Caso Neymar: em entrevista a revista, ex-marido de Najila confirma relato de agressão, mas nega estupro

Neymar e Najila Foto: REUTERS e Reprodução SBT

Estivens Alves, ex-marido de Najila Trindade, a mulher que acusa Neymar de agressão sexual, afirmou em entrevista à revista “Isto é” que a modelo não foi estuprada pelo jogador do PSG. Seu relato se baseia em conversas com a ex-mulher e no vídeo do segundo encontro entre ela e o craque da seleção, em Paris, ao qual Estivens teve acesso na íntegra. Ele confirmou, porém, os relatos de agressão.

O ex-marido de Najila conta que, após o primeiro contato entre os dois na capital francesa, a modelo relatara que Neymar havia sido “escroto” e “imbecil”. “Ela falou que ele tinha sido muito agressivo, mas não citou nada sobre relação sexual e estupro. Então, ela me disse que ia andar um pouco para esfriar a cabeça”, relata o Estivens.

“Estupro é uma palavra muito pesada. Estupro propriamente dito não houve. Essa é a conclusão do Estivens. Não houve estupro. No máximo houve um desentendimento entre ambos no meio da relação sexual. Ele assumiu que bebeu antes e pode ter ultrapassado o limite”, acrescenta.

O publicitário contou que teve acesso à íntegra do vídeo de 7 minutos do segundo encontro entre Najila e Neymar num hotel em Paris. Uma versão reduzida desse episódio, que vazou na internet nos dias seguintes ao escândalo, mostrava a modelo batendo no jogador. Ele narra o que diz ter visto nas imagens:

“Ela vai recebê-lo na porta [do quarto], beija e tudo. Vão para a cama. Ela dá um tapa nele. […] Ele recua um pouco e ela fala: ‘Você vai me bater. Não vai devolver?’. Ele se levanta e ela fala: ‘Você me bateu e me deixou aqui sozinha’. Nesse momento, ela se recolhe. Não dá para ver se está inclinada, não dá para saber se está caída ou abaixada. Mas dá para ouvir. Ele fala: ‘Linda, calma. Relaxa, relaxa’. Ele fica ao lado dela uns três minutos, tentando acalmá-la. Ele a levanta pelos braços, sem agressividade. Com as mãos nos bolsos ela começa a chorar. E pergunta: ‘Por que você fez isso comigo? Por que você me bateu e me deixou aqui?’. E chora. Ele pede calma repetidas vezes, sem responder às perguntas dela.”

E completa:

“Ele se mostra uma pessoa muito assustada com tudo que estava acontecendo, sem esperar por aquela reação dela. Até que ele consegue ter algum controle sobre a situação. Ele senta ela na cama e fala: ‘Eu não te falei que não conseguiria ficar com você. Lembra que eu te falei para trazer uma amiga? Era para você não se sentir sozinha. Eu tenho meus compromissos. Tenho que treinar, tenho meu médico, meus tratamentos e minhas campanhas’. Ela fala: ‘Me perdoa? Eu te machuquei? Eu não queria ter te machucado. Eu estraguei tudo’. Não tenho certeza, mas parece que ele pergunta o que poderia fazer por ela, que responde: ‘Quero ir embora, para minha casa’. Ele pega o celular, liga ou manda mensagem para alguém. Ela levanta, vai ao banheiro, onde estava o celular, e encerra o vídeo.”

O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Dr. Veneno disse:

    Isso é coisa da mídia atrás de noticia e audiência.
    Não tenho procuração para defender Neymar, mas desde o começo q a coisa está toda dissimulada, com o intuito claro de se obter alguma vantagem com a situação.

  2. Lourdes Siqueira disse:

    Eu não consigo entender o que o ex t com isso. Vai já ser convidado pra fazer novela.
    Noticias requentadas…..

  3. Decio Nascimento disse:

    Estou com Neymar, sendo verdade ou nao.

VÍDEO: Em entrevista, Michele Bolsonaro surpreende, fala de origem humilde, revela trabalhos voluntários e projetos importantes como primeira-dama

A primeira-dama Michelle Bolsonaro foi entrevistada pela TV Record no último domingo (20). Ela aproveitou o momento para defender a escolha da amiga Priscila Gaspar para comandar a Secretaria Especial dos Diretos das Pessoas com Deficiência, órgão do governo federal.

“A Priscila Gaspar tem um currículo invejável. Ela é uma surda bilíngue, é professora da PUC de São Paulo. Então, olha a maldade. Eu esperava assim: a primeira surda da história a ocupar uma vaga no governo, algo que fosse abrilhantar. Foi como se eu estivesse fazendo a ‘farra das amigas’, como se eu estivesse beneficiando amigas, e não foi isso”, afirmou a primeira-dama criticando também algumas manchetes da imprensa.

À Record, Michelle revelou que seu discurso em Libras durante a posse o marido foi mantida em segredo. Segundo ela, a ideia surgiu 10 dias antes da posse, e o cerimonial da presidência foi comunicado apenas na véspera. E o presidente só soube do que aconteceria duas horas antes.

Michelle também afirmou ter brigado “indiretamente” com o cerimonial da posse para ter um intérprete para traduzir o hino nacional para Libras. “Eu estou educando as pessoas a respeitarem os direitos que eles já conseguiram”, disse.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Jacques Derrida disse:

    Legal Muito autruista a primeira Dama. – ops Michele Bolsonaro a matriarca do clã deveria ter explicado os depósitos feitos pelo motorista/laranja,/ que faz rolo com carros. Casa a Michele se sentisse melhor ela poderia discursar ou explicar em libras.

  2. Valdir disse:

    Perdeu muito tempo fazendo coisas erradas, se tivesse "vendido avon" poderia ter R$ 70 milhões para deixar aos filhos, nem precisava se esforçar para juntar essa fortuna. As primeiras damas precisam aprender com o exemplo de outras. Pena que o povo só toma conhecimento pós morte

  3. Luiz Soares filho disse:

    Tem razão a primeira Dama do Brasil.
    Diferente dos que defendiam, intransigentemente as minorias e os desiguais, também. O problema é que, nos quatro governos que se dizia da minoria, jamais se viu um deficiente assumir cargo de destaque no governo, vai-se sim, receberem bolsas para impulsionaram o populismo do governo. É, agora, está ex-nação populista protestam até quando as nuvens prenunciam que vai chover.

Em entrevista, Robinson diz que em dois meses põe salários em dia

Reprodução: InterTV Cabugi. Entrevista  na íntegra aqui

Em entrevista ao Bom Dia RN nesta quarta-feira(20), Robinson Faria diz que espera autorização do TJ para usar R$ 300 milhões do Fundo Financeiro do Estado para normalizar pagamento do funcionalismo público.

“Na hora que o TJ autorizar, são 300 e poucos milhões de reais, vamos colocar a folha em dia dos que mais precisam, que são os inativos – os aposentados e os pensionistas. Com esse dinheiro aprovado no TJ, autorizando o estado a utilizar, e com outras vertentes que estamos buscando, pretendemos colocar a folha em dia em no máximo em dois meses”, afirmou.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ceará-Mundão disse:

    Esse governador está perdidão. Já prometeu muita coisa que acabou descumprindo. É de se esperar mais esse episódio da saga.

  2. Maciel disse:

    Falastrão!!

  3. Paulo Silva disse:

    Alguém avisa a este demagogo que já deu…. está fazendo papel de palhaço…. NINGUÉM ACREDITA NAS LOROTAS CONTADAS PELO GOVERNADOR DA SEGURANÇA…. Um péssimo gestor….

  4. Fran disse:

    Dois meses são só 60 dias. Robinson transformou o RN., em um lugar de excelência, vejamos: Incapacidade administrativa, Insegurança total, Saúde caos completo, Educação não vou dizer nada… Bom mesmo só para o marketing e bajuladores de plantão. É muita falta de absurdo……

  5. Sônia disse:

    Esse senhor deveria ficar calado, chega de inverdades, já disse essa mesma ladainha para dezembro, depois Março e agora abril. Não cumpre nem o parcelamento ilegal do décimo terceiro que ele mesmo propôs.

    • M.D.R. disse:

      Continua mentindo, nenhum momento o Governo falou a respeito do aumento das arrecadações . Já dizia o Senador JOSÉ AGRIPINO: "comparando é que se sabe " vejam os outros ESTADOS ?

  6. Mc D> disse:

    O maior erro dos potiguares é não reeleger lo, pois Ninguém como Robinson conhece a atual situação do RN, pra quem não sabe, não foi Robinson que quebrou o RN, vem de longe, a bomba é que estourou no seu colo, essa é a verdade. Agora quer vê desmantelo? Entregue esse Estado as Familias que estão no poder a anos, logo logo o Estado sai do lado técnico, pras nomeações politiqueiras. E se colocar uma inesperiente em gestão, aí é o fim do RN. É chegada a hora do povo ter visão das coisas, Robinson Faria reeleito o RN da um salto pro futuro. Anote aí !! Detalhe na última eleição votei no Robério, nessa é Robinson. Deixe o homem trabalhar.

    • duendevermelho disse:

      É pra rir… Concordo que o Estado vem quebrado a algum tempo, concordo também em não entregar o Estado nas mãos de pessoas inexperientes em gestão, porém discordo da competência do Governador. Ele sabia mais do que ninguém que o estado estava quebrado desde o início dos saques do fundo previdenciário no fim do governo rosalba e início de seu governo, mas deixou a bola de neve acontecer… Apesar de ter uma equipe competente, a culpa é sim do Governador da INsegurança. Só esse ano que eu estou vendo alguma ação do Governador para mudar o quadro junto a Assembléia Legislativa, pois infelizmente não teve coragem de fazer o que tinha que ser feito no início do seu mandato. Enfim, chega de "mais do mesmo"!

      Que apareça alguém com coragem pra enfrentar os problemas do Estado, pois o Senhor Robinson empurrou com a barriga até onde pôde.

    • Claudomiro disse:

      Você é um dos comissionados da Assembléia?

    • Mc D> disse:

      O estado do RN não tem maquina de fazer dinheiro, no Brasil só exister na casa da moeda, por tanto não se trata de empurrar o problema com a barriga. Foi feito o possível, não o que se tem vontade. Entendeu? Era pra demitir mães e pais de familias?? Agora bote o RN nas mãos desses profissionais e de pessoas não experientes pra tu vê o que vai acontecer.

  7. Walter disse:

    O Sr. Governador já deveria ter aprendido a não mais fazer promessas ou previsões no seu desgoverno, visto que até hoje nenhuma promessa (desde a campanha) foi cumprida e nenhuma previsão concretizada. Já se tornou um verdadeiro "ENGODO GOVERNAMENTAL". Falar menos e fazer mais deve ser seu lema.

  8. antonio dantas disse:

    não vai não, não vai não

  9. carlos cunha disse:

    Nunca mentiu…

  10. JUNIOR PINHEIRO disse:

    NINGUÉM ACREDITA MAIS NELE…!! NAO PAGOU NEM O DÉCIMO E AINDA QUER SER CANDIDATO DE NOVO…!! PRA CIMA DE MIM SÓ MEU LENÇOL!!

  11. Luiz Costa1 disse:

    Além de palhaço aqura é mágico também!!!!

‘Pegaram a pessoa errada’, diz viúva de hoteleiro suspeita em Natal de ser mandante de crime, em entrevista

img-20161208-wa0016“A polícia prendeu a pessoa errada. Não tinha motivos para querer o Ademar morto. Ele foi um excelente marido e era o melhor pai que os meus filhos poderiam ter”. A declaração é da estudante de Direito Marta Renatta Borsatto, de 30 anos, que foi presa nesta quinta-feira (8) suspeita de ser a autora intelectual do crime. Na tarde desta sexta (9), ela conversou com exclusividade com o portal G1-RN na condição de não ser filmada ou fotografada.

Durante a entrevista, Renatta diz que não tinha motivos para matar ou mandar matar o empresário, e disse que mesmo em fase de separação, por causa dos três filhos, mantinha um bom relacionamento com o marido. Ela diz não ter ideia de quem tenha matado Ademar Miranda e qual seria a motivação para o crime. “Eu não tenho nada a ver com essa história. Fui exposta e meus filhos estão sendo prejudicados por essa história toda”, desabafou.

O advogado que defende Renatta Borsatto, Fernandes Braga, já ingressou com um habeas corpus para libertá-la. “Essa prisão não tem cabimento. Não há nada que ligue a minha cliente ao crime. Por esse motivo, já pedi que a prisão temporária seja quebrada”, falou Fernandes.

Confira entrevista completa em reportagem na íntegra aqui

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Caicoense Fingido disse:

    Uma bichona dessas é de matar mesmo. Uau…

  2. Julia disse:

    Interessante…..depois de pouco tempo de separada de corpos como a mesma diz nao tem pudor e ja estava namorando!!!! Sem contar que menos de um mes festejava com o namorado….estranho para quem viveu tantos anos com Ademar….chorar na cadeia? Ela esqueceu de relatar que ha poucos dias foi denunciada pelo Conselho Tutelar…

  3. Carlúcio disse:

    Pegaram a pessoa errada? Pelas circunstâncias do crime nunca tive dúvidas que essa mulher era a assassina. Acho inclusive que a polícia com seus ótimos investigadores também não. Espero que ela apodreça na cadeia.

VÍDEO: Lula participava de perto do que ocorria na Petrobras, diz Delcídio, em entrevista

Processado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que pede indenizações por danos morais, o ex-senador e delator da Lava Jato Delcídio do Amaral rompeu o silêncio de meses e disse em entrevista exclusiva à Jovem Pan que Lula acompanhava de perto o que ocorria na Petrobras durante seu governo.

Questionado pelo jornalista Claudio Tognolli se “Lula é o pai do mensalão e do petrolão”, o ex-parlamentar do PT que presidiu a CPMI do mensalão em 2005 ironiza: “Lula nunca sabe de nada, no petrolão também”. E ressalta: “Mas, claro, ele era um presidente protagonista, atuante. Tinha um perfil diferente”. “No caso do mensalão, efetivamente, as provas são contundentes, tanto é que foram reconhecidas (…). Ficou muito claro quem era quem nesse processo (do mensalão)”, declarou Delcídio.

“Agora, em relação à Petrobras é inegável. A Petrobras sempre teve influência política. Dizer que isso começou agora não é verdade. Como também corrupção e caixa dois não são privilégio do PT, do PMDB, isso já existe, existia”, ressaltou Delcídio, que também foi ministro de Minas e Energia entre 1994 e 1995. “No caso do governo Lula, a Petrobras teve uma participação muito mais ampla do governo. Era uma política de Estado, (de ter) a Petrobras como alavancadora do desenvolvimento e do crescimento do País”, lembrou o ex-petista, que sempre teve bom trânsito no Planalto.

“Então isso naturalmente exigia um acompanhamento claro e um posicionamento muito mais próximo de um presidente da República e de seus ministros do que em outros governos”, afirmou Delcídio do Amaral. “Ou seja, Lula acompanhava de perto?”, pergunta Tognolli. “Acompanhava. Isso é claro, isso eu vi bem”, reiterou.

“Pós-mensalão”

Delcídio disse acreditar que a derrocada da Petrobras e do governo lulopetista se deu “pós-mensalão”. “Quando vem o mensalão, o governo Lula teve que se rearrumar internamente, começa a compartilhar o seu governo e escolhe o PMDB como seu parceiro principal”, lembrou. “Consequentemente a Petrobras passa a ter um papel do ponto de vista político, sob o ponto de vista do azeitamento da máquina política e de sustentação do governo”.

“Ação ampla”

Delcídio comentou também, durante a entrevista, outra acusação que fez ao ex-presidente em sua delação premiada à Operação Lava Jato.

O ex-senador falou em seu depoimento à força-tarefa que partiu de Lula a ordem “expressa” para oferecer dinheiro à família do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró, a fim de que este não fizesse delação premiada nem citasse o suposto esquema de compra de sondas superfaturadas pela estatal com o amigo do ex-presidente, o pecuarista José Carlos Bumlai. Bernardo Cerveró, filho de Nestor, gravou a conversa com Delcídio que levou à prisão do ex-senador em novembro do ano passado por tentar obstruir a justiça.

