Aprovados em concurso para professor começam movimento em prol da convocação

O assunto está começando a figurar entre os mais comentados da internet. #ConvocaçãoProfessoresRN é mais um que vai refletir negativamente na administração da governadora Rosalba Ciarlini.

Os professores aprovados no concurso de 2011 criaram a hashtag na tentativa de sensibilizar a gestão no sentido de realizar a convocação. Por vários motivos:  Entre, e mais óbvio, é que quem passa em um concurso aguarda o chamado para o traalho. Outro que também se destaca é o sucateamento da educação no Estado com grande déficit de educadores.

A rede pública de ensino pede ajuda e o que não falta é aprovado em concurso querendo trabalhar.

Já tem até carta aberta, organizada pelos professores aprovados. Será que uma nova crise vai ser deflagrada e o secretário Alexandre Mulatinho, da Assessoria de Comunicação  (Assecom), vai ser crucificado como responsável?

Confira a carta na íntegra:

Carta aberta à sociedade potiguar
,

Nós, professores aprovados no último concurso da educação do Governo do Estado do Rio Grande do Norte, que resultou da interferência do Ministério Público do RN através da Ação Civil Pública 001.08.026076-5, designado pela Portaria nº 104/2011 – SEARH/RN, de 17 de agosto de 2011, publicada no Diário Oficial do Estado nº 12.525 de 18 de agosto de 2011, vimos por meio desta informar à população potiguar e manifestar a nossa indignação pela omissão do Governo do Estado do RN em não cumprir o acordo firmado com o Ministério Público perante a Justiça. 



Segundo a página oficial do Ministério Público (http://www.mp.rn.gov.br/noticias.asp?cod=1689), o concurso do estado tem por finalidade “garantir condições mínimas de educação para os alunos”, contudo não há condições mínimas para a educação dos alunos quando as salas de aula estão sem professores.



O concurso abriu mais de 250 vagas para professores de Língua Inglesa, no entanto após a convocação realizada apenas dois professores do Polo IV – (Mossoró), que, diga-se de passagem, é terra da atual gestora do estado, foram convocados.



Causa-nos estranheza o fato de na lista de convocação divulgada no dia 28 de fevereiro de 2012 constarem como disponibilizadas apenas vagas abertas por motivo de aposentadoria e falecimento relativas ao ano de 2008. Porém, não observamos referência aos cargos vagos de 2009 em diante. Há o caso de um professor que se aposentou pela escola CEJA – Felipe Guerra no ano de 2008 e sua vaga não foi disponibilizada para a assunção de um novo profissional. Esse fato deixa aberta, a nosso ver, a possibilidade de haver outros casos do mesmo tipo.



Não sabemos ao certo qual o real motivo para a não convocação dos concursados e aprovados já que a SEEC não abre canal de interlocução, porém, no dia 21 de março, ao ligarmos para a Secretaria de Educação e Cultura, por volta das 11h da manhã, foi-nos informado que não há necessidade de convocação de professores de Língua Inglesa, e, quando e se houver, o Governo o fará.



É estranho receber uma resposta como essa por parte do Governo do RN, quando sabemos que a Promotoria da Educação moveu uma Ação Civil Pública justamente para suprir a carência de professores. É inadmissível a Secretaria de Educação e Cultura informar que não há necessidade de professores de língua inglesa, quando várias escolas estão liberando seus alunos mais cedo e/ou cancelando dias letivos por falta de professores. Escolas como a Floriano Cavalcante (FLOCA), Caic, Anísio Texeira e Padre Miguelinho em Natal; Edgar Barbosa e CAIC Otto de Brito Guerra em Ceará-Mirim; Escola Pedro II em Lajes; e Monsenhor Walfredo Gurgel em Alto do Rodrigues, entre outras, não iniciaram normalmente o ano letivo de 2012 por falta de professores.



SABE-SE QUE TER PROFESSOR É CONDIÇÃO MÍNIMA INDISPENSÁVEL PARA O FUNCIONAMENTO DE QUALQUER ESCOLA.


Esta carta deseja alertar a todos que esse problema, vivenciado pela educação potiguar, não afeta apenas o concursado não convocado, e sim todos os alunos, pais, diretores, professores do quadro (recentemente contratados ou não), funcionários e a sociedade como um todo. 



Aos pais, o nosso apelo para que zelem pelo presente e futuro de seus filhos; aos diretores, professores e funcionários, nosso chamado à participação ativa nessa causa, já que não há funcionamento real de uma escola quando o quadro de funcionários não está completo. Solicitamos o apoio de todas e todos uma vez que educação é condição indispensável para a construção e formação de uma sociedade melhor. Pedimos o apoio da população norte-riograndense, em especial, dos alunos e alunas – a quem a atitude intransigente do Governo prejudica de forma irreparável.



Ao fazermos o concurso para professores públicos nos comprometemos com a garantia de uma educação de qualidade para os alunos e da sociedade em geral. Desejamos de forma incisiva influenciar o desenvolvimento cultural, cognitivo e social do alunado contribuindo dessa forma para o progresso presente e futuro da sociedade. Para isso, porém, é necessário que possamos assumir os postos para os quais nos qualificamos e fomos aprovados. É por isso que, chamamos os alunos e alunas a não admitirem qualquer atitude que desrespeite seu direito constitucional à educação de qualidade.



Lembramos que não somos os únicos nessa situação. Há cerca de 2.500 professores e pedagogos que ainda não foram convocados, de um total de 3.500 aprovados. Convidamos esses professores para juntarem-se a nós e defenderem a qualidade da educação no estado. 



Para além da convocação, nosso compromisso é com a qualidade da educação.



Contamos com o envolvimento e participação de todos. Por isso, observaremos a real necessidade das escolas, assim que formos convocados e assumimos o compromisso público de, havendo necessidade, fomentar o preenchimento total das vagas das escolas do estado



Muito obrigado,

Professores aprovados em língua inglesa (Concurso 2011)

Related Post

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luanna Cabral disse:

    Colegas aprovados, não devemos nos calar diante das injustiças com a população e a educação. Infelizmente as nossas vagas estão sendo assumidas por estagiários e muitas vezes por pessoas que não tem qualificação alguma para tal cargo. Nós estudamos e passamos no concurso e temos direito em assumir o que nos foi oferecido; até porque a educação não está recheada por professores, pelo contrário, o que se presencia são professores assumindo outras disciplinas de sua formação acadêmica por falta de professores. Se existir algum grupo no facebook, ou twitter, por favor divulguem que eu quero acompanhar e quero participar de qualquer movimento em busca das nossas convocações!

  2. Josefa disse:

    Me avisa por favor,quando tiver alguma novidade….

  3. Santanamarinho disse:

    Fiquei sabendo que a segunda convocação será disponibilizada na internet a partir de amanhã…boa sorte a todos. André.

  4. Diego disse:

    Alguém sabe notícia sobre a promessa de nova convoção para até 25 de julho que não encontro em lugar algum?

  5. Jairogualberto disse:

    Pelo amor de Deus será que em nosso país tudo tem que ser dessa forma?
    Estudamos a vida inteira, nos dedicamos, lutamos, e mesmo quendo vencemos a vitória nos é tirada ou adiada ao ponto de nos desinteressarmos por ela.

    Nos próximos concursos irei com nariz de palhaço. 

  6. Alexandremagnocosmo disse:

    Para o que der e "vier",  viu professor!! Por favor corrija isso!

  7. Gilliard disse:

     Eu também fui aprovado no concurso para Filosofia e temos que nos unirmos em razão dessa causa.

  8. Erft disse:

    Bom dia Colegas de Trabalho. Me chamo Ewerton Richard e também passei neste concurso para professor do estado do RN para o polo 2. Estou com vocês para o que der e vinher!!!!!!!

  9. Aparecida disse:

    ENTÃO VAMOS ENTRAR NA JUSTIÇA, PORQUE O GOVERNO RENOVOU O CONTRATO DOS PROFESSORES TEMPORÁRIOS ATÉ AGOSTO. QUE ABSURSO. NINGUÉM FAZ NADA. ONDE ESTÁ O MP QUE OBRIGOU O ESTADO A FAZER O CONCURSO PARA SUBSTITUIR OS TEMPORÁRIOS………..

  10. ELISANDRA disse:

    ola meu nome é Elisandra foi aprovada para o ensino fundamental polo natal, se faz necessario realmente  um movimento incluindo até a comunicação televisionada para poder garantir nossos direitos estou com vc

  11. Simone disse:

    Olá, boa noite!!!

    Sou Simone e fui aprovada para o cargo do suporte pedagógico e estou a espera da convocação e também estou disposta a lutar pela minha vaga, tão disputada…

  12. Marinalva32010 disse:

    ROSILEIDE,  VOCÊ  ESTÁ TOTALMENTE CERTA, PODE CONTAR COMIGO.

  13. Marinalva disse:

    VI A ENTREVISTA EM 17 DE ABRIL, INFORMANDO QUE EM 15 DIAS ESTARIAM FAZENDO NOVA CONVOCAÇÃO. ESTOU TAMBÉM  AGUARDANDO, MAS SE ATÉ JUNHO NÃO HOUVER ESSA CONVOCAÇÃO, GOSTARIA DE SABER SE  VOCÊS  IRÃO ORGANIZAR UMA AÇÃO NA JUSTIÇA, POIS EU QUERO PARTICIPAR. CONTEM COMIGO PARA QUALQUER DECISÃO NESTE SENTIDO.

