o vírus novo.
    Será uma situação cíclica, para todo o sempre, vacina, mutação, isolamento.
    Ainda não entenderam? Já foi até desenhado e vocês não conseguem entender?

COMENTE AQUI