Três anos de gestão: prefeito de Natal cumpriu 37% das promessas de campanha

Foto: Reprodução/G1

Carlos Eduardo e Álvaro fizeram promessas específicas em um programa de governo registrado no TSE, em entrevistas e debates. O portal G1 levantou tudo e separou o que pode ser claramente cobrado e medido.

Página atualizada em 2/1/2020, com 3 anos de governo. Próxima atualização: ao fim do mandato. Acesse o que foi e o que não foi comprido aqui.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Marcos Aurelio disse:

    Prefeitos do pão e circo.
    Acorda Natal.
    Ainda pensa em colocar a mulher para disputar a prefeitura de Parnamirim.
    Kkk

  2. Emílio disse:

    Tiro chapéu para eles que conseguem em toda eleição enganar o povo é o povo ainda acredita
    O problema é o povo que vota
    Mas também votaram runs novos ano passado e veja o niper de nossos parlamentares, eu falo de todos de qualquer partido

  3. Reginaldo disse:

    Não pode realizar nem 50% das promessas.
    Escola feita, lição aprendida, assim como vimos nos últimos 20 anos, vão repetir as promessas para chegar a reeleição e não vão cumprir mais uma vez. A metodologia é a mesma, independente do partido. Essa novela é conhecida e de conhecimento público. Alguma dívida?

Prefeito de Natal recebe comissão de comissão de representantes dos food trucks

O prefeito de Natal recebeu uma comissão de representantes dos food trucks que atuam em Ponta Negra, na Câmara Municipal de Natal, antes de ir ao plenário ler sua mensagem anual, na tarde dessa terça-feira (19). Ele se comprometeu com a comissão de ir ao Ministério Público do Rio Grande do Norte para rediscutir o assunto e ver a melhor decisão.

A intenção é solicitar um novo prazo, com intuito de se discutir o problema dentro da revisão do Plano Diretor de Natal, que está em pauta este ano.

O Ministério Público RN notificou os proprietários dos food trucks da área considerada imprópria para edificações, com prazo até dia 11 de março. Os comerciantes desta área estão no local há três anos e alegam que não há edificações e sim carros móveis, o que caracteriza o tipo de comércio.

“O próximo passo é procurar o MP e dialogar para tentar encontrar uma solução para o caso. Pessoalmente, acho que o Ministério Público poderia elastecer o prazo para a saída desse pessoal para que possamos neste período encontrar uma solução, e por no Plano Diretor, que está sendo discutido e que vai ser revisado, se incluir uma solução para essa situação”, afirmou o prefeito.

Segundo acrescentou, tem que haver discussão sobre a localização dos food trucks. “Os turistas gostam, os natalenses também. Então não vejo porque a gente não procurar encontrar uma solução para acabar com essa polêmica e que eles possam permanecer lá”, finalizou.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. MM disse:

    É um absurdo manter aqueles food trucks em ponta negra. Os restaurantes pagam impostos e assinam carteira dos funcionários, enquanto que os food trucks sujam o ambiente público e poluem o visual do maior ponto turistico do RN

  2. anderson disse:

    food trucks são moveis portanto não se justifica que permaneçam fixos naquela area, Estão querendo se apropriar da area e assim reduzir os custos de se manter um comércio
    não acho justo com os demais comércios que seguem todas as normas e regras com custos altos para se manterem abertos .
    pensem em quantas empresas tiveram que demitir funcionários devido a queda nas vendas causada por essa turma que devido a não arcar com custos elevados vende mais barato e cria a concorrencia desleal.

  3. Menezes disse:

    Sempre ele MP que turminha mas chata queria saber aonde tava essa turminha enquanto o RN era destruído.

  4. Waldemir disse:

    É muito simples
    Padronização dos quiosques e não treiller e prefeitura cobra aluguel e os comerciantes são obrigados a abrir uma empresa e pagar todos os impostos e ponto final

  5. João B. disse:

    Engraçado falarem tanto de food truck mas esses aí claramente são fixos no local, então devem atender a regras de estabelecimentos fixo. E sim, sou a favor da ocupação da área, está salvando esse trecho da roberto freite, com seus calçadões esburacados e pouca iluminação.

