Governo fecha novo texto para o Refis e amplia prazo de adesão

O governo vai estender, de 31 de agosto para 31 de outubro, o prazo de adesão ao programa de refinanciamento de dívidas tributárias com a União, o Refis. A equipe econômica também permitirá a redução do pagamento da primeira parcela devida, desde que o débito seja de até R$ 30 milhões, e não R$ 150 milhões, como foi colocado na proposta pelo relator, o deputado Newton Cardoso Júnior. Por outro lado, a equipe econômica não aceitará a ampliação de descontos sobre juros e multas, como está no parecer do relator.

Uma modalidade nova a ser oferecida permite ao devedor pagar 24% da dívida integral, sem desconto, em 24 vezes, a partir de outubro. Com isso, 3% da dívida será paga ainda neste ano. O restante poderá ser quitado com créditos de prejuízo fiscal ou outros créditos, como Pis/Cofins ou pelo Reintegra – Regime Especial de Reintegração de Valores Tributários para as Empresas Exportadoras.

A proposta original prevê uma arrecadação de R$ 13 bilhões. Porém, com as mudanças de Cardoso, aprovadas pela comissão especial encarregada de analisar o tema, a receita estimada cairia para menos de R$ 500 milhões. A intenção de Meirelles é que a arrecadação fique próxima de R$ 10 bilhões.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. ALERTA disse:

    Para os empresários…TUDO. Para os trabalhadores… as reformas trabalhistas e previdenciária. Canalhas.

América:Gustavo Carvalho anuncia atacante do São Paulo; Régis é assediado por "gigantes" e deixa clube

Após ser eleito nessa quarta-feira(11), o presidente Gustavo Carvalho anunciou a contratação do atacante Rafinha, do São Paulo. O reforço é por conta da adesão em massa do torcedor americano ao programa do Sócio Dragão. Gustavo Carvalho promete anunciar até a sexta-feira mais uma contratação.

Ficha técnica do atacante Rafinha

Nome: Rafael Gomes de Oliveira
Apelido: Rafinha
Data de nascimento: 26/04/90
Idade: 23 anos
Naturalidade: São Paulo/SP
Altura: 1,78 m
Posição: atacante
Clubes que já defendeu: São Paulo/SP, Red Bull/SP, Guarani/SP e Ceará/CE

Régis

A direção alvirrubra admite não ter condições de segurar o meia, que foi sondado por vários clubes do país, inclusive, Cruzeiro, Flamengo e Internacional-RS, impossibilitando um novo acordo de acordo com a sua valorização e a pedida salarial maior.

Do Blog com informações adicionais do Vermelho de Paixão

Último reforço do América diz que o alvirrubro é time grande

O último reforço do América para a disputa do Campeonato Brasileiro desta temporada foi o meia Régis, de 20 anos. Devidamente regularizado junto à CBF, o jovem valor foi, com menos de uma semana de grupo, relacionado para a partida contra o Sport-PE. Chegou a ser chamado à beira do gramado pelo então técnico do América, Pintado, mas o treinador optou por fazer outra substituição. O jogador se auto define como meia que cria e não finaliza.

“Sou mais aquele meia-atacante que pega a bola e procura, sempre, o centro-avante pra fazer as jogadas e deixá-lo na cara do gol”, ressalta.

Formado nas categorias de base do São Paulo-SP, Régis passou quase uma década defendendo as cores do Tricolor. No começo deste ano, foi emprestado ao Paulista de Jundiaí-SP para jogar o campeonato estadual, mas voltou ao clube formador e agora chega ao América.

“Foram quase dez anos no São Paulo. Aprendi muita coisa. Trabalhei com grandes profissionais, jogadores que, hoje, estão despontando no futebol mundial, como Lucas, Oscar e Casemiro. Trago boas experiências e venho pro América pra tentar ajudar. Vou me doar ao máximo pra que as coisas possam melhorar daqui pra frente”, destaca.

O momento vivido pelo alvirrubro não é dos melhores. Com o time próximo à zona de rebaixamento, a torcida americana está preocupada com o risco de cair para a terceira divisão do futebol brasileiro. Régis vê sua chegada ao clube como mais um desafio em sua carreira.

“Para o clube que eu for, vou encarar como um grande desafio. Vejo isso como uma oportunidade e vou trabalhar pra, junto dos meus companheiros, tirar o América dessa. É um time grande e não pode ficar nessa situação, merece ter coisas melhores”, finaliza.

Agência Futebol Interior