Diversos

Campanha de vacinação antirrábica em Parnamirim terá início no dia 24 de Julho

FOTO: ASCOM – ANA AMARAL

A Prefeitura de Parnamirim, através da Secretaria Municipal de Saúde (Sesad), iniciará a Campanha de Vacinação Antirrábica no dia 24 de Julho. De acordo com Centro de Controle de Zoonoses, a vacina será aplicada em cães e gatos a partir de 12 semanas de vida.

A campanha começará no final de julho e seguirá até o “Dia D” da vacinação antirrábica, 25 de Setembro. Programada para acontecer sempre aos sábados, a ação será realizada em vários bairros da cidade, das 8h às 12hs. Confira abaixo o cronograma com as datas e locais.

24 de Julho
Passagem de Areia: UBS I, UBS II e N e N Rações
Bela Parnamirim: Fedora Rações, Juriti Rações e Bela Vista Rações.

31 de Julho
Rosa dos Ventos: Ki Patas Rações, Angra’s pet e Sertão Rações.
Santos Reis: Expresso Pet, Ilana Rações e 5a Rações.

07 de Agosto
Santa Tereza: Canaã Rações, UBS Santa Tereza e Escola Municipal Cícero Melo.
Vale do Sol: Shopping do Criador, Piauí Rações e Angra Rações

14 de Agosto
Nova Esperança: Bitinha Rações e UBS Nova Esperança.
Cohabinal: Cohabinal Rações.
Boa Esperança: Maroca Rações e Mundo Pet.

21 de Agosto
Vida Nova: J5 rações, UBS Vida Nova e Cond. Jockey Club.
Monte Castelo: Petshop Cia Rações, UBS Monte Castelo e UBS Jockey Club.

28 de Agosto
Centro: Pipi Rações, Vila Militar e Cantinho Animal.
Parque de Exposições: UBS Parque de Exposições.

04 de Setembro
Liberdade: Cajupiranga Rações, UBS Liberdade, UBS Primavera e Lima Rações.
Jardim Planalto: UBS Jardim Planalto.
Cajupiranga: Petshop Cães e Gatos.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Campanha do Burger King com direito a cartilha explica o amor LGBTQIA+ pelo olhar das crianças

Foto: (Bússola/Divulgação)

“Nossa, como eu vou explicar a sigla LGBTQIA+ para as crianças?” Esse é um questionamento comum entre pais e responsáveis por crianças quando o assunto é diversidade. Hoje, no entanto, é preciso abordar o tema sem tabu, pois a temática, na verdade, é muito mais simples do que a forma como os adultos têm encarado.

Com o objetivo de apoiar a causa LGBTQIA+ por mais um ano, o Burger King anuncia o lançamento da campanha “Como explicar?”, assinada pela agência David. Com um filme realizado em cocriação com especialistas em psicologia e diversidade, propõe um convite à reflexão sobre a inclusão da comunidade LGBTQIA+ na sociedade. Retratando de forma genuína e espontânea a verdadeira perspectiva sobre a pluralidade e o amor, pelo olhar das crianças.

“O lançamento da campanha tem como objetivo endereçar um ponto de reflexão à população em geral. O preconceito é uma construção social e, com toda a responsabilidade que nos cabe enquanto companhia, conseguimos mostrar que os pequenos carregam o discernimento a partir de um olhar muito sensível e humano”, diz Juliana Cury, diretora da marca Burger King do Brasil.

Ao longo do filme, os protagonistas da campanha compartilham sua visão sobre a diversidade, sempre acompanhados por seus responsáveis. As perguntas foram feitas por profissionais, e as respostas são completamente espontâneas, em uma gravação sem roteiro.

O Burger King lança também, em parceria com a ONG Mães Pela Diversidade, uma cartilha com dicas e instruções para as pessoas que desejarem se aprofundar na temática. Trata-se de uma ferramenta de suporte na sensibilização e abordagem da diversidade para as crianças.

“A cartilha contém a informação necessária para desconstruir o preconceito e para que cada vez menos as famílias sofram o efeito da LGBTfobia”, afirma Maju Giorgi, idealizadora e coordenadora nacional da ONG Mães pela Diversidade.

Exame

Opinião dos leitores

  1. Tem uns que ainda se iludem pensando que essas campainhas usam esses temas pra conscientização ou algo do gênero. Tolos. Elas querem é aumentar seus lucros. É a única coisa que importa pra elas.

  2. Quem lacra, lucra. Nada de novo no front. Quem não quiser que vá consumir no cachorro crente.

  3. Coitada mesmo é das crianças que são abusadas todos os dias por membros da própria família tradicional cristã ou pelo pastor da sua congregação. Coitada das crianças que são espancadas pelo pai alcoólatra que chega em casa e bate na esposa e nos filhos.

  4. Acredito que um pequeno grupo que gosta de aparecer, se vc tem sua sexualidade parabéns agora porquer querer impor isso as outras pessoas usar crianças isso é feio sem escrúpulos ,aprendam infelizes que opção sexual é INDIVIDUAL de cada um e que sejam feliz om suas escolhas mas deixem as crianças longe disso

  5. Graças ao meu bom Deus, um sonho, entrar no Burguer King e lanchar tranquilo sem a presença de evangélicos e bolsonaristas, a partir de hoje so como lá.

  6. Não era pra ter colocado criança no meio disso, deixa que elas aprendam em casa com suas famílias a definição dos termos com respeito, claro…tudo caminha com naturalidade, sem forçação de barra.

  7. Com todo o respeito a quem pensa o contrário, mas, censura as vezes, faz falta. Desrespeito total às crianças. Hora de ser tomada uma providência mais séria.

  8. Coitada das crianças do Brasil, não passa um dia em paz, é campanha para explicar o que é sexualidade (nesse caso de pessoas do mesmo sexo) é a máscara que lhe arrancam das fuças ao vivo e em cores para o mundo inteiro assistir, e assim vamos vivendo, todo dia, uma nova agonia.

  9. Que o Senhor Jesus Cristo projeta as crianças, os jovens e adultos. Louvado seja o teu nome, Senhor Jesus. Misericórdia sobre nossas crianças.

  10. Lamentável, triste, constrangedor, humilhante, indecente, …. pior comercial que já vi na minha vida ! E ainda mais com CRIANÇAS !!! bando de imorais, nojentos !! Terrível!!!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Campanha de negociação da Caern termina na terça

Foto: Cedida

A Caern encerra na terça-feira (15) sua campanha de negociação de débitos. Essa última semana é a oportunidade para quem está com contas em aberto regularizar sua situação com condições especiais. A campanha de negociação abrange todas as faturas não quitadas com vencimento anterior a março de 2021. Os resultados são positivos em todo o Estado e aguarda-se uma boa procura nestes últimos dias.

Até o momento, no Rio Grande do Norte houve 4.744 parcelamentos, gerando um total de R$ 5,2 milhões negociados. A expectativa da Superintendência Comercial da Caern é que nessa última semana sejam feitos pelo menos outros mil parcelamentos de novos interessados, atingindo mais R$ 1,4 milhão de débitos negociados.

As condições de negociação incluem a possibilidade de parcelar a dívida em até 36 meses, com entrada de 10% do valor total. Também haverá a dispensa de juros e multa. O interessado pode negociar sua dívida até mesmo nos casos em que tenha um parcelamento anterior. Nesse novo acordo, o percentual do valor de entrada é de 20% do total.

Os clientes interessados podem fazer o parcelamento por vários canais. Ele pode fazer pelo Whatsapp (84) 98137-2343, na Agência Virtual http://caern.com.br, clicando no link parcelamento de dívidas, ou nos escritórios de atendimento, mediante agendamento prévio na Agência Virtual ou no endereço http://agendamento.caern.com.br.

Pelos canais de atendimento da Caern também é possível negociar as faturas com o cartão de crédito, sem entrada, com isenção de juros e multas, em até 12 vezes e com parcela mínima de R$ 5.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Campanha de vacinação da influenza no RN tem baixa procura, alerta Sesap

A baixa procura pela vacina contra a influenza tem sido motivo de preocupação para os gestores da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap). Em sua terceira etapa de execução, apenas 20% das pessoas do público-alvo compareceram aos postos. As salas de vacinação em todo o Rio Grande do Norte estão aplicando a vacina desde o dia 12 de abril e seguirão até 09 de julho.

A Enfermeira Katiucia Roseli, que está coordenando a Campanha de Influenza, reforça que as doses continuam disponíveis para todos os que são dos grupos prioritários. “Toda a população que não se vacinou na primeira e na segunda fase pode procurar as unidades básicas de saúde para receber a dose”.

Ela explica que, assim como a vacinação contra a covid 19, a campanha para a influenza tem importante papel da saúde coletiva. “Pedimos para que a população se conscientize de que a influenza também gera internação, também causa o óbito e somente a vacina proporciona a segurança necessária”.