  14. Ademar Rebouças disse:

    Fui aprovado para o Polo I, Língua Inglesa, e moro em Parnamirim. Aqui há, pelo menos, 5 escolas sem professor de Inglês. Algumas em nenhum turno. Em outras, encontramos o professor de português acumulando as duas disciplinas. Fomos convocados a fazer exames médicos caríssimos, que vão ter o prazo de validade vencido e quem vai restituir esse prejuízo? Bando de irresponsáveis!!!

  15. Marinalvava disse:

    Também espero que a governadora cumpra com o que foi prometido e reafirmado diversas vezes, inclusive consta no edital o número de vagas.

  16. Jaqueline disse:

    Sou do município de Rio do Fogo e estou também nesta  espera angustiante; se o concurso era de caracter de urgência o que está por traz disso que não fazem a convocação de todos os aprovados dentro das vagas que é um direito nosso.  suporte pedagógico  dos 600  só 13 foram convocados  isso é um absurdo e desrespeito. Temos que lutar pelos nossos direitos ,estudamos muito pra entra num concurso publico tão difícil e esperado. estou abraçando esta iniciativa grandiosa, contem comigo pro que der e vier…

  17. Jaqueline disse:

    JAQUELINE

  18. Hugo disse:

    Sou concursado para a vaga de professor de química e como outros não fui chamado. Minha colocação foi 9º para o pólo 2, no entanto foram chamado somente os 5 primeiros. Na extensão do RN a SEEC precisa somente de 5 professores para resolver o problema da falta de professores!. Isso é repugnante, desonroso, nogento, baixo e sem qualquer respeito comigo e outros de mesma condição. Rosalba mostra cada dia a falta de atitude e respeito com o bem da sociedade, a educação. Norte, sul, leste e oeste a repugnância a governadora e sua forma de gestão é tamanha que a sensação é fim dos tempos. Espero que todos lembrem de quem é essa governadora e não caiam no conto da salvadora de MÓSSORO.  Atenção com os eleitos.

  19. Glória disse:

    Se resolverem entrar cm uma ação, podem contar comigo. Sou aprovada não convocada de Português.

  20. Glória disse:

    Cabe ressaltar que, quando se fala em 2500 aprovados no concurso e não convocados, esse número se refere as professres aprovados DENTRO DO NÚMERO DE VAGAS OFERECIDAS PELO ESTADO E QUE REFLETEM A CARÊNCIA MÍNIMA QUE JUSTIFICOU O CONCURSO. Eu sou um deles. Foram ferecidas 75 vagas de Português apenas no Pólo I e convocados apenas 18. Enquanto isso, os alunos do Fundamental I e II e do Ensino Médio têm tido apenas 1 ou 2 tempos de aula por dia por falta de professores.  Isto é levar a educação a sério?

    Glória Fagundes

  21. tarsila disse:

    eu e meu marido estamos aguardando a chamada como tantos outros, isso porque fui aprovada em segundo lugar! na minha cidade nao tem professor, sao estagiarios que nem o ensino medio tem completo!

  22. Ana disse:

     Eu também passei para lecionar a lingua espanhola. Estou super curiosa para saber como secretária da educação vai fazer quando convocar esses concursados, já que não vai haver aposentados ou professores falecidos para serem subistituídos nessa disciplina. Esse é o primeiro concurso do estado para professores da língua espanhola. O único professor concursado é o que foi convocado no dia 28-02. Passaram mais de 80, o estado precisa mais de  200 e convocaram apenas 01. Sabe-se que as vagas estão sendo complementadas por professores de outras dísciplinas e contratados,  em alguns casos estão sem professores. Isso é um descaso com todos que foram aprovados e  com a classe estudantil de uma forma geral.

  23. AnaMaria disse:

    A coordenadora de RH deu entrevista no rntv 1ª edição  no dia 17/04 onde afirmou que no máximo uma semana haveria nova convocaão de professores. Lamentavel!!!! Nada foi cumprido e as cidades do interior continuam sofrendo com a falta de professores na rede estadual.

  24. Lgfarias1 disse:

    Obrigado pela contribuição, Bruno Giovanni. Precisamos de toda ajuda para construírmos uma educaçao melhor para o nosso estado.

    Visitem nosso blog: 

    http://concursadosnaoconvocados.blogspot.com.br/

COMENTE AQUI