Novo decreto estadual atinge empresas do Alecrim e Associação dos Empresários pede ajuda do Estado e Prefeitura

O novo Decreto Estadual nº 29.600/2020 estabelece medidas mais rígidas de isolamento social no Rio Grande do Norte para diminuir o contágio pelo novo coronavírus (Covid-19) e vai impactar nos negócios do Alecrim.

“A adoção dessas medidas já era esperada pelo comércio, diante do agravamento dos casos de coronavírus em nosso Estado, contudo vai ampliar as dificuldades das empresas que terão suas receitas estagnadas.

As micro e pequenas empresas do Alecrim, que constituem mais de 92% do total de estabelecimentos no bairro, serão as mais afetadas com essa decisão, pois a maioria delas não tem estrutura para desenvolver um trabalho de vendas online e devem ter queda de quase 100% nas suas vendas.

Chegou o momento do Governo do Estado e Prefeitura de Natal ampliarem as medidas de ajuda, uma vez que apenas prorrogar impostos e tarifas são insuficientes para manter essas empresas ativas.

Caso os governos não encontrem mecanismos de apoio à sobrevivência dessas empresas, o RN irá conviver com índices alarmantes de desemprego, pobreza e empresas falidas.

A AEBA, juntamente com outras lideranças do comércio, CDL, Fecomércio, Sindicatos e Sebrae, vem atuando junto aos governos, em busca de ações que possam diminuir os impactos dessa crise.

Pedro Campos de Azevedo
AEBA – Associação dos Empresários do Bairro do Alecrim”

Related Post

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Francisco de Assis Xaviet disse:

    Incompetência total desse governo, querem transformar o RN em Venezuela

  2. Juvenal Loureti disse:

    Lideranças do comércio, CDL, Fecomércio, Sindicatos e Sebrae, coloquem na cabeça que é necessário PARAR, do que ENTRAR EM COLAPSO e os números só aumentam!!! Aproveito para breve me desfiliar a CDL!

    • Tertu disse:

      Feche mas pague o aluguel, o funcionário, seus fornecedores, a mulher da quentinha e o rapaz do detergente. Não faça como os petralhas, Fecham o comércio, e some com a mercadoria e não paga a ninguém. Assim é fácil.

COMENTE AQUI