Polícia

PM diz que foi recebida a tiros em rua onde neto do Neguinho da Beija-Flor foi morto; no local, acontecia um baile funk

Gabriel, neto de Neguinho da Beija-Flor, foi morto a tiro — Foto: Reprodução

A Polícia Militar informou que homens do 20º BPM (Mesquita) foram recebidos a tiros ao checar uma denúncia de um evento não autorizado em uma rua do Morro da Bacia, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, na madrugada de domingo (18). Quatro pessoas foram atingidas e três morreram, entre elas estava Gabriel Ribeiro Marcondes, de 20 anos, neto do sambista Neguinho da Beija-Flor.

No local, acontecia um baile funk. Gabriel chegou a ser levado para o Hospital da Posse, mas não resistiu.

Além dele, outras duas pessoas morreram. Os mortos são Mateus da Silva Gomes e um homem ainda não identificado pela polícia.

O quarto atingido foi preso em flagrante por tráfico, associação e tentativa de homicídio.

O caso é investigado pela 58ª DP (Posse). A Polícia Civil ainda apura as circunstâncias do crime.

Neguinho da Beija-Flor agradeceu a amigos e fãs

Pelas redes sociais, Neguinho da Beija-flor agradeceu o carinho de amigos e fãs, disse que está cuidando da burocracia e que espera Justiça.

O pai de Gabriel, Paulo César Marcondes, é filho do sambista.

“Pessoal, agradeço por todas as mensagens de conforto e carinho que estou recebendo de amigos e fãs, por conta da passagem do meu neto Gabriel. Peço desculpas aos amigos por não estar atendendo e nem retornando como ligações, mas estou cuidando da burocracia para o enterro, já que o meu filho PC não está condições de cuidar sozinho de tudo. É um momento muito difícil. A dor é enorme. Peço que orem para que o Gabriel siga um caminho de luz. E espero que a polícia e a justiça cumpram seu papel”, disse o sambista.

A declaração de óbito de Gabriel, obtida pelo G1, atestou a causa da morte como “lesão causada por projétil de arma de fogo”.

O sepultamento de Gabriel está marcado para as 16h desta segunda-feira (19), no Cemitério de Nova Iguaçu.

Em nota, a escola de samba Beija-Flor ofereceu solidariedade à família e pediu que as circunstâncias da morte sejam apuradas:

“A Beija-Flor de Nilópolis — em nome de toda sua diretoria, artistas, funcionários, componentes e torcedores — presta solidariedade ao intérprete Neguinho da Beija-Flor e sua família pela perda do jovem Gabriel Marcondes, de 20 anos, na madrugada deste domingo, 18. Como uma escola de samba que age coletivamente como uma família, a azul e branco acolhe com carinho o músico e aqueles que, como Neguinho, vivenciam o luto e a dor dessa despedida inesperada e prematura.

Nossa agremiação espera que as circunstâncias do episódio que vitimou Gabriel sejam esclarecidas e expressa o desejo de dias melhores para os cidadãos da Baixada Fluminense.

Carinho e respeito ao dono da nossa voz oficial e aos seus.”

G1

 

Opinião dos leitores

  1. Comentários infeliz desses dois cidadoes muito dor para essa família esperem pelas investigações!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Baile funk reúne multidão em meio a quarentena no litoral de SP

Foto: G1 Santos

Um pancadão de mais de sete horas de duração, realizado na madrugada desta segunda-feira (18), perturbou moradores de São Vicente, no litoral de São Paulo. Segundo testemunhas, a Polícia Militar foi acionada para fiscalizar o evento, no entanto, nenhuma equipe compareceu ao local.

Conforme apurado pelo G1, o evento começou na noite do último domingo (17), por volta das 21h, na Rua Vale do Pó, no bairro Vila Margarida. O pancadão é um termo usado para se referir a festas e bailes em que é tocado funk em alto volume.

Segundo uma moradora, que prefere não se identificar, dezenas de pessoas começaram a se aglomerar, sem proteção, logo após o começo da festa. “Teve um carro e uma caixa de som e muita gente na rua. Nunca tinha acontecido isso por aqui. Cheguei a chamar a polícia e disseram que já tinha 15 denúncias do baile, mas nenhuma viatura apareceu. Ninguém que precisava conseguiu dormir aqui na rua hoje”, relata.

Além do barulho, moradores também flagraram os participantes aglomerados e sem a máscara de proteção facial, contrariando as recomendações sanitárias do combate à pandemia do novo coronavírus (Covid-19) e, já durante a manhã, embalagens e lixo espalhados pela rua.

“É uma falta de respeito. Tenho uma criança de dois anos e a minha mãe, que é idosa, em casa, e ninguém conseguiu dormir hoje, só acabou 4h, quando eu levantei para trabalhar. Ainda deixaram essa sujeira. Quem vai limpar tudo isso? E como a polícia não foi, eles vão achar que podem continuar a fazer esses bailes”, conta a testemunha.

Em nota, a Prefeitura de São Vicente informa que a Guarda Civil Municipal não interfere neste tipo de ocorrência, que, normalmente, é atendida pela Polícia Militar. A Secretaria de Comércio, Indústria e Negócios Portuários (Secinp) informa que não recebeu qualquer denúncia em relação ao referido baile funk. A Secinp também ressalta que seus fiscais vêm atuando diuturnamente em diversas frentes, inclusive em denúncias sobre bailes funks.

O G1 também questionou a Polícia Militar a respeito das denúncias, no entanto, não obteve resposta até a última atualização desta matéria.

G1

 

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Segurança

VÍDEO – Ameaçador não somente ao presidente do Brasil: Bandidos em baile funk xingam Bolsonaro e erguem fuzis

Carlos Bolsonaro publicou em suas redes sociais imagens de um baile funk em que criminosos xingam Jair Bolsonaro e erguem seus fuzis. Uma ameaça que vai mais além do presidente: um Brasil refém da bandidagem com necessidade de medidas firmes contra a violência e sobre quem promove.

O pacote anticrime proposto pelo ministro da Justiça Sérgio Moro é a prioridade número um do Brasil. Para “ontem”.

Opinião dos leitores

  1. Ouxi, mas não é pra derramar armas na sociedade que esse povinho "inteligente" votou no Bozo? taí arma à vontade.

  2. Bandidos e fiadores do pt ladrao , não perdem por esperar , a resposta vem “mansa” quem viver verá !!!

  3. Essa família é muito incompetente. Ainda bem, já que serão os "fiadores" da volta triunfal do PT!!!

    1. Maravilha… Continuam vivendo fora da realidade e projetando coisas que não vão acontecer… show …kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Depois da saída de Dilma os petistas em estado de delírio e desesperos, vivem de projetar situações, se agarram nelas com fatos e depois vão curtir seus pesadelos com a realidade oposta as ilusões criadas… beleza, continue assim!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *