(FOTOS): Polícia Civil apreende, em Parnamirim, mais de 500 medicamentos, segundo denúncias, como anabolizantes e estimulantes sexuais, em venda irregular

Fotos: Divulgação/Polícia Civil

Policiais civis da 1ª Delegacia de Polícia (DP) de Parnamirim apreenderam, nesta quinta-feira (01), mais de 500 medicamentos e cadernos de contabilidade, em uma residência no bairro de Santa Tereza, localizado no município de Parnamirim. As diligências foram iniciadas após o recebimento de denúncias anônimas, informando que pessoas estavam trabalhando com venda irregular de diversos medicamentos, como anabolizantes e estimulantes sexuais.

De acordo com as investigações, jovens do interior do Estado de Pernambuco estavam sendo recrutados para trabalhar com a venda irregular dos medicamentos. Foi constatado também que, ao chegarem no local de trabalho, eles eram submetidos a condições análogas a trabalho escravo.

No decorrer da ação, quatro supostas vítimas foram encontradas no imóvel, sendo uma delas menor de idade. Na ocasião, os policiais da 1ª de Parnamirim apuraram que os trabalhadores não tinham carteira assinada. Além disso, eles tinham que pagar altíssimas comissões pela estadia, inclusive pela alimentação.

A responsável pelo imóvel não foi encontrada durante diligências. Ela será investigada pela suspeita da prática dos crimes de vender produto destinado a fins terapêuticos e medicinais sem o registro e de redução de pessoa à condição análoga a de escravo.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima, que possam auxiliar nas buscas do dono do imóvel através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

FOTO: Polícia Civil prende no interior do RN dois suspeitos de comercializarem anabolizantes pelos Correios

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Policiais civis da Delegacia Especializada de Narcóticos (DENARC) deflagraram, nesta quinta-feira (23), a 5ª fase da Operação Hipertrofia que resultou na prisão de dois suspeitos de comercializarem anabolizantes pelos Correios, nas cidades de Santo Antônio e Nova Cruz. Durante a Operação, foram cumpridos dois mandados de prisão preventiva, dois mandados de busca e apreensão e mandados de sequestros de veículos, expedidos pela comarca de Santo Antônio.

Allef Barbosa Queiroz, 25 anos, foi preso na cidade de Nova Cruz. Temístocles Rodrigo Almeida de Medeiros, 23 anos, foi detido na cidade de Santo Antônio e na casa dele, os policiais civis apreenderam um veículo, diversos frascos e comprimidos de substâncias anabolizantes.

Investigações realizadas pela DENARC revelaram que os suspeitos enviavam substâncias anabolizantes através dos Correios, para remetentes residentes em outros Estados do país, sendo também investigados pela prática de lavagem de capitais. Allef Barbosa Queiroz já havia sido preso preventivamente e em flagrante, em março de 2019, pela DENARC, devido à efetivação da mesma prática ilícita.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Chácara com 33 pit bulls no interior de SP tinha esteira, anabolizantes, piscina e espaço para treinamento

Chácara em Itu tinha anabolizantes, esteira e rinha — Foto: Reprodução/TV TEM; Animal ferido encontrado em rinha de cães em Mairiporã — Foto 2: Marcelo Assunção/TV Globo

A chácara de onde foram resgatados 33 cachorros da raça pit bull em Itu (SP) tinha equipamentos e substâncias para o treinamento dos animais, segundo a polícia. A retirada dos cães por entidades, na região do Chácaras Reunidas Ipê, terminou depois de 17 horas de trabalho.

De acordo com a Polícia Civil, foram encontradas uma esteira adaptada, uma piscina vazia e um espaço onde seriam realizadas as rinhas, além de frascos de anabolizantes.

Participaram da força-tarefa voluntários e representantes de ONGs de várias cidades da região de Sorocaba (SP) e da Grande São Paulo.

De acordo com a polícia, foram encontrados indícios de que os cachorros eram alimentados com restos dos outros animais mortos que eram criados na propriedade, como bodes e gambás. Os animais silvestres também foram retirados da área.

A veterinária Patrícia Daut, presidente da ASPA Itu, foi até a chácara e identificou situação de maus-tratos. A maioria, segundo ela, estava magra e doente.

Segundo uma pessoa que trabalha no local, a área estava sob responsabilidade de um dos peruanos presos em uma operação que fechou uma rinha internacional, em Mairiporã (SP). A defesa dele não foi localizada para falar sobre o caso.

Denúncia

Na tarde de segunda-feira (16), uma denúncia anônima informou que os animais estavam sendo retirados da propriedade depois da ação que prendeu 41 suspeitos.

Vídeos mostram que os animais ficavam espalhados e acorrentados em espaços separados. Como algumas casinhas estavam vazias, a polícia suspeita que eles estavam sendo retirados do local.

A perícia foi acionada e imagens de câmeras de segurança devem ajudar a polícia na investigação sobre a movimentação no endereço.

Em nota enviada à TV TEM, a prefeitura afirmou que o local não tem registro para funcionamento.

Operação

A Polícia Civil do Paraná informou na segunda-feira que 41 pessoas foram presas na operação. Equipes foram até a rinha em Mairiporã na noite de sábado (14).

No momento em que os policiais invadiram o local, ainda segundo a investigação, houve resistência por parte dos suspeitos. As apostas eram feitas pessoalmente e também pela internet. Ao todo, foram apreendidos R$ 47 mil.

Dos que foram presos, apenas o suspeito de organizar o evento teve a prisão mantida pela Justiça após audiência de custódia no Fórum de Guarulhos (SP) na segunda-feira.

Entre os detidos que foram liberados estão o veterinário e o médico, que, segundo a Polícia Civil, eram responsáveis por reanimar os cães machucados durante as lutas.

Os quatro estrangeiros que foram presos em flagrante tiveram a soltura decretada mediante pagamento de fiança. Eles também ficaram proibidos de deixar o Brasil e devem entregar seus passaportes.

Os suspeitos podem responder por associação criminosa, maus-tratos contra animais com agravante de morte e jogo de azar.

G1

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Papa Jerry Moon disse:

    É do Lula…

FOTO: Polícia Civil prende dupla e fecha laboratório clandestino de anabolizantes na Zona Norte

FOTO: PC/ASSECOM

Policiais civis da Delegacia de Narcóticos de Natal (DENARC) deflagraram, na manhã desta quarta-feira (29), a Operação Hipertrofia, dando cumprimento a dois mandados de prisão preventiva e um de busca e apreensão. Durante as diligências, em imóvel situado na zona Norte da capital, os policiais localizaram e fecharam um laboratório clandestino de fabricação de anabolizantes.

Foram presos, em cumprimento aos mandados e também em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e crime contra a saúde pública: Stuart Rodrigues Vieira, 24 anos, e Gleyciliane Bezerra da Silva, 24 anos, proprietários do laboratório.

A operação é resultado de uma investigação realizada pela DENARC. O casal era investigado desde o começo deste ano, quando foram apreendidas, na sede dos Correios de Natal, várias caixas contendo substâncias anabolizantes que seriam destinadas aos compradores residentes em outros Estados.

Na residência, foram encontrados diversos insumos, matérias-primas, frascos e etiquetas com marcas da empresa clandestina gerenciada por eles, destinados à fabricação de anabolizantes, além destas substâncias em suas variadas composições, já preparadas e prontas para a comercialização. Este é o segundo laboratório clandestino de fabricação de anabolizantes que a Delegacia de Narcóticos desarticula nos últimos três meses.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

 

5 anabolizantes por trás do sucesso que vai ser o Instagram de vários corpos sarados no Carnatal

por Dinarte Assunção

Recentemente, um amigo precisou se submeter, em menos de um ano, a dois procedimentos cirúrgicos por conta da aplicação de anabolizantes.

Os riscos e benefícios de esteroides são conhecidos pela maioria dos frequentadores de academia que querem anabolizar seus corpos. Mas, apesar disso, muitos se lançam nesses ciclos sem acompanhamento profissional.

A 15 dias do maior carnaval fora de época do Brasil, o Carnatal, e com a temporada do pré-veraneio, alguns rapazes e moças – mais aqueles do que essas – estendem o braço para as seringas sem acompanhamento de um endocrinologista.

Num giro que tenho feito por algumas academias e falando francamente com quem utiliza as substâncias, listei os cinco anabolizantes que estão por trás de vários corpos sarados que vão desfilar no corredor da folia.

Lá vão eles:

Oxandrolona: o esteroide mais comentado tem como efeitos principais a redução da gordura abdominal e o aumento da força. Quem a utiliza descreve a seguinte equação: ganham-se músculos enquanto se perde gordura. Suas complicações envolvem de mal estar a disfunções sexuais. Há ainda quem tenha alargamento dos seios e genitais.

Propianato de testosterona: Versão turbinada de laboratório da testosterona produzida pelo corpo, essa substância tem efeitos imediatos para quem almeja ganho de massa muscular. Por outro lado, se mal administrado, pode se converter em estrogênio. Sabe quando você vê um cara sarado com peito de mulher? Foi isso que aconteceu ao manipular sem orientação esse esteroide.

Já imaginou você com peitinho de mulher?

 

Stanonozolol: Assim como a oxandrolona, esse esteroide é descrito como redutor de gordura corpórea e estimulante de massa magra. Entre seus efeitos colaterais estão perda da libido, ansiedade e problemas para dormir.

 

Deca Durateston: Medicamento de reposição hormonal, o Durateston serve para estimular a produção de testosterona. Com ele, o usuário ganha força para levantar mais peso e consegue mais rapidamente ganho muscular. Entre efeitos colaterais também está a ginecostomia (aumento da mama) atrofia testicular, perda da libido.

Trembolona: Descrito pelos usuários com quem conversei como o mais potentes dentre todos, a Trembolona é utilizada para ganho de massa muscular e força. Seus efeitos colaterais também são os mais violentos. A droga sintética causa variação de humor muito elevada, aumento da pressão arterial e crises de tosse e falta de ar imediatamente após a aplicação.

Você na histeria após tomar trembolona
OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Nelson Moreira disse:

    Esses frangos malditos , acha que para ficar forte tem algum milagre, aí vai usar essas merda de anabolizantes e acabam se fedendo , até morrendo , porra quer ficar forte treine todos os dias pesado, coma bem , durma bem que chega lá , musculação o resultado vem com o tempo, não é da noite para o dia que o cara vai ficar grande porra