Governadora assina protocolo para instalação de nova fábrica na Maisa

A governadora do RN, Rosalba Ciarlini, e a ICP Fazenda Maisa vão assinar um Protocolo de Intenções para instalação de empreendimento na zona rural de Mossoró com investimento estimado de R$ 30 milhões e a geração de 500 empregos diretos e 2000 indiretos. A solenidade será realizada terça-feira (24), às 11h, no auditório da Governadoria.

A ideia é viabilizar o projeto de incentivo das culturas de frutas na região, como também na implantação da indústria de envase na unidade da Nutrimarcas. A fábrica terá oportunidade para geração de até 10 mil postos de trabalho rural com uma capacidade anual de produção estimada em 72 mil toneladas por ano. Com relação ao faturamento, a expectativa é de R$ 240 milhões por ano quando a produção for estabilizada.

“Por diversos aspectos estamos felizes com este protocolo de intenções. Pela retomada da produção, pela geração de emprego e valorização de fruta produzida no Rio Grande do Norte. Estamos para receber uma indústria no estado com grande potencial de produção e já com tendência de aumentar esta produção”, salienta a governadora Rosalba Ciarlini.

A proposta da empresa é incentivar o cultivo de culturas frutíferas como: manga, abacaxi, acerola, goiaba, caju entre outras frutas regionais para que sejam vendidas para a indústria. “Sabemos as dificuldades que enfrentaremos ao longo do tempo, mas temos a certeza que, com essa nova jornada encontraremos parceiros, pessoas e principalmente apoio no governo para concretizar esse projeto em conjunto”, afirmou o presidente e sócio da empresa, José Domingues dos Santos.

Além da governadora, o presidente da ICP Fazenda Maisa, José Domingues dos Santos vai assinar o documento e, pelo Governo do Estado, também assinarão o protocolo os secretários do Desenvolvimento Econômico, Benito Gama; da Tributação, José Airton da Silva, dos Recursos Hídricos, Gilberto Jales, e da Agricultura, Pecuária e da Pesca, Carlos Alberto de Souza Rosado (Betinho Rosado).

No mesmo dia, às 17h, será realizada uma visita à Fazenda Maísa, que está localizada BR 304 zona rural de Mossoró. O Grupo General Brands tem como objetivo a implantação de um projeto de revitalização da região dos assentados das terras da antiga Maisa, que hoje são 12 mil hectares, com 1035 famílias assentadas, que apenas 1% está produzindo atualmente.

A proposta da empresa é incentivar o cultivo de culturas frutíferas como: manga, abacaxi, acerola, goiaba, caju entre outras frutas regionais para que sejam vendidas para a indústria.

Saiba mais

A ICP Fazenda Maisa, esta na dependência de extração de polpa de frutas da antiga MAISA – uma das mais antigas e importantes fábricas de polpas e sucos do Nordeste brasileiro, que chegou a empregar 6 mil trabalhadores no seu auge – que foi adquirida pelos sócios Neiva e Domingues do grupo Nutrimarcas, no ano de 2009 através de um leilão do Banco do Brasil.

No ano de 2010 foi feito um investimento de R$ 7 milhões para a reativação da empresa, a qual em 2011 voltou a extrair polpas de frutas. Em 2012, a General Brands, uma das maiores empresas de sucos e alimentos do Brasil, dona da marca CAMP se juntou com o grupo Nutrimarcas se tornando o Grupo General Brands. O grupo produz cerca de duas mil toneladas de polpa de fruta por mês que são destinadas tanto para o mercado externo como para grandes fabricantes de sucos do mercado nacional.