Diversos

Não para, não para, não para… O roçôio continua!

Uma Novela sem fim. Agora, foi o Sindicato das Agências Propaganda que mandou mais uma nota à impresa. O Sinapro rebate as acusações ditas em outra nota divulgada pela agência Criola, reprovada no processo licitatório para a escolha das cinco agências que atenderiam a conta milionária do Governo do Estado.

Uma coisa é certa,  antes mesmo que esta história termine, já há um grande perdedor: o mercado publicitário do Rio Grande do Norte.

Confira a nota na íntegra:

Opinião dos leitores

  1. Uma coisa ainda não foi respondida pelo sindicato.  Afinal, objetivamente: os três membros da subcomissão técnica tem ou não vínculo com o Estado do Rio Grande do Norte?

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marketing

Criola diz que Sindicato das Agências de Propaganda quis mudar o foco e que poderia ser mais transparente

SOBRE NOTA PUBLICADA PELO SINAPRO/RN
A RESPEITO DA LICITAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE AGÊNCIAS DE PUBLICIDADE PELO GOVERNO DO ESTADO,
A CRIOLA PROPAGANDA ESCLARECE:

1- A Criola é uma agência certificada pelo mais importante órgão de regulamentação da atividade publicitária no Brasil, o CENP ( Conselho Executivo das Normas Padrão ).

2 – A Criola reconhece o SINAPRO/RN como mais uma associação de empresas voltada, primeiramente, para a defesa dos interesses dos seus associados.

3 – A Criola tem por opção NÃO fazer parte do SINAPRO/RN, assim como ocorre com outras empresas sérias do nosso mercado.

4 – A Criola repudia veementemente a posição do SINAPRO/RN, em sua nota publicada, procurando mudar o foco da questão, tentando desqualificar a Criola e o seu legítimo direito de buscar a Justiça. Para a Criola, este ato é uma clara demonstração de CORPORATIVISMO, como forma de pressão indevida e tendenciosa aos órgãos competentes.

5 – O Recurso Administrativo é um instrumento legítimo, legal e, principalmente, previsto no Edital da citada concorrência.

6 – O que a nota do SINAPRO/RN omite ou deixa de apresentar:
• que 3 (três) das 4 (quatro) agências citadas no Recurso Administrativo impetrado pela Criola
NÃO APRESENTARAM DEFESA;
• que todos os argumentos da Criola são TÉCNICOS, sem intenção de pressionar quem quer que seja, ou atingir empresas ou profissionais. Por isso merecem uma RESPOSTA TÉCNICA, DETALHADA E RESPONSÁVEL;
• que o Recurso Administrativo foi negado pela Comissão do Governo do Estado através de um Parecer curto, evasivo e com argumentos pouco convincentes.
• que o Mandado de Segurança solicitado pela Criola, qualificado como “inconsistente” pelo SINAPRO/RN, FOI ACEITO pelo Tribunal de Justiça do RN.
• que as 5 agências classificadas são todas pertencentes ao SINAPRO/RN, ou seja, há uma clara demonstração de protecionismo às suas filiadas.
• que a agência Marca Propaganda, filiada ao mesmo SINAPRO/RN, também entrou na Justiça.
Ainda assim a nota do SINAPRO/RN cita e expõe apenas a Criola, configurando assim uma clara perseguição a uma agência não filiada.

7 – Para que a sociedade possa entender e acompanhar de maneira transparente este processo, a Criola disponibiliza no link http://issuu.com/criolapropaganda/docs/recursocriola o Recurso Administrativo da nossa empresa enviado à Comissão Permanente de Licitação do Governo do Estado RN e negado pela mesma.

8 – Felizmente, cabe à Justiça e não ao SINAPRO/RN, avaliar o peso e o conteúdo dos argumentos técnicos apresentados. A Criola espera que as agências citadas não desperdicem, mais uma vez, a oportunidade de apresentarem seus argumentos de defesa.

9 – A Criola lamenta que seja necessárto partir dela e não do SINAPRO/RN a decisiva contribuição
para a TRANSPARÊNCIA do processo, através do acesso aos autos pelo Tribunal de Justiça,
Ministério Público, imprensa e cidadãos.

10 – A Criola não se intimidou e não se intimidará com qualquer ação ou iniciativa antiética partida de associações, empresas ou pessoas que tenham por objetivo confundir e atingir a legalidade que exige todo e qualquer processo licitatório.

11 – Finalmente, a Criola confia e tem a certeza de que a Justiça do Rio Grande do Norte, com o acompanhamento do Ministério Público, a partir das justificativas TÉCNICAS e OBJETIVAS apresentadas, decidirá DE FORMA JUSTA E LEGAL o resultado do processo.
Diferentemente da postura do SINAPRO/RN, que afirmou, em sua Nota, “ter certeza” de qual será
a decisão, assumindo assim sua total PARCIALIDADE no assunto.

Criola Propaganda

1- Única agência do RN, finalista do Prêmio Profissionais do Ano Rede Globo 2012/categoria Campanha.

2- agência mais premiada pelo SINAPRO/RN no último Prêmio Bárbaro.

Do Blog: Segue link do post do blog falando da guerra e acusações no mercado e com a nota do Sinapro:

http://www.blogdobg.com.br/2012/08/mercado-publicitario-potiguar-guerra-e-acusacoes/

 

Opinião dos leitores

  1. Valeu Vinicius, valeu Criola Propaganda, é isso mesmo! só atraves de posicionamentos como esse de voces é que se consegue mudar essa perniciosa associação politico-familiar-midiática, essa sim, uma das grandes responsaveis pelo país, e o nosso estado, se encontrar da forma caótica em que esta… parabens mais uma vez pelo posicionamento!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Assembleia do Sindicato das Agências de Propaganda promete pegar fogo hoje

Todas as Agências de Propaganda do Rio Grande do Norte foram convocadas para uma Assembleia Geral Extraordinária hoje. E a informação é de que uma das empresas filiadas pode ser expulsa do sindicato, como punição por desrespeito à ética.

O assunto já foi discutido em outra reunião anterior. O nome da empresa não será revelado, por enquanto, mas o fato é que a reunião pode resultar em uma decisão inédita no RN.

A reunião será realizada a partir do meio-dia, no Resturante Dolce Vita, na Rua Mossoró.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *