Bolsonaro sugere fim dos cursos nas autoescolas: “eu acho que nem deveria ter exame de nada. Você faz uma parte escrita e vai para a prática”

FOTO: FÁTIMA MEIRA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

O presidente da República, Jair Bolsonaro, defendeu nesta quinta-feira (25) o fim dos cursos de formação para novos motoristas. “Eu acho que nem deveria ter exame de nada. Você faz uma parte escrita e vai para a prática, nem precisa cursar em autoescola”, sugeriu em sua live semanal, transmitida pela internet.

Bolsonaro afirmou que aprendeu a guiar quando ainda era criança, sem curso algum. “Com 10 anos de idade eu estava dirigindo trator na fazenda em Eldorado Paulista (SP).” O presidente admitiu, no entanto, que essa é apenas uma ideia, que ficará para “um segundo momento” em sua intenção de reduzir o custo da carteira de motorista.

Na prática, ele já pediu, via projeto de lei que será analisado pela Câmara dos Deputados e pelo Senado Federal, o fim dos simuladores. Segundo o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, as máquinas de simulação das autoescolas, que passam a ser opcionais aos aspirantes a motoristas, elevam o preço do documento em 15% (cerca de R$ 300).

Também quer a ampliação da validade da CNH (carteira nacional de habilitação) de 5 para 10 anos para adultos, e de 2,5 anos para 5 anos para os idosos. Além do aumento do limite de pontos para cassação da carteira, que dobrará de 20 para 40 pontos.

Outro objetivo do governo é tirar a multa para pais que não utilizam a cadeirinha para crianças em seus carros. “Criaram uma polêmica com isso dizendo que eu tinha afrouxado a lei, mas na verdade eu inclui a punição de três pontos na carteira, que não existia”, afirmou durante a live.

Bolsonaro aproveitou o vídeo ao vivo para pedir uma ajuda do Congresso Nacional ao citar outra flexibilização, a de acabar com a obrigatoriedade de exames médicos em clínicas conveniadas com os Detrans. “No projeto nosso você pode ter esse atestado com teu irmão, com teu pai, com o vizinho, com qualquer médico”, explicou. “Espero que a Câmara não mexa nisso. Pelo contrário, aprove e até inclua mais coisas. Afinal 513 pessoas mais 81 no Senado têm cabeças para sugerir mais medidas para que fique mais barato isso aí”, declarou.

R7

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Beto Araújo disse:

    Bolssonaro, vc é uma comédia!

  2. Observador disse:

    Não pode ouvir falar em escola, já se revolta!

  3. Bruno de Paula disse:

    Nos estados unidos você baixa as apostilas para estudar, vai la e paga 80 a 100 dólares, faz a prova num computador, se passar vai pro exame prático. Auto escola para quem já sabe é pura burocracia, torna a conquista da cnh muito mais cara e convenhamos que isso é motivo para muita gente não tirar habilitação. Deixem se ser fechados na casca do ovo, auto escola só para quem não sabe, quem sabe que faça logo as provas e vá dirigir em paz.

  4. CABECINHA CARVALHO disse:

    Simplesmente irresponsável, inconsequente e desrespeitoso com o cargo que ocupa ….

  5. CABECINHA CARVALHO disse:

    Aprendi dirigir não tinha auto escola, fiz a prova escrita no Detran em Natal e o teste de volante para carteira "C" em 1982, a mais alta categoria na época, fiz o exame de volante em um camião Chevrolet antigo queixo duro do Detran, recebi no mesmo dia, e teve validade de 21 anos, na época tinha 18 anos, só venceu em em 2003.

  6. Antonio Turci disse:

    Facílimo entender a opinião do Presidente Bolsonaro. Entretanto, dentre outras "qualidades" menores, o "burrismo afeta muita gente que é sistematicamente contra o Mito.

  7. Lampejao disse:

    O povo distorce tudo,Parabéns Sergio pelo comentário!!!

  8. Bento disse:

    Auto Escola não acabará nunca.
    Cada um tem direito a sua opinião, até o Presidente, a gente só respeita, más não compra a ideia .
    Essa fala as vezes contra é muito bom para as auto escolas, agora vão estar em alta, bons para os negócios.

  9. Sérgio Nogueira disse:

    Impressiona a capacidade de interpretação desse povo.
    O Presidente não vai acabar com auto-escola. Quem não tiver carro e quiser aprender a dirigir em uma, vai lá, se matricula, faz as aulas e pronto.
    Quem não quiser, quem tiver carro na família, não vai. É difícil entender as coisas?
    As armas do mesmo jeito. Quem achar interessante ter uma, compra. Quem achar perigoso não compra.
    A cadeirinha idem. Quem prezar pela segurança do filho, mantém o hábito. Quem não prezar, não coloca.
    Os ruminantes estão tão acostumados a serem guiados pelo vaqueiro-Mor que não pensam, não conseguem entender as coisas.
    O que está claríssimo é que agora haverá liberdade para as coisas. Uns farão, outro não e pronto. Vida que segue.

  10. Rômulo© disse:

    Conheço dono de auto escola que fez campanha aberta para o Bozo! Acho que se esse presidente energúmeno fizer isso, vai quebrar o negócio de seu apoiador!

Blitz educativa une Detran, CPRE, autoescolas e estudantes de Apodi

A cidade de Apodi, na região Oeste do estado, recebeu nessa quarta-feira (19), uma ação educativa focada na conscientização do cidadão no sentindo de zelar pela boa prática no trânsito, contribuindo dessa forma com um trânsito seguro e mais humano. A blitz educativa reuniu o Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran), estudantes da Escola Estadual Professor Antônio Dantas, o pelotão do CPRE de Apodi e as autoescolas situadas no município.

A ação faz parte do projeto Educação para o Trânsito que na ocasião trabalhou o tema “Cidadão + Atento, Trânsito + Seguro”. Nesse sentido, condutores, veículos e pedestres foram abordados pelo grupo participante da blitz educativa, que levou informações importantes sobre segurança viária, normas básicas previstas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), e, principalmente, o fortalecimento da consciência de que a segurança no trânsito é um benefício coletivo, ou seja, toda a sociedade é contemplada.

Um ponto importante da ação é a integração dos profissionais responsáveis pela fiscalização viária e os estudantes de escola pública. “Nesse caso, é possível tornar a blitz mais edificante e educativa, já que os alunos passam a se sentir parte do processo de promoção da segurança no trânsito, gerando dessa maneira mais responsabilidade e formando multiplicadores”, comentou o diretor-geral do Detran, Eduardo Machado.

A blitz educativa integrada realizada em Apodi está na segunda edição e deve ser continuada com a missão de contribuir com a segurança do trânsito municipal.

Autoescolas de Natal não têm carros integralmente adaptados para deficientes, diz leitora

A leitora Renata Albuquerque manda para este espaço um desabafo e lança luz sobre um assunto pouco – ou nunca discutido: a disponibilidade de condições para deficientes físicos terem acesso ao trânsito.

E isso passa pelas autoescolas.

Mas o que fazer quando nem elas dispõem da estrutura adequada? É a situação pela qual passa a Renata. Senão vejamos seu depoimento:

Sou portadora de deficiência física e este ano resolvi tirar minha carteira de motorista, começei a procurar autoescolas com carros adaptados e enfim, descobri que a única autoescola que tem um carro adaptado, não está adaptado pra mim.

Já fui ao DETRAN e fiz os exames, paguei tudo já e não tenho como tirar minha carteira. A única coisa que a moça do DETRAN falou foi: “Agora é só procurar uma autoescola”.

Já procurei a associação de deficientes do Rio Grande do Norte (ADEFERN) e eles me falaram que tinham uma autoescola mas que, por falta de demanda, fecharam. E me indicaram a tal autoescola que possui o carro adaptado que não é para mim.

Gostaria de saber se existe alguma lei que diga que toda autoescola tem que ter pelo menos UM carro adaptado.

Não estou aqui criticando ninguém, quero apenas expor isso para que se alguém souber de algo, me informe ou me ajude, pois sozinha não estou conseguindo.

Agradeço desde já!

 O assunto é tratado no parágrafo único do artigo 21 da Resolução nº 168/04 do Conselho Nacional de Trânsito, o Contran.

De acordo com ele “O veículo destinado à instrução e ao exame de candidato portador de deficiência física deverá estar perfeitamente adaptado segundo a indicação da Junta Médica Examinadora podendo ser feito, inclusive, em veículo disponibilizado pelo candidato”.

Ou seja, Renata, a autoescola é obrigada a adaptar o carro ao seu grau de deficiência, a menos que você já tenha o veículo para aprender.

 

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. IVAN ARAUJO PINHEIRO disse:

    BOA NOITE,amigos eu tenho um grade dilema sou policial reformado desde 1998 quando em uma missão de captura fui atingido na cabeça e fiquei com hemiplegia é a perda parcial de um dos lado corpo o meu foi o direito antes do acidente eu tinha carro e motos e agora quero voltar à dirigir mais em natal não tem auto escola para isto se eu quiser mesmo vou ter ir para parnamirim eu moro na zona norte de natal e é muito contra mão para qualquer deficiente fÍsico eu queria que auguem mim informasse onde tem em natal uma auto escola para deficiente, fico no aguardo e vocês FIQUEM COM DEUS; AMEM!

  2. Anônimo disse:

    Como A Lei Diz:::O carro tem que ser Adaptado,mais parece que não fala da Obrigariedade das Auto escolas possuirem esses carros..Para Corrigir e obrigar a Existencia desess veiculos nas autos,Foi Aprovado recentimente,Projeto de Lei de Autoria da Vereadora Júlia Arruda,sobre esse assunto.