Trump diz que quer acordo comercial com o Brasil; presidente dos EUA cita bom relacionamento com o país e elogia Bolsonaro

Presidente dos EUA, Donald Trump, fala a jornalistas na Casa Branca no dia 15 de julho — Foto: Kevin Lamarque/Reuters

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta terça-feira (30) que quer seguir em frente com um acordo comercial com o Brasil, abrindo portas para questões comerciais entre os dois países.

Trump, falando a repórteres na Casa Branca, citou o que diz ser um bom relacionamento com Brasil e elogiou o presidente Jair Bolsonaro.

Questionado pela correspondente da GloboNews em Washington, Raquel Kranenburg, se ele queria um acordo de livre comércio com o Brasil, ele afirmou que tem um ótinmo relacionamento com Bolsonaro.

“Eu tenho um ótimo relacionamento com o Brasil. Eu tenho um relacionamento fantástico com o seu presidente. Ele é um grande cavalheiro. Eles dizem que ele é o Trump do Brasil. Eu gosto disso, é um elogio. Eu acho que ele está fazendo um ótimo trabalho. É um trabalho duro, mas acho que seu presidente está fazendo um trabalho fantástico. Ele é um homem maravilhoso com uma família maravilhosa.

Trump disse ainda que que é Brasil é um grande parceiro comercial. “Vamos trabalhar em um acordo de livre comércio com o Brasil. O Brasil é um grande parceiro comercial, eles nos cobram muitas tarifas, mas nós amamos essa relação”.

Brasil presidirá Mercosul

O Brasil assumiu o comando rotativo do Mercosul pelos próximos seis meses. Bolsonaro prometeu avançar em negociações por outros acordos comerciais e deu como exemplo vínculos com Canadá, Singapura, Coreia do Sul e Associação Europeia de Livre Comércio.

Além disso, destacou que o Mercosul deve dedicar especial atenção às negociações externas, na revisão da tarefa externa comum e na reforma institucional do bloco sul-americano.

Em junho, a União Europeia e o Mercosul anunciaram o fechamento do acordo comercial que começou a ser negociado em 1999.

Em discussão há duas décadas, o acordo está em fase de revisão técnica e jurídica e, para entrar em vigor, precisará ser aprovado pelos parlamentos dos países envolvidos.

G1, com Reuters

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lucianobrito disse:

    A madeira que o PT deixo entra no Brasil foi estilo espiã de peixes,tá deficil de sai.

  2. Claudio disse:

    acordo bom para o Brasil foram os que PT fizeram emprestando dinheiro para obras em países comunistas, esses sim foram bons para o Brasil e o povo brasileiro

  3. Soares disse:

    Se esse elogio viesse de maduro, dos castros de cuba, da Bolívia, Nicarágua ou até dos ditadores africanos, até do ditador da coreia do norte e do Irã, eu achava que o Brasil ia pra frente. Se os EUA tão dando apoio ao Brasil, é porquê querem nos escravizar com muito trabalho, não vai ter tempo nem de fazer greve. Absurdo.

  4. Bento disse:

    Os Mitos se entendem.

  5. Cidadão disse:

    Os admiradores do MOLUSCO CONDENADO ficam loucas!

  6. Papo_Reto disse:

    Lascou agora Bolsonaro tem um orgasmo.

  7. Chico disse:

    É isso aí MITO, tem que pensar grande.
    O mundo é globalizado, chega de países tipo Venezuela e Cuba.
    PT ladrão nunca mais.

  8. Potiguar disse:

    Tipo do acordo: o Brasil fica de quatro, e o EUA entra com a madeira.

    • Manoel disse:

      Né isso! Antes era tão melhor né? O PT dava a juros baixíssimos o nosso dinheiro pra financiar obras inacabadas a países com grande risco de inadimplência, tais como CUBA, VENEZUELA, ANGOLA… Bons tempos em que éramos potência exportadora de esquemas corruptos!!!

Associação Comercial do RN volta a reunir credores do Governo

A Associação Comercial  do Rio Grande do Norte vai reunir os micro e pequenos empresários que tem dívidas a receber do governo do estado nesta terça-feira, dia 13, às 8:30h, na sede da Associação, no bairro da Ribeira, em Natal.

Será o segundo encontro em menos de uma semana. “Desta vez iremos mensurar o tamanho da dívida e traçar estratégias de cobrança”, disse Itamar Maciel, presidente da ACRN.

A interlocução da cobrança, que  será feita pela Associação Comercial e Empresarial do Rio Grande do Norte  (ACRN), irá propor que os débitos possam  ser quitados de forma escalonada ou divididos em parcelas a serem acordadas.

O presidente da ACRN está tentando uma audiência com a área financeira do governo já que 80 empresários procuraram a entidade para pedir a intermediação uma negociação com o governo.

“Nossa ideia não é colocar o Governo contra a parede e fazer exigências. Nós queremos abrir um canal de negociação para que esses fornecedores tenham os serviços prestados ou o fornecimento de materiais diversos pagos”, disse o presidente da ACRN.

Com informações de Virgínia Coelli

Encabeçando luta contra obesidade infantil, Coca-Cola veta comerciais direcionados para crianças

A Coca-Cola decidiu mudar completamente suas campanhas publicitárias. A partir de agora, os comerciais não serão mais direcionados para crianças menores de 12 anos. A empresa, líder na produção de refrigerantes, anunciou que a decisão é parte de uma luta contra a obesidade e que a medida será implantada em 200 países, incluindo o Brasil.

O discurso pode até ser bonito, mas não passa de um meio de segurar seus consumidores. Num mundo em que até as empresas de fast food, que tradicionalmente não se importavam com a quantidade de calorias em seus produtos, começam a dar opções mais saudáveis a seus clientes para não perdê-los, a Coca-Cola também tenta não perder a receita ao atual estilo de vida mais saudável da população mundial. A decisão da Coca-Cola também tem o intuito de dissociar o nome da companhia com a questão da obesidade

Dentre as novas diretrizes da empresa, além da adoção da estratégia publicitária, estão também a apresentação das informações nutricionais na frente de suas embalagens, a busca por eliminar as calorias das bebidas e a promoção de um estilo de vida mais saudável. “A obesidade é hoje a ameaça de saúde mais desafiadora entre as famílias de todo o mundo. Estamos comprometidos em trabalhar de uma forma cada vez mais próxima com os nossos parceiros de negócios, governantes e da sociedade para fazer parte da solução”, diz a presidente da Coca-Cola, Muhtar Kent, em comunicado à imprensa.

Com informações da veja

[VÍDEO] Luíza voltou do Canadá e já está faturando com novo comercial

Como todo Brasil sabe, a Luíza já chegou no Canadá, desembarcou em São Paulo e agora está em João Pessoa, sua terra Natal, curtindo sua família, namorado e faturando.

Menos de três dias após sua chegada, a Luíza já gravou o comercial para o empreendimento imobiliário cujo o vídeo publicitário, lançado na semana passada, alçou a adolescente ao estrelato.

Assista o novo vídeo de Luíza

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. 50 andares, cabe muitas famílias, comprem, comprem! ahahah.

Shopping Telepesquisa está em Pirangi

A Telepesquisa, em parceria com o Pittsburg, está com um stand descolado no mall da sanduícheria em Pirangi, com o objetivo de interagir e divulgar o Shopping Telepesquisa, a nova ferramenta para o público que prefere a comodidade e agilidade das compras pela internet.

“Escolhemos a praia de Pirangi, por ser o point mais descolado do verão, onde o fluxo de pessoas é intenso, ótima oportunidade para apresentarmos o nosso mais novo lançamento, o Shopping Telepesquisa”, disse a diretora da empresa, Cinthia Santos.

O stand da Telepesquisa fica em Pirangi até o Carnaval. No local, o público tem acesso a informações e pode participar de promoções e desafios, que valem entradas para as festas mais agitadas da estação e prêmios das empresas que estão no Shopping Telepesquisa.

Com um conceito inovador “De loja em Loja, sem sair de casa”, o Shopping Telepesquisa traz a possibilidade de encontrar as lojas de Natal, em um único endereço eletrônico www.shoppingtelepesquisa.com.br, com as mesmas condições de pagamentos (todos os cartões de crédito, à vista ou parcelado, débito em conta, boleto bancário ou em dinheiro na hora da entrega), e ainda receber o produto em até 48h, pagando taxa de entrega de R$ 5,00 para qualquer região da Grande Natal, e do litoral de Muriú a Pirangi.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Albe_santos disse:

    Isso é muito legal, já usei e indico.