PP não libera ninguém

Escolhido pela Comissão Executiva Nacional do PP para ser o novo presidente do partido no Rio Grande do Norte, o vereador Sérgio Andrade, Parnamirim, iniciou entendimentos com os 16 prefeitos filiados à legenda. Em entrevista ao Jornal da Manhã, da 95FM, Sérgio Andrade disse que ontem já conversou com cinco prefeitos e que hoje manterá contato com outros seis.

Andrade já avisou que, por determinação da Executiva Nacional, o PP não vai liberar nenhum dos seus filiados a se transferir para outra legenda sem enfrentar a sanção da perda do mandato. O recado é claro e voltado para alguns dos prefeitos descontentes com o desfecho do processo de troca de comando da legenda no Estado.

Um grupo de prefeitos e o vice-prefeito de Natal, Paulinho Freire articulavam para que o prefeito Ivan Júnior, de Assu, assumisse o comando estadual. Outros nomes chegaram a ser cogitados, incluindo o ex-senador Geraldo Melo e o ex-deputado federal Ney Lopes de Sousa.

Escolhido, Sérgio Andrade garantiu que estar empenhado em manter a unidade do grupo e que vai procurar estabelecer entendimento com todos os prefeitos filiados.
O problema é que o deputado Henrique Alves, líder do PMDB na Câmara dos Deputados, trabalha para que a Executiva Nacional do PP libere alguns prefeitos que desejam deixar a legenda sem correr o risco de perder o mandato. Vários desses prefeitos podem, se autorizados, se transferir para o PMDB.