A meta é vacinar mais de 1,3 milhão de potiguares, entre crianças de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes, puérperas, povos indígenas e trabalhadores da saúde, idosos com 60 anos e mais e professores. Também pertencem ao público-alvo pessoas com comorbidades, pessoas com deficiência permanente, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo rodoviário passageiros urbano e de longo curso, trabalhadores portuários, forças de segurança e salvamento, forças armadas, funcionários do sistema de privação e liberdade e população privada de liberdade e adolescentes e jovens em medidas socioeducativas.

Com a baixa procura pela população, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) alerta os potiguares a buscarem uma Unidade Básica de Saúde (UBS) do seu município para tomarem o imunizante contra a gripe.

Intervalo entre vacinas

Como a campanha de vacinação contra influenza coincide com a realização da vacinação contra a Covid-19, é importante que seja priorizada a aplicação do imunizante contra a Covid.  Vale salientar que, as pessoas contempladas nos grupos prioritários para a vacinação contra influenza e ainda não foram vacinadas contra a Covid-19, ao buscarem uma UBS, deverão, preferencialmente, tomar a vacina contra a Covid e agendar a administração da vacina contra a influenza, respeitando um intervalo mínimo de 14 dias entre as vacinas.

Opinião dos leitores

  1. Eu mora no bairro lagoa nova, o local que tem a vacina da gripe, mas próximo é Neópolis ou cidade esperança, imagine quem não tem carro ou não pode pegar um carro de aplicativo, porque Ônibus é inviável, como chegar nesses lugares! Porque não vacinar nos postos de cada bairro? Além disso tentei ligar pra 5 postos, nenhum atende o telefone! Vejo esse um dos motivos pela a não procura da vacina.

  2. Claro, que esta baixa a vacinação, os professores não, foram vacinados ainda! Vacina sim, somo seres humanos e trabalhamos com pessoas, em formação!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

TRE-RN julgará na quinta-feira ação que investiga irregularidades em gastos de campanha de Fátima Bezerra em 2018

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RN) julgará na próxima quinta-feira, 27, o processo que investiga supostas irregularidades nos gastos da campanha eleitoral da governadora Fátima Bezerra nas eleições de 2018. O Ministério Público Eleitoral encaminhou alegações finais à juíza relatora do caso, Erika Paiva.

Entre as supostas irregularidades apresentadas na ação são apontados gastos de quase R$ 2 milhões com empresa recém-criada a três dias antes da contratação para gerir a comunicação da campanha que teriam sido usados de forma ilícita.

No parecer do procurador regional Eleitoral, Ronaldo Chaves, o MPE pediu a improcedência da inicial em virtude das “provas coligidas revelam-se insuficientes para a formação de um quadro conformador de certeza e robustez, sem aptidão, como se vê, à caracterização das ventiladas infrações às normas eleitorais”.

 

Opinião dos leitores

    1. Ela já caiu homi, a gente só vai escutar o baque em 2022, o som se propaga mais devagar.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Governo lança campanha de DNA para encontrar pessoas desaparecidas em todo o país

Foto: © Marcello Casal jr/Agência Brasil

O Ministério da Justiça e Segurança Pública lançou, hoje (25), uma campanha para coletar, voluntariamente, material genético de parentes de pessoas desaparecidas em todo o país. O objetivo é abastecer o Banco Nacional de Perfis Genéticos e, por meio de exames biológicos, auxiliar na eventual identificação de desaparecidos. Segundo o ministério, cerca de 80 mil pessoas desaparecem no Brasil todos os anos.

O anúncio de lançamento da Campanha Nacional de Coleta de DNA de Familiares de Pessoas Desaparecidas acontece no dia em que se celebra o Dia Internacional das Crianças Desaparecidas, mas as ações propriamente ditas ocorrerão entre 14 e 18 de junho, em todo o território brasileiro, em locais que serão anunciados pelas secretarias estaduais de Segurança Pública.

Parentes de pessoas desaparecidas, preferencialmente de primeiro grau (pai e mãe, filhos, irmãos) ou pessoas com quem a desaparecida tenha tido filhos, serão incentivadas a fornecerem mostras do próprio material genético, que é obtido de forma indolor. Familiares e pessoas próximas também podem entregar itens pessoais pertencentes à pessoa desaparecida, tais como escova de dentes ou cabelo; óculos, aparelho ortodôntico; dente de leite; aparelho de barbear; aliança e outros objetos nos quais os técnicos possam encontrar material genético.

Criado em 2013, com o objetivo principal de auxiliar investigações criminais por meio da perícia de material genético, o Banco Nacional de Perfis Genéticos conta com menos de 3 mil amostras cadastradas de material genético de parentes de pessoas desaparecidas. De acordo com o ministério, o uso da tecnologia de ponta pode ajudar na localização por meio da identificação de vínculo genético de pessoas encontradas com as cadastradas no banco nacional.

“O lançamento desta campanha, esta coleta [de material genético], são fundamentais e vai ajudar, mas não basta”, disse o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, durante cerimônia realizada esta manhã, na sede do ministério, em Brasília. “Não temos mais tempo a perder. A sociedade nos cobra uma atitude em relação às pessoas desaparecidas, em especial às crianças. De certa forma, é uma omissão do Estado não se fazer presente e não ajudar a buscar estas pessoas, estas crianças, e buscar minimizar o sofrimento”, acrescentou o ministro, admitindo que o Estado precisa ser mais “proativo”, inclusive para orientar os profissionais da segurança pública de todo o país a lidarem de forma adequada com o problema.

Comitê gestor

Além do lançamento da campanha, durante a cerimônia foi instalado o Comitê Gestor da Política Nacional de Busca de Pessoas Desaparecidas. Instituído por decreto em fevereiro deste ano, o órgão integrará a estrutura do Ministério da Justiça e Segurança Pública, mas será composto também por representantes dos ministérios da Mulher, Família e Direitos Humanos; Cidadania e Saúde, além de integrantes indicados pelo Poder Judiciário, Ministério e Defensoria Públicos, peritos criminais, Conselhos Tutelares, Conselhos de Direitos Humanos e sociedade civil.

Entre as competências do comitê destacam-se o monitoramento à implementação da Política Nacional de Busca de Pessoas Desaparecidas e o fomento à cooperação entre o governo federal, estados, Distrito Federal e municípios para o mapeamento e prevenção e busca de pessoas desaparecidas. O comitê também atuará no desenvolvimento de estudos, debates e pesquisa sobre o tema, podendo apresentar propostas de edição e de alteração de atos legislativos e normativos.

Ao discursar, a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, afirmou que o Brasil não sabe ao certo quantas crianças desaparecem no país anualmente. Fato que ela classificou como um “absurdo”.

“A primeira coisa que vamos fazer é descobrir quantas crianças estão desaparecendo, de fato, no Brasil. Só na Ilha do Marajó [MA], todos os anos, 1,5 mil crianças nascem e não são registradas. Imaginem em todo o país. Como vamos saber quantas estão desaparecendo no Brasil se não sabemos ao certo nem quantas estão nascendo”, comentou a ministra, afirmando que o país não pode mais “fechar os olhos” para “algo tão sério”.

“Ou a gente entende que as crianças estão em risco no Brasil, ou a gente entende que elas estão em perigo no país. Não dá mais para ficar apenas fazendo discursos bonitos, criar grupos de trabalho ou apresentar excelentes propostas legislativas que ficam anos tramitando”, declarou a ministra, acrescentando que “eu sei, mas, hoje, não tenho muito o que celebrar.”

Agência Brasil

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Campanha contra a Influenza segue em Natal com 23 pontos de vacinação

Foto: Alex Régis/Secom

Após o início da segunda etapa da campanha de vacinação contra Influenza, os pontos de imunização estão registrando um movimento maior. Na manhã desta quinta-feira (20), o drive-thru instalado no Palácio dos Esportes foi bem procurado pelo público-alvo abarcado nesta fase que começou no último dia 11 e se estenderá até 08 de junho. Estão sendo vacinados neste momento, professores e idosos a partir dos 60 anos. Ainda podem ser vacinados os grupos da primeira etapa que são crianças a partir de seis meses até 5 anos; trabalhadores da saúde; gestantes/puérperas e povos indígenas. De acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde, 15 mil pessoas já foram imunizadas em Natal.

A aposentada Maria Lira, 99, foi com a família se vacinar no drive-thru do Palácio dos Esportes. Esbanjando alegria e lucidez, ela contou que sempre se imuniza contra a gripe e incentivou todas as pessoas a fazerem o mesmo: “Precisamos sempre cuidar da nossa saúde e estar em dia com as vacinas é muito importante. Hoje vim me vacinar e foi tudo muito tranquilo e rápido. As meninas foram atenciosas e não doeu nada”, disse a simpática senhora que completará um século de vida no próximo mês de agosto.

A Secretaria Municipal de Saúde de Natal (SMS/Natal) planeja atingir 90% do público de 323.842 pessoas conforme meta do Ministério da Saúde. A aplicação da vacina contra a Influenza acontece em dois drives-thrus: Palácio dos Esportes e Nélio Dias, além de 20 unidades de saúde e a Praça Augusto Leite, somando 23 locais de vacinação no município.

A próxima fase da campanha contra a influenza vai começar em 09/06 e vai vacinar doentes crônicos e outras condições clínicas especiais, pessoas com deficiência, forças de segurança e salvamento, forças armadas, caminhoneiros, trabalhadores do transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano de longo curso, trabalhadores portuários, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade.

Vacinação contra Influenza Praça Augusto Leite

Av. Rodrigues Alves esquina com R. Joaquim Fabrício, Tirol.

segunda a sexta-feira das 08h às 16h

Drive Nélio Dias – Av. Guararapes, s/n. Lagoa Azul (Portão 03).

Drive Palácio dos Esportes – Rua Trairi, 516. Petrópolis (EXCLUSIVO PARA INFLUENZA).

Distrito Sanitário Norte I

USF Vista Verde – Rua Linda Batista, 18 – Pajuçara

USF África – Av. Dr João Medeiros Filho, 02 – Redinha

USF Cidade Praia – Rua São Caetano, 520 -Lagoa Azul

USF José Sarney – Rua dos Lírios, 231 – Lagoa Azul

Distrito Sanitário Norte II

USF Potengi – Av. Itapetinga, 02. Conjunto Santarém

USF Igapó – Rua São Tiago, 01. Igapó

USF Parque dos Coqueiros – Rua das Pedrinhas, s/n. Parque dos Coqueiros

USF Pedra do Sino – Rua Pedra do Sino, s/n. Conjunto Soledade I

Distrito Sanitário Leste

USF Aparecida – Rua Guanabara, 1050 -Mãe Luiza

Distrito Sanitário Oeste

USF Guarapes – Rua Lagoa Seca, 74.

USF Bom Pastor – Rua Augusto Calheiros, 01

UM Felipe Camarão – Rua da Tamarineira, 25

UBS Quintas – Rua dos Paiatis, 1854

UBS Esperança – Av. Pernambuco, 214

USF Novo Horizonte – Rua dos Paiatis, 128

USF Felipe Camarão III – Rua Itamar Maciel, 360

Distrito Sanitário Sul

UBS Ponta Negra – Rua José Medeiros, 01

UBS Pirangi – Av. São Miguel dos Caribes, 650

USF Planalto – Rua Comunidade Shalom, 15

UBS Jiqui – Rua União dos Palmares, 11

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Turismo

Campanha #SalveOTurismo em defesa do setor já alcançou mais de 2 milhões de pessoas no Instagram

Lançada no final de semana, a campanha em defesa do turismo do Rio Grande do Norte, #SalveOTurismo, repercutiu fortemente no Instagram, com números de alcance na casa dos milhões.

É o que indica monitoramento da Robledo Consulting, especializada na coleta e análise de dados nas redes sociais.

Conforme o levantamento, quase 600 perfis do Instagram reproduziram até agora a campanha que tinha apelo direto à governadora Fátima Bezerra e ao prefeito Álvaro Dias para que adotem medidas que possam mitigar os impactos da pandemia no setor que mais emprega no RN.

Os perfis monitorados têm, juntos 13,2 milhões de seguidores.

Ao todo, houve 42 mil interações nas postagens, incluindo curtidas e comentários que dá um alcance de mais de 2 milhões de perfis que visualizaram a campanha até agora.

Entre os perfis que aderiram à campanha estão influenciadores que sentem o impacto das crises sanitária e econômica, como o chef Erick Jacquin (2,6 milhões de seguidores), o cantor Zezo (736 mil seguidores) o pefil da banda Cavaleiros do Forro (669 mil seguidores), Ionara Paulino (661 mil seguidores), entre outros.

A Campanha #SalveOTurismo reúne representantes do trade turístico do setor de hotéis, bares, restaurantes, eventos etc. O setor pede segurança para poder trabalhar, ou seja, que as medidas de combate ao coronavírus possam ser efetivas mais contra a doença, ao invés dos fortes impactos que têm trazido ao setor.

