Comitê de Especialistas da Sesap dá parecer favorável para Plano de Retomada da Economia no RN no pós-pandemia

O Comitê de Especialistas da Secretaria Estadual de Saúde Pública do Rio Grande do Norte emitiu parecer técnico favorável ao Plano de Retomada Gradual da Atividade Econômica do Estado do Rio Grande do Norte no pós-pandemia. De acordo com o parecer, “o plano apresenta boa qualidade técnica e demonstra um esforço articulado do setor produtivo na elaboração do documento”.

O documento foi elaborado pela Fecomércio RN, Fiern, Faern, Fetronor, e Sebrae, com o apoio da FCDL RN, da CDL Natal, da Facern e da Associação Comercial do RN, foi apresentado à Governadora Fátima Bezerra no dia 5 de maio, e apresenta um conjunto de propostas e de protocolos para direcionar a volta do funcionamento, de forma progressiva e segura, das atividades econômicas no estado, a partir do momento em que os decretos estaduais determinem a flexibilização do isolamento social em virtude da pandemia do novo Coronavírus.

O plano apresentado pelas federações para o relaxamento social e retomada da economia aponta duas opções, divididas em três ou quatro etapas, com protocolos de saúde específicos para os segmentos da economia potiguar. No entanto, a abertura das atividades não tem data definida, e estará condicionada à expansão da capacidade de testagem no Estado; à situação dos leitos hospitalares; às peculiaridades das regiões do Estado; e à adoção das ações transversais aliadas ao protocolo específico da atividade. A ideia é que entre cada uma das etapas ocorra com intervalos entre 10 e 14 dias.

O órgão consultivo considerou que “o modelo de distensão em quatro fases é o mais adequado para o controle da epidemia, reforçando que o início de cada uma das distensões e cada avanço nas fases sugeridas deve estar pautado por critérios técnicos que permitam verificar se a curva epidêmica encontra-se já na trajetória descendente. No momento, ainda não podemos afirmar quando isso irá ocorrer”.

Os técnicos reforçaram ainda que as fases podem ser revertidas em caso de agravamento dos indicadores epidemiológicos, e que o Estado deve manter as barreiras sanitárias com os demais estados, enquanto o país como um todo estiver com crescente de número de casos diários e de óbitos.

Com a aprovação, nesta quarta-feira, 20, de um novo decreto do Governo do Estado, prorrogando as medidas de isolamento social até o dia 4 de junho, ainda não há uma data para o início da execução do Plano de Retomada Gradual da Atividade Econômica do Estado do Rio Grande do Norte.

Covid-19: “Temos um grande desafio nos próximos dias”, diz secretário adjunto da Sesap, em apelo por mais medidas de proteção e isolamento social

Foto: Demis Roussos/ASSECOM-RN

O secretário adjunto da Saúde do RN, Petrônio Spinelli, fez um apelo, nesta segunda-feira, 18, para que prefeituras, empresas e a população redobrem os esforços e adiram maciçamente às medidas de proteção contra o novo coronavírus. Isto por que, esta semana, começa a ser paga a segunda parcela do auxílio emergencial que vem gerando grandes filas em todo o Estado. Estas aglomerações, em bancos, casas lotéricas e órgãos públicos para emissão de documentos, são a principal causa do crescimento do contágio em todo o país.

“Temos um grande desafio nos próximos dias. O pagamento bancário vai levar muita gente às ruas, formar filas e isso acaba favorecendo a contaminação. Faço apelo às prefeituras, às instituições bancárias e à sociedade como um todo para evitarmos que esta semana seja potencializadora de contágio, porque muitos desses casos poderão ter como consequência a morte”, alertou Petrônio Spinelli na entrevista coletiva realizada na Escola de Governo, em Natal.

VEJA MAIS: RN registrou isolamento de apenas 47,93% nesse domingo; pacientes internados por covid-19 somam 352

O índice de isolamento social registrado nesse domingo, 17, foi de apenas 47,93% no Estado. Número considerado muito baixo, uma vez que a recomendação dos especialistas da Organização Mundial da Saúde é de, pelo menos, 60%.

“Os dados disponíveis mostram que estamos muito próximos do colapso. Todos os esforços para abertura de leitos, feitos pelo Governo do Estado, pelas prefeituras e rede privada, não surtirão efeito se o isolamento continuar nos níveis atuais. Quem precisar sair de casa deve sempre usar máscaras. É preciso que os municípios, instituições bancárias e comerciais evitem a formação de filas e respeitem o distanciamento. Os órgãos de saúde, a assistência social e a segurança pública devem, mais do que nunca, atuar em conjunto. Sem estes cuidados certamente daqui a alguns dias iremos lamentar o quadro de altíssima gravidade. Nunca é demais lembrar: os números da superlotação de leitos de hoje são resultado do comportamento do grande número de pessoas nas ruas no período de 10 a 14 dias passados”, afirmou Petrônio Spinelli. O secretário explicou, ainda, que a aplicação de testes rápidos é uma responsabilidade das Prefeituras e que ao Governo cabe, apenas, recomendar a utilização desses testes.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Almir Dionísio disse:

    o grande desafio é o governo agir de forma a garantir atendimento a população.
    só vemos conversa e promessa e ação…… N A D A

  2. Prmo disse:

    Onde estão os milhões que O GF enviou para atender a saúde , ONDE ????

  3. Mito disse:

    Esses pronunciamentos desse secretario parece uma comédia pastelão. Não sabem de nada e ficam tentando passar a imagem de conhecimento.

  4. Ana paula disse:

    Sem a cloroquina nós primeiros sintomas, bando de incompetentes.

  5. Pedro disse:

    É lamentável, sob todos os aspectos, a gestão da SESAP nesse momento tão espantoso. De previsões catastróficas, desaparecimento da Governadora e seu Secretário de saúde, ausência de ações concretas, muita falácia, morosidade nas ações de enfrentamento ao COVID, ausência de parcerias institucionais, jogo de empurra, triste para o nosso povo e estado.

  6. Roberto disse:

    Srs. Onde anda as leitos de UTI.???

  7. Clésio disse:

    E os 11. 300 defunto, ninguém diz nada??
    Governo sem credibilidade, isso sim.

  8. Sera??? disse:

    O grande desafio e passar isso tudo com o desgoverno de vcs. So falam falam e nada.

Sesap contrata empresa para implantação de 30 leitos de UTI nos hospitais João Machado e Alfredo Mesquita

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) publicou, hoje (15), no Diário Oficial do Estado, a contratação da empresa mineira Avante Social, vencedora do processo licitatório, que será a responsável pela implementação e gestão de 30 (trinta) leitos de terapia intensiva (UTI), sendo 20 (vinte) leitos no Hospital Doutor João Machado, em Natal, e 10 (dez) leitos Hospital Regional Alfredo Mesquita Filho, em Macaíba, destinados ao enfrentamento da Covid-19. O contrato emergencial foi assinado esta semana e terá duração de seis meses, podendo ser prorrogado de acordo com a duração da pandemia. O valor do contrato é R$ 10.504.325,68.

O Instituto Jurídico para Efetivação da Cidadania e Saúde – Avante Social atendeu a todos os critérios do edital de Chamamento Público Emergencial COVID 19 02/2020, incluindo a comprovação de experiência na gestão de serviços de Urgência e Emergência. Após a assinatura do contrato, a empresa terá um prazo de 15 a 20 dias para implantação dos leitos. Essa contratação se insere dentro do programa de expansão assistencial, contido no Plano de Contingência da Covid-19 no RN.

A abertura de novos leitos tem sido um esforço constante na gestão da Saúde, de forma a desenvolver o Plano de Contingência Estadual para a contenção da pandemia do coronavírus. Em Mossoró, por meio de parceria com a prefeitura local, serão instalados 35 UTIs e 65 leitos de enfermaria no Hospital São Luiz, geridos pela Associação de Proteção e Assistência à Maternidade e à Infância de Mossoró (Apamim).

