Pane em sistema complica check-in da TAM pelo país

Por interino

Os passageiros da companhia aérea TAM encontram dificuldades para realizar o check-in nos principais aeroportos do País na manhã desta sexta-feira, 2. Por causa de uma pane na conexão da SITA, empresa de tecnologia que presta serviços para a companhia, com o sistema de check-in da TAM, a impressão dos cartões de embarque e das etiquetas das bagagens está sendo feita manualmente.

A demora na operação manual formas filas nos aeroportos de maior movimento, que estão com tempo de espera de mais de uma hora, como é o caso no Aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo, segundo informações da Rádio CBN.

Em nota, a TAM afirma estar prestando assistência aos clientes e lamenta os inconvenientes causados pela situação.

Em Congonhas, duas partidas programadas da TAM, uma para Salvador e outra para o Rio de Janeiro, no período entre 9h e 10 horas, registravam atrasos de mais de meia hora, segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

Já no Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo, as decolagens estavam com horários confirmados.

No Aeroporto Internacional Tom Jobim, no Rio, apesar da falha no sistema, as filas de passageiros estavam normais no check-in da empresa, de acordo com a Infraero.

Abaixo a íntegra da nota na TAM

“A TAM informa que, devido a um problema ocorrido nesta manhã no link de conexão da SITA, com o sistema de check-in da companhia, a impressão dos cartões de embarque e das etiquetas das bagagens no momento estão sendo feitas manualmente. O preenchimento manual está causando filas nas posições de atendimento em parte dos aeroportos. A TAM está prestando toda a assistência aos clientes e lamenta os inconvenientes causados pela situação”.

Fonte: Estadão