Superintendência de Trens Urbanos de Natal emite nota de esclarecimento sobre notícias de transferência de uma das composições VLT para o DF

A Superintendência de Trens Urbanos de Natal vem prestar esclarecimentos a respeito das notícias que têm sido veiculadas sobre a transferência de uma das composições de Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) de Natal para o Distrito Federal.

De acordo com informações recebidas da Administração Central desta Companhia, a CBTU dará início a uma nova operação de transporte de passageiros em Brasília, conectando a capital à cidade de Valparaíso, em Goiás. Durante os primeiros seis meses, o sistema funcionará em caráter experimental, utilizando duas composições de VLTs, uma de Natal (RN) e outra João Pessoa (PB).

Diante disso, a Superintendência Regional de Natal vem mantendo contato com o Diretor-Presidente da Companhia, uma vez que a retirada temporária de um dos VLTs da operação local causará prejuízos à oferta de serviços aos usuários, considerando que a demanda de passageiros nos municípios operados pela CBTU no Rio Grande do Norte já se encontra acima da capacidade atual.

Além disso, ainda este ano, terá início a modernização de trecho de via permanente em Natal, bem como está em tramitação projetos de ampliação da malha ferroviária, o que, consequentemente, aumentará a oferta de viagens e a demanda de passageiros.

A Administração Central da CBTU, por sua vez, informa que a Superintendência de Natal está prestes a receber cinco novos trens, já encomendados pela Companhia.

No entanto, considerando o cenário atual, foi solicitado ao Diretor-Presidente que reconsidere o empréstimo do VLT desta Unidade Administrativa, cientificando-o dos riscos acima narrados.

Esta Superintendência Regional tem acompanhado de perto a solução, buscando preservar os interesses dos passageiros, bem como a qualidade do serviço prestado.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cristiano disse:

    BG faz ai uma retrospectiva já que vc é muito bom nisso, sobre aqueles projetos do VLT integrando a grande Natal na época da copa que Dilma, Lula, Fátima, Robson e os blogueiros amigos apresentavam para Natal, Parnamirim, São Gonçalo e Extremoz.

  2. Flávio Xavier disse:

    Vamos analisar a situação: A Superintendência de Trens de Natal não apresentou nenhum documento quer seja do Ministério das Cidades ou da Presidência da CBTU, sobre esse empréstimo, convenhamos que não se está emprestando um terno ou um carro para um amigo que está indo a um evento, e a própia Empresa alega em sua nota que causará prejuizos à oferta de serviços aos usuários, como explicar que haverá uma ampliação e modernização da malha ferroviária existente se stão retirando uma composiçao do sistema? Isso sem falar no custo que essa operação irá acarretar, quem pagará? Sendo a CBTU uma Empresa Pública onde está a transparência de criação de uma"nova Superintendência no Distrito Federal, foi publicada onde? E o quadro de empregados houve concurso público? Quantos cargos comissionados existirão? Se estão sendo prometidos cinco novos VLTs porque não levar logo dois para ese novo sistema? Muito estranho no final de um Governo essa manobra de "expansão".

  3. potiguar disse:

    Vamos tirar o VLT dos eleitores da esquerda e mandar para os eleitores do BOZO. Simples assim!!!

  4. otavio disse:

    Agora é o momento do governador atual juntar forças com a governadora eleita,os deputados federais e senadores e reivindicarem o não emprestimo visto q acarretará enorme prejuízo a nossa população.O número de composições q existe ja não atende a demanda.

Presidente da Câmara Municipal de Touros emite nota de esclarecimento ao Blog do BG

NOTA DE ESCLARECIMENTO AO BLOG DO BG

A Presidente da Câmara Municipal de Touros, Vereadora Isabel Cristina, vem à público esclarecer que referente a notícia veiculada neste conceituado e importante meio de comunicação, sob o título DEBANDADA cabe ressaltar que: a vereadora Professora Bel é aliada da futura governadora Fátima Bezerra desde o primeiro turno. Portanto no segundo turno estamos reiterando o nosso apoio e bastante felizes com a vinda do vice-prefeito Flávio Teixeira e demais vereadores e lideranças que estão se somando a nossa luta.

Vereadora Professora Isabel Cristina – Presidente da Câmara Municipal de Touros

Deputado estadual Souza Neto emite nota de esclarecimento

NOTA A POPULAÇÃO POTIGUAR

Aquelas pessoas que pensam ser donas da prefeitura, do povo, da cidade de Areia Branca e até da Justiça despejaram mais uma série de denúncias e processos contra mim.

Fui informado que outros tantos virão; boa parte graças a “denúncias anônimas”. A ordem lá de cima é tentar que eu seja impedido de ser candidato à reeleição de qualquer jeito.

O caso é de obsessão, que merece tratamento psiquiátrico.

Estou acostumado.

Desde que comecei minha vida pública tem sido assim: só na Justiça Eleitoral eles já empilheiraram mais de 100 processos contra o mim.

Assim mesmo, já fui eleito vereador, duas vezes vice-prefeito, duas vezes prefeito e uma vez deputado estadual. Por enquanto.

Bem, eu não preciso detalhar muita coisa nem avivar a memória de ninguém, para que todos saibam de quem eu falo. Areia Branca sabe bem do que estou falando (para um bom entendedor meia palavra basta, já diz o adágio popular).

Meu sentimento não é de ódio, revolta. Eu sinto compaixão.

A intenção é a mesma de sempre: tentar impedir que eu continue essa marcha vitoriosa, de dar sequência ao meu mandato; à vida pública que abracei ainda muito jovem.

Quero lhes deixar cientes do seguinte: podem usar e abusar dos anônimos podem fazer uso dos processos, podem usar e abusar de espaços na imprensa e nas redes sociais para denegrirem minha imagem, enxovalharem a honra de minha família.

Vocês vão, novamente, se decepcionar.

Eu não tratarei o mal com o mal.

Eu não faço e não farei política de forma tão mesquinha, covarde e medrosa, a ponto de usar de expedientes baixos para tentar eliminar adversários.

Os que não conseguiram ter a biografia que eu escrevi até agora, vencendo TODAS, vou repetir, TODAS as eleições das quais participei, vão continuar frustrados.

Estou na Assembleia Legislativa como resultado de um trabalho de anos e anos.

Sou deputado pelo destemor de enfrentar as urnas, gente poderosa e endinheirada, que não tem coragem de disputar o voto e precisa se esconder por trás de uma série de processos, na tentativa de impedir que eu continue fazendo história.

Vou seguir fazendo política por vocação, por paixão e como apostolado popular, jamais como meio de vida.

Aqui quem fala é Souza, Deputado Souza, legítimo representante de todos os norte-rio-grandenses.

Muito obrigado.

Secretaria de Educação de São Gonçalo do Amarante emite nota de esclarecimento

A Secretaria Municipal de Educação (SME) de São Gonçalo do Amarante/RN esclarece que não fechará nenhuma das escolas da rede municipal.

A Secretaria Municipal de Educação (SME) de São Gonçalo do Amarante/RN esclarece que não fechará nenhuma das escolas da rede municipal. Entretanto, a SME, com o intuito de otimizar os recursos públicos e melhorar a qualidade do ensino, está implementando o processo de nucleação que consiste na organização das unidades escolares por modalidade de ensino, conforme as especificidades: ensino infantil e fundamental (do 1º ao 5º ano e do 6º ao 9º ano).

Assim, nas comunidades Rio da Prata, Igreja Nova e Alagadiço Grande o processo de nucleação está sendo formatado da seguinte forma: as Escolas Leonel Mesquita e Damião Januário , em Rio da Prata e Igreja Nova, respectivamente, atenderão alunos do Ensino Infantil ao Fundamental do 1º ao 5º ano; já a Escola Alfredo Mesquita, em Alagadiço Grande, atenderá o Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano.

Em face das mudanças, a Secretaria de Educação vai transformar as unidades escolares, acima mencionadas, em escolas de Tempo Integral por meio dos Programas Mais Educação, Mais Alfabetização; e, assim, com mais tempo de formação e escolaridade, evitando a evasão escolar, diminuindo o índice de reprovação e repetência do corpo discente.

A secretaria ainda ressalta que os argumentos do possível fechamento de escolas nas comunidades são infundados, e partem de pessoas que tão somente visam o interesse pessoal, e não da escola como todo – tendo em vista na melhoria do sistema educacional do município.

Secretaria Municipal da Educação de São Gonçalo do Amarante/RN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Marcílio disse:

    Esclarecimento, não é Ensino Infantil, e sim, Ensino Fundamental de 1° ao 9° ano. Educação Infantil é outro nível de ensino. De 1° ao 5° ano Ensino Fundamental menor e de 6° ao 9° ano Ensino Fundamental maior.

Defesa da Prefeita Fernanda Costa Bezerra e de seu marido, deputado Tomba Farias, emite nota de esclarecimento

Sobre a veiculada notícia acerca da condenação, pela Justiça Eleitoral, da Prefeita Fernanda Costa Bezerra e de seu marido, o Deputado Tomba Farias, sob a acusação de suposta prática de abuso de poder econômico durante as eleições de 2016, é necessário esclarecer ao público:

1. A acusação apurada pela Justiça Eleitoral é de suposta prática de abuso de poder consubstanciada em evento da prefeitura de Santa Cruz/RN que ocorreu pela necessidade inerente ao Município de dar continuidade às ações administrativas mesmo durante o período eleitoral;

2. Além de ser completamente legítimo, o evento não possuiu nenhum cunho ou inclinação eleitoral e tampouco contou com a presença da Prefeita Fernanda ou do Deputado Tomba Farias, como restou devidamente comprovado no processo que tramita perante a 16ª Zona Eleitoral do Estado;

3. As punições determinadas (cassação e de inelegibilidade) não possuem aplicação imediata, somente podendo ser implementadas nas hipóteses de confirmação pelo Tribunal Regional Eleitoral ou de transito em julgado;

Em respeito à verdade é que a defesa da Prefeita Fernanda e do Deputado Tomba Farias apresentará o competente recurso endereçado ao Tribunal Regional Eleitoral, confiante de que a justiça prevalecerá e a sentença será integralmente reformada.

ANDRÉ CASTRO
Advogado

Prefeitura de Natal emite nota de esclarecimento

Em relação a matéria sobre as obrigações de parcelas de empréstimos da Prefeitura que a União assumiu( RN impossibilitado de contratar empréstimo com garantia da união por causa da folha de pessoal e Natal por causa de inadimplência), a Secretaria de Comunicação do Município de Natal gostaria de esclarecer que todas as parcelas que a União avalizou no vencimento da obrigação, foram debitadas posteriormente no FPM. A União não perdeu nada.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Adalbetto disse:

    Equipe de incompetentes. Isso é resultado do dominio das familias Alves e Maia sugando o nosso Estado há décadas.

Defesa do deputado estadual Tomba Farias emite nota de esclarecimento

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Sobre a veiculada notícia acerca do recebimento de ação penal contra o Deputado Tomba Farias, em respeito ao público, é preciso esclarecer os seguintes pontos:

1. Os fatos relatados na ação penal em comentário já foram, todos, investigados e analisados em sede de duas Tomadas de Contas Especiais que tramitaram respectivamente na *SUDENE* e no *Tribunal de Contas da União (TCU)*, que terminaram por aprovar as contas do Convênio n. 130/2000, atestando não haver qualquer irregularidade na execução da obra ou no seu uso;

Justiça recebe denúncia do MPF contra o deputado estadual Tomba

2. Com base nos mesmos fatos, o Ministério Público Federal (MPF) ajuizou ação de improbidade administrativa perante a Justiça Federal de 1ª Instância, na qual o Deputado Tomba Farias apresentou sua defesa comprovando o equívoco da denúncia. O Deputado foi inocentado de todas as acusações de superfaturamento ou de permitir uso indevido da obra pública;

3. Essa decisão, que reconheceu a lisura da gestão do Deputado Tomba Farias perante a Prefeitura de Santa Cruz/RN, foi integralmente mantida pelo Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5);

4. Agora, os mesmos fatos voltaram à análise do Tribunal Regional Federal da 5ª Região diante da independência das instancias cível e penal, gerando o recebimento da denúncia para que, mais uma vez, se apresente a defesa necessária, sem que tal fato redunde em qualquer juízo de condenação;

Em respeito à verdade, o Deputado Tomba Farias apresentará sua defesa, confiante de que a justiça prevalecerá e ele será novamente inocentado de todas as acusações.

ANDRÉ CASTRO- Advogado do deputado Tomba Farias

Governo do Estado emite nota de esclarecimento

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Com relação ao parecer do Tribunal de Contas do Estado (TCE) em análise das contas relativas ao ano de 2016, o Governo do RN faz as seguintes considerações:

1 – O Governador Robinson Faria não responde diretamente por nenhuma das práticas que foram questionadas no relatório do TCE e, portanto, não cometeu crime de responsabilidade nem ato de improbidade. O Governador não é ordenador de despesas e, neste sentido, não deve ter suas contas maculadas por atos de ordenação de despesas;

2 – Não se registraram desvios ou má aplicação de recursos públicos no exame das contas anuais do Governo do RN, mas tão somente desconformidades processuais que serão justificadas;

3 – O Governo entende que eventuais falhas formais de procedimento não seriam suficientes para ensejar a reprovação das contas, tomando como exemplo análises diversas realizadas pela Corte em contas de governos anteriores;

Feitas as considerações acima, o Governo do RN informa que apresentará ao Tribunal de Contas do Estado um pedido de reconsideração do parecer prévio da Corte, para que possa elucidar todos os questionamentos apontados, convicto de que os atos administrativos respeitam os princípios legais.