Em parceria com a Liga Norte-rio-grandense Contra o Câncer, serão instalados 60 novos leitos, sendo 40 deles – 20 UTIs e 20 de enfermaria – na primeira etapa. O Governo também está reativando a UTI do Hospital Pediátrico Maria Alice Fernandes, localizado na capital, com mais 7 leitos de UTI, voltados para as crianças acometidas pelo novo coronavírus.

Estoques de soro antiveneno no RN encontram-se com quantitativo reduzido e Sesap alerta para importância da prevenção contra acidentes com serpentes

Foto: Reprodução

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), por meio do Programa de Vigilância de Acidentes por Animais Peçonhentos da Subcoordenadoria de Vigilância Ambiental – Suvam e do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador – Cerest, alerta a população e as equipes de vigilância epidemiológica de cada município sobre a importância de se reforçar as medidas de prevenção contra acidentes envolvendo serpentes.

No momento, os estoques de soro antiveneno no RN encontram-se com quantitativo reduzido e o número de acidentes por cobras no atual período do ano tende a aumentar, já que as estações outono/inverno consistem no período em que mais ocorrem acidentes desse tipo no estado.

“Os antivenenos utilizados de forma adequada são a forma mais eficaz de neutralização da peçonha do animal causador do acidente. Assim, é de fundamental importância a disponibilização desses imunobiológicos em quantidade suficiente e em locais oportunos, visando a diminuir o tempo decorrente entre o acidente e o atendimento médico adequado”, explica a subcoordenadora de Vigilância Ambiental da Sesap, Aline Rocha.

De acordo com o banco de dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação – SINAN, desde o início deste ano até o momento foram notificados 130 acidentes por serpentes no RN. “Considerando o crescente número de casos de Covid-19 no Brasil e no RN e a necessidade de liberar as unidades hospitalares para esses atendimentos, a Sesap vem pedir à população que evitem ao máximo a exposição para ocorrência de acidentes que possam levar a necessidade de ir até um hospital e para isso reforçamos a adoção das medidas preventivas”, ressalta Aline Rocha.

Entre os cuidados para prevenção de acidentes com serpentes recomendados pelo Ministério da Saúde estão: usar sapatos fechados de cano alto ou perneiras ao caminhar na mata ou entre folhas secas, ter muita atenção e usar luvas de couro ao manejar locais onde as serpentes possam estar presentes, como matas, tocas, troncos e lenhas de árvores, no amanhecer e no entardecer, evitar aproximar-se de vegetação muito próxima ao chão, gramados ou até mesmo jardins, pois é nesse momento que serpentes estão em maior atividade, não colocar as mãos desprotegidas em buraco e cupinzeiros, folhas secas, monte de lixo, lenha e palhas, evitar acúmulo de lixo ou entulhos que possam atrair ratos ou outros pequenos animais, um dos principais alimentos das serpentes. Trabalhadores rurais devem fazer uso de equipamentos de proteção individual (EPI).

Em caso de acidente, deve-se lavar o local da picada apenas com água e sabão, procurar o serviço de saúde mais próximo, se capturar o animal, levá-lo junto para ser identificado, o que ajudará no tratamento, com o uso do soro específico para cada tipo de envenenamento ou informar ao médico o máximo possível de características do animal, como: fotos, tipo do animal, cor, tamanho. Além disso, não se deve amarrar o braço ou perna picada, fazer prática de torniquetes ou garrotes, perfurar o local da picada nem utilizar materiais como pó de café, folhas, álcool, querosene, ou outros contaminantes, nem chupar o local da picada.

Centro de Assistência Toxicológica do RN (Ceatox)

A Sesap disponibiliza o Ceatox, para orientação por telefone em qualquer situação de envenenamento.

O Ceatox é uma unidade pública de referência no Estado, que executa ações de suporte e apoio a profissionais e população em geral nos casos de intoxicação ou suspeita de envenenamento. Para isso, funciona em regime de plantão permanente 24h por meio dos números telefônicos: 0800 281 7005 / 3232.4295 / 98125-1247 / 98803.4140 (WhatsApp).

O objetivo principal é garantir informação toxicológica voltada à prevenção de acidentes, proteção e promoção à saúde nas situações de risco de natureza toxicológica provocadas por animais peçonhentos, medicamentos, saneantes, raticidas, plantas tóxicas, cosméticos, produtos químicos industriais, agrotóxicos, poluentes industriais e quaisquer outras substâncias potencialmente agressivas ao ser humano.

Sesap orienta para a prevenção de acidentes com álcool em gel

Foto: TRADOL LIMYINGCHAROEN via Getty Images

Com a pandemia do novo coronavírus – Covid-19 muitas pessoas passaram a utilizar o álcool em gel a 70%, em ambiente domiciliar, como medida eficaz para a higienização das mãos aliada ao isolamento social e ao uso de máscaras.

A descontaminação das mãos, objetos e superfícies com álcool gel está recomendada e não oferece risco, desde que o produto seja utilizado em obediência às orientações do fabricante.

“O uso indevido pode estar relacionado à ingestão, inalação ou mesmo contato com olhos e mucosas além da possibilidade de queimaduras. Sendo assim torna-se importante redobrar os cuidados nestes ambientes para evitar acidentes”, explicou Francisca Santos, responsável técnica pelo Centro de Assistência Toxicológica (Ceatox) da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap).

Francisca lembra que a permanência dos indivíduos em casa, principalmente crianças e adolescentes, pode promover um aumento no risco de intoxicação pela utilização indevida de produtos químicos, venenos, medicamentos entre os quais se encontra o álcool em gel.

“A orientação sobre o uso e o acondicionamento do produto em local apropriado e fora do alcance das crianças, adolescentes e outros indivíduos com comprometimento da capacidade de julgamento é a principal interferência para reduzir o risco de intoxicações. É de suma importância que a permanência em casa ocorra num ambiente seguro e livre de acidentes”, finalizou.

Para orientação em caso de dúvidas ou ocorrência de acidentes o CEATOX RN está disponível 24 horas. Ligue para os números (84) 98803-4140/98125-1247 ou 0800 281 7005.

Fiscalização

A Subcoordenadoria de Vigilância Sanitária do Rio Grande do Norte (SUVISA-RN) em parceria com a Polícia Civil está fiscalizando a produção e comercialização irregular de álcool gel nos municípios do Estado.

Na semana passada a SUVISA-RN, baseada numa denúncia feita por  consumidores e pelas vigilâncias sanitárias municipais,  esteve nas cidades de São Gonçalo do Amarante, São José de Mipibu e Lagoa de Pedras. Em São José de Mipibu foi interditado um lote de álcool gel fabricado irregularmente. A SUVISA também recebeu denúncias dos municípios de Lajes, Caicó e Mossoró.

A fiscalização da SUVISA atua quando as denúncias são feitas pelos consumidores, pelo Conselho de Química Estadual e pela população quando identificada alguma irregularidade no produto. Para que o álcool gel seja produzido regularmente e não cause danos à saúde dos consumidores , algumas regras precisam ser observadas como: ter uma empresa constituída, ser pessoa jurídica, ter autorização da ANVISA, ter um projeto arquitetônico do prédio aprovado pela SUVISA estadual, além de outros padrões exigidos pelas Vigilâncias Sanitárias.

A SUVISA-RN continua no trabalho de fiscalização nos municípios e atendendo às denúncias enviadas pela população através do e-mail: [email protected]

Secretário adjunto da SAÚDE diz que são extremamente preocupantes os números do Covid no RN

Foto: Sandro Menezes / Governo-RN

O secretário adjunto da Saúde Pública do Governo do RN, médico Petrônio Spinelli, considerou na manhã desta quinta-feira (23), “extremamente preocupantes” os números da disseminação do novo coronavírus no Estado. Na entrevista coletiva para atualização das ações do Governo no combate à Covid-19, Spinelli disse que “o que vai determinar o número de infectados e de óbitos é o confinamento social. Precisamos considerar os estudos científicos, isso é fundamental”, afirmou.

De ontem (22), para hoje, o RN apresentou pequena redução no número de leitos ocupados. Ontem era 33%, hoje 28,5%. “Isso é bom, mas não tranquiliza. Precisamos manter margem de 70% dos leitos desocupados para período mais crítico da pandemia”, explicou para anunciar que hoje há 107 pessoas internadas, destes 42 são suspeitos e 65 confirmados ocupando leitos em UTIs ou semi-intensivas.

O acompanhamento do Governo do Estado mostra que há 708 casos confirmados, 289 recuperados, 3.086 suspeitos, 34 óbitos, 8 óbitos em investigação e ocorrências em 152 municípios.

As medidas que flexibilizam algumas atividades aconteceram justamente para permitir manter o isolamento da maioria. É o caso das oficinas mecânicas, por exemplo, que podem trabalhar para atender pessoas que transportam mercadorias e suprimentos que abastecem a população. E de podólogos que tratam de pessoas com diabetes, incluídas no grupo de risco.

A inclusão de serviços não significa relaxamento das medidas, mas atender necessidades e reforçar condições para permitir o isolamento, o abastecimento e a saúde das pessoas”, registrou Petrônio, para voltar a pedir o apoio e a conscientização da população: “Precisamos manter pelo menos 60% das pessoas em isolamento. É preciso que cada um oriente pessoas do seu relacionamento a ficar em casa. E denunciar aglomerações através do número 190. Cada cidadão deve fazer isso. Apelo a quem está indo às ruas para sempre usar máscara e manter distanciamento social para reduzirmos o risco de transmissão”.

Segundo o Controlador Geral do Estado, Pedro Lopes, o novo decreto Nº 29.634, com as normas para enfrentamento à Covid-19, isolamento social e funcionamento de empresas esclarece situações que não estavam evidentes para as atividades empresariais. “O decreto alcança atividades indústrias e recomenda, sempre que possível, um horário exclusivo para o atendimento de clientes do grupo de risco da pandemia. Também recomenda a utilização de máscaras, sejam industriais ou caseiras, ao acesso dos estabelecimentos que estão em funcionamento”, ponderou.

Pedro Lopes reiterou que as ações de fiscalização do cumprimento das normas continuam através de uma força tarefa formada pelo Procon, Polícia Militar, Polícia Civil e Control.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Wilson Salviano disse:

    O pobrema é que o norteriograndense é teimoso, tinhoso, desobediente, renitente, duro na queda! DONDE já se viu desobedecer a ordem da GUNVERNADORA e de seus seqüestrarios? Inda mais numa pandemia dessas? Tem que morrer mesmo!!! Senão dona Fátima ODORICA PARAGUASSU, não terá como inaugurar o "CEMITÉRIO "

  2. Almir Dionisio disse:

    Esse governo e a gestão da saúde no RN estão perdidos, não falam nada com nada, desconversam alguns assuntos e o sec adjunto as vezes utiliza termos extremamente técnicos e desapropriados para o momento q o telespectador, nem muito menos os jornalistas amadores conseguem entender.
    até o momento o governo tá na discussão de como agir sem apresentar ações concretas. Se percebe um descontrole nas ações e sem uma definição de algo mais consistente p a população.
    A situação segundo ele é alarmante e o governo flexibiliza o Decreto.
    Existe algo em descompasso.

  3. Pedro disse:

    Se a Governadora Fatao GD e seus secretarios(todos) são medíocres, imagina o que dizer de um sub…..kkkkk
    Perguntem a alguém da área onde foi que esse rapaz já fez alguma coisa util? Já foi inclusive descansado vergonhosamente pelo partido que tanto defende (isso quando foi candidato a prefeito de Santa Cruz) e o sei partido apoiou o adversário. Ele não tem competência para fazer um Nescafé. E o outro palhaço nem aparece, deve estar fazendo as escalas de quem vai ficar no Barreira roxa.

  4. Direita-Honesta disse:

    (Des) governo petista acabando de destruir o RN. Previsões catastróficas que NUNCA irão se concretizar (ainda bem), decretos absurdos que parecem revogar a própria Constituição Federal (como podem proibir até CARREATAS?) e que terão reflexo negativo no próprio governo (com o desmonte da economia do estado e a consequente queda da arrecadação). Enquanto isso, o que o governo estadual está EFETIVAMENTE fazendo para melhorar as condições do sistema de saúde estatal e atender à população quando ela precisar? Prá onde se olha, vemos o enorme rastro de incompetência e más intenções desse governo. E ainda falta muito tempo de "reinado" dessa senhora, com direito a pleitear reeleição. O RN aguenta?

  5. Carlos disse:

    O ruim é que pessoas boas não tem interesse de comentar com medo dos extremistas de plantão. aí tem q aguentar isso aí. já imaginou se tiverse aqui igual ao Ceará?

  6. Ojuara disse:

    É preocupante e vcs liberam tudo, só não escolas pq já estão em greve mesmo. Jogando o povo para os leões. Salão e construção civil vão dá um impulso grande, na economia não, no número de infectados. Quem puder, fiquem em casa e se protejam.

  7. Sérgio disse:

    Esse sub-secretário é o informante da desgraça. Não diz nada por nada. Reflexo de um governo perdido.

  8. LEO disse:

    Os secretários desse Desgoverno Petralha são Hilários!!!!! Qdo vejo esses Secretários e Dilma falando na imprensa,me obro de rir…..kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  9. Henrique disse:

    Aposto que no próximo final de semana as pousadas estaram tudo cheias.

  10. Jv disse:

    Esse secretário tá adorando o coronavirus, pois só assim ele aparece, tá achando ótimo todo dia aparecer na TV. Sem isso, seria apenas um cargosinho de segundo escalão.

  11. Ivan disse:

    Os números estão "infinitamente menores" do que os que eles projetaram…publicaram um decreto flexibilizando abertura…e ainda está "extremamente preocupado"????? Incoerência, incompetência, ou, insistência no pânico??????????????????????? E quanto à disponibilização de novos leitos, como estão SESAD??????????????????????

  12. Edmundo disse:

    Caro Nildo, eu concordo com você que as noticias são alarmantes, sendo que a fala do secretario é na contra mão, ele afirma que reduziu a ocupação de leitos de 33% p/ 28,5%, casos esperados até inicio de maio seria de 157.000 e hoje temos 708, espera-se até dia 15/05 mais de 10.000 mil óbitos e hoje temos 34. Sinceramente fico sem entender de onde estão tirando esses números alarmantes.

  13. Antonynatal disse:

    Esse governo é seus secretários são uma comédia mesmo, se com poucos casos a situação é extremamente preocupante, imagine se as previsões(otimistas) da SESAP, estivessem se concretizado. O governo Fatima não fez nada de concreto até o momento, não destinou um só centavo, canta com verba federal. Há ela fez uma coisa de concreto, quebrou o RN.
    Há esqueci, vão aparecer babões falando que é melhor ficar em casa que morrer, que eu abra mão de respirador e tal, e tal…
    Quero ver quando os salários forem reduzidos em 30% como estão planejando.

    • NILDO disse:

      Vou te responder realmente vc deve abrir mão de respirador, vc é um tipo de pessoa que tá indo pelo lado da politica . coloque uma coisa na sua cabeça a situação e grave ou vc não tá lendo os jornais? Na sua casa já morreu alguém de fome? Será que não dar pra esperar até final de maio pra se fazer uma avaliação melhor? tenho certeza que vc e um tipo de pessoa que visa mais o dinheiro do que a SAÚDE, acho que vc tem coragem de entra dentro de um buraco cheio de cobra cascavel pra pega uma nota de 100 REAIS.

    • Anderson disse:

      Vou deixar uma sugestão aqui
      Para quem e a favor do confinamento tentem viver apenas com os 600,00 que o governo oferece.
      Para quem tem grana e fácil falar em confinamento .

  14. Manoel disse:

    Estranha essa preocupação toda e o decreto recente liberar o funcionamento de hotéis e pousadas!!! Ou não há essa preocupação toda e os turistas podem voltar pro estado ou eles liberaram o setor só por liberar já que sabem que ninguém está viajando mesmo nesta pandemia… Ou seja, ou há incoerência ou há hipocrisia. Ou ambas!

Raiva: Sesap orienta para a prevenção de acidentes com animais no RN

Foto: Ilustrativa

Diante do crescente número de casos de COVID-19 no Brasil e no RN e da necessidade de liberar as unidades básicas de saúde e hospitalares para estes atendimentos, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) pede que a população evite ao máximo o contato com animais desconhecidos, que podem ocasionar um acidente e a necessidade de ir até uma unidade de saúde.

A maioria dos casos de atendimento antirrábico registrados pelas unidades de saúde são por agressão por cães e gatos e observa-se que a maioria dos casos poderiam ser evitados. Muitos acidentes ocorrem com animais de rua e silvestres que agridem pois se sentem ameaçados ao serem tocados por pessoas.

“A prevenção dos acidentes com animais evita que o indivíduo se exponha em unidades de saúde e, ao mesmo tempo, diminui a demanda para os profissionais de saúde da assistência. Obviamente muitos acidentes são inevitáveis e a avaliação médica é imprescindível, pois a raiva é uma doença grave e não tem cura”, explicou Aline Rocha, subcoordenadora de vigilância ambiental da Sesap.

Transmitida pela saliva de animais mamíferos doentes através de mordedura, arranhadura ou, mais raramente, lambedura de feridas ou mucosas, a raiva é uma doença grave e 100% letal. Já há muitos anos são diagnosticados casos de animais positivos no Rio Grande do Norte, especialmente morcegos, animais considerados de alto risco para transmissão da doença.

Em 2019 foram 95 casos, sendo 85 morcegos, 05 raposas, 02 cães, 02 bois e 01 égua. Neste ano já são 26 animais positivos, todos morcegos, oriundos de nove municípios: Alexandria (1), Santo Antônio (10), Macaíba (3), Natal (4), Serra Caiada (4), Nova Cruz (1), Ielmo Marinho (1), Caicó (1) e Jaçanã (1).

Para prevenção da raiva é necessário que toda pessoa agredida ou em contato com mamíferos suspeitos, tais como cães, gatos, morcegos, raposas, saguis, seja avaliada por um profissional de saúde, geralmente em uma unidade hospitalar, para definir um esquema profilático. O esquema pode incluir a observação do animal agressor, no caso dos cães e gatos, e a administração de soro antirrábico, para os casos mais graves ou que envolvem animais silvestres. Quando é necessário vacina, estas são aplicadas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS).

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cidadão pagador de impostos disse:

    É só botar focinheira nos bolsonaristas

Testagens mostram aumento dos casos de Covid-19 no RN, e secretário fala em “números preocupantes”

Foto: Ilustrativa

O secretário estadual de saúde, Cipriano Maia, divulgou na manhã desta sexta-feira, 17, os mais recentes números sobre a pandemia do novo Coronavírus no RN. “Os números são preocupantes e exigem de toda a sociedade o isolamento social, ficar em casa para evitar que progressão se mantenha”, afirmou Cipriano, ao anunciar os casos registrados: 125 leitos hospitalares estão ocupados hoje nas redes pública e privada. Os casos confirmados são 463 e houve 23 óbitos em 10 municípios. Doze óbitos estão em investigação pelo Laboratório Central do Estado e pelo Instituto de Medicina Tropical da UFRN.

“Nossas testagens mostram aumento exponencial do número de casos. Isso leva à necessidade de manter a vigilância e medidas de controle. Verificamos que o índice de isolamento caiu nos últimos dias no RN. Não podemos relaxar, a população deve contribuir ficando em casa e mantendo distanciamento quando sai para atividades essenciais. É preciso também proteger grupos mais vulneráveis, idosos e pessoas com doenças pré-existentes. Tudo isso é extremamente necessário para reduzir o contágio e evitarmos chegar ao esgotamento da capacidade de atendimento dos hospitais públicos”, argumentou o secretário de Saúde.

Nesta quinta-feira, 16, o Governo do RN iniciou a distribuição aos municípios dos testes rápidos, importantes para aferir o comportamento da pandemia e orientar a tomada de decisões para a assistência de saúde. O estado praticamente não tem teste em fila de espera.

Cipriano Maia informou também que no Rio Grande do Norte a administração estadual vai manter o isolamento social para distender a curva da pandemia e para que não ameace o sistema de saúde como já está ocorrendo em outros estados do Brasil.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Pedro disse:

    Justiceiro, pelo comentario, vc não é da area, não sabe nada de reputação, competencia profissional e administrativa. Vc está mais para puxa saco, professor de carteirinha, e acéfalo. Esse espermatozoide nunca fez nada de útil.

    • Cigano Lulu disse:

      Calma, ômi. Justiceiro só quis ironizar um pouco para descontair o ambiente.

  2. Justiceiro disse:

    Não adianta atacar o Secretário Cipriano Maia. Ele tem reputação ilibada. Reconhecidamente competente, como profissional e como administrador. Não poderíamos ter no momento, melhor gestor que ele.

  3. alcivan dutra disse:

    Ninguém se preocupa com o CORONA TIRO, aqui em Mossoró depois do CORONA Vírus que já contabiliza 8 Mortos. o CORONA TIRO já Matou 12. Ou seja quase o dobro do CORONA VÍRUS.

  4. Papa Jerry Moon disse:

    Preocupante é a gestão desse secretário e de sua governadora.

  5. LEO disse:

    Dr Cadeado não sabe nem o que está dizendo……..

  6. Antonio Turci disse:

    Uma vez que nossos informativos viraram obituário, sugiro que além das mortes pelo vírus chinês , os falecimentos pelas demais causas também sejam mostradas. Assim seria mais fácil o entendimento e extensão da crise.

  7. Ivan disse:

    Previa 11.000, se diz preocupado com 23… estranho…Afinal, esse número bem abaixo do esperado não é motivo de alívio??? "Os números são preocupantes"???????? Õxe

  8. Edmundo disse:

    Poxa, o titulo do post fala de "NÚMEROS PREOCUPANTES", só que alguém esqueceu de mostrar esses números pois o que esta divulgado aqui é o que todos já sabemos 463 casos com recuperação de 65% e 23 óbitos. Caso alguém saiba de algo preocupante posta aqui!!

  9. Gerald disse:

    Quê o 11.000 óbitos não se confirmem como o Sr. Falou, nos lembraremos do terrorismo, medo e pânico, divulgado por sua fala dias atrás.

    • Pedro Henrique disse:

      Ciência. A ciencia previu essas mortes caso o isolamento não fosse cumprido. Vc soube da Itália? Como o isolamento está parcialmente sendo cumprindo, as mortes nao estão acontecendo.

    • Edmundo disse:

      Pedro Henrique quando um profissional de saúde faz uma previa é com base no cenário atual, a quantidade de caso na Italia e a quantidade de óbitos a cada dia realmente pode-se fazer uma prévia, agora o RN com 463 casos, recuperação de 65% queria entender essa matemática.

    • Tarcísio Eimar disse:

      Esse número de 11.000 não chega nem no acumulado do BR. Isso é um analfa de marca maior. Precisa de um estatístico ou um matemático na equipe pra avaliar melhor o panorama e fazer as projeções

  10. Flávio A disse:

    Sinceramente depois da fala desse sujeito prevendo mais de 10.000 mortos até o dia 15 de maio no RN, não deveriam dar espaço nenhum na mídia para esse cavaleiro do apocalipse

  11. Manoel disse:

    Se há mais testagem eh claro que vão aumentar os números de confirmados né?! Estou esperando o governo estadual ter um plano de reabertura reordenada das empresas. Ou a governadora quer que fiquemos em casa até 2022??

    • Francisco Alves disse:

      A ideia da governadora é essa. Tudo parado até virar uma desgraça o RN para ela e sua trupe colocar a culpa em Bolsonaro.

SUCUPIRA PERDE: Sesap erra o nome do próprio secretário em comunicado

Foto de trecho inicial: Reprodução

Não tá fácil para a Secretaria de Saúde do Estado se falando em comunicação. Não vamos nem avaliar a condução da crise que seria injusto por parte desse blog.

Mas depois de projetar mortes de 10 mil pessoas e 1 milhão e 200 mil contagiados pelo COVID até 15 de maio, daqui a 45 dias, a secretaria errou o nome do próprio secretário em matéria postada no site, o chamando de Cipriano Correia. Na verdade, o seu nome é Cipriano Maia de Vasconcelos.

Não tá fácil….

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Neto disse:

    Parabéns Sérgio Nogueira pelo comentário em tela, é o RX da situação do nosso estado, todos do primeiro escalão só são incompetentes porque são filiados a facção denominada de PT.
    Fiz um comentário, não foi publicado, acho que falei a verdade inerente à (des) governadora.

  2. Sérgio Nogueira disse:

    Bruno, o estado está sob comando de uma trupe de incompetentes. Isso está claro.
    Estão perdidos sobre o que fazer, quando fazer, como fazer e por quanto fazer.
    A única coisa que o vírus não vai atingir é a incapacidade profissional desse povo em pelo menos apresentar respostas eficientes, o resto, ele vai levar tudo.
    Talvez, e bote talvez nisso,se alguém o do alto escalão petista pelo menos der um espirro, eles acordem e corram com alguma medida útil.
    Até lá esse Secretário de Saúde que visivelmente não tem aptidão para o cargo vai ficar fingindo ter o controle, quando não tem, Fátima, cuja experiência para resolver problemas só se manifestava quando o problema não era dela, vai continuar comendo Bokus, e a máquina do partido continuará vendo uma forma de continuar sendo o PT já conhecido.

  3. Rafael Pinheiro disse:

    Esse (des)Governo mostra diariamente a sua desorganização e enorme incompetencia. Fecha hospitais; divulga números absurdos e aleatorios. Se queremos salvar o RN devemos tirar Fátima Bezerra do governo urgentemente.

  4. PT só CANALHAS disse:

    Governo do RN está desgovernado!!!

  5. Pacheco disse:

    Peramordedeus

  6. Rui disse:

    Esperar o que de Desgoverno Petista,querem é grana……..

  7. Silvio. disse:

    Fora Fátima!!

  8. Alderi disse:

    924,00 5,00 0,54%
    2.171,00 12,00 0,55%
    5.108,00 28,00 0,55%
    12.030,00 67,00 0,56%
    28.339,00 157,00 0,55%
    66.774,00 371,00 0,56%
    157.354,00 874,00 0,56%
    370.819,00 2.060,00 0,56%
    873.864,00 4.854,00 0,56%
    2.048.587,00 11.378,00 0,56%

    Ai esta o erro básico de projeção, ele usou uma taxa linear de óbitos, 0,56% isso não aconteceu em lugar nenhum do mundo.

    • Rms disse:

      PT sendo pt, manobra política para assombrar a população, e liberar os valores exorbitantes de 37 milhões para hosp de campanha. Simples assim, em São Paulo gastaram apenas 8 milhões no hosp de campanha…..

Coronavírus: Sesap projeta 157 mil infectados no RN e colapso da Saúde em 2 de maio

Uma projeção da Secretaria Estadual de Saúde, incluindo subnotificações, estima 157 mil pessoas infectadas no Rio Grande do Norte no dia 02 de maio.

A Secretaria Estadual de Saúde(Sesap) informa que se confirmada, a projeção resultará no colapso da rede estadual de saúde.  Mais detalhes aqui.

Com informações da Tribuna do Norte

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cidadão Potiguar disse:

    Realmente se continuar assim vai morrer essa quantidade pessoas, ou mais, mas de Fome!

  2. Silva Santos disse:

    Ontem seriam 21 mil infectados até o início de maio; hoje, 157 mil. Qual a previsão correta? Acho que a SESAP está meio perdida…

  3. Silva Santos disse:

    ONTEM , A SESAP anunciou 21 MIL; HOJE, 157 MIL INFECTADOS. QUAL O NUMERO CORRETO? COM A PALAVRA A SEinãoSAP

  4. Eduardo disse:

    São os mesmos q anunciaram em março q ontem (06.04.2020), teríamos 5.500 mortos? Estão superlativando os números para lá na frente dizerem q conseguiram segurar o vírus ou será q é para manter o confinamento? Imprensa faz terrorismo midiático. Por que não mostrar os números e curados? Pq não mostrar os tratamentos q estão funcionando? Querem ir caos? Querem o pânico?

  5. Junior disse:

    Se vai colapsar mesmo e não terá nenhum leito de UTI a mais nessa data, porque essa safadeza de deixar as pessoas em casa para quebrar o país.

  6. Paulão disse:

    Números loucos totalmente fora da realidade. Por ele teremos agora mais 6.280 pessoas infectadas por dia até 02 de maio no RN. Quem foi o pirado que inventou isso? Se estamos a 18 dias isolados e tem apenas 254 confirmados, agora vem um doidão da Sesap chutar esses números sem o menor sentido? Qual a intenção dele com isso? Deveria ter mais responsabilidade em chutar números tão fora da realidade como esses são. Se não vamos ver até sexta a quantidade de infectados. Poe esses números, sem noção, chegaremos na sexta (10/04) com 25.374 pessoas doentes pelo vírus. Com a palavra, a vida real!

  7. manezinho disse:

    Estranho isso. Segundo os petistas do intercept e cuja a rede bobo tomou como referencia a reportagem, no dia 06 de abril teríamos 5500 mortos no país. No dia 06 de abril teríamos o pico da pandemia no RN. Agora será no dia 06 de maio e serão necessarios 300 milhoes de reais pra saude nao entrar em colapso no RN. Pensei que ja estavamos em colapso ha muitos anos…

  8. Tito disse:

    Sinceramente, o que eu acho que o cabra que fez esses cálculos e aí finsl, não se concretizar deveria ser preso! Vai tocar no inferno sujeito, tem alguma coisa de criminoso nesses números ou pelo menos um estado de terror.

  9. José disse:

    Isso quer dizer que luladrão era um indivíduo totalmente sem noção e irresponsável quando optou por copa do mundo e olimpíadas, construindo estádios e aeroporto injustificáveis, ao invés de equipar e construir hospitais, e que os bilhões roubados farão uma falta enorme falta para sobrevivencia dos brasileiros nessa pandemia? Ou não?

  10. Márcio Sá Dantas disse:

    Rapaz, quero crê que estão completamente errados. Além de trazer o pânico e contribuir para alteração da pressão de muitos cidadãos, foram irresponsáveis na forma de dar a notícia. Fica uma pergunta no ar: o que acontece ao governo se chegar em maio e a previsão não se concretizar, como acredito estarmos todos torcendo por isso. Vamos continuar a fazer a nossa parte ficando em casa. Definitivamente, por Deus, vamos torcer para que hoje tenha sido a maior barrigada da história.

  11. Aluizio disse:

    Carlos, já q vc e o único banbanban em matemática q visita esse blog, explique como é feito então, pq imagino q os números vao aumentar muito, mas pra chegar a esses números, nessa aula eu faltei

    • Flavio disse:

      Blz Aluízio, TB perdi. Mesmo tendo feito mais de um curso na área de Engenharia, não assisti essa aula. Kkkkkkk

  12. Ceará-Mundão disse:

    Essa doença já circula o mundo desde dezembro do ano passado, e ainda não atingiu 1,5 milhão de infectados. Portanto, apenas apelando à lógica, é possível identificar o absurdo dos números apresentados. E vejam que o nosso clima quente não favorece a multiplicação do vírus. Olha, quando vejo notórios petistas que conheço divulgando os números de contaminados e de óbitos cm brilho nos olhos, como que comemorando os efeitos da epidemia, fica claro a que esses números se prestam. Eles são os verdadeiros criminosos.

  13. Ivan disse:

    E então SESAP? Quantas uti´s que estão inutilizadas serão disponibilizadas? Teremos hospital de campanha na Arena? Qual a previsão? Os respiradores doados pelos empresários, já estão operantes e salvando vidas? Já encomendaram máscaras às fábricas de confecções e álcool junto às usinas????? Como estão as ações práticas?? Vão ficar só nos decretos de "#FIQUEEMCASA"…???

  14. Neco disse:

    Não é pq a situação é grave que se pode chutar pra Lua os números (e em cima disso matar a economia).