  6. Brasil de MER.... disse:

    Tem que legalizar e cobrar impostos desse povo …e NÃO EXPULSAR, se não irá virar mais uma área de drogas

Lei do transporte público em Natal é sancionada, mas prefeito veta emendas de vereadores

É destaque no portal G1-RN nesta quinta-feira(03). O Prefeito de Natal, Álvaro Dias (MDB), sancionou e publicou nesta quinta-feira (3) a Lei Complementar nº 179, que foi aprovada pela Câmara Municipal no final de 2018 e altera a legislação municipal a respeito do transporte público da capital potiguar. Porém ele vetou quatro emendas que foram aprovadas pelos vereadores.

Nos vetos (todos parciais), o prefeito considerou que as regras propostas pelos parlamentares não poderiam ser colocadas em vigor porque apresentavam inconstitucionalidades ou interferiam em questões que só podem ser decididas pelo próprio Poder Executivo e pelas empresas concessionárias do transporte público da cidade.

Com os vetos, o projeto volta ao Poder Legislativo. Os vereadores vão analisar os argumentos do Poder Executivo e devem decidir se acatam ou não o vetos parciais.

Veja o que foi vetado na Lei do Transporte Público em reportagem na íntegra aqui

Prefeito de Natal, Álvaro se compromete a manter estrutura de Carlos Eduardo

O atual prefeito de Natal, Álvaro Dias, afirmou nesta sexta-feira que pretende manter a estrutura administrativa herdada de Carlos Eduardo. Ele afirmou que ‘praticamente’ não fará mudanças no secretariado.

“Vou seguir com a equipe técnica que vem realizando um trabalho extraordinário na atual gestão. O único nome que deverei mudar é o do Gabinete Civil”, afirmou o prefeito, sem revelar o nome de seu auxiliar.

Álvaro ainda comentou que novos ajustes fiscais dependerão de como a equipe técnica vai se pronunciar.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. paulo disse:

    BG
    O alcaide que renunciou disse que vice é vice, vamos ver agora, afinal ele é de Caicó.

FOTOS: Carlos Eduardo é diplomado prefeito de Natal; veja lista de vereadores eleitos que também receberam diplomas

Fotos: Twitter Prefeito Carlos Eduardo

Por interino

Reeleito em primeiro turno nas eleições de outubro, Carlos Eduardo(PDT) foi diplomado prefeito de Natal na tarde desta segunda-feira(19), em evento no salão atlântico do Hotel Holiday Inn, localizado na avenida Salgado Filho, bairro Lagoa Nova. O chefe do executivo agradeceu a manifestação “expressiva” dos natalenses, e prometeu “honrar a todos” em seu novo mandato a partir de janeiro de 2017.

“Me sinto honrado em receber, mais uma vez, o diploma de prefeito de Natal, por manifestação expressiva dos natalenses. Diante desta qualificada plateia, é preciso agradecer à população pela confiança no nosso trabalho em mais um mandato. Vamos honrar a todos. Agradeço a Deus e ao povo pela diplomação. Nosso compromisso é buscar cumprir o dever de fazer desta uma cidade cada vez melhor de se viver”.

A diplomação é o ato pelo qual a Justiça Eleitoral atesta que o candidato foi efetivamente eleito pelo povo e, por isso, está apto a tomar posse no cargo. Nas eleições 2016 em Natal, o ato da diplomação dos eleitos e suplentes compete ao Juízo da 1ª Zona Eleitoral, conforme resolução do TRE-RN 27/2015. Na solenidade foram diplomados somente os eleitos da capital. Os suplentes deverão requisitar o diploma em suas respectivas zonas eleitorais.

No diploma, constam o nome do candidato, a indicação da legenda sob a qual concorreu, o cargo para o qual foi eleito e outros dados a critério da justiça eleitoral. Em Natal, foram diplomados o prefeito, o vice-prefeito e 29 vereadores.

