VÍDEO: PRF prende quadrilha de estelionatários em Mossoró

Foto: Divulgação/PRF-RN

Em Mossoró/RN, no Km 37 da BR 304, às 01:40 dessa quinta-feira (3), foram apreendidos 22 ingressos falsos, R$ 2.667,00 em espécie e uma máquina de cartão de crédito. Foram presos dois homens de 41 e 42 anos respectivamente, ocupantes de um veículo Novo Gol.

A dupla foi detida na saída de um show que estava sendo realizado na Arena Partage em Mossoró. Ocorrência encaminhada à Delegacia de Polícia Civil local.

Após a prisão da dupla e novas diligências feitas pela PRF em parceria com a Policia Civil, foram apreendidos mais material usado nas falsificações como impressoras e presos mais cinco homens com idades entre 33 e 58 anos, integrantes da quadrilha.

Eles encontravam-se hospedados em pousadas e hotéis, mas já haviam saído dos locais. Todos foram presos na estação rodoviária. Os detidos fazem parte de uma mesma quadrilha especializada em falsificação de ingressos para grandes shows.

Os estelionatários são oriundos de vários estados como, Ceará, Maranhão, Bahia, Rio Grande do Norte e São Paulo.

Dupla de estelionatários acusada de aplicar golpes em Natal presta depoimento à Polícia Civil

Nilson-e-AlexssandroUma dupla presa por policiais da Delegacia Especializada em Defraudações (DEFD) na última quinta-feira, dia 18 de julho, acusada de aplicar golpes em Natal utilizando anúncios classificados de internet para escolher suas vítimas estiveram no final da manhã dessa terça-feira (23) na Especializada para prestar esclarecimentos. No dia da prisão eles forneceram nomes falsos.

Alexssandro de Menezes Gouveia, 34 anos, e Nilson Roberto de Oliveira Júnior, 36 anos, foram presos em flagrante nas proximidades do Hospital da Unimed, em Petrópolis, no momento em que fariam mais uma vítima. Na ocasião da prisão, eles se apresentaram com documentos falsificados em nome de Sandro de Menezes Gouveia e Michael Douglas dos Santos.

De acordo com o delegado Robson Coelho, eles compravam geralmente eletrônicos e motocicletas em sites de classificados grátis e em contato com as vítimas por telefone se passavam por empresários. “Eles diziam que eram donos de empresas, que estavam interessados em comprar o produto, mas que estavam muito ocupados para fazer a transação pessoalmente, dessa forma pediam os dados bancários das vítimas para efetuar o depósito, que era realizado nos caixas eletrônicos, mas com o envelope de depósito vazio”, explicou. Segundo as investigações da Polícia Civil, os golpes eram feitos há pelo menos dois anos.

Os comprovantes de depósitos eram retirados nos caixas, mas os acusados pediam a terceiros, principalmente taxistas, sob o pretexto de estarem ocupados, que fossem entregar um fax com a cópia do comprovante às vítimas e em troca recebiam os produtos. “Esses taxistas não sabiam de que se tratava de um golpe e as vítimas só iam notar após perceber que o valor não havia sido depositado”, relatou o delegado.

Os acusados costumavam monitorar num carro a entrega dos produtos para se certificarem de que o material seria entregue a eles. No dia da prisão, a Polícia Civil abordou os acusados quando uma vítima iria entregar um Iphone que a dupla havia comprado.

No apartamento onde os estelionatários moravam, localizado no bairro de Ponta Negra, foram apreendidas uma câmera fotográfica profissional, dois notebooks, impressora, vários relógios de pulso, diversos óculos de grau, um Playstation, uma TV LCD, além de uma carabina e uma pistola de pressão.

As investigações tiveram início no mês de junho quando vítimas do golpe comparecem à delegacia para prestar boletim de ocorrência. Na Especializada já há pelo menos 17 registros de golpes aplicados pela dupla.

Alexssandro de Menezes já responde a quatro processos criminais em Fortaleza-CE por roubo e a dois inquéritos por lesão corporal. Já contra Nilson Roberto havia dois mandados de prisão em aberto pelas 1ª e 4ª Vara Criminal de Natal. Um das vítimas que diz ter tido sua moto roubada há dois anos pela dupla reconheceu os acusados na delegacia.

Os presos, que já tiveram os mandados de prisão preventiva decretados pela justiça, devem responder por estelionato, uso de documentos falsos e falsidade ideológica. A Polícia Civil investiga agora quem seria o receptador dos materiais que eram adquiridos pelos acusados nos golpes.

Em depoimento, Nilson assumiu sozinho o crime e disse que quer indenizar as vítimas. Ele não revelou o nome do receptador alegando “que tem medo de morrer”, numa possível retaliação.

Polícia Civil prende dupla suspeita de estelionato no RN

A Polícia Civil, através do delegado Natanion de Freitas, titular do 3º Distrito Policial, prendeu, na tarde desta quarta-feira (5), dois homens suspeitos de estelionato. Eles foram identificados como Jesaias Luiz da Silva, 26 anos, e Cleiton Gonçalves Santos Silva, de 28.

Segundo a polícia, a dupla estaria utilizando informações de clientes de uma empresa de telefonia para falsificarem documentos e aplicarem os golpes.

[FOTOS] Polícia recupera terceiro carro financiado pela quadrilha

Mais um carro financiado pela quadrilha de estelionatários presa na Operação “Outras Faces”, deflagrada na última sexta-feira (24), foi recuperado pelos policiais civis da Delegacia Especializada em Capturas (Decap). A caminhonete modelo Hilux de cor branca, placas NOD-7825 Natal (RN) estava abandonada no bairro do Tirol, zona leste da capital. Só nesta terça-feira (28), já é o segundo veículo encontrado pela Polícia.

Segundo informações do titular da Decap, Ben-Hur de Medeiros, a Polícia Civil recebeu uma ligação anônima informando que a Hilux estava na Rua Jundiaí. Esse veículo havia sido financiado no nome do empresário Fernando de Arruda Botelho, da empresa Camargo Correia, falecido no dia 13 de abril, num acidente aéreo em Itirapina (SP).

O segundo carro recuperado,que estava em poder da quadrilha, foi o Golf prata, placas PGH-6287 Recife (PE), encontrado no bairro de Capim Macio no início da manhã. O veículo foi financiado no nome do técnico judiciário Solleon Natus Tavares de Menezes, falecido vítima de acidente de trânsito ocorrido dia 13 de junho, no Ceará.

“Acreditamos que as pessoas que estavam com esses veículos estão amedrontadas e por isso estão abandonando os carros”, diz. “Vamos investigar para descobrir quem são elas e podermos ouví-las”, acrescenta o delegado.

O primeiro carro recuperado pela Polícia foi no momento da prisão de Tiago Soares da Cruz, em Recife (PE).  Ele estava com  um veiculo  i30, também financiado em nome de Solleon Natus Tavares de Menezes.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carlinhospinto disse:

    eu acho interessante é essas financeiras aprovarem esses cadastros todos montados, quando somos nós que vamos financiar para pagar quer saber até o tipo sanguíneo da pessoa de tanta burocracia que elas exigem. 

Golpe: casal finge ser empresários de ex-vocalista da banda Cavaleiros do Forró e engana comerciantes no interior

Um casal da Paraíba andou nas cidades de Assú e Angicos, localizadas no interior do Rio Grande do Norte, se passando por empresários do cantor Neto Araújo, ex-Colo de Menina e Cavaleiros do Forró.

Segundo o portal Ministério do Forró, os estelionatários deram  calote nas redes de hotelaria e casa de materiais de construção nas cidades já citadas. Eles conseguiam estadia e refeições de graça, e também levavam dinheiro dos proprietários dos estabelecimentos .

A tática era iludir os comerciantes prometendo um grande evento em Pendências com Chicabana, Neto Araújo entre outras atrações. Os acusados vendiam comerciais para uns supostos telões que iriam ser montados em um grande evento naquela cidade. A polícia investiga o caso.

Fonte: V&C Artigos e Notícias