“Na verdade era uma grande articulação, não era só com relação ao Lula e Bumlai”, disse Delcídio, sobre o suposto plano do então governo Dilma de abafar a operação que atingia o núcleo do governo. “(Era um) pedido específico do Lula, mas também era uma ação de governo, muito mais ampla”, afirmou.

*Em nota enviada à Jovem Pan a defesa do ex-presidente Lula informou que o ex-senador Delcídio do Amaral mentiu sobre a compra do silêncio de Nestor Cerveró e está sendo processado por este motivo. Confira a nota na íntegra:

“O ex-senador Delcídio do Amaral está sendo processado porque mentiu em relação a Lula. A ação proposta no último dia 10/11 diz respeito apenas à mentira sobre a compra do silêncio de Nestor Cerveró. As demais mentiras serão objeto de novas ações. Tal como ele, todos aqueles que forjarem acusação para obter benefícios da Justiça serão processados”.

Confira a entrevista completa:

UOL, via Jovem Pan

 

VÍDEO: Em entrevista, diretor do Cruzeiro diz que já ‘comprou’ juiz, mas que ele não cumpriu acordo

622_37cc77cd-a076-3665-97b5-e63765a6022eVÍDEO AQUI

Com longa trajetória no Cruzeiro, Benecy Queiroz chegou ao clube na década de 70 e já desempenhou diversas funções nos bastidores celestes. Hoje supervisor de futebol, ele revelou, em entrevista ao programa Meio de Campo, da Rede Minas, que já ‘comprou’ um juiz para assegurar uma vitória durante passagem de Ênio Andrade pela Toca da Raposa.

Ele preferiu não dar mais detalhes sobre a partida em que isso aconteceu.

Falecido em 1997, Andrade comandou o time celeste em cinco ocasiões diferentes entre os anos 80 e 90.

“São coisas difíceis de você responder. Efetivamente que existe a mala branca, existe a mala branca. Todos nós sabemos que times menores aceitam. Não digo que é suborno, tá? Porque se a gente partir do raciocínio que é suborno, os clubes não pagariam bicho, prêmios tão altos para ganhar”, respondeu, ao ser perguntado se já havia sido procurado para o Cruzeiro ‘entregar’ um jogo.

“Só vou citar um caso específico, não falo o nome, aqui em Minas Gerais. O treinador era Ênio Andrade. E nós, através de indicação de uma pessoa, achamos que compramos um juiz. E o juiz falou: ‘olha, fique tranquilo que o time do adversário não sai do meio-de-campo’. Então, nos 45 primeiros minutos, ele deu muita falta só no meio-de-campo. Então, falei com ele: ‘é, o negocio, acho que vai dar certo’. Só que, por azar nosso, o adversário chutou uma bola do meio-de-campo, o goleiro, eu posso falar o nome, Vitor, no ângulo e gol. E o juiz, então, o que foi que ele fez? Continuou dando falta só no meio. Só no meio. Só no meio. E uma hora, antigamente podia entrar dentro de campo, eu falei: ‘velho, eu paguei você, vê se você dá o pênalti’. Ele falou assim: ‘manda o seu time lá para frente que eu dou o pênalti’. Aí falei com o capitão: ‘olha, manda todo mundo para frente, temos que empatar o jogo’. Aí foi para frente, toda bola ele dava falta contra o Cruzeiro. Eu cheguei à conclusão de que eu empreguei um dinheiro errado”, finalizou.

ESPN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Verdade seja dita disse:

    Deve ser banido do Futebol esse mau exemplo.

  2. Junior pinheiro disse:

    Coisa ruim, mal exemplo, quem disse que velho é exemplo esse provou que não presta!!!!

  3. Junior pinheiro disse:

    Corrupto,.por isso não assisto mais futebol, nem incentivo meus filhos, dirigentes corruptos, jogadores mercenários e analfabetos…não representam ninguém!!!!

  4. JOAO MARIA disse:

    se comprou pagou, como ele não cumpriu?