LISTA DOS ELEITOS DE NATAL

Prefeito e Vice prefeito:

Carlos Eduardo Alves (PDT)
Álvaro Dias (PMDB)

Vereadores 29:

Aldo Clemente (PMD)
Ana Paula (PSDC)
Aroldo Alves (PSDB)
Bispo Francisco de Assis (PRB)
Carla Dickson (PROS)
Cícero Martins (PTB)
Chagas Catarino (PDT)
Dinarte Torres (PMB)
Eleika Bezerra (PSL)
Eudiane Macedo (SD)
Eriko Jácome (PTN)
Felipe Alves (PMDB)
Fernando Lucena (PT)
Franklin Capistrano (PSB)
Júlia Arruda (PDT)
Klaus Araújo (SD)
Kleber Fernandes (PDT)
Luiz Almir (PR)
Natália Bonavides (PT)
Ney Lopes Jr (PSD)
Nina Souza (PEN)
Paulinho Freire (SD)
Preto Aquino (DEN)
Raniere Barbosa (PDT)
Robson Carvalho (PMB)
Sandro Pimentel (PSOL)
Sueldo Medeiros (PHS)
Ubaldo Fernandes (PMDB)
Wilma de Faria (PT do B)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Marcelo Barbosa disse:

    Enquanto o povo eleger como seus representantes essa qualidade de VEREADORES, irmãos, filhos, esposas e parentes diretos de CORRUPTOS declarados, muitos deles inelegíveis, não podemos reclamar de nada.

  2. Antonio disse:

    Pobre cidades Natal! Com um administrador desses! Esperar o quê?

  3. Reginaldo disse:

    Pra que tantos… se ao menos a metade fizesse um pouco para a população, ????????…mas não. Só levamos peia! !!!

  4. Ems disse:

    "4 anos de alegria !!!"

  5. Assis Porto mirim disse:

    Nem a libação reuniu tantos

  6. Alysson disse:

    Prefeito que odeia servidor!

  7. Mathias disse:

    " Prefeito caloteiro ", digno de nojo!!!!!

  8. BarbyBarby disse:

    Prefeito mentiroso.

  9. deivid disse:

    o partido de Aldo Clemente é o PMB.

  10. J disse:

    Só carniça!

Carlos Eduardo(PDT) é reeleito prefeito de Natal com 63,42% dos votos

natal_1-350x180Conforme previsto nas últimas pesquisas na capital potiguar, o atual prefeito de Natal, Carlos Eduardo(PDT), confirmou seu favoritismo e foi reeleito prefeito de Natal, com 225.671 votos, equivalentes a 63,42% da preferência dos eleitores. Álvaro Dias(PMDB), íntegra a chapa como vice. Números finais a qualquer momento.

fim natal

Biografia

Advogado, Carlos Eduardo Nunes Alves nasceu no Rio de Janeiro, mas veio morar na capital potiguar aos dois anos de idade. Formou-se em direito pela Faculdade Católica Santa Úrsula (RJ) e logo recém-formado ingressou na carreira política.

Em 1986 voltou a Natal, se candidatou e elegeu-se deputado estadual pelo PMDB. Foi deputado por quatro vezes e chegou a ser líder da oposição e, mais tarde, atuou como líder do governo na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

Foi Secretário de Estado do Interior, Justiça e Cidadania, quando implantou nove Centrais do Cidadão, construiu os presídios de Alcaçuz e de Caicó, e implantou o Hospital de Custódia e a Casa Albergue. Também foi ele quem implantou o Procon estadual e criou o Conselho Estadual dos Direitos Humanos.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Olho Vivo disse:

    Carlos Santiago
    03/10/2016 às 11:37

    Não resta dúvidas que o fim das doações de empresas ajudou milionários.
    A mudança na legislação nessas eleições, que impediu que empresas fizessem doações às campanhas dos candidatos, favoreceu os postulantes de maior patrimônio; 23 milionários se elegeram prefeitos de grandes cidades no 1º turno; os dois mais ricos da lista são Vittorio Medioli (PHS), de Betim (MG), que declarou bens no valor de R$ 352.572.936,23, e João Doria (PSDB), eleito em São Paulo, com R$ 179.765.700,69.
    Esse é um quadro assustador. Pois agora não é mais o poder econômico que apoia o candidato, o próprio candidato é o poder econômico.

    Blog do BG: http://blogdobg.com.br/page/4/#ixzz4M84ZyV7l

  2. Ceará Mundão disse:

    Sua leitura está correta, meu caro. A única coisa que o "cumpanhero" jean disse que se pode aproveitar é a descrença com a classe política em geral. De forma geral, o povo brasileiro legitimou, PELO VOTO, o impeachment do PT (sim, do partido) e reduziu esse partido ao seu devido tamanho. Em 2018 saberemos completar o serviço. A esquerda levou um grande golpe. O Rede foi um fiasco. No Rio, o Freixo só postergou a derrota. Em Recife, o mesmo com o PT. O PMDB se manteve e o PSDB cresceu, como também outros partidos de menor expressão. De forma geral, o eleitorado se "endireitou". A propósito, como o PT só logrou êxito em Rio Branco, que tal o Brasil avaliar a possibilidade de devolver o Acre à Bolívia. kkkkkkk

  3. Almir disse:

    O povo daqui só vota em coroné.

  4. malvadesa disse:

    Melhore Robisison peruca cabeção tá chegando

  5. Manoel disse:

    Se preparem pra sofre e fica nas mãos de Henrique e Álvaro dias em 2018

  6. Neto disse:

    As eleições de 2016 comprovaram o que se esperava, ou seja, o massacre do PT. O partido foi praticamente dizimado, se compararmos os resultados das duas últimas eleições. A presença de Lula nos palanques do PT, só desgastou as candidaturas petistas. Isso ficou constatado não só na candidatura de Mineiro, como também no restante das capitais, exceção apenas de Rio Branco/AC, no primeiro turno. Boa sorte ao Prefeito reeleito, Carlos Eduardo. Espero que a sua gestão seja profícua e voltada especialmente para as classes menos favorecidas.

    • Jean disse:

      Outras leituras são possíveis…
      Podemos ver também que o PMDB foi severamente punido com expressiva derrota eleitoral, como partido mais identificado com o Golpe perpetuado por Michel Temer, Presidente do Partido.
      A Soma de votos brancos, nulos e abstenções “venceria” 1º turno em nove capitais.
      Um dos maiores defensores do impeachment da presidente Dilma Rousseff, o MBL (Movimento Brasil Livre) só conseguiu eleger 7 dos 45 candidatos a vereador que lançou.
      A vitória de João Doria, na capital paulista, e do PSDB nas cidades mais importantes de São Paulo, teve também um efeito colateral: matou, com dois anos de antecedência, a guerra interna do partido para definir quem será o candidato em 2018; com o controle das máquinas do governo paulista e da prefeitura, Geraldo Alckmin só não disputará a presidência da República se não quiser.
      Aécio e Serra saem enfraquecidos do Processo. Pois não conseguiu eleger seu candidato em Minas Gerais, onde terá segundo turno, e Serra, que apoiou Marta Suplicy por baixo dos panos, teve derrota humilhante.
      Assim, podemos dizer que cresceu a descrença na política e nos políticos, foram eleitos muitos candidatos aparentemente apolíticos ou sem o perfil e preparo para a tarefa e responsabilidade que lhes está sendo atribuída, e setores conservadores, reacionários e radicais tiveram ampliação, significando que terá reflexos em importantes pautas, devendo reforçar a onda pela retirada dos direitos sociais e pela regressão civilizatória no país. O novo cenário político exigirá forte unidade do campo popular, intensa batalha de ideias na sociedade e muita disposição para a luta.

  7. Parabéns ao nosso querido prefeito por sua reeleição!

  8. Marcelo disse:

    Parabéns prefeito, vamos esperar o posicionamento do Ministro Barroso.

  9. malvadesa disse:

    Melhore o governo do rn governador

Projeto do PSDB é ter candidatura própria a prefeito de Natal, diz Rogério Marinho

fotoO PSDB do Rio Grande do Norte tem, entre seus objetivos para as eleições municipais de 2016, lançar uma candidatura própria a prefeito de Natal. O posicionamento foi revelado pelo deputado federal Rogério Marinho, presidente de honra da legenda, durante entrevista concedida ao programa RN no Ar, na TV Tropical, nesta sexta-feira (22).

“Time que não jogar não tem torcida. O projeto do PSDB é ter uma candidatura própria para a Prefeitura de Natal em 2016, mas esse é um tema que só será discutido pelo partido no próximo ano. Agora é hora de trabalhar por melhorias para nossa cidade e Estado, de fiscalizar esse desgoverno do PT e de cobrar soluções para os problemas do país”, disse o parlamentar.

Quando questionado se aceitaria ser candidato novamente a prefeito de Natal, Rogério, eleito em 2014 como o deputado federal mais votado da capital potiguar, disse que está a disposição do PSDB e que aceitaria o desafio, mas reafirmou que os tucanos só definirão seu posicionamento com relação as próximas eleições no primeiro semestre de 2016.

A crise do governo da presidente Dilma Rousseff (PT) também foi abordada durante a entrevista. Rogério voltou a defender a abertura do processo de impeachment da petista, diante da sequência de denúncias de corrupção envolvendo a gestão do PT.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Observador Oestano disse:

    George Câmara é um excelente nome. Natal mereçe esse grande político, que não faz propaganda e nem se entrega aos interesses da Elite.

  2. Observador Oestano disse:

    Rogério defensor das terceirizações, inimigo da Educação, Keops, eterno secretário de MICARLA ? Deus nos livre dessas Prejúrias. Natal mereçe coisa melhor. Até Dagô do forró, Rambo de Natal e Camarada Leto são melhores do que essas Pestes.

  3. Carvalho disse:

    se for o Rogério Marinho.

  4. Carvalho disse:

    Excelente candidato.

  5. Bruno Morais disse:

    Aqui só rola kelps , Rogério marinho e tomba. Infelizmente pessoas como amanda gurgel, Lucena e George câmara são esquecidos pela imprensa.

Câmara Cível nega provimento a recurso da CMN contra contas de 2008 do prefeito Carlos Eduardo

A Segunda Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) negou provimento a uma Apelação Cível interposta pela Câmara Municipal de Natal (CMN) e Ministério Público Estadual contra sentença proferida pelo Juízo da 3ª Vara da Fazenda Pública de Natal que julgou procedente o pedido para declarar a nulidade do Decreto Legislativo nº 1078/2012 – por meio do ato normativo a Câmara de Vereadores havia rejeitado as contas anuais do prefeito Carlos Eduardo Alves, relativas ao exercício de 2008. O recurso teve como relator o desembargador Ibanez Monteiro.

Nas razões recursais, os apelantes suscitaram preliminar de impossibilidade jurídica do pedido, por se tratar de ato interno do legislativo municipal, insuscetível de apreciação pelo Poder Judiciário. O procurador da Câmara Municipal, Eriberto Neves, sustentou que no âmbito da função do Legislativo municipal de controle externo, com alcance irrestrito sobre as contas do ex-gestor municipal, foram encontradas irregularidades insanáveis, de modo que não houve extrapolação de exercício de função de fiscalização da gestão contábil, financeira, operacional, orçamentária e patrimonial pelo parlamento municipal.

“A rejeição das contas anuais do ex-prefeito baseou-se em relatório da Comissão de Orçamento, Finanças, e Fiscalização da CMN, que apontou saque dos recursos previdenciários, venda da conta única ao Banco do Brasil e utilização de seus valores, atos administrativos que importaram em aumento da folha de pessoal nos últimos 180 dias da gestão”, afirmou, em sustentação oral, o procurador Eriberto Neves.

A defesa de Carlos Eduardo Alves, composta pela advogado Rodrigo Fonseca, apresentou contrarrazões, sustentando que o órgão legislativo não questionou qualquer ato relacionado às contas anuais, mas exclusivamente atos de gestão, de ordenação de despesas, os quais não houve parecer prévio do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RN), o que seria imprescindível ao processo de julgamento das contas.

“Ocorreu violação aos princípios do devido processo legal, contraditório e ampla defesa. Assevero que inexiste qualquer ilegalidade ou prática de ato de improbidade que possa ser atribuído ao apelado; houve sim desvio de finalidade da CMN”, colocou o advogado do prefeito.

Voto

Para o relator da Apelação Cível, o desembargador Ibanez Monteiro, a CMN, ao detectar as supostas irregularidades em questão, deveria ter remetido o procedimento ao Tribunal de Contas do Estado, para que aquela Corte se pronunciasse sobre as impugnações ou constatações identificadas, nos moldes da Lei Orgânica do Município de Natal, para que assim o TCE-RN pudesse emitir parecer prévio complementar acerca dos questionamentos do parlamento municipal.

“Somente com a elaboração do parecer prévio complementar é que a Câmara Municipal poderia proceder ao julgamento das contas, seja mantendo ou rejeitando o opinamento aditivo, mas jamais substituir a análise prévia de determinados pontos relativos às contas anuais por manifestação de uma comissão interna. Há ausência de previsão legal, nesse sentido”, justificou o relator.

Discutidos os autos, o desembargador Virgílio Macedo Jr e o juiz convocado Francisco Seráphico acompanharam o relator Ibanez Monteiro no desprovimento da Apelação Cível e na negativa de provimento aos recursos interpostos, em dissonância com o parecer do Ministério Público Estadual.

(Apelação Cível nº 2013.006991-8)
TJRN

Prefeito de Natal reforça caravana da “União pela Mudança” na Zona Oeste de Natal

O prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT), reforçou a caravana da coligação “União pela Mudança” neste domingo (03) pela  Zona Oeste de Natal. O chefe do Executivo estadual , destacou a necessidade de eleger Wilma de Faria (PSB) para o Senado e Henrique Eduardo Alves (PMDB) governador para que a capital e o estado conquistem mais investimentos. 

“Precisamos eleger Wilma senadora. Ela trabalhou e trabalha muito e é preciso que se reconheça quem trabalha. O povo de Natal sabe disso. E, como senadora, trabalhará mais, me ajudando a ser um grande prefeito”.

Duas carreatas partiram simultaneamente dos bairros Nazaré e Felipe Camarão e se encontrarão na Cidade da Esperança. Enquanto Wilma e Henrique saíram da Rua Mira Mangue, em Felipe Camarão, ao lado de Carlos Eduardo, do candidato a deputado estadual, Adão Eridan, e de postulantes à Câmara dos Deputados, Sávio Hackradt e Zenaide Maia; o ministro Garibaldi Filho comandava a outra mobilização que partiu da rua Raimundo Figueira.

DSC_0067

DSC_0058

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carlos Dantas disse:

    Quem diria, né, já que dois anos atrás Henrique e sua turma estavam detonando Carlos Eduardo e Wilma na televisão, mostrando o remédio no lixo e os escândalos de Wilma. Tinha até um boneco fazendo piada com os dois. Agora estão juntos e misturados. Saia dessa Carlos Eduardo, Natal escolheu você CONTRA o candidato de Henrique. Lembre-se que onde Henrique bota a mão a coisa desanda.
    Foi assim com o desgoverno da Borboleta e da Rosa. E depois quer tirar o corpo fora. Lembra que Hermano ficava negando ter apoiado a Borboleta e atécombinou com ela para dizer que votava em você.
    SAIA DESSA CARLOS EDUARDO, você não precisa disso. Vá cuidar de Natal, que foi para isso que você foi elito e teve o meu voto.
    Vamos eleger Sávio e já tá de bom tamanho. Mas unir Sávio com esa turma de Henrique vai sujar. Quem avisa amigo é.

  2. ventura disse:

    “União pela Mudança”
    Quando leio uma frase dessas e vejo nomes como Henrique Alves, Wilma Maia (sei la em que galho ela está), Garibaldi, Jose Agripino todos juntos no mesmo barco falando em mudança eu me pergunto onde foi que parei. Será que eu parei no tempo? ou povo é mesmo burro ou essa turma é cara de pau?

  3. Felicidade da silva disse:

    Quero saber se a limpeza da cidade(praças) cheias de matos,bichos,etc…só vai ser feita quando Vilma maia chegar ao poder…coisa que já chegou e nunca fez,pagamos um IPTU bem alto,não acha que é dever da prefeitura limpar???????sempre o jogo do …se ela ganhar vai fazer tudo que precisa,piada…..e sem graça.