Saúde

Com taxa de ocupação superior a 50%, RN solicita ao Ministério da Saúde 71 prorrogações de leitos de UTI para tratamento da covid

O Governo do Estado solicitou ao Ministério da Saúde a prorrogação de 71 leitos de UTI para o enfrentamento da covid.

Para obter a prorrogação, a gestão local pode fazer essa solicitação, desde que a taxa de ocupação seja superior a 50% dos leitos encontrados no plano de contingência, o que representa o cenário atual.

Para isso, o Governo Federal deve investir R$ 3,4 milhões na continuidade dos leitos em municípios como Natal, Mossoró, Pau dos Ferros e Caicó.

Com acréscimo de informações da Tribuna do Norte

Opinião dos leitores

  1. Tome mais despesas.
    Tudo graças a irresponsabidade dos partidos políticos que queriam aglomerar.
    E quem ganhou com isso?
    Acorda gente

  2. Diante desse AUMENTO Descontrolado de Novos infectados e cada Vez Mais com Tendencia de Mais Alta, nesse cenario NAO Existe inocentes, todos SÃO CULPADOS. População, Governo, prefeitos, Politicos e Justiça, todos Sabiam que Isso ia Acontecer. Então resta agora a MISERICORDIA de DEUS sobre Todos NÓS.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

Sinal Fechado: MP pede prorrogação de prisões

O Ministério Público do Rio Grande do Norte solicitou, nesta segunda-feira (28), a prorrogação das prisões temporárias dos investigados na operação Sinal Fechado. A petição dos promotores está sob análise da juíza Emanuella Cristina, da 6ª Vara Criminal. As prisões temporárias expiram à meia-noite.

Ao todo, 12 pessoas tiveram as prisões temporárias decretadas, entre elas o ex-deputado João Faustino. Além dele, Carlos Alberto Zafred Marcelino, Carlos Theodorico de Carvalho Bezerra, José Gilmar de Carvalho Lopes, Edson Cézar Cavalcante Silva, Marco Aurélio Doninelli Fernandes, Caio Biagio Zuliani, Jailson Herikson Costa da Silva, Fabiano Lindemberg Santos Romeiro, Marcus Vinicius Saldanha Procópio, Nilton José de Meira e Flávio Ganem Rillo também tiveram prisões temporárias decretadas.

Dos supostos envolvidos no esquema de corrupção no Detran do Rio Grande do Norte, tiveram pedidos de prisões preventivas apenas três pessoas: o advogado George Anderson Olímpio da Silveira, apontado como líder da quadrilha e mentor do esquema fraudulento, Marcus Vinícius Furtado da Cunha e Alcides Fernandes Barbosa.

Fonte: Tribuna do Norte

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *