Cultura

FOTOS E EDITORIAL: Centro Cultural Trampolim da Vitória: prova de competência e demonstração de respeito à nossa historia

A cidade de Parnamirm conta, a partir desta terça-feira, com um equipamento cultural que faz jus à sua história. O Centro Cultural Trampolim da Vitória é o que se pode chamar de gol de placa. Com a iniciativa, a Prefeitura de Parnamirim não só revitalizou o local onde, em um passado muito recente, funcionou a estação de passageiros do aeroporto Augusto Severo, como também possibilitou o resgate de uma parte importante da nossa história.

Com o Centro Trampolim da Vitória, a Prefeitura de Parnamirim possibilita às atuais e futuras gerações a oportunidade de conhecer a história da participação brasileira – e potiguar em particular – na aviação mundial.

Mais do que isso: o Centro Cultural Trampolim da Vitória permite o resgate dos anos em que Parnamirim foi fundamental para o combate às tropas nazistas no norte da África e por todo o continente europeu.

Do campo de aviação de Parnamirim, partiram aviões e tropas que foram decisivos para a derrota dos planos genocidas do ditador alemão Adolf Hitler e dos seus aliados italianos e japoneses. Sem o Parnamirim Field – cuja instalação foi acertada em um encontro histórico entre os presidentes Franklin Delano Roosevelt e Getúlio às margens do rio Potengi em 1943 – a segunda guerra mundial teria produzido ainda mais estragos.

Desse modo, o Centro Cultural Trampolim da Vitória, cujo nome honra a nossa história, é mais do que um equipamento cultural. Mostra o respeito ao resgaste do nosso patrimônio histórico que andou faltando ao longo de muitos anos. A prova disso é o Museu da Rampa, construido no local do encontro dos presidente dos EUA e do Brasil e ainda não concluído e sequer mobiliado.

Estão de parabéns a Prefeitura de Parnamirim e o prefeito Rosano Taveira. Com a instalação do Centro Cultural Trampolim da Vitória fica a prova de que quando gestores e poderes públicos tem sensibilidade e determinação o discurso vira prática. E o que era promessa se torna realidade. Agora é tratar de manter e fazer funcionar para que o povo potiguar e nossos visitantes possam conhecer parte da nossa história.

Fotos:Pedro Vitorino

Opinião dos leitores

  1. Parabéns ao prefeito de Parnamirim, pela iniciativa de resgatar nossa história, principalmente na segunda guerra mundial. Tenho muito orgulho, pois meu pai foi pra 2° guerra, também tenho um acervo em casa, que guardo com muito carinho.
    Com certeza vou visitar pra resgatar a memória do meu pai que era extremamente patriota. Parabéns!

  2. estou aguardando os defensores da historia perguntarem ao governo de plantão porque o forte dos reis magos está fechado na alta estação, quanto ao antigo aeroporto vou explicar mais uma vez: o local pertence ao ministerio da aeronaltica, com o crescimento de natal um novo aeroporto seria construido, para os desavisados: o projeto de construção do novo aeroporto foi elaborado e formatado a cerca de 25 anos

    1. O aeroporto de Parnamirim estava capacitado para suportar a demanda por décadas ainda. Quanto a propriedade, como vc mesmo disse é da União, portanto o uso poderia ser mantido sem problemas. Desastre grande a transferência para aquele aeroporto fantasma em um local ermo é perigoso. Mas vai falir e fechar, pois ninguém aguenta operar aquele monumento à corrupção.

  3. Parabéns pelo esforço e conquista deste equipamento público. A Prefeitura de Parnamirim e o Comando da Aeronáutica estão resgatando, para o Estado do RN, as histórias vividas durante a 2ª Guerra Mundial, além de ressuscitar um espaço que estava abandonado.

  4. Bela homenagem. Todavia, faltou alguém representar Maria Boa, a velha Mary God. Registre-se a importância daquele recinto nos esforços de guerra. Assim como em Pattaya na Tailândia, os americanos contribuíram com o aumento da prostituição em Natal vide os antigos cabarés da ribeira. Naquele tempo um ônibus levava as jovens de Natal para o baile "for all", as más línguas da cidade chamavam o ônibus de marmita.

  5. Parabéns, ao Prefeito Taveira, sempre se falou tanto em destinar aquela área para a população e nada melhor, do que resgatar a história, história é cultura, cultura é educação. Precisamos disso para a população brasileira. Principalmente os jovens.

  6. O prefeito Taveira me surpreendeu e está de parabéns realmente. Demonstra grande sensibilidade e compromisso com a memória do seu município, dando uma aula aos gestores de Natal e do Estado. Outro que merece parabéns é Augusto Maranhão, grande mecenas potiguar e apaixonado pela história da Guerra. É de dar orgulho!

  7. EXEMPLAR e MARAVILHA iniciativa da Prefeitura de Parnamirim, com absoluta certeza um grande impulso para cidade, seio da aviacao Brasileira e porque não mundial !!!
    Enquanto Prof da USP, devo registrar o início, os primeiros passos deste VALIOSO projeto, hoje concretizada,
    Aqueles que no início (ainda nos anos 90), tiveram está visão futurística ou seja deram os primeiros passos para hoje ser concretizado, digo Srs AUGISTO MARANHAO, SENDIN, LEONARDO e MARINHO NETO, hoje esquecidos por todos nós!!!

  8. Muito pertinente o resgate da nossa história, principalmente para a nova geração e para aqueles que vivenciaram o passado despertar o sentimento de patriotismo elevando o nome da Cidade de Parnamirim de Trampolim da Vitória, que de fato foi muito importante para defesa da nossa Pátria.
    Parabéns o Prefeito de Parnamirim

  9. Meus parabéns à Prefeitura de Parnamirim, por resgatar a memória da segunda guerra mundial, onde Natal e Parnamirim, tiveram papéis importantes, ns vitória contra o nazismo!

  10. Até parece Natal que colocou uma parte da sua história na área do turismo demolindo uma obra de uma engenharia moderna que foi o hotel Reis magos.

  11. Onde estão os demais políticos do RN ? Onde está a governadora ? Foram convidados ? Um projeto como este deveria ter o apoio de todos, independente de corrente ideológica, pois projeto o RN para o mundo.

    1. Meu caro, a governadora esta tentando vender queijo artesanal de manteiga pra França, o maior produtor de queijo da Europa e o mais protecionista. Convidar pra que?? Nem o Forte que deveria ser responsabilidade do Estado ta aberto. E o unico projeto visto em jornais era preservar uma ruina de hotel que nada tem de historico…. e so servia pra uma cracolandia. Mas o povo gosta…

  12. Bruno sei que vc não vai publicar. Vou testar. O melhor pra Parnamirim e para o RN era o Aeroporto Augusto Severo. Nada substitui ele para a economia de Parnamirim.

    1. Realmente, Luciana, o novo aeroporto foi um tiro no pé. Aliás, até sabemos porque foi construído naquele local. Os interesses particulares de certos políticos mais uma vez prejudicando a coletividade. E o RN vai seguindo sua triste sina.

    2. A Sra. tem mais de 1000 comentários publicados aqui, e nesse em específico acertou profundamente, aquele aeroporto era uma benção, próximo de ponta negra e litoral sul.

    3. O aeroporto agora está em São Gonçalo do Amarante, dentro da grande Natal, levando o desenvolvimento para a região Norte da cidade de Natal, que até então era esquecida, com a construção da ponte Newton Navarro e a construção do aeroporto, a zona norte de Natal está crescendo e recebendo investimentos, o partage shopping está aumentando as suas instalações gerando empregos diretos e indiretos para a região Norte da nossa cidade e beneficiando as cidades de São Gonçalo do Amarante, Extremoz, Ceará Mirim e as demais praias da região, deixem de ser besta, que Parnamirim já é uma cidade grande uma cidade polo, onde a maioria dos condomínios de luxo estão localizados, as maiores redes de supermercados estão em Parnamirim, agora é a vez da região Norte da capital e do estado se desenvolverem. Se houve algum interesse pessoal de alguns gestores em construir o aeroporto em São Gonçalo do Amarante, eles que paguem pelo erro deles não é a população da zona norte e cidades vizinhas que tem que pagar por este erro.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cultura

PARNAMIRIM – (FOTOS): Prefeito recebe o novo diretor do Centro Cultural Trampolim da Vitória

Fotos: Ney Douglas

O prefeito Rosano Taveira recebeu na manhã desta segunda-feira, 27, o novo diretor do Centro Cultural Trampolim da Vitória, Paulo Junzo Hirasawa. O paraense de 52 anos é natural da cidade de Tomé-Açu e chega à cidade com a missão de dirigir o novo espaço de cultura e turismo que abre suas portas ao público nesta terça-feira, 28, às 16h.

Junzo é egresso da Academia da Força Aérea, que é a Escola de Ensino Superior da Aeronáutica, graduado em Administração e também é Engenheiro Eletrônico formado pelo ITA – Instituto Tecnológico da Aeronáutica. Vindo de Brasília, o novo diretor assume suas atribuições no Centro Cultural Trampolim da Vitória, que abre suas portas para a população nesta terça-feira, num evento que deve suceder um momento histórico para Parnamirim. A Conferência do Potengi será revivida por atores, recriando o percurso feito pelos presidentes Getúlio Vargas e Franklin Roosevelt, do Museu da Rampa até o Centro Cultural Trampolim da Vitória.

Rosano Taveira deu as boas-vindas ao novo diretor e se colocou à disposição para juntos, transformar o CCTV num dos principais pontos de visitação turística do Rio Grande do Norte. Muito satisfeito com a receptividade que teve em Parnamirim, o novo diretor se disse motivado a iniciar o novo desafio. “Queremos fazer do Centro Cultural um espaço não só de turismo, mas também de ciências e tecnologia. A expectativa para a abertura é a melhor possível”, disse.

A programação terá início às 15h no Museu da Rampa, em Natal, de onde saíra um comboio com dois atores caracterizados como personagens da época, seguido de autoridades e personalidades dos setores cultural e turístico. O comboio percorrerá a Avenida Duque de Caxias, até o Grande Hotel, na Ribeira. De lá o percurso se estenderá pela Avenida Gustavo Cordeiro de Farias, seguindo pela Hermes da Fonseca, Avenida Salgado Filho, BR-101, até chegar ao Centro Cultural.

Para comemorar a abertura para a população, o Centro Cultural terá a visitação de forma totalmente gratuita ao longo do primeiro mês. O Centro Cultural funcionará no horário das 9h às 17h.

Opinião dos leitores

  1. Parabéns nobre Cmt. E tudo que acontece é para o BEM, e pode ter certeza que após a
    escuridão de uma noite escura, surge sempre
    o clarão de uma alvorada, e tudo isso não foi por acaso, pois você não SABIA, mas estava escrito nas ESTRELAS e essas e tudo isso,
    pela força do Grande Arquiteto do Universo.
    E pode ter certeza que a sua ESTADA na sua antiga CASA, será longa e hospitaleira.
    Varonil Internacional do Brasil .SBSJ/SBSP.

  2. Parabéns, Junzo!
    Pela sua dedicação, conhecimento e boa vontade, tenho a certeza q o sucesso virá naturalmente. Está sendo desenvolvido um projeto na capacitação dos jovens soldados baixantes, que vai potencializar o Projeto Soldado Cidadão nessa capital, ainda em 2020, capitaniado pela nossa força.
    Um grande abraço! Felicidades!
    David Cel Inf R/1 Coordenador do Projeto Soldado Cidadão no COMAER.

  3. Parabéns nobre Paulo Junzo Hirazawa você e merecedor de tudo que Deus nosso pai lhe oferecer sei muito da sua luta o quanto foi árdua por isso que hoje colhe Bon frutos parabéns.

  4. Excelente iniciativa da prefeitura de Parnamirim!
    Excelente também foi a escolha do Paulo Junzo, que coleciona êxitos excepcionais por onde passa!

  5. Parabéns a todos em especial ao Prefeito Rosano Taveira da Cunha pelo CCTV orgulhosos em saber que renascer história da minha cidade a qual nasci e moro 57 anos e tenho um pouco dessa extraordinária vivência Parnamirim Field, lembrando quando minha falava que lavava roupas dos americanos e hoje vejo que nada foi em vão e nossa cidade hoje é fruto da antiga base aérea. E digo que muitas gerações futuras terão como saber e como começou e qual foi o ponto de partida. Sou suboficial CUNHA cel: 84 996972879

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cultura

Centro Cultural Trampolim da Vitória, nas dependências do antigo Aeroporto Augusto Severo, será aberto nesta terça em Parnamirim

FOTO: ASCOM

O Centro Cultural Trampolim da Vitória, localizado nas dependências do antigo Aeroporto Augusto Severo, será aberto oficialmente para o público em geral nesta terça-feira (28). A data é a mesma do histórico encontro entre o presidente Getúlio Vargas e o presidente dos Estados Unidos Franklin Delano Roosevelt, as margens do Rio Potengi, em 1943, fato que ficou conhecido como Conferência do Potengi.

A programação terá início às 15h no Museu da Rampa, em Natal, de onde saíra um comboio com dois atores caracterizados como os personagens da época, seguido de autoridades e personalidades do setor cultural e turístico.

O comboio percorrerá a Avenida Duque de Caxias, até o Grande Hotel, na Ribeira. De lá o percurso se estenderá pela Avenida Gustavo Cordeiro de Farias, seguindo pela Hermes da Fonseca, Avenida Salgado Filho, BR-101, até chegar ao Centro Cultural.

De acordo com Paulo Junzo, diretor geral do Centro, reviver esse histórico encontro é muito simbólico visto que o Centro cultural tem como proposta remontar o período da segunda guerra e a influência que a passagem dos americanos exerceu para a história do município.

Para o prefeito Rosano Taveira a programação marca oficialmente a abertura do espaço para que a população, turistas e demais visitantes possam ver de pero o resultado de muito trabalho e esforço. “Estamos colocando de volta na história de Parnamirim um equipamento que a cidade perdeu, tanto de forma econômica como cultural. Quando perdemos o aeroporto, foi-se uma parte nossa, e todo parnamirinense sabe do que estou falando”, destacou o prefeito.

Para comemorar a abertura para a população, o Centro Cultural terá a visitação de forma totalmente gratuita ao longo do primeiro mês. O Centro Cultural funciona no horário das 9h 17h.

Opinião dos leitores

  1. Em termos objetivos, o maior e mais eficaz investimento já realizado em prol do turismo paraibano foi a construção do aeroporto de São Gonçalo do Amarante.

  2. grande mer**, fizeram isso só pra dizer que o antigo aeroporto não está abandonado.
    a maior burrice que já vi foi tirar o aeroporto daí pra colocar em SGA, horrível!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acidente

Trampolim da Vitória deve indenizar família de homem morto por atropelamento na Prudente de Morais; pensão também

A esposa e os herdeiros de um mecânico, que faleceu após ser atropelado em 2005 por um dos transportes da empresa de ônibus Trampolim da Vitória, firmaram o acordo com a concessionária e receberão o valor de R$ 50 mil a título de danos morais e o pagamento de uma pensão a ser depositada a partir do próximo dia 10 de julho de 2014. A transação foi firmada em uma sessão de conciliação, no Tribunal de Justiça do RN, quando a esposa da vítima e os cinco filhos concordaram com a proposta oferecida pela empresa.

O acidente ocorreu na avenida Prudente de Morais, em Natal, sendo presenciado por um vigilante que se encontrava na sacada de um imóvel nas proximidades, o qual imediatamente após a ocorrência teria pedido auxílio de outras pessoas para socorrer a vítima, que veio a falecer em poucos minutos.

O fato chegou a gerar, em 18 de junho daquele ano, uma passeata de ciclistas para homenagear a vítima e protestar contra a violência no trânsito, a qual teve cobertura da imprensa local.

A família relatou que a vítima convivia com sua esposa e seus cinco filhos, provendo o sustento de todos com a renda obtida como mecânico de bicicletas nacionais e importadas, com o valor mensal em torno de R$ 1.365.

A Sulina Seguradora S.A, também foi condenada ao pagamento da indenização referente ao seguro de responsabilidade civil (Apólice Seguro nº 2000.23.000005227) firmado com a empresa de ônibus, cuja obrigação deverá ser paga diretamente aos autores, nos termos do artigo 788 do Código Civil, de modo que a Trampolim da Vitória somente deverá arcar com o pagamento do valor que exceder ao teto da apólice.

(Apelação Cível 2013017019-4)
TJRN

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *