SE LIGA: CPRE orienta motoristas a conduzirem com segurança na Via Costeira

FOTO: PM/ASSECOM

Após circular nas redes sociais imagens e vídeos de acidentes automobilísticos em um trecho da Via Costeira, a Polícia Militar, por meio do CPRE, concedeu entrevistas a veículos de comunicação da cidade, nesta quinta-feira(17), orientando como os condutores devem se comportarem, com o intuito de reduzir os índices de acidentes de trânsito e de evitar que novas colisões aconteçam naquele local.

Nas entrevistas foram abordados temas como o respeito às normas gerais de circulação e conduta, as condições do veículo, o conhecimento da via e a importância de dirigir com atenção, em velocidade moderada e aumentar a distância de segurança em relação a outros veículos em dias chuvosos.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Adriano disse:

    Sei que a via e mau estruturada ,mais na maioria das vezes os motorista não respeita a velocidade .

Coronel responsável pelo aumento de autuações de motocicletas irregulares no RN é exonerado de cargo no CPRE

Responsável pela elevação de autuações e aumento no número de apreensões de motocicletas no trabalho de fiscalização no Rio Grande do Norte, o coronel PM Silva Junior foi exonerado do cargo de comandante do Policiamento Rodoviário Federal(CPRR) nessa quarta-feira(16).

Silva Junior, desde que assumiu a função, destacou-se pelo vigor no trabalho de fiscalização, e no consequente aumento do número de apreensões de motocicletas em situação irregular.

O eventual “desgaste” ocorre em meio ao envio de um projeto de lei por parte do Poder Executivo, enviado à Assembleia Legislativa, em que tem o objetivo de interromper o recolhimento desse tipo de veículo com documentação e transferência de propriedade irregulares.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luis disse:

    Viva a roubalheira, a impunidade, a anarquia,Pt no poder. Depois não reclamem

  2. PITANGA disse:

    Que absurdo! Nesse episódio, a governadora me fez lembrar seus antecessores, os quais tanto fizeram que tiraram do Cap. Styvenson o comando da lei seca. Lamentável…

  3. Iury disse:

    A bandidagem motorizada agradece a Governadora, ai a pergunta quer não quer calar: Vale a pena trabalhar sério nesse RN? Acho que não.

  4. Brasil acima de tudo. disse:

    Mais uma inversão de valores do RN, quem se esforça para pegar seus impostos em dia, toma na cara esse tipo de coisa, e ainda tem projeto de lei para beneficiar quem não cumpre com sua obrigações. Se não pode manter o veículo, venda.

  5. Alaca disse:

    Meritocracia ou nada.

  6. Jeam disse:

    Tem que ser exonerado MESMO!! O cara fazer blitz só no intuito de arrecadar IPVA está errado!! É ainda fazer gracinha pra vê quem apreendida mais..fora!!

  7. #Vergonha disse:

    Os PTralhas premiando quem NÃO CUMPRIU COM SUAS OBRIGAÇÕES, OTARIO EM QUEM PAGA …VIVA O PTRALHAS

  8. Pedro disse:

    governo do PT e suas esculhambações !!!!!

  9. Acorda Brasil disse:

    Dívida tem que ser paga. Se não paga, vende a moto.

  10. junior disse:

    Se tá devendo imposto e outras taxas, tem mais é que pagar.. Se não paga, toma a moto e vende….

  11. Malta disse:

    Bota o nome aí dos que estão incentivando e beneficiando o sonegador de impostos de veículos… Tem gente mais pobre que esses devedores e mesmo assim paga seus impostos. Já o proprietário de moto devedor, pode procurar que a maioria não paga os impostos mas todo fim de semana está num barzinho, pagando bebidas, comidas e outros prazeres. Já as obrigações de lei, deixam pro Estado autorizar a sonegação….

  12. Acorda Brasil disse:

    Cumprir a lei em um país governado por canalhas e criminosos pode ser problemático. É um risco.

  13. José claudio disse:

    Parabéns Coronel, conheço bem esse honrado militar, sai de cabeça erguida e respeitado pela população norteriogramdense, infelizmente políticos só pensam e votos, mas onde o Sr. Chegar é Coronel com dignidade

  14. Mário disse:

    Esse coronel tem que começar a fazer dieta e exercício físico, do contrário vai explodir em pouco tempo. Talvez seja estresse. Pede aposentadoria e vai cuidar da tua vida.

Detran-RN adquire etilômetros modernos e treina policiais lotados no CPRE

Fotos: Divulgação

O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) reuniu nessa terça-feira (15), comandantes regionais e policiais do Comando de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE) para um treinamento relacionado aos novos etilômetros adquiridos pelo Detran e que vão ser distribuídos nos distritos da capital e do interior do Estado.

Foram adquiridos 38 novos equipamentos que são mais modernos e agilizam o processo de fiscalização. No treinamento os policiais militares puderam conhecer as especificidades do equipamento, a exemplo do funcionamento e uso correto nas atividades de fiscalização.

O novo etilômetro tem a capacidade de apontar o condutor que utilizou bebida alcoólica apenas no ato de aproximar o equipamento do interior do veículo a ser fiscalizado. Com isso, o aparelho acende um sistema de luz verde (sem presença de álcool), amarela (pequena presença de álcool) e vermelha (indicando a presença forte de álcool). Nessa situação, o policial tem a opção de liberar de imediato o condutor quando a luz verde acender e a determinação de fiscalizar com a certeza da infração nos dois outros casos.

O diretor-geral do Detran, Jonielson Pereira, acompanhou o treinamento e informou que os etilômetros mais modernos vão conceder maior eficiência e eficácia nas operações de fiscalização empreendidas pela Operação Lei Seca e pelo CPRE. “Essa aquisição traz para a fiscalização de trânsito do estado mais modernidade e agilidade”, comentou.

O coordenador da Operação Lei Seca, capitão Isaac Paiva, também ressaltou a melhoria que os novos etilômetros vão trazer para o trânsito, já que o sistema de coleta de informações é mais sensível, moderno e de maior agilidade na captação dos dados e geração dos resultados. “Os etilômetros são bem mais rápidos e precisos, o que vai proporcionar uma operação mais célere e menos transtornos no trânsito para o cidadão que está passando pelos pontos de blitz. Outra coisa é que haverá uma economia no uso das piteiras, no sentido que somente aquele condutor detectado pelo sistema terá que realizar o teste”, explicou.

Ao final do treinamento os novos etilômetros foram distribuídos aos comandantes de Distritos Rodoviários e já devem começar a ser utilizados nas atividades de fiscalização deflagradas no decorrer desta semana.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Solange Costa disse:

    Quase sempre, quando saio com meu esposo para um lazer, ele bebe e eu dirijo, pois não sou adepta de bebida alcoolica. Se formos parados para averiguação e o aparelho acusar teor de álcool no interior do carro, vou ter que pagar por uma infração que não cometi?

  2. Arlindo disse:

    Além da questão da pessoa a ser verificada, pois quem vem dirigindo pode não ter bebido e no carro está ou ter estado pessoa que consumiu bebida alcoólica.
    Se ao sair da missa, der carona ao padre e logo depois dele sair do carro, passar numa blitz, o equipamento possivelmente vai medir teor alcoólico pelo vinho que o padre tomou e então, serei culpado por isso? A polícia deve está muito bem capacitada para essa abordagem, pois muitas vezes o condutor não consumiu álcool, mas no tem estão pessoas ou estiveram que consumiram.

  3. Artur disse:

    Da última vez que fui parado, na Av. Roberto Freire, o policial aproximou o etilômetro do interior do meu veículo. Apesar de eu ter afirmado que não bebi, o etilômetro acusou presença de álcool. O policial arrogantemente já fechou o seu veredicto contra mim e repetiu o teste, com o mesmo resultado. Pedi então o teste com o etilômetro de sopro, onde o mesmo acusou 0,00, ou seja, sem presença de álcool. Será que estes aparelhos de proximidade são realmente eficientes ?

Blitz educativa une Detran, CPRE, autoescolas e estudantes de Apodi

A cidade de Apodi, na região Oeste do estado, recebeu nessa quarta-feira (19), uma ação educativa focada na conscientização do cidadão no sentindo de zelar pela boa prática no trânsito, contribuindo dessa forma com um trânsito seguro e mais humano. A blitz educativa reuniu o Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran), estudantes da Escola Estadual Professor Antônio Dantas, o pelotão do CPRE de Apodi e as autoescolas situadas no município.

A ação faz parte do projeto Educação para o Trânsito que na ocasião trabalhou o tema “Cidadão + Atento, Trânsito + Seguro”. Nesse sentido, condutores, veículos e pedestres foram abordados pelo grupo participante da blitz educativa, que levou informações importantes sobre segurança viária, normas básicas previstas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), e, principalmente, o fortalecimento da consciência de que a segurança no trânsito é um benefício coletivo, ou seja, toda a sociedade é contemplada.

Um ponto importante da ação é a integração dos profissionais responsáveis pela fiscalização viária e os estudantes de escola pública. “Nesse caso, é possível tornar a blitz mais edificante e educativa, já que os alunos passam a se sentir parte do processo de promoção da segurança no trânsito, gerando dessa maneira mais responsabilidade e formando multiplicadores”, comentou o diretor-geral do Detran, Eduardo Machado.

A blitz educativa integrada realizada em Apodi está na segunda edição e deve ser continuada com a missão de contribuir com a segurança do trânsito municipal.

Operação aborda 40 veículos e notifica condutores em Pau dos Ferros

CPRE em Pau dos Ferros (2)Policiais do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE) realizaram na tarde desta quarta-feira (20) mais uma intensa operação na cidade de Pau dos Ferros, no Alto Oeste Potiguar. Durante a ação foram realizadas cerca de 40 abordagens à veículos com a notificação de quatro condutores. Também foram realizados testes de alcoolemia.

Em 2015, a Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) bateu recordes de produção em suas fiscalizações de trânsito. Em um ano mais de 204 mil veículos foram fiscalizados e cerca de 7.300 veículos irregulares apreendidos por irregularidades diversas. Para a Secretaria, estas ações foram importantes para a redução dos crimes naquele ano.

CPRE intensifica fiscalização nas rodovias que dão acesso a Santa Cruz

IMG-20160215-WA0057Policiais do 2º Grupo do 5º Distrito do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (5º DPRE), em conjunto com a 4ª Companhia Independente de Polícia Militar (4ª CIPM), intensificaram na manhã desta segunda-feira (15) a fiscalização de veículos nas rodovias que dão acesso ao município de Santa Cruz, na Região do Trairí, a fim de coibir o cometimento de infrações e reduzir a criminalidade naquela localidade.

Na ocasião, 127 pessoas foram revistadas e 103 veículos abordados, o que resultou na confecção de cinco autos de infração de trânsito por irregularidades administrativas diversas. Não houve necessidades de prisões e apreensões nesta operação.

CPRE registra redução de 60% em acidentes com vítimas fatais nas rodovias do Seridó

Ações preventivas do CPRE reduzem acidentes nas rodovias estaduais (4)O comandante do 3º Distrito do Comando de Polícia Rodoviária Estadual, (3ºDPRE), Major Silva Neto, apresentou no último sábado (19) o relatório final das ações desenvolvidas pelo distrito no ano de 2015. De acordo com os números apresentados houve uma redução de cerca de 60% nas ocorrências com vítimas fatais em acidentes registrados nas rodovias estaduais da região do Seridó.

“Os números são muito positivos e como não poderia ser diferente estou muito contente com o trabalho realizado por todo o efetivo”, disse o Major Silva Neto.

No ano de 2014 os policiais do 3º DPRE atenderam 829 acidentes, dos quais 400 tiveram vítimas, sendo 27 fatais. Já em 2015 foram registrados até aqui 596 acidentes, com 298 vítimas, 16 delas fatais, ou seja, uma redução significativa do número de acidentes, quanto do número de mortes.

“Isso mostra que as diversas operações realizadas pelo distrito no ano de 2015 surtiram efeito em toda a região. Para se ter uma ideia houve também um aumento nas autuações confeccionadas pelas guarnições do CPRE”, disse o oficial.

O relatório do 3º DPRE aponta que no ano passado, 3.623 motoristas foram autuados por infrações diversas, já esse ano o número já chega a 4.122, demonstrando um aumento na fiscalização.

Outro fator apontado pelo 3º DPRE para se alcançar esse resultado, foi a criação na área do 3º distrito do Grupo Tático Operacional Rodoviário (GTOR), com policiais qualificados e treinados para agir em diversas situações de risco nas estradas, e que vem apresentando um trabalho de destaque na fiscalização das nossas rodovias, inibindo a prática de crimes como a embriagues, uma das principais causas de acidentes graves no nosso país.

Para o major Silva Neto, que já está há 4 anos comandando a Polícia Rodoviária Estadual no Seridó, isso só eleva a estima de todos e mostra que o caminho percorrido está sendo certo, por isso ele parabeniza os seus policiais e conclama todos ao desafio de continuar zelando pela ordem e segurança das estradas seridoenses.

Bugueiros do RN denunciam falta de fiscalização e perseguição e podem paralisar

litoral-norte-buggy-09O passeio de buggy, um dos principais atrativos turísticos do Rio Grande do Norte, pode estar ameaçado para a alta estação. Os bugueiros profissionais estão organizando uma paralisação das atividades na próxima quinta-feira (5) em protesto contra a falta de fiscalização dos passeios clandestinos e contra a perseguição de fiscais.

De acordo com Luiz Thiago Manoel, presidente do Sindicato dos Bugueiros Profissionais do RN (Sindbuggy), vários veículos estão conseguindo placas vermelhas através de favores políticos nos municípios e realizando passeios clandestinamente sem a autorização da Secretaria de Estado do Turismo (Setur).

“Nós, bugueiros profissionais, temos que passar por cursos de qualificação, temos que ter uma autorização para rodar, um registro na Setur para realizar os passeios e o que estamos vendo é que, cada vez mais, clandestinos estão realizando passeios só porque tem a placa vermelha. Tem até carro com falso adesivo de permissionário. Falta fiscalização”, denunciou lembrando que a atividade é disciplinada pela lei estadual 8.817 de 2006.

Além da falta de fiscalização contra os passeios clandestinos, o Sindbuggy também denuncia que policiais militares do Comando de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE) e fiscais do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) estão descumprindo a Portaria 711/07 que regulamenta o acesso dos buggys às praias.

“Tem bugueiro sendo multado por estar trafegando em praias permitidas pela portaria do Detran. Será que o turista que vê uma coisa dessas volta? E como fica a situação do bugueiro? Nós estamos errados ao ajudar o turismo do Estado dentro da lei? O que queremos é que o poder público resolva esses problemas”, concluiu.

Nesta terça-feira (3), as 10h, na sede do Comando de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE), haverá uma reunião da categoria com representantes da Setur e do Detran para encontrar uma solução definitiva para o problema, já que está começando o período da alta estação. Se não houver solução, os bugueiros farão uma paralisação de advertência na próxima quinta-feira (5) e não descartam medidas mais sérias para cobrar.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Wilton Barbosa disse:

    Acho que também tem que ter uma vistoria mai severa nos bugres em relação a manutenção, muitos vejo que não tem condições de fazer passeios, e em relação as multas na beira mar eu presenciei a CPRE abordando os bugueiros em pitangui um estava sem habilitação e outro tinha consumido bebida alcoólica.

  2. Jean disse:

    O problema esta neste tal de Luiz Thiago, cara sem noção….vai procurar o que fazer !

  3. Eduardo disse:

    Os bugueiros querem ser donos das Dunas, não querem dividir o espaço com ninguém, inclusive já presenciei agirem com certa violência com outros veículos. Me digam onde compraram a posse dessa dádiva da natureza? E alegam que fizeram cursos, ora o que mais têm é bugueiro irresponsável e embriagado levando mais turistas que o permitido e sem cinto de segurança.

  4. Carlos disse:

    Thiago vc como presidente é um excelente buggueiro kkkkk

Na blitz de Pirangi até o motorista do carro do lixo foi preso embriagado

A Operação Rodovida, que visa combater o crime de beber e dirigir entre os motoristas potiguares, está mostrando que não distingue tipos de cidadão.

Na barreira montada no último sábado, na BR 63, na saída do show do Circo da Folia, até o condutor do caminhão do carro do lixo, a serviço da Prefeitura de Parnamirim, foi preso com teor alcóolico do permitido.

A mesma ação autuou e recolheu a CNH de 96 pessoas e prendeu mais 25 motoristas que apresentaram o teor superior a 0,3% de álcool por litro de sangre.

Com o fim das grandes festas no Litoral Sul, o foco da operação será as regiões de Natal e Grande Natal, em especial às saídas dos bares.