Acidente

Motociclista morre após bater em cavalo e ser atropelado por carro na BR-101 na Grande Natal

Um motociclista de 43 anos, técnico em eletrotécnica que trabalhava em uma fábrica, morreu após bater em um cavalo e ser atropelado por um carro, na noite dessa quinta-feira (20), na BR-101 Norte, em São Gonçalo do Amarante. O acidente aconteceu na altura do quilômetro 80 da rodovia. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, a vítima tinha saído do trabalho para visitar um parente e voltava para casa, no bairro Pajuçara, em Natal, quando um cavalo atravessou a pista.

Segundo a PRF, informações preliminares dão conta que o motociclista atropelou o animal e caiu na rodovia. Em seguida, segundo testemunhas, um veículo atropelou o homem que estava no chão, porém o motorista teria fugido.

Ainda segundo a PRF, a versão das testemunhas explicaria as fraturas múltiplas no corpo da vítima – características de um atropelamento, e não apenas da queda e colisão.

 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acidente

VÍDEO – (JOGOS PAN-AMERICANOS): Brasileiro que caiu do cavalo de forma impressionante está bem e deve ter alta nesta terça-feira

Foto: Guadalupe Pardo/Reuters

O cavaleiro brasileiro Ruy Leme da Fonseca, que sofreu uma queda assustadora durante a prova de cross-country nos Jogos Pan-Americanos, deve deixar o hospital nesta terça-feira (6).

“Ele está superbem. É muito provável que tenha alta amanhã e retorne para o Brasil já na quarta-feira”, afirmou a chefe da equipe do CCE (Concurso Completo de Equitação) na Lima 2019, Julie Louisa Purgly.

Ontem (4), Fonseca classificou como “um grande azar” o acidente ocasionado por um tropeço do cavalo Ballypatrick SRS em um dos obstáculos da pista. Ele e o cavalo passam bem.

“Foi uma queda muito forte, que até o momento ainda não consegui decifrar vendo os vídeos”, avaliou o cavaleiro, que fraturou três costelas e o úmero proximal do braço esquerdo.

Devido ao ocorrido, Fonseca deverá passar por uma cirurgia no ombro. Como o procedimento não é considerado de emergência, ele deve ser realizado no Brasil.

Mesmo com a ausência do cavaleiro, a equipe brasileira de CCE levou a medalha de prata na competição, superada apenas pelos Estados Unidos. “Eu me sinto um privilegiado de estar no meu quarto Pan-Americano e ganhar minha quinta medalha, graças aos meus companheiros de equipe, que fizeram um trabalho sensacional”, comemorou do hospital.

R7

 

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acidente

Motociclista morre após colisão em cavalo em rodovia na Grande Natal

A Companhia de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE) um acidente fatal na manhã desta quinta-feira(25), em ocorrência de um motociclista que colidiu em um cavalo na RN-160, entre São Gonçalo do Amarante e Macaíba, na região metropolitana de Natal.

Segundo o CPRE, a vítima tinha 57 anos, e seguia no sentido Macaíba ao centro de São Gonçalo do Amarante, quando bateu com o animal, próximo à entrada para Uruaçu.  O animal ficou ferido apenas em uma das pata traseira.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

#Curiosidade: Por que a potência de um motor é medida em cavalos?

Por causa do trabalho realizado pelos cavalos nas minas de carvão inglesas do século XVIII. Os donos dessas minas foram os primeiros clientes dos fabricantes de motores movidos a vapor. Essas engenhocas acionavam máquinas que transportavam carvão do interior da mina até a superfície.

Antes do motor a vapor, essa tarefa era feita por cavalos que, por meio de um sistema de cordas e roldanas, puxavam baldes cheios do produto. Portanto, nada mais natural que comparar a força dessas máquinas à dos eqüinos. A idéia foi do inventor escocês James Watt, que, no final do século XVIII, trabalhou no desenvolvimento desse tipo de motor. Ele calculou que, em média, um cavalo conseguia subir 100 quilos de carvão a uma certa altura por minuto. Na hora de generalizar a medida, ele aumentou a carga em 50% e instituiu a unidade de “um cavalo de potência” como a força necessária para levantar 150 quilos por 30 metros de altura em um minuto.

A unidade pegou e atravessou os séculos com a sigla HP (de Horse-Power, ou “Potência de Cavalo”, em inglês).

A unidade HP é equivalente à força necessária para erguer a 30 metros de altura um balde com 150 quilos de peso em um minuto. Ela foi baseada no trabalho feito por cavalos em antigas minas de carvão.

Fonte: Mundo Estranho

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Polícia de PE prende uma tonelada de carne de cavalo e jumento que seriam vendidos para consumo humano

Policiais militares do Gati e Rocam da 6ª CIPM apreenderam, na madrugada de terça para quarta, uma tonelada de carne de cavalo e jumento durante a operação Risco Zero. Por volta das 2 h, a equipe abordou uma kombi branca de placas BOH-6742, que apresentava um vazamento. Os policiais perceberam que o líquido tratava-se de sangue das carnes armazenadas no interior do veículo.
O motorista Gilson Gino Belarmino, o Gilson da Kombi, de 55 anos e Luis Antônio de Lima Silva, 30, foram presos em flagrante por crime contra a ordem econômica, por estarem realizando o comércio ilegal de carne imprópria para o consumo. De acordo com a polícia, Luis já seria reincidente na prática.
Segundo a dupla, a carne pertenceria a um homem identificado apenas como Néo de Belém e que seria transportada até o Mercado de Cavaleiro e Prazeres. A carne imprópria para o consumo foi encaminhada para a Delegacia de plantão de Limoeiro. Na delegacia, foi arbitrada fiança de 10 salários mínimos para Gilson e 20 para Luís, por ser reincidente.

Fonte: Diario de Pernanbuco

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Finanças

Leilão de Cavalos Quarto de Milha no Parque Aristófanes Fernandes faturou mais de R$ 3 Milhões

Blog do Amigo Marcelo Abdon

Sucesso total o 4º Leilão Natal Quarter Horse, dos criadores Júnior Teixeira (Haras Bom Pasto), José Sally (Haras Vertentes) e convidados, realizado ontem no Parque de Exposições Aristófanes Fernandes.

O leilão teve um faturamento de R$ 3.019.000,00, fazendo uma média de R$ 47.000,00 por animal. O recorde do leilão foi para uma égua importada, que foi vendidada por R$ 132.000,00

O resultado do leilão mostrou o alto nível dos cavalos da raça Quarto de Milha do Rio Grande do Note. O leilão foi transmitido ao vivo pelo Novo Canal e criadores de vários estados do País adquiriram animais através do canal.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Aécio Neves cai do cavalo

O senador Aécio Neves (PSDB) fraturou a clavícula e cinco costelas do lado direito após sofrer queda de um cavalo nas proximidades da fazenda da família no município de Cláudio, na região centro-oeste de Minas a 139 quilômetros de Belo Horizonte. O acidente ocorreu na tarde de sexta-feira e foi confirmado neste sábado pela assessoria do senador.

Após ser transferido para a capital mineira, Aécio foi atendido no hospital Mater Dei e recebeu alta no fim da tarde deste sábado. O senador foi orientado a permanecer em repouso pelo ortopedista Rodrigo Lasmar.

“Ele fez exames de imagens. Constatamos uma fratura na clavícula e outras fraturas de costelas no lado direito. Ele estava com muita dor e permaneceu as primeiras 24 horas no hospital”, disse Lasmar.

De acordo com o médico, além do repouso – já que as fraturas limitam bastante os movimentos -, o tratamento de Aécio consistirá basicamente na ingestão de medicamentos contra a dor. Segundo Lasmar, não haverá necessidade de cirurgia.

Conforme nota divulgada pela assessoria de Aécio, a previsão é de que o senador esteja apto a retomar suas atividades no Congresso Nacional em pelo menos 10 dias. Pela impossibilidade de engessamento, Aécio teve o braço direito imobilizado com uma tipoia. Ele deverá permanecer com a imobilização pelo período de seis a oito semanas.

“O senador passa bem e encontra-se em sua casa em Belo Horizonte”, diz a nota. A causa da queda não foi informada, mas o cavalo teria se assustado subitamente e tombado, provocando o acidente. Aécio, a princípio, permaneceu em repouso em Cláudio, mas devido às intensas dores que estava sentindo na região peitoral foi transferido no começo da noite de sexta-feira para a capital mineira.

* Estadão

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *