Operação Fim de Ano: PRF registra redução de 30% nas mortes em rodovias federais

A Polícia Rodoviária Federal encerrou, à meia noite desta segunda-feira (2), a operação Fim de Ano. Nos dezessete dias da ação especial, foram registrados 196 acidentes, 96 feridos e 10 mortes. No mesmo período do ano passado foram registrados 214 acidentes, com 101 feridos e 13 mortos. A redução de 30% no número de mortos e de 4% no de acidentes na comparação dos dois períodos reflete a atuação em conjunto das polícias rodoviária federal e militar

A PRF ressalta que os órgãos intensificaram o combate aos principais fatores de risco para a segurança do trânsito: a embriaguez ao volante; o excesso de velocidade; as ultrapassagens indevidas e as irregularidades na condução de motocicletas. Desde o dia 16, um conjunto de ações preventivas foi aplicado para a redução de acidentes e suas vítimas, seguindo o que estabelece a Operação Rodovida.

Neste último final de semana, entre sexta-feira (30/12) e domingo (01/01), foram registrados 30 acidentes, com 15 feridos e um morto. No mesmo período do ano passado foram 33 os acidentes, com 22 feridos e um morto.

Os acidentes com motocicleta estiveram na frente das estatísticas, nesse final de semana. Foram 13 acidentes do total de trinta, sendo um deles o único com vítima fatal no período, registrado em Pau dos Ferros, após uma colisão frontal entre motocicleta e uma Saveirio. A vítima foi identificada como Alison de Souza Dantas, de 21 anos.

Ainda segundo a Polícia Rodoviária Federal, a BR 101 mais uma vez registrou o maior número de acidentes entre sexta e domingo, sendo 16 ocorrências. A BR 304, por sua vez, teve sete acidentes. Atuando no fator de risco velocidade excessiva, a PRF flagrou 696 veículos acima da velocidade permitida para a via. No combate à embriaguez ao volante, o órgão aplicou 254 testes, com 24 condutores autuados, dos quais nove foram presos por dirigirem sob efeito de álcool acima do permitido em lei.