Em entrevista, Fátima Bezerra fala sobre greve na UERN e campus da UFERSA em Assú

Foto arquivoA senadora Fátima Bezerra concedeu entrevista, por telefone, a uma rádio local nesta sexta-feira (25), onde conversou sobre dois temas ligados à educação: greve dos professores e servidores da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e instalação do Campus da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA), em Assú. No estúdio, presença dos reitores Pedro Fernandes (UERN) e José de Arimatea (UFERSA).

Fátima Bezerra ressaltou que conversou com o governador Robinson Faria, e desde o início da semana tem mantido contato com o reitor Pedro Fernandes e com o promotor de Justiça, Raimundo Caio dos Santos, no intuito de somar esforços para que seja encontrado um entendimento que ponha fim a paralisação. “O promotor Raimundo Caio tem mostrado muita sensibilidade diante desse quadro. Estamos muito esperançosos e confiantes de que o desfecho se aproxima, pois está em curso a elaboração de uma alternativa para equacionar esse impasse”.

“Vamos continuar na luta para que as negociações avancem no sentido de atender as justas reivindicações dos professores, garantindo assim o retorno dos estudantes e professores às salas de aula. Isso é o que todos nós desejamos. A UERN é um patrimônio do povo do Rio Grande do Norte, por isso merece todo carinho, respeito e atenção”, frisou a senadora que também tem conversado com a Associação dos Docentes da UERN.

UFERSA em Assú

Em sintonia com o reitor da UFERSA, Arimatea Matos, a senadora Fátima informou, durante a entrevista, a sua ida ao Ministério da Educação. “O compromisso do Governo Federal com a UFERSA de instalar o Campus em Assú está mantido, o que ocorreu foi apenas um ajuste no calendário diante das dificuldades derivadas da crise econômica”, esclareceu.

Por fim, a parlamentar acrescentou que terá, em agosto, mais uma audiência no MEC, dessa vez com o secretário executivo Luiz Cláudio Costa, para dar continuidade as tratativas em relação ao curso de Medicina em Assú, bem como demandas do Campus Central da UFERSA em Mossoró.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Flavio disse:

    Ainda dão espaço para esse povo!!! É por isso que esse pais se encontra desse jeito! Estamos na UTI paciente terminal e os inocentes achando que estå tudo ótimo!

  2. Maurício Giovani disse:

    Cadê o secretário de educação, sindicalista ligado ao PT, o senhor de todas as soluções para o funcionalismo público? Até quando funcionário público, massa de manobra de sindicato, vai deixar de ser tonto e cair na real para enxergar qua a turma do PT se esconde por trás de uma "imagem de puritanos socialistas" e "defensores dos pobres e oprimidos, massacrados pelo capitalismo neoliberal, mas na verdade a turma e mesmo chegada num capital? Todo ano é a mesma ladainha e o PT, partido da trambicagem, já está no poder há 12 anos e essa turma ainda não para de reclamar. Vão pedir dinheiro para Lula!

  3. Zeca Tadeu disse:

    O ministro (sic) relator do Tribunal (sic) das Contas parece que procurou dois frequentadores da Lava Jato: ​o Renan e o Cunha.

    Trata-se do Ministro (sic) Nardes, que escapou do desabamento de um castelo de areia, devidamente afogado no Supremo…

    (O Supremo não gosta da Operação Castelo de Areia nem da Operação Satiagraha, como demonstrou recentemente o ínclito Ministro Fux. Mas parece adorar a Lava Jato, porque deixa ela rolar ! Mesmo quando aplica a “súmula Gushiken: mata e depois absolve !”.)

    Segundo o PiG, Nardes teria ido aos dois baluartes da Ética Peemedebista – também conhecida como achacadora, segundo Cid Gomes – para pedir que acelerem o julgamento do julgamento do impítim da Dilma no Tribunal (sic) das Contas.

    O amigo navegante entende a sutileza da esculhambação.