Por último, com o devido respeito ao TCE, expressa a confiança de que a Corte terá elementos para a requerida reconsideração do parecer apresentado.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Maimeleiro disse:

    Pronto, é só aproveitar e canonizar!! O que é que esse homem tá fazendo na função de "Guvernador" do Estado do RN ?

  2. A.Augusta disse:

    O GOVERNO NÃO PODE FAZER, NADA PELO ESTADO. AFINAL TEM QUE PRIORIZAR O AUMENTO DOS CARGO COMISSIONADOS QUE GANHAM ACIMA de 5 MIL REAIS. ELE SABE O QUE FAZ. O RESTO DANE-SE SE FEZ DESCASO ATÉ AGORA, FALTANDO COM RESPEITO AOS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS E A POPULAÇÃO. NINGUÉM ESPERE DELE. ELE ESTÁ PREOCUPADO COM ELE SEUS ALIADOS.

  3. Ivan disse:

    O governador, antes de sair, bem que poderia tentar botar o estado nos trilhos…Atraindo investimentos e enxugando essa nossa máquina ineficiente (saneando a folha, privatizando UERN e Caern, extinguindo secretarias inúteis)….Se conseguir isso, no futuro, será lembrado como o governador que abriu o caminho pro nosso desenvolvimento…

  4. JUNIOR PINHEIRO disse:

    Nao paga direito ao servidor e ainda dá trambique? porque nao já foi expulso??? ô povo bom esse do RN!!!!

  5. Silbia disse:

    É gopí?

  6. Chico disse:

    Quem mesmo????

  7. LEO disse:

    E tem Governador o RN???????

  8. José Avelino Neto disse:

    Haja nota nos blogs oficiais !

  9. DOUTOR Fernandes disse:

    Mesmo caso da Dilma.
    Não importa se é golpe ou não.
    Quem com golpe fere, com golpe será ferido.
    Raitimbora, Piruca.

Ministério Público do Trabalho no RN emite nota de esclarecimento sobre ação civil pública contra a Guararapes Confecções S/A

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Sobre a ação civil pública contra a Guararapes Confecções S/A (ACP 0000694-45.2017.5.21.0007), o Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Norte esclarece que:

1. A ação proposta contra a empresa Guararapes, para sua responsabilização quanto aos direitos trabalhistas dos empregados das facções de costura, foi elaborada pelo Grupo de Procuradores do Trabalho vinculados à Coordenadoria Nacional de Combate às Fraudes – CONAFRET, que realizou inspeção nas facções e analisou as condições de trabalho e o conteúdo dos contratos de facção utilizados pela Guararapes. A ação não foi proposta contra nenhuma facção de costura e não tem por fundamento a ilicitude da terceirização, mas a existência de subordinação estrutural e responsabilidade solidária.

2. O MPT realizou inspeção em mais de 50 facções, em 12 municípios, e constatou que os empregados das facções recebem menor remuneração e têm menos direitos trabalhistas do que os empregados contratados diretamente pela Guararapes, inclusive quanto à saúde e segurança do trabalho. Na inspeção, foram ouvidos trabalhadores e faccionistas, que relataram as dificuldades financeiras pelas quais vêm passando para pagar salários, 13º e férias, pois o preço da costura das peças, fixado pela Guararapes (atualmente R$ 0,35 o minuto), não é suficiente para cobrir os custos operacionais.

3. Muitas facções já foram forçadas a encerrar suas atividades e seus proprietários se encontram endividados, porque tiveram que financiar as máquinas e equipamentos de costura, adquiridas de acordo com as especificações técnicas fornecidas pela Guararapes, para a costura de jeans.

4. Os contratos de facção utilizados pela Guararapes são contratos de adesão, porque as microempresas de facção não negociam suas cláusulas e as obrigações são estipuladas unilateralmente pela Guararapes, inclusive o preço a ser pago, e o contrato não prevê aviso prévio, em caso da Guararapes suspender o envio de peças para costura.

5. A Guararapes não garante o envio regular de peças para as facções de costura, podendo diminuir a quantidade de peças enviadas, de acordo com os seus interesses, situação que tem sido, ao lado do preço do serviço estipulado no contrato, causa do fechamento de facções.

6. A própria Guararapes informou que transferiu 17% da sua produção, no Município de Extremoz, para as facções do Pró Sertão. O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) do Ministério do Trabalho demonstra que não houve criação de novos empregos, pois em dezembro de 2013 (ano de criação do Programa Pró Sertão) a Guararapes contratava 10.034 empregados, e em abril de 2017, o seu quadro de pessoal era de 7.539 empregados. A conclusão é que a Guararapes não gerou novos empregos no RN, mas transferiu empregos diretos da sua fábrica para as facções, transferindo para essas microempresas todo o risco da atividade econômica.

7. Centenas de ações individuais já foram propostas pelos empregados demitidos das facções, na Justiça do Trabalho, cobrando parcelas rescisórias que não foram pagas e, inclusive, alegando a responsabilidade da Guararapes pelo pagamento dessas verbas.

8. Os fatos verificados na inspeção e que fundamentam a ação do MPT estão demonstrados no processo por meio de depoimentos, fotos, vídeos, laudos periciais e informações apresentadas por órgãos públicos e pelo Banco do Nordeste.

9. O pedido de indenização por danos morais coletivos, no valor de R$ 37.723.000,00 (trinta e sete milhões setecentos e vinte e três mil reais), corresponde a parte do lucro obtido com o trabalho das facções. O lucro líquido consolidado da Guararapes/Riachuelo, em 2016, foi de R$ 317.600.000,00 (trezentos e dezessete milhões e seiscentos mil reais). Em caso de condenação, o valor deverá ser destinado a instituições sem fins lucrativos.

Aroldo Teixeira Dantas
Procurador-Chefe Substituto
Procuradoria Regional do Trabalho da 21ª Região

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Xarope de Viagara disse:

    Tudo leva a crer que Esses procuradores do MPT , Logo logo, irão fiscalizar esses trabalhadores -que perderam o emprego- quando eles passarem a ser vendedores ambulantes nas paradas de ônibus, portas de escolas, ou entradas de Shoppings Center.

  2. Isabel disse:

    Esquerdinhas caviar. Boa parte do MPT é assim. Remuneração no topo mais auxílios (só o moradia em cinco mil reais) e uma estrutura de trabalho num prédio que mais parece um palácio. São inúmeros terceirizados na recepção, pra fazer quase nada. Estagiários ? Eles têm, mas, em "acerto" com um tal fiscal perturbado da Delegacia Regional do Trabalho, vêm pondo terror no serviço público, nos gestores. Vivem num mundo à parte. Deveriam voltar aos seus estados de origem pois com o RN parece que não estão muito preocupados. O foco de muitos deles é a mídia, é o holofote, é aparecer, ou seja, o velho e maldito ego. Uma lástima.

  3. Sérgio disse:

    Isso é que dá ter um ministério do trabalho cheio de petista.

  4. Humberto disse:

    O que vai acontecer com a Guararapes é o mesmo que aconteceu com a Alpagarta, fechou as fábricas no RN e abriu na PB. No Brasil e especialmente no RN empresário é tratado como bandido e vagabundo é tratado como coitado. Lembro a esses esquerdopatas que pra ter o ovo é necessário que exista a galinha.

  5. Fábio disse:

    Parabéns ao Sr. Dep. Rogério Marinho que vai legalizar toda essa Ilicitude. O grande Empresariado tem ódio de comunista na presidência, mas para aumentar seus lucros aplicam o Regime Escravagista Comunista Chinês nas facções…interessante!!! Criticam a concorrência dos Chineses mas agem iguais a eles!!!

  6. Robert disse:

    Existe muito serviços assim aqui no RN. O MINISTÉRIO DO TRABALHO tambem é omissa nesse estadooooo. SAO TODOS A FAVOR DOS EMPRESÁRIOS, ESSES HIPÓCRITAS FISCAIS. Estado ruim de viverRN.

  7. Francisco leilton Ferreira disse:

    Aqui se paga $ 1,000,00 para o outro não ganhar $ 200,00.
    Não estou vendo os funcionários destas facções reclamando. Porque???

    • Andre disse:

      Leia direito: várias ações foram movidas contra a Guararapes por parte de facções e ex-funcionários.

  8. Hsb disse:

    A CHINA e o PARAGUAI agradecem a ajuda da pmt/RN

  9. The Edge disse:

    A República do Paraguai agradece os esforços do MPT na geração de empregos em seu país.

  10. Daniel Lopes disse:

    Essa foi uma forma que a guararapes encontrou para diminuir seus custos com empregados, caso isso não agradar as outoridades nem as facções, o estado do Pernambuco ofereceu incentivo fiscal muito significativo para o empresário Flávio Rocha, segundo o próprio governador robinsom Farias a saída da fábrica do estado causaria um grande problema para o estado, uma demissão em massa de mais de 30.000 empregos diretos e indiretos, agora eu pergunto o ministério público vai empregar essa quantidade de trabalhadores aonde? Esse tipo de situação, deve ter uma negociação e a participação do ministério do trabalho, Judiciario, BNDS para garantir o financiamento para o micro empreendedor de facções, para achar uma melhor saída, garantindo aos interesse de todos. No Brasil as coisas são muito "engraçados" o governo saqueia o país acabam com as condições de sobrevivência dos empresários e do povo aumentando os impostos, combustível para tentar cobrir o rombo que deixou, rateando a conta com o povo brasileiro. Um exemplo narrado pelo BG que as facções não estão conseguindo pagar seus financiamentos dos máquinarios, essa dificuldade são de todos dos pequenos, médios e grandes empresários, cada um em sua proporção, sei de uma coisa se a guararapes sair do estado natal entra em estado de miséria com tantos desempregados com as poucas indústrias fechando ou mudando de estado por não aguentar a irresponsabilidade de um governo criminoso é um poder judiciário omisso.

  11. paulo martins disse:

    A solução prática e definitiva é acabar com a "justiça" trabalhista. Não só ela, como também as "justiças" desportiva, militar e eleitoral. (Ou, na contramão do bom senso, criar uma "Justiça Sindical".) Todas excrescências inúteis que só servem ao atraso institucional tupiniquim, além de vampirizar o bolso do contribuinte.

  12. Luciana Morais Gama disse:

    O MAIOR DIREITO QUE O TRABALHADOR TEM ELE NÃO USA, QUE É PEDIR AS CONTAS. NINGUÉM É OBRIGADO A TRABALHAR ONDE NÃO SE SENTE BEM.

  13. Comedor de Coxinha disse:

    E tem gente q apoia esse absurdo. Só podem ser "empresários" escrotos, sem condições.
    Uma mega empresa fazendo uso de trabalho quase escravo, sem condicoes adequadas de trabalho…Parabéns MPT.

    • Silva disse:

      Quem não estiver satisfeito com o emprego, peça demissão. Vá trabalhar num garinpo com um chibanque na mão, quem sabe não acha uma esmeralda iqual a essa que é matéria aqui no BG. Pronto! Tá bem remunerado enrricou. Blz?

  14. potiguar disse:

    Brasil vai virar China, Indonésia, vietnã. Trabalho escravo. Esses senhores que é a favor desse tipo de trabalho com certeza tem outros trabalhos. Pimenta nos olhos dos outros é refresco.

    • Waldemir disse:

      Kkk nunca li tanta bobagem
      Quero ver você desempregado querendo seu direitos trabalhistas kkkk

  15. Washington luiz disse:

    Admiro muito o ministério público mais tem hora que passa do limite, porque que quando foi proposto esse progeto os senhores magistrados não boto os pingos nos i ? Ai vão dize que não forao convidado com um programa desse tamanho não precisava ser convidado não tinha que chuta a porta e dizer é assim é assado é pronto ai depois que a vaca ta indo pro brejo querem culpa o dono do terreno no lugar de procura o dono da vaca. So no Brasil.

  16. DJAILSON disse:

    quem for demitido , solicitar emprego no MPT e DRT

  17. jurista potiguar disse:

    A Ilustríssima Sr. procuradora responsável por essa aberração jurídica e diversas outras que prejudicam em primeira linha o trabalhador potiguar, responsável direta, inclusive, pelo esvaziamento de MILHARES DE EMPREGOS NO RN NOS MAIS DIVERSOS SETORES ECONÔMICOS AO TENTAR A TODO CUSTO IMPOR obrigações aos empregadores potiguares não previstas nem no mais protecionista direito alienígena, com base exclusivamente no SEU entendimento particular, NA SUA constituição, na SUA CLT, quer inventar a roda, a econômica mundial e as relações de trabalho.

    Dra. tome consciência, reflita, tenha a humildade de buscar as informações corretas da destruição em massa de empregos e de empresários que seus TACS e suas Ações Civis Públicas desarrazoadas e puramente ideológicas vem causando no estado. Evoluir é preciso DRA. Ninguém é 100% dono da verdade. Se utilizar de cargo ou condição profissional para agir de má-fé em detrimento de toda a classe produtiva potiguar através de meios que beiram a obscuridade por puro interesse ideológico pode não ser ilegal, mas é totalmente imoral.

  18. Allan disse:

    Riachuelo, páre de contratar as facções têxteis do RN, aproveite e feche a Guararapes e pronto… problema resolvido.

    Abra mais fábricas em outros estados e países, é isso que o RN quer.

  19. Heineken disse:

    O lucro líquido consolidado da Guararapes/Riachuelo, em 2016, foi de R$ 317.600.000,00 (trezentos e dezessete milhões e seiscentos mil reais).
    Como falei em um comentário anterior, empresários, principlamente de grandes empresa, não jogam para perder. Enquanto tem gente desempregada, ou mesmo empregada colocando 500 elasticos por hora em calças, tem gente tomando banho de Perrier e acendendo charutos com notas de 100. Gera emprego, quase as custas da escravidao, pagando salários ridiculos.

    • Netto disse:

      1- Só parte do lucro da Guararapes veio da comercialização de produtos feitos nessas facções; 2- Se jogasse para perder, fechariam de vez e não se tem nem empregos, nem dinheiro circulando em nem impostos; 3- lucro é SAGRADO; 4- quem não quer trabalhar colocando elásticos em roupas, procure fazer outra coisa (para não ser explorado…); 5- Quem tiver o seu dinheiro, ganho honestamente, pode jogá-lo da ponte; 6- comparar salário baixo com escravidão é só picaretagem retórica.

    • Arthur disse:

      Só pedir demissão e procurar outro emprego parceiro… vivemos em um país livre. Brasileiro preguiçoso gosta de ser tratado como coitadinho, gosta de ser ninado pelo Estado por não ter fibra, coragem e dedicação pra se qualificar e buscar algo melhor…

    • Dário disse:

      Seu sonho é quebrar quem gera emprego.

    • Silva disse:

      E o que é que tem?? É proibido ganhar muito dinheiro? Vá trabalhar, vá emprender, faça como Nevaldo Rocha fez quem sabe vc consegue virar empresário de sucesso ao invés de tá falando abobrinha. Quem não estiver satisfeito com o emprego que tem, peça demissão, simples assim. Mas não condene os empresários competentes.

    • Waldemir disse:

      Quanto ela pagou de impostos estadual ???
      Se eu fosse a guararapes fecharia e mandaria no mínimo 5.000 empregados cobrar os salários dos procuradores
      Aí seria ótimo para o RN

Sesap emite nota de esclarecimento

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) vem a público informar que o secretário George Antunes está sendo vítima de golpe praticado por pessoas inescrupulosas que estão pedindo dinheiro para fins escusos, usando inclusive sua foto em mensagens através de celular.

A Sesap alerta para que as pessoas fiquem atentas, inclusive fornecedores e prestadores de serviço da área de saúde pública, até porque todas as negociações com relação à Secretaria são tratadas de forma institucional e acordadas pelas partes interessadas. Medidas judiciais já estão sendo tomadas.

Governador Robinson Faria emite nota de esclarecimento

NOTA

Informado por meio da imprensa a respeito de suposta investigação do Ministério Público, o governador Robinson Faria esclarece que durante o período que esteve à frente da presidência da Assembleia Legislativa não procedeu com a nomeação de qualquer servidor “fantasma”.

O Ministério Público exerce seu papel constitucional de fiscalização dos poderes, mas é importante destacar que não se pode presumir culpa ou delito sem a conclusão das investigações em curso e seu devido julgamento pela Justiça.

Governador investigado

Segundo o portal G1-RN, o governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSD), está sendo investigado sob a suspeita de nomear supostos ‘servidores fantasmas’ quando presidente da Assembleia Legislativa do estado, segundo inquérito civil instaurado pelo Ministério Público. Testemunhas foram intimadas e devem prestar esclarecimentos já nesta quarta-feira (3) na sede da Procuradoria Geral de Justiça.

O objetivo do inquérito, segundo o MP, é apurar a prática de improbidade administrativa. Robinson foi presidente da Assembleia de 2003 a 2010. A investigação corre em sigilo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Observador (o verdadeiro) disse:

    O blog publica a defesa mas nada de apresentar a denuncia, a tempo.

João Maia emite nota de esclarecimento

A imprensa divulgou nesta terça-feira (04) notícia sobre delação premiada do Sr. Gledson Golbery de Araújo Maia, ex-chefe do serviço de engenharia do DNIT no Rio Grande do Norte, na qual eu sou acusado de ter sido favorecido por irregularidades cometidas naquele órgão.

O processo tramita em segredo de Justiça, e por isso ainda não tive acesso aos autos e ao conteúdo da delação, providência essa que os meus advogados já requereram e que aguarda deferimento para que eu, conhecendo de que sou acusado, possa me defender.

Confio plenamente no Poder Judiciário, e tenho a mais firme convicção de que as investigações irão distinguir a mentira da verdade, e ao final demonstrar que são acusações infundadas de quem busca culpados para as suas próprias fraquezas.

João da Silva Maia
Ex-deputado federal e Presidente Estadual do PR

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Eterno Vascaino disse:

    Quem é João Maia ?

  2. Manuel Marcelino Filho disse:

    Parabéns pala atitude.

  3. Heineken disse:

    Não adianta choramingar, enquanto o povo for burro e não lutar só vai tomando, sem cuspe e com areia

  4. FRASQUEIRINO disse:

    Mais um parlamentar com amnésia….não se lembra de nada, Coitado!!!!!

  5. claudio disse:

    Parabéns João sua atitude foi nobre. O povo do nosso Estado está com vc ! forte abraço !

  6. Pedrinho disse:

    O RN e suas dinastias que sugam TUDO o que podem. Resultado? O cidadão sem segurança, sem escola que preste, sem saúde. Sai de casa e não sabe se volta. Tá na hora de exorcizar esses demônios de uma vez por todas. E de pensar que ainda tem eleitor pra esse tipo de "gestor".

  7. MB disse:

    Esse aí não me engana, não! De besta só tem a cara. Achar que o seu sobrinho fez tudo sozinho é menosprezar a nossa inteligência…kkkkk.