  15. Diogo Barros disse:

    Mais de 6000 infectados por dia. Tá imoral essa mídia, misturada com esses governos

  16. Daniel disse:

    Para de promover o terror!

  17. Francisco Lima disse:

    Quanto terror! Voltemos aos bancos escolares pra estudar como esses "especialistas" chegaram a esses números assombrosos.

  18. Lirinho disse:

    Isso é causar pânico, terror, medo!!!

  19. Fernando Peres disse:

    Fica do só adiando fazendo um grande terror psicólogo na população, estou em casa alguns dias e a movimentação é mesma feira livre funcionando, coleta de lixo sem nenhuma proteção específica contra o vírus, vendedores ambulantes passando e vida que segue esses governo do RN, só terror na população.

  20. Marcos Ângelo disse:

    Não foi só isso, o especialista afirmou que no dia 15 de maio o RN teria 2milhoes de infectados e 11700 mortes .
    Isso dá 52600infectados e 308 mortes por dia

    • Emerson disse:

      Só digo uma coisa tomara que isso não se concretize e se Deus quiser Não vai acontecer, só nos diz uma coisa, nossos especialistas não são tão especialistas assim, e não foi pelas medidas que adotaram porque até pra montar o tal hospital de campanha está essa bagunça.

  21. Antonio Barbosa Santos disse:

    PQ não mostram como chegaram a esse número?
    Fica parecendo que querem apavorar, criar as condições para contratações duvidosas, aí nada acontece, como não aconteceria mesmo, e vem a público dizer que foi graças a ação tomada.
    Não que no RN isso possa acontecer, não. Nunca.

    • Carlos disse:

      A maioria do povo que comenta aqui não entenderia como são feitos os cálculos.

Coronavírus no RN: 242 casos confirmados, 27 a mais que no dia anterior; e 7 óbitos.

O Rio Grande do Norte possui 242 casos confirmados até às 13h deste domingo (5), conforme informou a Secretaria de Estado e Saúde Pública – Sesap, em boletim divulgado no fim da tarde de hoje.

Uma morte a mais que ontem e 27 casos confirmados a mais em relação ao último sábado.

Ao todo, são 2.354 casos suspeitos, 675 descartados e 7 óbitos confirmados – Mossoró (3), Natal (2), Taipu (1) e Tenente Ananias (1).

A Sesap reforça a importância da população potiguar seguir todas as orientações recomendadas diariamente e que fique em casa se não precisar realizar alguma atividade essencial.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. LEANDRO disse:

    Somos abençoados…..graças a Deus…Bolsonaro até 2026…..

  2. Said disse:

    Realmente é muito engraçado os casos confirmados e os óbitos são amplamente divulgados e os recuperados?será que ainda não recuperou nenhum ainda?

  3. Djalma disse:

    Desejaria demais que colocassem também o número dos recuperados, creio que faria melhorar o ânimo da população. É muita notícia ruim….

    • Cabo Silva disse:

      Oh, criatura, confirmado e não morreu… curado está! É difícil assim?

    • Edilson disse:

      Mas é o que vende amigo, tem inúmeras pessoas que foram curadas, mas esse tipo de matéria não interessa aos u…. de plantão.

    • Souza disse:

      Concordo plenamente. Além de ser uma informação importante pra mostrar que o número de recuperados, e agora imunes, supera, e muito, o de mortos

Governo do Estado envia comunicado esclarecendo: “Porque um hospital de campanha no RN?”

Imagem: reprodução/Arena das Dunas

Confira abaixo a nota de esclarecimento do Governo do RN sobre a contratação a gestão do hospital de campanha que será erguido na Arena das Dunas. Ação que é alvo de investigação do Ministério Público por suspeita de favorecimento.

O Governo do RN, por meio da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) e do seu titular, Cipriano Maia, vem a público mais uma vez esclarecer sobre a contratação em caráter emergencial de uma Instituição Filantrópica ou Organização Social para gestão do Hospital de Campanha. O complexo deverá ser erguido no estádio Arena das Dunas e terá a oferta de 100 leitos (sendo 53 de UTI adulto, 45 leitos de retaguarda clínica e 2 de isolamento) a serem utilizados exclusivamente para fins de tratamento de pacientes contaminados com o novo coronavírus.

O Hospital foi pensado inicialmente utilizando a área já coberta, interna do Arena das Dunas, tendo em vista que os custos e o tempo seriam otimizados. Dada a projeção dos casos e a oferta insuficiente de leitos na rede pública do Estado, a Secretaria de Estado optou por ampliar sua capacidade de atendimento hospitalar por meio de um Hospital de Campanha durante a pandemia. Ressalta-se que além do Hospital, também está em curso à ampliação de mais de 100 leitos de UTI nos Hospitais Regionais da Rede Pública, incluindo os leitos do Hospital Pedro Germano e os Hospitais Regionais. Para tanto, foram adquiridos equipamentos e a contratação (chamamento do concurso público e seleção temporária), reformas para adequação física dos hospitais, entretanto, essas medidas ainda são insuficientes dada a previsão inicial da necessidade estimada.

Essa estimativa de leito, foi realizado por profissionais da SESAP com expertise técnica na área e tomou como base aspectos relacionados ao:

* • Tempo de permanência do paciente no hospital, tempo de duração da crise;
* • Taxa de infecção;
* • Capacidade instalada da rede própria, incluindo leitos de UTI existentes;
* • Taxa de complicação dos casos;
* • Medidas de controle domiciliar
* • Equipamentos serão necessários para atendimento;
* • Número de pessoas que serão internadas;
* • Necessidade de recursos humanos;
* • Número de pessoas com complicações clínicas;
* • Hospitais aptos para receber os pacientes;
* • Itens serão necessários (materiais e medicamentos)
* • Número de leitos necessários
* • Pacientes com planos de saúde (saúde suplementar);
* • Taxa de internação esperada;
* • Capacidade dos hospitais privados;
* • Fontes extras de recurso;
* • Medidas de bloqueio da transmissão (propagação);
* • Complicações esperadas.
* • Além disso, essa estimativa se deu com base na análise do cenário internacional dos países já cometidos pela pandemia.
Há que se considerar a escassez de profissionais no Estado e as dificuldades estruturantes existentes no Sistema Único de Saúde, as quais não acontecem apenas em nível do Estado do RN. É notória a dificuldade mundial em prestar assistência adequada a população devido a escassez de equipamentos, EPIs, insumos e profissionais de saúde para atuar nesse contexto extremo.
Importante ressaltar que foram realizadas várias ações no sentido de buscar soluções e parcerias para a ampliação dos serviços, tais como parceria com o Exército e Hospital Universitário, contudo todos sofrem com as mesmas dificuldades para o enfrentamento dos casos. Além, disso essas Instituições já estão sobrecarregadas com as demandas cotidianas existentes. Segundo as informações obtidas junto ao Comando da 7ª. Brigada, a Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Militar se encontra em obras e o Hospital Universitário Onofre Lopes já está fazendo adequações, porém ainda não são suficientes para o número de casos esperados.

Vale ressaltar que esforços administrativos estão sendo feitos para se abrir leitos de UTI dentro dos hospitais da SESAP, entretanto, ainda levarão um razoável espaço de tempo (apesar do esforço conjunto entre as diversas Secretarias do Estado).
Já em operação novos leitos em Caicó, Pau dos Ferros, Currais Novos e em fase de finalização as obras em Mossoró, hospital Tarcísio Maia e em Natal, anexo clínico do hospital João Machado e Macaíba, com 20 leitos os dois primeiros serviços. Mossoró já possui equipamentos e RH. João Machado e Macaíba ainda não.

Em reunião no mês anterior com o Hospital da Polícia Militar, a SESAP assumiu o compromisso de colocá-lo em funcionamento, habilitando inclusive essa unidade para receber repasses do governo federal. Nessa unidade, pelo plano de leitos COVID, serão abertos 10 leitos de UTI e 30 leitos de enfermaria. Os equipamentos serão locados para 8 leitos com equipe de enfermagem.

No Hospital Giselda Trigueiro, ainda em fase de abertura de 25 leitos de internação. Recentemente foram nomeados por meio do chamamento do concurso público vários profissionais de saúde, entretanto, a abertura de novos leitos uma quantidade significativa de profissionais.

Conforme o Plano Estadual de Contingência para o enfrentamento ao COVID também serão abertos novos leitos em vários hospitais da rede pública, onde serão também abertos serviços de UCI, que exigem menos pessoal e menor número de equipamentos em relação a uma UTI.

Por que a contratação escolhida foi o de Organização Social

A opção do chamamento não se restringe ao modelo de Organização Social, visto que poderão concorrer também prestadores filantrópicos. Considerando o fato de que o contexto da pandemia exacerbou a demanda por serviços hospitalares entende-se que não é oportuna restringir a participação de outros modelos de gestão no certame, cujo objeto é de extrema relevância social e de caráter emergencial. Além disso, em contato com os outros Estados identificou-se que esse modelo já foi adota nos Estados do Ceará, Goiás, São Paulo, entre outros. É preciso considerar a dificuldade operacional (equipamentos, recursos humanos, insumos) do Estado em gerir uma estrutura desse porte, em curto espaço de tempo, dada a necessidade de resposta rápida que a situação exige, no sentido de preservar vidas.

Considerando o fato de que o contexto da pandemia exacerbou a demanda por serviços hospitalares entende-se que não é oportuna restringir a participação de outros modelos de gestão no certame, cujo objeto é de extrema relevância social e de caráter emergencial. Além disso, em contato com os outros Estados identificou-se que esse modelo já foi adota nos Estados do Ceará, Goiás, São Paulo, entre outros. É preciso considerar a dificuldade operacional (equipamentos, recursos humanos, insumos) do Estado em gerir uma estrutura desse porte, em curto espaço de tempo, dada a necessidade de resposta rápida que a situação exige, no sentido de preservar vidas. Nesse sentido, o Hospital deverá integrar, de forma provisória, como uma retaguarda a mais aos serviços já existentes.

Como foram estimados os preços

Em relação aos valores os preços foram estimados com base na média dos preços praticados em outros estados, nas propostas de valores recebidos por alguns Hospitais privados aqui no Estado e na estimativa dos valores dos leitos privados já contratados pelo Estado. Foi estimado um valor médio da diária global para leitos de UTI de R$2.560,00 e de leitos de clínica e isolamento de R$ 1.500,00.

Segue abaixo a memória de cálculo:

Estimativa Mensal

– Valor Mensal Leito UTI: R$ 2.560,00 (diária) x 30 dias x 53 leitos

– Valor Total Mensal dos Leitos de UTI: R$ 4.070.400,00 (quatro milhões e setenta mil
e quatrocentos reais)

-Valor Mensal Leitos Clínica+Isolamento = R$ 1.500,00 (diária) x 30dias x 47 leitos

– Valor Total Mensal Leitos Clínica+Isolamento = R$ 2.115.000,00 (dois milhões
cento e quinze mil reais)

Estimativa de Valores dos Leitos por 6 meses

– Valor Leitos de UTI por 6 meses = R$ 4.070.400,00 (30 dias) x 6 meses=
R$24.422.400,00 (vinte e quatro milhões, quatrocentos e vinte e dois mil e quatrocentos
reais)

– Valor Leitos Clínica +Isolamento por 6 meses: R$2.115.000,00(30 dias) x 6 meses =
R$12.690.000,00 (Doze milhões, seiscentos e noventa mil reais)

– VALOR GLOBAL DE TODO CONTRATO POR 6 MESES (LEITOS DE
UTI+CLÍNICA+ISOLAMENTO): R$37.112.400,00 (trinta e sete milhões, cento e
doze mil e quatrocentos reais)

– VALOR GLOBAL DE TODO CONTRATO MENSAL (LEITOS DE UTI+CLÍNICA+ISOLAMENTO): R$ 6.185.400,00 (seis milhões, cento e oitenta ecinco mil e quatrocentos reais)

A Sesap esclarece ainda que tem atuado em Natal, região metropolitana, Mossoró e demais cidades do interior para ampliar a assistência aos potiguares acometidos pela pandemia. Todos, absolutamente todos os leitos possíveis na rede própria serão reaproveitados, mas como explicado acima, são insuficientes para atender a demanda.

Por fim, o Governo do Estado reafirma o compromisso de seriedade, honestidade e transparência, marcas desta gestão, e reforça o convite aos órgãos de controle – Ministérios Públicos Estadual e Federal e Tribunal de Contas do Estado – por entender a importância dessas instituições participarem e acompanharem as ações que visam o atendimento à população em tempos de pandemia.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Justus disse:

    Tá bom. Se é assim, cadê a parte de sacrifício dessa ONG/entidade filantrópica em abrir mão de algum milhão para colaborar no "esforço de guerra".?

  2. Clara disse:

    Vocês estão doentes…

  3. Roberto disse:

    Há ptzada. JESUS SALVE A TODOS .

  4. Bel disse:

    Esse elefante branco, mais uma vez, palco da PROPINA.

  5. PT só CANALHAS disse:

    Não precisa explicar, pra fazer caixa pra campanha. Um estado que fecha hospitais e agora que criar hospitais provisórios.

  6. Lucianobrito disse:

    Vai enganar a judas e Barrabás.

  7. Cesar Augusto disse:

    Muito estranho, 2000 ( dois mil ) leitos distribuídos em dois hospitais de campanha em SP custar R$ 35.000.000,00 e 200 ( duzentos) leitos no RN para um hospital de campanha, custar R$ 37.000.000,00… Precisa muito esclarecimento, mesmo considerando que aqui são leitos de UTI, a conta não fecha, ou a informação não está correta.

  8. Ricardo Lúcido disse:

    Muito esclarecedor o comunicado . Agora pode ser que ainda um ou outro não entenda , nesse caso só desenhando . Não votei na governadora Fátima , mas acho que ela está gerindo bem a crise junto com o prefeito . O maior problema tem sido o BANANA , votei nele e me arrependo , esse não tem jeito e vai se complicar maus se perder Mandetta .

  9. Natal disse:

    Esse pessoal do PT não se cria, se for fazer um filme não vai ter um bandido, só mocinho! Ah, ladrão!

  10. Manoel disse:

    Que ótimo que já apresentaram justificativas… Vamos ver se convence o ministério público e a justiça…

    • Erlando martins disse:

      Vão usar o corona vírus pra roubar dinheiro público mais uma vez,assim fizeram com a copa,por que não investir nos hospitais já existentes,pelo menos no passar desta pandemia ficaria um legado para a população,pt sendo pt.

Teleperformancer impede entrada de equipe de fiscalização da Sesap na empresa, destaca reportagem

Foto Ilustrativa  – Denúncia

A Agência de Reportagem Saiba Mais destaca nesta sexta-feira(03) que uma equipe de fiscalização da secretaria estadual de Saúde Pública foi barrada na quinta-feira (2), quando tentava entrar em uma das unidades da empresa de Call Center Teleperformance. O objetivo da visita era verificar se as medidas e condições determinadas pelo Ministério Público do Trabalho e pelo Governo do Estado para a prevenção de contágio pela Covid-19 estavam sendo cumpridas. O episódio aconteceu na Teleperformance de São Gonçalo do Amarante, região metropolitana de Natal, e a tentativa de acompanhamento presencial da situação se deu pelo recebimento diário de reclamações e denúncias de funcionários da empresa, que continuam trabalhando diante situação de pandemia.

Segundo o Saiba Mais, a vistoria foi executada por equipe do Centro Estadual de Referência em Saúde do Trabalhador da SESAP. A assessoria da pasta informou que após a resposta negativa da empresa, o órgão encaminhou um relatório para o Ministério Público do Trabalho explicando a situação e solicitando providências.

A subcoordenadora do Centro Estadual de Referência em Saúde do Trabalhador da SESAP, Kelly Barros, explicou que as medidas a serem fiscalizadas devem ser cumpridas como forma de cuidado com cada pessoa que circula dentro da empresa.

“Para todas as empresas que estamos fiscalizando é necessário o cumprimento de medidas como a diminuição do efetivo de trabalho dando férias coletivas ou instituindo teletrabalho, medida possível para a empresa Teleperformance. Também é recomendado a afastamento a pessoas que apresentem sintomas de gripe por 14 dias, sem qualquer prejuízo aos salários. Além disso, indicamos que haja a conscientização desses funcionários quanto a importância dos cuidados de prevenção, bem como deve a empresa disponibilizar produtos de higiene de forma ininterrupta”, esclarece a subcoordenadora.

De acordo com a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações do RN (Sinttel/RN), Iara Martins, a empresa não permite qualquer diálogo conclusivo sobre a situação dos trabalhadores.

“Nós temos recebido reclamações e denúncias diárias e tentamos tratativas com a empresa, que sempre nos dá respostas genéricas, inconclusivas dificultando a resolução desses problemas. Não recebemos qualquer informação sobre o número de funcionários liberados ou que estão cumprindo regime de banco de horas”, relata Iara.

Alguns funcionários de Call Centers do RN denunciaram à Agência Saiba Mais a situação vivida nas empresas.

Veja matéria completa aqui.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. TRABALHO DIGNIFICA O SER disse:

    Quem "manda" é a Teleperformance,, quero ver alguém para-lá!

    MPT?!
    Sindicato?!
    TRT?!
    SUVAG?!
    INSS?!

    Mas há esperança: POLÍCIA FEDERAL, MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL E ESTADUAL.

    Por favor, trabalho digno em todo tempo e para todos.

  2. Luiz Fernando disse:

    Quando a empresa fechar e milhares perderem o emprego, vão pedir ajuda a Sesap e MPT.

  3. Cap_Mor disse:

    Pra isso tem polícia.

  4. João Felipe disse:

    Empresa sem o menor respeito com os seus funcionários…e os funcionários lá ajudando a empresa a faturar enquanto ganham uma mixaria.

ALARMANTE: Projeção da Sesap é de 300 mortes por Covid-19 nos próximos 30 dias no RN

O secretário-adjunto de Estado de Saúde Púbica Petrônio Spinelli afirmou que o Governo do Estado trabalha com uma projeção de 300 mortes por Covid-19 nos próximos 30 dias. A informação foi repassada aos jornalistas em coletiva de imprensa realizada nesta sexta-feira (3).

Até o momento, quatro óbitos foram confirmados no Estado, sendo três em Mossoró e um em Natal. Todas as mortes ocorreram no período de uma semana.

Spinelli voltou a defender a necessidade do isolamento social no Rio Grande do Norte.

“As pessoas precisam entender que precisam estar em casa de verdade. Nosso maior dilema é gente chegar precisando de respirador e não ter para todo mundo”, desabafou.

Leia matéria completa aqui no Saiba Mais – Agência de Reportagem.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Izaac disse:

    Meu Deus do céu, é impressionante e triste vervoessias ainda minimizando a situacao. Só lembrando que estamos vivendo é uma subnotificacao por falta ou demora nos testes no Brasil, os óbitos por covid 19 só são anunciados qdo os testes sao confirmados. E outra coisa, uma pessoa que tem diabetes e leva um tiro morre do tiro, nao da diabetes, portanto os que estao morrebdo do covid é do covid mesmo, e nao de doenças pre-existentes, essas apenas sao agravantes.

  2. Junior disse:

    Opiniões são validas,desde que esqueçamos fanatismo!
    A OMS já deveria ter catalogado fanatismo doença

  3. Rosi Sampaio disse:

    Pode ser que a pessoa morra de um acidente, queda, AVC, etc… Se apresentar sintomas ou se for suspeito de contaminação pelo covid19 entrará para as estatísticas até que o resultado do teste seja concluído. Isso é possível em tempos de pandemia. Não vejo nada de anormal!

  4. Ivan disse:

    Esse número vai depender da dispnibilidade de leitos disponíveis p/atender os casos graves, portanto, corram pra providenciar os leitos extras, consertar os defeituosos e deixem de fazer política rasa…É muito cômodo ficar apenas mandando as pessoas ficarem em casa…

  5. NILDO disse:

    37 MILHÕES SERÁ QUE DAR PRA COMPRAR QUANTOS APARELHO RESPIRADOR? NAS MINHAS CONTA 37 MILHÕES DÁ PRA COMPRAR MUITO, MAS NA CONTA DO PT DEVE SER SÓ UNS 100

  6. Junior Play disse:

    Dez mortes por dia aqui no estado ???

  7. Tarcísio Eimar disse:

    Na minha projeção matemática, pelo andamento da curva no gráfico ministério da saúde é de 1600 mortos até o final do mês e um acumulado de 18000 mortos em todo o BR nesse período

    https://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2020/04/03/meu-pai-so-saiu-para-ir-ao-mercado-diz-filha-de-morto-por-coronavirus.htm

  8. Said disse:

    Correto,só não pode botar na conta do corona vírus até os que morrem de acidente de trânsito. Vamos ficar de olho…

    • Riva disse:

      Said, não tem o que dizer fica quieto. O que está acontecendo é o contrário não estão testando nem a metade.

    • Said disse:

      Quieto eu estou obedecendo o isolamento,agora cego e surdo eu ainda não sou ok?abra os olhos e limpa os ouvidos .😉

Sesap investiga mais três mortes por Covid-19, confirma 106 pacientes infectados e 2.153 casos suspeitos no RN

Imagem: reprodução

A secretaria de Estado de Saúde Pública confirmou que investiga mais três mortes registradas no Rio Grande do Norte por suspeita de Covid-19. Um desses óbitos é de uma mulher em Parnamirim cujos exames ainda sob análise.

A Sesap também admitiu no boletim epidemiológico divulgado no final da tarde desta quarta-feira (2) que mais 14 pacientes foram infectados pelo novo Coronavírus. No total, o Rio Grande do Norte já chegou a 106 casos. O número de suspeitos subiu para 2.153.

Até o momento apenas duas mortes foram confirmadas.

Dos 167 municípios do Rio Grande do Norte, há casos confirmados ou suspeitos em 120 cidades.

Brasil

Em nível nacional, as mortes pelo novo Coronavírus já chegaram a 299. Só nas últimas 24 horas foram registrados 58 óbitos pela Covid-19, um recorde no país desde que a pandemia foi reconhecida pela Organização Mundial de Saúde. Os pacientes confirmados com a doença chegaram a 7.910.

A região que mais concentra casos confirmados de covid-19, segundo o Ministério, é a Sudeste (4.988). Na sequência estão Nordeste (1.180); Sul (833); Centro-Oeste (532) e Norte (377).

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. José disse:

    Números de contaminados do RN estão atípicos. Iguais aos de PE (106). Se comparar com AL (18), PB (21) é SE (23) que são estados de mesmo porte, há uma discrepância ou há algo errado com a ação pública no Estado. Se continuar com essa tendência, o sistema de saúde vai colapsar até o fim de abril.

Sesap abre vagas de estágio remunerado para alunos de graduação em diversas áreas

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), por meio da Coordenadoria de Recursos Humanos (CRH), informa que estão abertas as inscrições para o Programa de Estágio Não Obrigatório, em parceria com a Escola de Governo do Rio Grande do Norte (EG) e a Secretaria Estadual da Administração dos Recursos Humanos (SEARH). As vagas ofertadas para o exercício de 2020 são para alunos de graduação das seguintes áreas:

ADMINISTRAÇÃO

ARQUITETURA E URBANISMO

BIOLOGIA

CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

CIÊNCIAS CONTÁBEIS

COMUNICAÇÃO SOCIAL

DIREITO

ENFERMAGEM

ENGENHARIA ELÉTRICA

FARMÁCIA

GESTÃO HOSPITALAR

SAÚDE COLETIVA

SISTEMA DE INFORMAÇÃO

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

A seleção ocorrerá mediante cadastro no site da Escola de Governo. Os interessados devem se cadastrar através do endereço: http://sistemas.searh.rn.gov.br/escoladegoverno/estagio/escolhacad.asp

Em caso de dúvidas, o e-mail para contato é: [email protected]