Black Friday: passagens aéreas, agências de viagens e hotéis têm descontos

Foto: Pixabay

A Black Friday deste ano promete ter ofertas para todos os gostos e bolsos. Quem está planejando uma viagem pode aproveitar o período para comprar passagens aéreas ou reservar hospedagens com desconto.

O KAYAK , maior ferramenta de planejamento de viagens do mundo, reuniu em uma landing page as promoções mais atraentes de passagens aéreas nacionais e internacionais. Durante esta semana, a página será atualizada três vezes ao dia (às 8h, às 16h e às 21h, no horário de Brasília). na sexta-feira, dia 29, as ofertas serão atualizadas a cada hora . Ainda é possível ativar o alerta de preços para o destino escolhido e receber notificações caso os preços mudem significativamente.

Nesta quinta-feira, todo o site da Max Milhas estará com promoções exclusivas para os clientes cadastrados na landing page , além da ação Boa Sorte e Boa Viagem, em que há possibilidade de concorrer a cinco créditos de R$ 10 mil em passagens.

Já na sexta-feira, a Max Friday estará disponível para todos os internautas, com passagens exclusivas e ofertas em voos nacionais e internacionais, além da possibilidade de concorrer ao grande prêmio.

A CVC vai oferecer embarques em voos de novembro até junho de 2020, incluindo período de Natal , réveillon, carnaval e Páscoa, com valores que somam descontos de até 50%. Um pacote de cinco dias para passar o Natal em Florianópolis (SC) sai por R$ 1.500, já incluindo bilhete aéreo de São Paulo (ida e volta) e quatro dias de hospedagem. Já para quem quer viajar no réveillon, um roteiro de quatro noites em Foz do Iguaçu (PR) sai a partir de R$ 2.100 por pessoa.

A operadora também dará benefícios em cruzeiros pelo Brasil: desconto de 50% no preço da cabine d o Soberano, o único navio da temporada a operar em sistema tudo incluído, para saídas específicas como a de Natal e a de réveillon, com embarque nos portos de Santos (SP) e Rio de Janeiro. Há também promoções da CVC com a MSC Cruzeiros, de 50% de desconto no segundo passageiro. Além disso, o terceiro passageiro viaja de graça em cruzeiros com embarques nos portos de Santos e Rio de Janeiro.

Na CVC do Topshopping , localizado na Avenida Governador Roberto Silveira 540, no Centro de Nova Iguaçu, comprando uma viagem, o cliente ganha um bônus de até R$ 2 mil na segunda, considerando transporte aéreo e hotel, para embarcar até fevereiro de 2020.

O Hotel Urbano , agência virtual de viagens, vai realizar na madrugada do dia 28 para o dia 29 de novembro a virada da Black Friday, uma de suas ações de marketing mais famosas: a oferta de R$ 1 para destinos como Paris, na França, Orlando, nos Estados Unidos, Natal, no Rio Grande do Norte, e Fortaleza e Jericoacoara, no Ceará. Para participar o viajante deve ficar ligado nas dicas dos stories das redes sociais da empresa (Instagram: @hurb e Facebook: facebook.com/hurb). Por meio de emojis, o usuário deverá decifrar em que parte do site está escondida a oferta. As pistas também serão passadas pelo Telegram e pelo WhatsApp.

A Costa Cruzeiros tem cruzeiros especiais de Natal, carnaval e Páscoa com descontos de 15% em cabines internas; 20%, em externas; e 25%, em externas, para reservas feitas na categoria Basic durante toda a Semana da Black Friday. Os embarques serão nos dias 20 de dezembro de 2019, 22 fevereiro e 6 de abril de 2020, no navio Costa Fascinosa. Consulte as saídas promocionais no site www.costacruzeiros.com.br.

Para quem deseja ter descontos em hospedagem, a Rede MHB Hotelaria vai oferecer até 50%, na sexta-feira (dia 29), para qualquer período do ano em todas as suas unidades instaladas na capital mineira. Saiba mais: www.mhbhotelaria.com.br; o Hotel Courchevel, nos Alpes Franceses, oferta o café da manhã como cortesia aos hóspedes que fizerem reservas até o dia 29. Para mais informações sobre o hotel e tarifas: [email protected]

O Iberostar Hotel & Resorts concede desconto de até 30% para quem se inscrever gratuitamente no site My Iberostar, até o dia 28, que dará acesso prioritário à pré-venda da Black Friday. Após a conclusão da pré-venda, o desconto será de até 20%.

Até o dia 30, os consumidores encontrarão preços especiais nos pacotes da CI Intercâmbio e Viagem . Para quem quer fazer cursos, destinos como Estados Unidos, Inglaterra, Canadá e outros estarão com descontos de até R$ 1.700. Neste modelo, a CI também presenteia o viajante com R$ 2 mil para levar no intercâmbio.

O programa de intercâmbio que permite ao viajante trabalhar enquanto realiza um curso de idioma tem descontos de até R$ 1.200 para Barcelona, Dublin, Auckland, Austrália e Dubai. Neste modelo, a CI também presenteia o consumidor com um passeio turístico. Para quem se interessa em cursar uma universidade no exterior, a CI oferecerá 50% de desconto na assessoria para ingresso em instituições de Portugal e Alemanha. Há ainda outras promoções em www.ci.com.br .

O Globo

Governo Federal descarta intermediação das agências de viagens, volta a comprar passagens diretamente das empresas aéreas, e economia pode chegar a R$ 15 milhões ao ano

Foto: Rodrigo Mello Nunes/ iStock

Desde a última terça-feira (26), os órgãos e entidades do governo federal voltaram a comprar passagens aéreas diretamente das companhias que operam os voos domésticos. De acordo com o Ministério da Economia, com o fim da intermediação das agências de viagens, a economia pode chegar a R$ 15 milhões ao ano.

O presidente Jair Bolsonaro destacou a medida nesta quinta-feira (28), em publicação em sua conta no Twitter. “Isso representa redução de cerca de 18% de economia [em relação ao modelo de agências de viagens]. A pesquisa de preços será feita pelos órgãos do Executivo, com a escolha do bilhete de menor preço”, escreveu.

De acordo com o Ministério da Economia, o governo estava impedido de fazer essa operação devido ao fim do prazo que dispensava a retenção na fonte dos tributos sobre passagens compradas, por meio de Cartão de Pagamento do Governo Federal (CPGF). Assim, os órgãos públicos tinham de comprar por intermédio de agências de viagem.

A dispensa do recolhimento dos tributos esteve em vigor de 2014 até dezembro de 2017 (Lei 13.043/14) e depois foi prorrogada até junho de 2018. Agora, com a publicação da Medida Provisória Nº 877/19, o governo federal deixa novamente de reter na fonte os tributos sobre as passagens compradas com o CPGF, também conhecido como cartão corporativo.

As empresas credenciadas para fornecimento de passagens diretamente ao setor público federal são Avianca, Azul, Gol, LATAM e MAP Linhas Aéreas.

Pesquisa de preços

A pesquisa de preços será feita pelos órgãos e entidades do Executivo Federal, com a escolha do bilhete de menor preço e aplicação automática dos percentuais de desconto estabelecidos pelas empresas aéreas.

De acordo com a Economia, na prática, é como se os órgãos realizassem uma licitação a cada bilhete comprado. Todas as pesquisas e escolhas de viagens ficam armazenadas no Sistema de Concessão de Diárias e Passagens (SCDP) para posterior consulta, auditoria e verificação pelos gestores.

O cidadão pode acessar as informações sobre viagens realizadas a serviço por empregados públicos, servidores, militares e colaboradores do governo federal por meio da ferramenta Painel de Viagens.

Agência Brasil

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. David disse:

    Mais um inimigo, já não bastava a imprensa e o congresso. Bolsonaro, faça como luladrão, entregue o país aos ladrões do congresso, que assumem a Petrobrás junto com os mega empresários, superfaturam as obras, paga o que não foi entregue, aumenta o gasto em publicidade na grande imprensa, o valor pago na era luladrão, cria empresa de projetos para os filhos, pra receber o dinheiro da roubalheira e propina através de patrocínio das empresas comparsas. Aumenta o número de atendidos no bolsa família, incluindo empresários, professores, servidor público… e o bolo da cereja é uma conta amigo num paraíso fiscal. ômi, daí, nem oposição vai ter. Rsrsrs