  8. José Tiago P do Nascimento disse:

    Pessoal não vamos ser maldosos, como vocês podem, supor, que algum político no Brasil pediu facilidades a empresários? Isso jamais foi praticado nessas terras, não existe caixa 2, não existe favorecimento, tudo é feito dentro da lei e respeitando as regras do TSE. Jamais um político brasileiro cometeu qualquer ato ilegal. Por favor não façam julgamento antecipado, principalmente em citações nesse sentido, nessas terras de Cabral tudo é honesto, não existem campanhas milionárias. Muito menos no RN.
    Fico surpreso em ver a velocidade que o político citado demonstra para se pronunciar negando tudo, mesmo sem saber exatamente do que se trata. Se não sabe e tem certeza da inocência, qual a necessidade de imediatamente se defender? Fico sem entender essa necessidade e urgência. Se bem, que esse discurso de inocência e vítima da situação nunca foi usado por ninguém, muito menos por políticos. Vamos deixar que a justiça resolva, nessas terras, sabemos, todos são inocentes e sempre respeitam as leis.

  9. Armando Souza disse:

    Amargurado até hoje com a perda do poder, ostenta a qualificação de EX-deputado federal. Já chega né?

  10. Sandro Mucio disse:

    Só tem santo na política brasileira. O mais interessante é que têm os mesmos sobrenomes.

  11. Fabio Souza disse:

    A cara de pau dos políticos é grande d+.

Deputado Beto Rosado emite nota de esclarecimento

Sobre nota “Deputado abastece o carro em posto do tio”, do Congresso em Foco, que relata os abastecimentos de fev/2015 , quando o deputado Beto Rosado tomou posse, até jun/2016, quando percebeu o erro e suspendeu a compra de combustível no citado posto, é preciso esclarecer que:

1 – É público e de conhecimento de toda a cidade de Mossoró-RN que o posto Laser é administrado por Carlos Gerônimo Dix-sept Rosado Maia Segundo, que por sua vez é parente de quarto grau do deputado e isto não significa nenhum impedimento legal.

2 – O gabinete não tinha conhecimento de que o pai do proprietário e administrador do referido posto, Carlos Gerônimo Dix-sept Rosado Maia, possuía alguma participação societária.

3 – Ao tomar conhecimento que o tio detinha alguma participação na sociedade do posto que era, de fato, tocado por um parente de 4º grau, o deputado proibiu imediatamente qualquer abastecimento no posto Laser, como prevê o Ato da Mesa 43/2009 da Câmara dos Deputados, em seu artigo 4º, parágrafo 13. Prova dessa recomendação é que desde o dia 6 de junho de 2016 (há mais de 6 meses), não houve mais nenhum abastecimento no referido estabelecimento.

5 – Em nenhum momento houve má fé ou intenção de desobedecer às normas estabelecidas pela Câmara. Não houve também, em nenhum momento, nem indiretamente e tampouco diretamente, nenhuma vantagem obtida pelo gabinete ou pelo deputado neste episódio. Houve, de fato, a correção disto há mais de 6 meses.

6- Necessário ainda lembrar que a base política e de atuação do deputado é o interior, sobretudo, Mossoró, que não possui vôos e apenas para o deputado ou assessores se deslocarem até lá e voltar ao aeroporto para o retorno à Brasília são necessários 1040 km rodados por semana, afora sua intensa e correta presença nas inúmeras outras cidades do estado, bem como de assessores, via terrestre, como deve ser a atuação de qualquer representante: presente nas cidades e não apenas em períodos eleitorais. Portanto, o valor pago com combustível é condizente com os quilômetros percorridos.

7 – Todas as atividades do gabinete do deputado buscam se desenvolver de forma transparente e legal, e assim continuará sendo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Paulo Cardoso disse:

    Parece que ele na agiu de má fé, apenas desconhecia os fatos. Verdade ou mentira é só uma a mais.

  2. escritor disse:

    A tá.

  3. Caicoense Fingido disse:

    Só porque a pessoa compra fiado num posto, tem que saber quem é o dono? Neeen. Injustiça plantada por adversários que não valorizam o honroso, célebre e notório trabalho desenvolvido pelo nobre deputado. Não lembram de todos os projetos de lei dos quais ele é autor e que tanto beneficiam a população potiguar?
    PETRALHAS INVEJOSOS.

  4. Soriedem disse:

    Me engana que eu gosto!!! É com esse tio de postura que os brasileiros querem. Acabou amigo, o mundo mudou!!!

  5. Luiz Martins de lima fulho disse:

    Gasta o dinheiro do povo aí depois vem divulgar uma esclarecendo o Q

  6. Caicoense Fingido disse:

    CLARO QUE ELE NÃO SABIA.

    Qual é o sobrinho que sabe que o tio tem um posto de gasolina? ACUSAÇÕES INFUNDADAS, DE GENTE INVEJOSA.

  7. paulor disse:

    vc acha que o povo é idiota ?? acorda que 2018 está chegando !!! eu não vi ainda um projeto seu…
    infelizmente os menos esclarecidos e necessitado vendedores de voto, votam em politicos da sua estirpe.

    • Dr. Thiago Leão disse:

      Isso, tentou explicar o inexplicável. É uma coincidência muito grande, Mossoró com 200 postos ele só abastecer no do primo. Conversar para boi dormir!

  8. Helio Motta disse:

    As vezes sinto que essas notas se dirigem a idiotas.
    Quer dizer que abastecem num único posto, combustível suficiente para ir a Miami, numa cidade como Mossoró e apenas por coincidência esse posto é do primo do Deputado?
    Tá "sertu", acredito.

  9. Curioso disse:

    Ah bom…!!!
    Sendo assim ta resolvido…
    E não se fala mais nisso…
    2018 votamos todos em vc novamente…

    • Pedro disse:

      Não esqueça que a base eleitoral dele é Mossoró e Região, onde este tipo de notícia não tira voto. Vide Rosalba Ciarline.

Sandra Rosado emite nota de esclarecimento após notícia de suposto uso indevido de passagens aéreas

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Sobre notícia veiculada no site Congresso em Foco, de que meu nome teria sido incluído numa lista de 443 ex-deputados e senadores supostamente denunciados pela Procuradoria da República da 1ª Região, por uso indevido da cota parlamentar para aquisição de passagens aéreas, esclareço, de saída, que até este momento não recebi qualquer notificação do Ministério Público ou da Justiça.

As informações veiculadas na mídia, únicas a que tenho acesso, parecem-me infundadas, uma vez que, logo na primeira reportagem, em 2009, protocolei pedido de investigação na Corregedoria da Câmara, abrindo mão do sigilo dos arquivos físicos e documentos eletrônicos relativos ao caso.

Meu requerimento deu ensejo a procedimento interno que detectou a existência de um esquema envolvendo servidores lotados em vários gabinetes e funcionários de uma companhia aérea, que, a propósito, confessaram a falsificação de papéis e de assinaturas, inclusive da minha.

O relatório final das investigações é categórico no sentido de que eu, SANDRA MARIA DA ESCÓSSIA ROSADO, nunca autorizei a emissão de passagens aéreas fora das normas então vigentes e que os bilhetes retirados para pessoas estranhas à atividade parlamentar, com sobras da cota, o foram mediante fraude praticada por terceiros.

Diante disso, estou absolutamente tranquila de que, existindo de fato a denúncia noticiada pelo Congresso em Foco, essa será sumariamente rejeitada pela Justiça, ante as provas de minha inocência.

Mossoró-RN, 3 de novembro de 2016.

Sandra Rosado

Prefeitura de Mossoró emite nota de esclarecimento sobre operação do MPRN

A Prefeitura Municipal de Mossoró vem, por esta nota, a bem da verdade dos fatos, apresentar esclarecimentos sobre a Operação Anarriê, deflagrada nesta quinta-feira, 17 de março de 2016, pelo Ministério Público Estadual do Rio Grande do Norte, e que investiga possíveis irregularidades na realização do Mossoró Cidade Junina nos anos de 2013 e 2014.

Diante da preocupação com a otimização da utilização dos recursos públicos da atual gestão, a Prefeitura de Mossoró realizou, nos últimos dois anos, a redução significativa dos gastos com este, que é o principal evento do calendário cultural do Município, de tal forma que o valor investido na edição de 2015 correspondeu a quase metade do que foi gasto na de 2013.

Durante este período, ocorreram mudanças na estrutura do Município, e grande parte dos investigados na operação não integram seu quadro de servidores, de forma que apenas um servidor fazia parte da atual gestão, sendo imediatamente exonerado do cargo nesta quinta-feira.

A Prefeitura de Mossoró reitera o seu compromisso com os princípios administrativos, e o esforço da atual gestão para corrigir vícios do passado.

Por fim, a Prefeitura informa que continua a colaborar com o Ministério Público Estadual, e demais órgãos de fiscalização, para garantir a boa aplicação dos recursos públicos.

Prefeitura Municipal de Mossoró
17 de março de 2016

Sindicato dos Bugueiros Profissionais do Rio Grande do Norte emite nota de esclarecimento

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Caro Bruno Giovanni, acerca da publicação “Bugueiros credenciados trafegam em área de praia proibida” veiculada em seu respeitado blog nesta quarta-feira (13), o Sindicato dos Bugueiros Profissionais (Sindbuggy) esclarece:

1 – Os veículos credenciados são devidamente identificados conforme lei vigente e não apenas identificados por placas vermelhas. Logo, é importante que se identifique realmente se são veículos conduzidos por bugueiros profissionais ou se são conduzidos por clandestinos;

2 – O Sindbuggy não compactua qualquer tipo de irregularidade. Portanto, quaisquer descumprimentos da lei ou das normas vigentes devem ser denunciados diretamente aos órgãos competentes;

3 – Os atos irregulares de um ou mais bugueiros profissionais não representam a atitude de toda a categoria. Portanto, se faz necessário separar os bons dos maus profissionais respeitando os mais de 760 permissionários e motoristas devidamente preparados para trabalhar com a atividade no Rio Grande do Norte;

4 – Por falta de conhecimento, muitos condutores trafegam ilegalmente em áreas de dunas. Devido à falta de fiscalização e pensando no bem estar e segurança de todos, os condutores são abordados pelos bugueiros e orientados a não continuarem com passeios irregulares e a não continuarem descumprindo o que determina a lei;

5 – A atividade do passeio de buggy é um dos principais atrativos turísticos do Rio Grande do Norte e merece ser respeitada. A atividade gera mais de 150 mil empregos diretos e indiretos nos 410 quilômetros de faixa litorânea do Rio Grande do Norte.

Natal, 14 de janeiro de 2016

Sindicato dos Bugueiros Profissionais do Rio Grande do Norte

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Jhony disse:

    Como faço pra ser bugueiro? É meu sonho desde criança.

  2. Carla Vilas Boas disse:

    Bom dia
    Fiz uma.passeio ontem com bugui o passeio foi tranquilo, ocorre que ao descer do bugui pela parte traseira local indicado pelo bugueiro meu pé deslizou do parachoque e veio a entrar em um vai entra o parachoque e o motor tive várias queimaduras na perna , planejei a viagem e agora não posso fazer mais nenhum passeio minha viagem acabou tudo isso por imprudência, vou procurar meus direito e não vou deixar barato, pois teria que haver uma grade nesse vão.

  3. Raiane Xavier disse:

    Quer dizer q o sindicato não pode punir os infratores que mancham a categoria de vocês?? É incrível como vcs tiram o corpo fora, querendo desvirtuar a discussão e inclusive chamando de bobagem e de declarações venenosas o que é FATO: há muitos bugueiros transitando em área proibida da orla e colocando em risco a vida dos banhistas e das nossas crianças!!!!!! Excluam os infratores que mancham a categoria de vcs!!!! Querem fotos das placas??? Nos iremos postar nas redes sociais os bugs q passarem em frente às nossas casas de Muriu, Pitangui etc. Nao somos contra o turismo, os buggys, somos contra os infratores dessa categoria profissional!!! Tenham consciência, pratiquem turismo e não crime!!! Não queiram justificar as infrações com argumentos referentes a outras pessoas, respondam por si.

  4. Francisco disse:

    Os bugueiros transitam em locais proibidos todos os dias, sim. Sao centenas. Se quiserem, posso informar aqui, neste blog, os numeros de muitos buggys que passam nas areias de Jenipabu

  5. Eduardo disse:

    Tem que haver sim, uma maior fiscalização com os bugueiros, pois vejo na praia que veraneio todos os dias eles indo contra a Lei, e se formos reclamar a confusão está formada, ligam logo para os amigos e ameaçam sem a menor cerimônia. Quanto à legislação não abranger outras categorias: 4×4, quadriciclos, etc, etc. aí é que começa o erro, as Dunas e praias pertencem a todos, a quem quiser passear com respeito a natureza, por que somente vocês têm essa licença? Lembrando que o tal Luiz diz que: enquanto estamos trabalhando vocês estão de férias, certíssimo, isso no maximo 6 meses ao ano, e o restante os senhores fazem o quê? vão limpar as dunas que sujaram com os passeios?

    • Juarez de Brito disse:

      Por que bugueiros podem transitar? Por terem recebido treinamento não lhe basta?
      Respeito à natureza por parte dos particulares não existe, sempre abusando da velocidade em manobras inconsequentes em subidas, pra ver quem vai mais alto ou quem tem o 4×4 mais potente, em áreas de preservação, onde a qualquer momento podem atingir de frente um buggy transportando turistas, muitas vezes com a latinha na mão e outra no volante, coller cheio do lado e nenhuma preocupação em beber e dirigir, deve ser mentira minha, estou inventando isso não é mesmo? Sujeira deixada pelos buggys? Perdão, você não sabe o que está dizendo, não conhece as ações de limpeza periódicas e as orientações aos turistas para deixar todo o lixo dentro do buggy. Difamar é fácil, difícil é argumentar contra fatos

  6. Raiane Xavier disse:

    Caro Luiz Thiago, pelo que acompanhei no blog a denuncia é clara e não concordo que se trate de capricho. Não vamos desvirtuar a materia. Não tem justificativa alguma para que essa prática criminosa ocorra todos os anos nas áreas do litoral onde por lei e "por sã consciência" é proibido tráfego de veículos, seja buggy ou como vc mesmo se referiu " carros jeep quadriciclos ou qualquer um outro" – embora constatemos frequentemente que a prática mais recorrente é a de vários bugueiros que deveriam honrar a "profissão de vcs" e não burlar as leis vigentes e principalmente colocar em risco a vida dos banhistas e das crianças, como ocorreu anos atrás em relação a morte de uma criança em Genipabu. A questão é simples e direta: cumpram a lei e só trafeguem onde é permitido por lei (com certeza vcs devem saber os trechos, não é mesmo?), desse modo todos serão respeitados e não apenas uma categoria que ao invés de estar pensando na coletividade, agindo dessa forma só pensa em seu próprio bolso.

    • Luiz Thiago disse:

      Quem anda a margem da lei é para ser punido concordo plenamente com vc, acontece amigo que as matérias esta saindo em nome de toda a categoria… E esta atrapalhando os verdadeiros proficionais de uma forma constrangedora e nem todos são proficionais, como o veranista que foi pego no teste do bafômetro no litoral sul.

  7. Juarez de Brito disse:

    Alguns veranistas ignoram o fomento à renda que os buggys incrementam em Extremoz e Ceará Mirim, se os nativos fossem expectadores do BG veríamos outros comentários por aqui. O desconhecimento e a ignorância sobre a profissão estadual de bugueiro é muito comum, se alguns credenciados teimam em desobedecer à determinação de não transitar em trechos do litoral que são proibidos, a categoria e o sindicato não tem culpa, que sejam identificados e punidos os transgressores não e não generalizar a categoria. São profissionais concursados e treinados para exercer uma atividade com mais de 30 anos de tradição, regulamentados através de alvarás expedidos pela secretaria de turismo do estado, pagam seguro para os passageiros em caso de morte ou acidente, atendimento realizado no hospital são Lucas, não se trata apenas de 'com ou sem emoção', é O passeio mas procurado por turistas do mundo todo o ano inteiro.

    A desinformação da expectadora que 'denuncia' que os buggys passam pelo litoral o ano inteiro é evidente, a proibição de determinados trechos do litoral é concomitante ao movimento de banhistas nas praias, logo, a proibição se dá em período de férias no meio e final do ano, assim como durante todos os finais de semana do ano, durante os dias de semana fora das férias, o tráfego nas praias não é proibido. Toda iniciativa de documentar e denunciar aqueles que desobedecem merece todo apoio, mas compreender e buscar informações sobre a portaria que regulamenta a atividade não dói e previne as declarações bobas ou meramente venenosas dos que por uma razão ou outra não aceitam o papel fundamental do buggy no turismo da região metropolitana.
    Se houve alguma dificuldade de expressão ou interpretação, reitero, são quase 150.000 empregos indiretos gerados DIRETAMENTE pela atividade, e quem se beneficia realmente não são veranistas, que fomentam o mercadinho e os serviços domésticos que as patroas terceirizam às nativas com diárias bem distantes da CLT, mas TODA FAMÍLIA do litoral de Extremoz e Ceará-Mirim tem algum ou alguns membros que trabalham com o turismo de buggy.
    Repito que todo aquele que infringir os trechos proibidas do litoral deve ser punido com todo rigor, pois este prejudica toda uma categoria que exerce um serviço maravilhoso de ser executado e MUITO, muito importante para o turismo do Rio Grande do Norte, todo apoio a punição dos transgressores, pelo fortalecimento da categoria e do turismo e pela conscientização dos que falam mal por que não sabem o que dizem e dizem bobagens.

  8. Luiz Thiago disse:

    O turismo é a industria que mais gera emprego nesse Estado. acredito que os senhores deve se informar e analisar que estão causando prejuízo em nosso estado com essas falsas acusações. vamos deixar de ser hipócritas todos que vivem do turismo passam o ano todo investido,retirando até recursos próprios para trazer turista para cidade, e vocês com apenas um capricho fica com essa palhaçada nas redes sociais. Pega seus carros jeep quadriciclo e anda onde quiser. não temos culpa se a legislação não contempla vocês. Somos uma classe trabalhadora não marginais. enquanto estão de ferias estamos trabalhando e 150 empregos temos só no Eskibunda, vai fazer estatística em uma das maiores rede Hoteleira do pais que é o Estado RN. Lamentável tanta hipocrisia e falta de respeito com Turismo do nosso Estado.

    • Sérgio Nogueira disse:

      Não sei o que esse povo usa quando faz contas, mas tem algo bem errado nelas.
      Um diz que são 150 mil empregos diretos gerados apenas com os passeios de buggys. O outro vem e diz que 150 tem só no esquibunda…
      Desse jeito vai terminar deixando o HUB da TAM envergonhado e indo para Pernambuco que, sem dunas nem esquibunda, deve estar passando necessidade.
      Querem esconder que sem os passeios, NO MÁXIMO, os bugueiros seriam afetados. De resto ninguém sentiria tanta falta.

  9. Raiane Xavier disse:

    Tenho casa na orla e além de no período do veraneio, o ano inteiro os bugueiros CREDENCIADOS, passam na orla, nos últimos dias presenciei vários que aceleraram para passar numa faixa de areia onde a água já batia e nesse mesmo ambiente estavam uma pessoa cadeirante com sua família, além de várias crianças que a qualquer momento poderiam correr para frente do carro. Estamos indignados e vamos continuar denunciando inclusive nas redes sociais!!! Sindicato e seus "profissionais" se conscientizem que burlar a lei também é um ato de CORRUPÇÃO. Deveriam ter vergonha frente aos turistas e a sociedade natalense!!!

  10. Sérgio Nogueira disse:

    150 mil empregos diretos! Nunca que isso é verdade. Se brincar hoje nem a Construção Civil tem esse número, imagina bugueiros.

  11. CAZUZA disse:

    Deve haver um engano, deve ser 150 empregos direto. O restante é "Efeito Renda" inerente da industria turistica do RN (com ou sem a atividade de passeios de buggy).