  4. itaecio melo disse:

    eu tenho vergonha da senadora deste estado que so fala em golpismo e fecha os olhos para a roupalheira de seu partido.
    Fatima merecia tomar uma atitude e deixar essa quadrilha

Associação dos Oficiais emite nota de repúdio contra declarações do tenente Styvenson em entrevista

Por interino

NOTA DE REPÚDIO ÀS DECLARAÇÕES DO TEN STYVENSON (Texto na íntegra):

A Associação dos Oficiais Militares do Estado do Rio Grande do Norte vem a público manifestar a sua indignação e repúdio às declarações equívocadas do 1º Ten PM Eann Styvenson Valentim Mendes, em entrevista ao Jornal de Hoje, conforme o link: http://jornaldehoje.com.br/ja-bebi-e-dirigi-ja-rapariguei-e-cortei-sinal-vermelho-nao-sou-um-et-sou-da-terra/. O referido oficial, em sua entrevista, declarou que: “Quero ficar que nem outros tenentes. Sem fazer nada. Quero essa vida”.

Gostaríamos de enfatizar que nós, Oficiais Militares, trabalhamos diariamente procurando, a todo o momento, fazermos a gestão das instituições em que sejamos apenas peças coadjuvantes nos relevantes serviços que prestamos à sociedade. Nosso objetivo é que não exista o Tenente da Lei Seca nem muito menos da “Lei Molhada”, nós trabalhamos para que a instituição atue da melhor forma possível para a sociedade, não nos interessa aparecer neste ou naquele programa de TV, não queremos ser celebridades para aparecer a qualquer custo para quem quer que seja.

Diariamente, os Tenentes da Polícia Militar são citados pela imprensa como Oficiais de Operações das mais diversas unidades, não precisamos ter nossos nomes ou imagem veiculados na mídia, para nós o que interessa é a paz social e a boa imagem da Corporação que nós escolhemos, não somos oficiais apenas porque ansiamos um dia passar em um concurso público, somos Oficiais porque sonhávamos com essa carreira e temos orgulho de pertencer à mais antiga instituição pública desse Estado.

Os Tenentes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar, ao contrário do que declarou o Ten Styvenson, são os profissionais da Polícia Militar que menos tempo têm para a sua vida pessoal e consequentemente para suas famílias. Suas atribuições funcionais, escalas de serviços e emprego técnico interferem diretamente em suas qualidades de vida, poucos têm a sorte que o Tenente Styvenson tem, de estar à disposição de uma autarquia como o Detran, e nessa condição, há muito não preside uma Sindicância ou Inquérito Policial Militar, tampouco compõe qualquer dos quatro Conselhos Militares (Especial, Permanente, Justificação ou de Disciplina) que são cumulativos às funções dos Oficiais; vale lembrar que não temos notícias que exista qualquer Tenente que “não faça nada”, conforme palavras do aludido Tenente em entrevista.

Informamos ao senhor Ten Styvenson que nós, Oficiais Militares, procuramos, em qualquer situação, respeitar o cidadão e seus direitos humanos, não somos nós que mandamos cidadãos com necessidades fisiológicas “fazer reversão ou tomar suor”. Não obstante o fato de sermos anônimos e não tratarmos o cidadão com palavras de baixo calão, somos trabalhadores e estamos a cada dia de forma discreta enaltecendo as gloriosas instituições militares do Rio Grande do Norte. Saiba, Senhor Tenente Styvenson, que suas declarações além de levianas, ofenderam toda a Oficialidade Militar desse Estado, pois caso existissem Tenentes que nada fazem, existiriam Capitães, Majores e Coronéis que estariam prevaricando.

Por fim, é importante ressaltar que declarações como essas ensejam responsabilidade nas esferas administrativa e judicial, pela grave acusação que foi feita aos profissionais que estão doando os melhores anos de suas vidas em prol da sociedade.

Associação dos Oficiais Militares do Rio Grande do Norte

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Kelly disse:

    Os demais que não gostaram da declaração verídica, procurem dar a cara a tapa, procurem
    trabalhar para a sociedade com é pra ser.
    Marmanjos recalcados!!

  2. Junior disse:

    Ótimas palavras do Tenente, em 1 ano de trabalho a frente da Lei Seca ele conseguiu fazer o que nem um outro fez, deve ser porque como disse a associação eles tavam muito ocupados tomando conta de outras coisas para Manter a Criminalidade baixa como encontra-se no RN já que eles que comandam os Batalhões né?, Nota de Repudio tem que ser dada a Associação que Deveria se preocupar em fazer o Serviço que o Tenente está fazendo a frente da Lei Seca, pq se eles colocarem os seus Batalhões nas Ruas não teríamos tanta criminalidade, tanto roubo de carro, a associação dizer que eles trabalham muito, quem trabalha é o pobre do Soldado ou Cabo que vai pra rua e mete a cara pra defender a sociedade, no lugar deles está criticando o Tenente que com seu trabalho conseguiu reduzir os acidentes causados pela embriagues em Natal deveriam arrumar algo de bom pra fazer….

    ** Interessante que pode ter certeza que eeses criticam o tenente são os que na madrugada sai pro BAR e toma todas e quer voltar pra casa no volante

  3. BETO disse:

    Jájá se filia a um partido político.Podem esperar.

  4. GERALDO BATISTA DE ARAÚJO disse:

    Para mim, esta nota só tem um sinônimo: INVEJA.
    Este tenente faz um trabalho extraordinário. Não livra a cara de ninguém, nem de oficiais superiores. Garanteo que ele jamais terá os desprazer de me autuar, pois não dirijo após beber nem que a vaca tussa.

  5. sergio disse:

    E uma verdadeira realidade as palavras do TENENTE STYVERSON, mas esta parecendo uma certa inveja de muitos oficias de birozinho!!

  6. PAULO BRENNO disse:

    PARABÉNS AO TEN. STYVENSON, PELO MENOS ESTA NAS RUAS DA CIDADE, IGUALMENTE A UM SUBORDINADO, POIS, SÓ ELES E QUEM VÃO PARA AS RUAS.

  7. Álvaro disse:

    O tenente tem direito de resposta e deve esclarecer o mal entendido.

  8. Joaquim disse:

    O tenente tem realizado um excelente trabalho, muitas vidas estão sendo salvas.

  9. Madruga disse:

    Quer achar policial no RN? Vá ao TJRN e na Assembleia. É briga de policial querendo ir pra lá para não fazer nada. Essa é a verdade. No lugar de criticar quem trabalha a associação deveriam era ir pra rua. Eita, mas na rua se trabalha e eles não querem.

  10. Italo disse:

    Brasileiro é hipócrita. Se a polícia não cumpre a lei reclamam se cumpre a lei reclamam que o fazem com muto rigor.

  11. João Neto disse:

    Parabens a Associação

    • Kelly disse:

      Por não dar a cara a tapa, e trabalhar com competência!
      Parabéns pelo recalque de muitos! 😉

  12. Renner Jales de Medeiros disse:

    A lei deve ser aplicada a quem infringi-la, mas o bom senso e ponderação sempre devem andar lado a lado. O global, vinha se achando o dono da verdade, a ponto de se indispor com os seus pares, ai foi demais, a casa caiu. Vai voltar a ser um Oficial, sem holofotes, e prestando relevantes serviços à sociedade, assim como faz os demais colegas. Já teve seus momentos de fama.

  13. Severo disse:

    O maior interesse desse capitão é aparecer, todo o discurso serve apenas como pano de fundo do seu altruísmo. Lamentável como ainda dão ibope para o mesmo.

  14. Francisco disse:

    Nunca acreditei em quem se declara o dono da verdade e da razão.

  15. nelson disse:

    Corretíssima a Nota da Associação. Funcionário público não precisa aparecer nza TV ou jornais. Simplesmente, deve cumprir com suas obrigações com honestidade. A função pública não necessita de heróis, apenas de servidores responsáveis e dedicados.

  16. Salatiel disse:

    Querem procurar tenentes que não trabalham na PM? sugiro que iniciem pelo hospital da PM. O tenente fala a verdade!

  17. Breno disse:

    Tava demorando..

  18. Pedro disse:

    O tenente não ofendeu a honra dos PMs que trabalham e são respeitados. Apenas falou a verdade ao se referir aos que não fazem nada. A PM é uma instituição igual às públicas e tem muita gente que não faz nada mesmo, bem como ITEP, tribunais, assembleia…

  19. vila disse:

    Se queria holofotes, encontrou. Lamentável.