Com Blog do Dina 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

VÍDEO – Campanha de Prevenção ao Covid-19 da Câmara Municipal de Natal – superpoderes

A Câmara Municipal de Natal alerta que o coronavírus ainda não acabou, e dá dicas com Campanha de Prevenção ao Covid-19 neste mês de abril.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

VÍDEO – Campanha de Prevenção ao Covid-19 da Câmara Municipal de Natal: “A covid ainda não acabou”

A Câmara Municipal de Natal alerta que o coronavírus ainda não acabou, e dá dicas com Campanha de Prevenção ao Covid-19 neste mês de abril.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Campanha de vacinação contra influenza inicia segunda-feira; estimativa no RN é imunizar mais de 1 milhão de pessoas

FOTO: EDUARDO MORALES/EFE

A 23ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza será realizada no período de 12 de abril a 09 de julho. A meta é vacinar, pelo menos, 90% de cada um dos grupos prioritários: crianças, gestantes, puérperas, idosos com 60 anos e mais, povos indígenas, professores e trabalhadores da saúde.

No Rio Grande do Norte a estimativa é vacinar 1.319.147 pessoas para reduzir as complicações, internações e a mortalidade decorrentes das infecções pelo vírus da influenza, na população alvo para a vacinação. A vacina influenza trivalente utilizada no Brasil em 2021 apresenta três tipos de cepas de vírus em combinação. Por ser constituída por vírus inativados, fracionados e purificados, não contêm vírus vivos e não causam a doença.

A vacinação será dividida em três etapas:

1ª Etapa – de 12/04 a 10/05

· Crianças (6 meses a < de 6 anos)

· Gestantes

· Puérperas

· Povos indígenas

· Trabalhadores da saúde

2ª Etapa – de 11/05 a 08/06

· Idosos com 60 anos e mais

· Professores

3ª Etapa – de 09/06 a 09/07

· Comorbidades

· Pessoas com deficiência permanente

· Caminhoneiros

· Trabalhadores de Transporte Coletivo Rodoviário Passageiros Urbano e de Longo Curso

· Trabalhadores Portuários

· Forças de Segurança e Salvamento

· Forças Armadas

· Funcionários do Sistema de Privação de Liberdade

· População privada de liberdade e adolescentes e jovens em medidas socioeducativas

A campanha de vacinação contra a influenza coincidirá com a realização da vacinação contra a Covid-19. Assim, é importante que seja priorizada a administração da vacina Covid-19. As pessoas contempladas no grupo prioritário para a vacinação contra influenza que buscarem uma Unidade Básica de Saúde, e ainda não foram vacinadas contra a Covid-19, preferencialmente, deve ser administrada a vacina Covid-19 e agendada a vacina influenza, respeitando um intervalo mínimo de 14 dias entre as vacinas.

Além disso, todas as medidas de prevenção à transmissão da covid-19 nas ações de vacinação contra Influenza deverão ser adotadas. O Ministério da Saúde ressalta a importância da vacinação contra a influenza em 2021. A imunização vai prevenir o surgimento de complicações decorrentes da doença, óbitos, internações e a sobrecarga nos serviços de saúde, além de reduzir os sintomas que podem ser confundidos com os da Covid-19.

 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

HOSPITAIS DE CAMPANHA: RN não envia informações a PGR

Foto: Rogerio Santana/Governo do Rio de Janeiro/via Agência Brasil

Um terço dos governadores deixou de responder a um pedido de informações da Procuradoria-Geral da República sobre a instalação dos hospitais de campanha para tratamento da Covid.

São eles:

Waldez Góes (PDT), do Amapá;

Camilo Santana (PT), do Ceará;

Renato Casagrande (PSB), do Espírito Santo;

Ratinho Júnior (PSD), do Paraná;

Wellington Dias (PT), do Piauí;

Fátima Bezerra (PT), do Rio Grande do Norte; e

Eduardo Leite (PSDB), do Rio Grande do Sul.

No último 12, a subprocuradora-geral Lindôra Araújo enviou ofícios aos 27 govenadores questionando quantos hospitais foram instalados em cada local, quantos foram construídos e não entraram em funcionamento e as unidades ativas atualmente.

Eles também foram indagados sobre data e motivo do fechamento dos hospitais desativados, além de esclarecer a destinação de insumos e equipamentos que compunham essas estruturas.

O objetivo da PGR com as informações é verificar eventuais falhas no atendimento à saúde da população infectada, principalmente em função dos recursos aplicados.

Dependendo de cada caso, o órgão poderá recomendar aos procuradores que proponham ajustes ou, se houver indícios de irregularidades, a abertura de investigações sobre os gestores.

O prazo inicial para a resposta venceu no dia 19, mas vários governadores pediram uma prorrogação, que foi concedida. O órgão ainda fará a análise das informações enviadas pelos estados e também avaliar as providências em relação aos que não prestaram as informações.

O Antagonista

Acesso a matéria na íntegra abaixo:

Opinião dos leitores

  1. Oxi…
    Deixou? Como se pediu pra estender o prazo e foi concedido?
    Criando situação.
    Tá soando desespero.
    A cobrança deve tá grande.
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Espere o comentário.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Câmara Municipal de Natal lança campanha de arrecadação de cestas básicas

Foto: Divulgação

A Câmara Municipal de Natal está lançando a campanha “Câmara Solidária – ajudando a quem precisa”, que visa a arrecadação de cestas básicas para serem destinadas às famílias natalenses em situação de vulnerabilidade social, população da cidade ainda mais afetada pelos prejuízos causados pela pandemia do novo coronavírus. A campanha foi idealizada pelos vereadores e servidores da Casa.

Os interessados em participar da ação solidária devem deixar suas doações na sede da Câmara de Natal, localizada na Rua Jundiaí, 546, Tirol. A arrecadação das cestas básicas será iniciada nesta quinta-feira (25) e segue até o dia 02 de abril, no horário entre 09h e 14h.

“Além da prevenção no combate à Covid, a palavra de ordem é solidariedade. Temos a obrigação de ajudarmos a quem precisa, tentar amenizar o sofrimento dos mais vulneráveis nesse momento. Os prejuízos causados pelo coronavírus são imensuráveis nas áreas da saúde, economia, no setor produtivo, nos mais diversos segmentos. Mas, juntos, podemos contribuir com aqueles que estão ficando sem renda e sem alimentos”, frisou o presidente da Câmara Municipal de Natal, vereador Paulinho Freire.

SERVIÇO

“Câmara Solidária – ajudando a quem precisa”

O que? Doação de cestas básicas

Quando? 25/03 a 02/04

Horário? 09h às 14h

Onde? Sede da Câmara Municipal de Natal, na Rua Jundiaí, 546, Tirol.

Opinião dos leitores

  1. Abram mão de 1 mês de salário cada vereador e peça a seus acessores tbm que da pra comprar bastante cesta. KD a turma do fique em casa?

  2. Porquê os vereadores, prefeito, juízes, promotores e secretários não doam 50pct do salário pra os pobres

  3. Porque os vereadores, prefeito, juízes, promotores e deputados não dia 50 pct do seu salário pra ajudar, todos em casa tomando vinho e uísque

  4. Sugiro aos nobres vereadores doarem 20% do seus salários para comprar cestas básicas e assim fazerem a doação. Do jeito que eles querem é bom demais!

  5. fpoderiam muito bem diminuir dos salários e fazerem doações! Agora mexam no bolso d'eles.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Prefeitura e Estado reabrem hospital de campanha de São Gonçalo com 20 leitos, sendo 10 de UTI

Foto: Junior Santos

O hospital de campanha para tratamento de pacientes com covid-19 de São Gonçalo do Amarante/RN, uma parceria Prefeitura Municipal e Governo do Estado, foi reativado nesta terça-feira (23) com 20 leitos, sendo 10 clínicos e 10 de UTI, e já estão disponíveis pela plataforma Regula RN para atender pacientes de toda Região Metropolitana.

O Estado vai custear 70% e o município, 30%. “O momento é de união. E nós, enquanto município, estamos de mãos dadas com o governo estadual para conseguir dar a melhor assistência à população. Se Deus quiser vamos salvar muitas vidas e atravessar mais esse momento crítico que enfrenta não só o Rio Grande do Norte, mas todos os estados brasileiros”, observou o Prefeito Paulinho.

A governadora Fátima Bezerra destacou a importância dessa união com o município e agradeceu ao prefeito Paulinho por desde o início da pandemia ter tomado decisões conjuntas com o Estado. “Essa parceria que estamos realizando neste momento é em defesa da vida. Governo e Prefeitura unidos para defender a população do nosso Estado. E é isso que precisa ser, uma gestão tripartite”, disse.

A unidade ficou pronta na semana passada, com todos profissionais contratados, e aguardava a chegada do oxigênio ocorrida no início da tarde desta terça-feira. São Gonçalo do Amarante passa a contar com 40 leitos para covid-19, outros 20 leitos estão no Hospital Belarmina Monte, 10 deles também de UTI.

 

Opinião dos leitores

  1. So informando águas lindas de Goiás tem um hospital de campanha do bozo que está fechado desde outubro

  2. Parabéns, que seja assim em todos os municípios. Trabalhar em prol da sociedade e da população que paga o salário dos eleitos!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Federação de Oficiais lança campanha para defender prioridade de vacinas para os policiais

A Federação Nacional de Entidades de Oficiais Militares Estaduais (FENEME) lançou campanha para defender a inclusão dos policiais como grupo prioritário da vacinação. A entidade chama atenção para o enfrentamento que os policiais fazem, diariamente, em defesa da população e mostra que é preciso vacinar quem está na linha de frente, nas ruas protegendo as pessoas.

“Estamos nas ruas protegendo, mas só tomando a vacina estaremos nas ruas protegidos”, diz um dos trechos do vídeo divulgado pela FENEME.

No Rio Grande do Norte, o presidente da Associação dos Oficiais Militares, major Robson Teixeira, é defensor intransigente da pauta. “Os profissionais da segurança pública estão na linha de frente de todo trabalho, diuturnamente. Absurdo que estejam sendo renegados a estarmos muito atrás nessa fila feita para vacinação”, comentou.

Opinião dos leitores

  1. Enquanto isso, segundo o Estadão:
    “Projeto de Orçamento dá a militares 1/5 dos investimentos e reajuste salarial

    Em vez de sofrer cortes, como outros ministérios, recursos para as Forças Armadas subiram e chegaram a R$ 8,32 bi; para a área de saúde, houve um aumento de apenas R$ 1,2 bi em relação ao projeto que foi enviado no ano passado.”

  2. Isso é uma vergonha, demonstra bem qual ficha desses governantes. Só vagabundos e canalhas. Quem votou nesses estrumes e gosta de merda, não esqueçam de votar novamente neles na próxima eleição também.

    1. A maior vergonha desse país é o nosso presidente : Jair Bolsonaro . 🤮 🤮

    2. Joãozinho, calma rapaz, assim você vai ter um piripaque. Não sei se você sabe mas quem define a lista de prioridades na vacinação é o Ministério da Saúde, atualmente comandado por Pazuello (?), ou seja pelo presidente da república. O próprio ministro (?) já disse que manda quem pode e obedece quem tem juízo, pau mandado que é. Mas concordo com você, temos que escolher melhor nossos governantes, para que nunca mais se repita esse caos. Tome um Rivotril e nunca mais vote nessa facção criminosa que ocupa o governo federal.

    1. Se enganou duplamente, quem paga a esses militares dos Estados, são os governadores.

    2. Santos, explicar a boiada fake News que as diretrizes de prioridade na vacinação é definida pelo ministério da Saúde.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Zenaide comemora aprovação de PL que proíbe fechamento de hospitais de campanha antes de ampla vacinação popular

Com o voto favorável da senadora Zenaide Maia (Pros-RN), o Senado aprovou, nessa quarta-feira (10), o PL 4844/2020, que proíbe a desativação de hospitais de campanha em locais onde a população ainda não foi amplamente vacinada contra a covid-19. Em suas redes sociais, Zenaide classificou a medida como “necessária para salvar vidas” e lembrou que a pandemia ainda causa um número alto de mortes diárias.

“A pandemia ainda não acabou e, pelo contrário, ainda mata mais de mil brasileiras e brasileiros por dia! As novas variantes estão aí, desafiando os nossos sistemas de saúde e os hospitais de campanha ajudam a complementar o atendimento aos pacientes”, pontuou a parlamentar.

O PL 4844/20 é de autoria da senadora Rose de Freitas (MDB-ES) e segue para a análise na Câmara dos Deputados.

Opinião dos leitores

  1. Senadora cobre de Fátima Bezerra a abertura dos hospitais regionais que ela e seu secretário de saúde fecharam.

  2. E os 5 milhões dos respiradores quando serão devolvidos ao Estado o povo tbm quer saber Senadora.

  3. A senadora Zenaide é o único voto que eu não me arrependo, parabéns senadora, continue honrando os votos dos seus eleitores. Agora estou muito arrependido de ter votado em Bolsonaro e em Styvenson, esse senador é uma piada de mal gosto.

  4. Quanta sensatez!!! Enquanto o outro lá não produz, apenas é do contra, Zenaide dá orgulho aos potiguares.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *