Polícia

FOTOS: Bandidos fazem série de explosões para abrir cofre e destroem conveniência de posto na Grande Natal

Fotos: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

O portal G1-RN destaca em reportagem que uma loja de conveniência e a sala do setor administrativo de um posto de combustíveis em Macaíba, na Grande Natal, ficaram completamente destruídas, após uma série de explosões realizadas por criminosos na madrugada desta quinta-feira (18),  por volta das 3h. Segundo a polícia, pelo menos oito homens armados com espingardas e pistolas chegaram ao local em dois carros de cor prata, e renderam frentistas e clientes. As vítimas foram deitadas no chão e tiveram aparelhos celulares tomados. Após as explosões, os bandidos conseguiram abrir o cofre do estabelecimento e fugir com o dinheiro.

Veja mais detalhes e imagens AQUI em reportagem na íntegra.

Opinião dos leitores

  1. A polícia só consegue prender o cidadão, alegando a pandemia. Quero vê eles fazerem valer a lei contra o crime, fica o desafio para a instituição trazer a lei e ordem a Macaíba.

  2. E esse povo pode estar trabalahnado essa hora, cadê o "lockdown de Fátima"?? cadê a polícia pra mandar eles só começãrem às 6:00???

  3. A explosão fez o mesmo efeito do "presidentezinho", explodiu tudo. Bolsonaro, está destruindo o Brasil.

    1. Assina: seguidor de Maduro , Dilma e Lula que querem voltar ao poder e implantar o comunismo.
      Esquerdista cara de pau detectado…
      Xô, comunismo…
      No desgoverno lulopetista o crime organizado tomou conta do Brasil, especialmente do nordeste.
      Lula disse que jovens roubam celulares para ganhar um dinheirinho e ir tomar cerveja com os amigos.
      Tipico pensamento da esquerda…
      A esquerda coloca seus zumbis para espalhar desinformação..

    2. Você deve está com alzheimer ou realmente é da turma do quanto pior melhor, para refrescar sua memoria quem passou 16 anos no poder e roubou a Brasil sistematicamente foi a turma dos petralhas, inclusive o chefe da quadrilha foi preso e é condenado.

    3. Paulo, a União Soviética acabou! Você estudou história? A guerra fria não existe mais. O mundo, em toda sua totalidade é capitalista.
      Lula, é inocente geofla, ele não foi condenado. Não existe condenação antes da sentença, não há sentença, logo, não há condenação.
      Espero que o tempo cure as vossas cabeças, já que abrem mão da razão.

    4. Paulo, desativa a máquina de ódio e vá saber que Nikita Khrushchov já denunciava o comunismo desde 56, fora que o muro caiu, comunismo já era e a briga atual é entre estatistas e liberais.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

VÍDEO: Com ajuda de videomonitoramento, PM prende criminosos, recupera veículos roubados e salva vidas na Grande Natal

Em menos de dois meses, câmeras auxiliaram agentes de segurança pública em mais de 30 ocorrências envolvendo prisões e salvamentos. Foto: Divulgação

O sistema de videomonitoramento do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (CIOSP) – órgão de controle de emergências da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (SESED) – tem proporcionado resultados cada vez mais satisfatórios no combate à criminalidade. O salvamento de vidas tem sido outro destaque.

Em menos de dois meses, por exemplo, as 117 câmeras monitoradas pelo CIOSP na Grande Natal já foram responsáveis por 34 ocorrências geradas a partir de alertas do sistema de videomonitoramento. Destas, 18 terminaram com pessoas levadas a delegacias, sendo oito conduzidas para esclarecimentos por estarem em atitude suspeita, uma detida por lesão corporal, três presas em flagrante por tráfico de drogas, duas por roubo, uma por furto, uma por ato obsceno e duas por descumprimento de lei de combate a doenças contagiosas.

No último final de semana, dois homens foram presos em flagrante e uma motocicleta roubada foi recuperada com a ajuda do videomonitoramento, que acionou e orientou os policiais a chegarem aos criminosos. A ação aconteceu na Praia do Meio, em Natal. O veículo havia sido roubado na Avenida João Medeiros Filho, na Zona Norte da cidade. Toda a ação da prisão foi filmada pelas câmeras.

Salvamentos

Com relação a outros tipos de acionamento, sete vidas foram salvas graças ao sistema de câmeras, sendo cinco pessoas resgatadas durante tentativas de suicídio e duas em situação de afogamento em praias da capital.

O videomonitoramento ainda ajudou o policiamento a recuperar três veículos roubados. As demais ocorrências foram referentes a colisões de trânsito e atropelamentos.

“Uma vida não tem preço. Imagina então sabermos que conseguimos salvar várias vidas graças ao investimento feito em nosso sistema de monitoramento? Inegavelmente, o resultado deste trabalho paga cada centavo”, destacou o coronel Kleber Macedo, coordenador do CIOSP.

Câmeras que revelam multas e veículos com queixas de roubo serão usadas em blitzem de trânsito

O Governo do Rio Grande do Norte continua investindo em segurança pública. O Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (CIOSP) está prestes a receber a implantação de câmeras e escâneres capazes de interagir com o sistema do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RN). A tecnologia vai possibilitar a identificação, em tempo real, de veículos circulando de forma irregular.

“Em uma blitz de trânsito, por exemplo, os policiais que estão na fiscalização terão a confirmação imediata, antes mesmo de o veículo ser abordado, de que ele tem problemas de documentação ou se possui queixas de furto ou roubo. Isso vai tornar a fiscalização mais segura e mais efetiva”, destacou o coronel Macedo.

Ainda segundo o oficial, o CIOSP deverá contar com 40 câmeras fixas para uso de fiscalização no trânsito. Os novos equipamentos devem ser instalados no próximo mês.

Opinião dos leitores

  1. Esses heróis da vida real deveriam ganhar melhor do que os heróis de faz de conta da TV e do cinema.

  2. Bom dia
    Este videomonitoramento deveria existir em todos os bairros e as motos e os capacetes dos motociclistas deveriam ser numeradas,com checagem rapidas.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Bandidos invadem granja na Grande Natal, fazem reféns e trocam tiros com a PM

Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

A Polícia Militar registrou uma invasão criminosa a uma granja na noite dessa terça-feira (27), no distrito da Taborda, em São José de Mipibu, na região metropolitana de Natal. De acordo com a ocorrência, bandidos fizeram moradores reféns e trocaram tiros com a PM. A série de crimes começou por volta das 19h. Na ocasião, três criminosos invadiram a granja e fizeram o caseiro e seu filho reféns.

Segundo a PM, após revirarem a casa das vítimas à procura de armas e objetos de valor, os bandidos determinaram que os homens abrissem o portão que dá acesso à casa principal da granja. Cinco pessoas da mesma família estavam dentro do imóvel. O casal dono da granja disse que tinha acabado de jantar, quando ouviu batidas na porta. Uma das vítimas, uma empresária de 37 anos, afirmou que achava que eram pessoas conhecidas, mas olhou por uma fresta e viu que eram bandidos armados. Ela avisou a todos da casa que se acalmassem. A mulher ainda afirmou que percebeu que os marginais estavam com os caseiros como reféns. Os bandidos exigiam os carros, dinheiro e armas que houvesse em casa. Para proteger os reféns, a família entregou a chave de dois veículos. Um dos carros, uma caminhonete Hilux, foi levada pelos assaltantes, além de dinheiro e celulares.

Após o crime, a Polícia Militar fez buscas na região e se deparou com os bandidos no distrito de Arenã, entre São José de Mipibu e Vera Cruz. Os criminosos então atiraram em direção aos policiais, que revidaram. Apesar do cerco, os criminosos conseguiram fugir. A caminhonete roubada foi recuperada pela polícia.

Com acréscimo de informações do G1-RN

Opinião dos leitores

  1. Segundo os ESQUERDOPATAS essa bandidagem são as VÍTIMAS DA SOCIEDADE.
    Foram anos repetindo esse mantra, o resultado está aí.
    Violência sem controle, onde ninguém está protegido mesmo dentro de seus lares.

    1. O teu Minto, disse que iria resolver. E já se passaram 2 anos…

    2. Nessas situações, a polícia tinha que cancelar pelo menos dois CPFs

  2. Esses lixos sempre roubam hillux… Podiam colocar eles dentro da caçamba com a lona fechada, borrifar spray de pimenta e fechar a tampa pra deixarem de ser otários…

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

CENAS DE TERROR – FOTOS E VÍDEOS: Criminosos atacam bancos e trocam tiros com a PM em São Paulo do Potengi

Fotos: cedidas

Cerca de 30 homens usando armas de grosso calibre atacaram duas agências bancárias e os prédios da Polícia Militar e da Polícia Civil em São Paulo do Potengi, distante cerca de 90 quilômetros de Natal, na madrugada desta quarta-feira (14). Os crimes assustaram a população do município. O ataque começou por volta de meia-noite. Os bandidos arrombaram as agências do Banco do Brasil e do Bradesco na cidade e usaram explosivos para arrombar os caixas eletrônicos. De acordo com a corporação, eles chegaram a levar o cofre da primeira agência.

Segundo a polícia, os bandidos também atacaram o pelotão da Polícia Militar e a delegacia da Polícia Civil. Na fuga, eles ainda se depararam com equipes de reforço da PM que chegavam ao município. Houve troca de tiros, mas os bandidos conseguiram fugir. Os criminosos usaram armas de grosso calibre, inclusive fuzil. Eles também queimaram um carro na entrada da cidade e jogaram grampos de ferro para dificultar o acesso da polícia. A quantia roubada pelos bandidos não foi divulgada.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Cerca de 30 homens usando armas de grosso calibre atacaram duas agências bancárias e os prédios da Polícia Militar e da Polícia Civil em São Paulo do Potengi, distante cerca de 90 quilômetros de Natal, na madrugada desta quarta-feira (14). Os crimes assustaram a população do município. O ataque começou por volta de meia-noite. Os bandidos arrombaram as agências do Banco do Brasil e do Bradesco na cidade e usaram explosivos para arrombar os caixas eletrônicos. De acordo com a corporação, eles chegaram a levar o cofre da primeira agência. Segundo a polícia, os bandidos também atacaram o pelotão da Polícia Militar e a delegacia da Polícia Civil. Na fuga, eles ainda se depararam com equipes de reforço da PM que chegavam ao município. Houve troca de tiros, mas os bandidos conseguiram fugir. Os criminosos usaram armas de grosso calibre, inclusive fuzil. Eles também queimaram um carro na entrada da cidade e jogaram grampos de ferro para dificultar o acesso da polícia. A quantia roubada pelos bandidos não foi divulgada. Imagens: Cedidas Com acréscimo de informações do G1-RN

Uma publicação compartilhada por Blog do BG (@blogdobg) em

Com acréscimo de informações do G1-RN

Opinião dos leitores

  1. Objetivo desses assaltos: financiamento de campanhas políticas de um monte de marginal! Cuidado em quem você vota.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Flávio Bolsonaro alerta no Twitter que seu nome está sendo usado por criminosos

Foto: Reprodução/Twitter

Flávio Bolsonaro avisou no Twitter que seu nome está sendo usado por criminosos:

“Deixo público, a quem possa interessar, que NINGUÉM está autorizado a usar meu nome para o quer que seja. Se não ouvir da minha própria boca pode dispensar o 171.”

Ele não disse quem são os criminosos nem o que pretendem obter, mas a mensagem enigmática deve se tornar mais clara muito em breve.

O Antagonista

Opinião dos leitores

  1. Esse Flavio Bolsonaro não é flor que se cheire, espero que ele não seja reeleito e as urnas deem a resposta para tantos procedimentos errados.

    1. Você se preocupou com as atitudes de João Vaccari, Alberto Yousself, Marcos Valério, André Vargas, Cerveró, Roberto Costa, Pedro Barusco, Renato Duque, Lula, Dilma, Mercadante, Delcídio do Amaral, Gleisi Hoffmann, Paulo Bernardo, Lindberg Faria, Arlindo Chinaglia, Jacques Wagner, Fernando Baiano, Argôlo, Aldemir Bendine (BB), Cândido Vacarezza (petrobrás), João Santana e Mônica Moura, José Dirceu, Genoino, Gilberto Carvalho, Bumlai e muitos outros????????
      Então porque tanta preocupação com Queiroz????????

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Trabalhador é morto por engano na Grande Natal após ser confundido por criminosos

Foto: Ilustrativa

O portal G1-RN destaca nesta quarta-feira(27) a morte de um homem de 30 anos na comunidade Olhos D’água do Carrilho, em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal, na noite dessa terça-feira (26). De acordo com a reportagem, a família acredita que ele pode ter sido confundido pelos criminosos e morto por engano. Na ocasião, conta a Polícia Militar, três homens armados deixaram um veículo longe do local do crime para procurar duas pessoas, teriam passado por Ronilson Barbosa de Lima,  e confundido a vítima com um dos homens procurados.

A esposa de Ronilson confirmou a versão da PM e relatou que ele não sofria ameaças. A vítima trabalhava em uma empresa de jardinagem no bairro Ponta Negra, Zona Sul de Natal. O emprego era a única fonte de renda da família. Ele deixa a mulher e dois filhos. Matéria completa aqui.

 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Criminosos arrombam agência bancária na Avenida Prudente de Morais e furtam aparelhos de TV; dois são presos em ação da PM

Foto: Mariana Rocha/Inter TV Cabugi

A Polícia Militar prendeu dois ladrões em flagrante, na madrugada desta sexta-feira (6), após furtarem três parelhos de TV de uma agência bancária localizada na Avenida Prudente de Morais, na Zona Leste de Natal. Na ação policial, ferramentas foram apreendidas.

Segundo a Polícia Militar, a dupla quebrou uma porta lateral de vidro e teve acesso à recepção da agência, onde pegaram as TVs. Pelo fato de o banco estar em reforma, o sistema de monitoramento estava desativado.  Veja matéria completa aqui no portal G1-RN.

 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Criminosos invadem prédio no centro de São Paulo e furtam aparelho que ajuda criança respirar

Foto: Record

Um apartamento localizado na Rua Augusta, centro de São Paulo, foi furtado na última quinta-feira (15). As câmeras de segurança flagraram o momento em que dois homens arrombam a porta do prédio e saem carregados de objetos do local. Entre os itens roubados, estava o aparelho que auxiliava uma criança respirar. As informações são da Record TV.

A dupla gastou pouco mais de um minuto para passar pela porta do prédio, que não possui portaria. Dos quatro apartamentos do prédio, somente um foi arrombado. No recinto, outros objetos foram furtados além do aparelho de respiração: joias, uma televisão e até mesmo brinquedos.

Os suspeitos não levaram todo equipamento. Segundo o pai da criança, Otávio Corrêa, a estrutura levada é inútil. Eles deixaram para trás a mangueira de ar e a máscara de oxigênio, essenciais para o funcionamento do aparelho. O jovem, que tem Síndrome de Down, também teve sua coleção de brinquedos furtada.

As câmeras de segurança também registraram as mochilas e os sacos de lixo utlizado para levar os bens, assim como a placa do carro usado pela dupla para sair do local.

Importância do aparelho

Para a família, apesar da variedade de itens roubados, o aparelho de respiração é de longe o objeto mais valioso. O CPAP (Pressão aérea contínua positiva, traduzido do inglês) custa em tonro de R$ 3.000.

“O mais importante é o aparelho do meu filho. Super heróis a gente compra aos poucos, notebook a gente compra aos poucos, a televisão também”, afirmou o professor.

R7

Opinião dos leitores

  1. Olá, boa noite.

    Trabalho com uma empresa de equipamentos para terapia do sono e, estou buscando contato com o senhor Otávio Corrêa, pai da criança, para que possamos disponibilizar um equipamento e que assim seu filho possa dar continuidade à terapia respiratória.

    Caso tenham alguma informação sobre o mesmo, me coloco à disposição.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

Justiça nega pedido de indenização a família por morte em via pública causada por criminosos em tentativa de assalto em Natal

O juiz Bruno Montenegro Ribeiro Dantas, da 3ª Vara da Fazenda Pública de Natal, julgou improcedente uma ação movida pela família de um cidadão que foi morto, em via pública, vítima de tentativa de assalto, no ano de 2017, no bairro do Alecrim, Zona Leste da Capital. Eles queriam que o Estado do Rio Grande do Norte fosse responsabilizado pelo evento que resultou na morte do seu ente familiar.

A família pediu, em juízo, pagamento de indenização por danos morais e por danos materiais. Entretanto, a Justiça considerou ausente a possibilidade de aplicação da Teoria do Estado como Garantidor Universal da Segurança Pública e descabida a responsabilidade do Estado pela Teoria do Risco Integral e inexistente o dever de indenizar. Veja todos os detalhes no portal Justiça Potiguar clicando aqui.

Opinião dos leitores

  1. É a justiça mais uma vez mostrando em que lado ela está… se fosse um bandido já teria recebido indenização e um pedido de desculpas do governo

  2. Existe uma inversão de valores nisso tudo. Ora, o cidadão assassinado por um bandido, deixa esposa e filhos completamente desamparados, desestrutura a família por completo, mas os familiares da vítima não tem direito algum, sequer para um acalento financeiro para mitigar as necessidades básicas dos órfãos. Contudo, para o meliante, bandido, assassino, estuprador e afins que foi morto em confronto com outros bandidos dentro da penitenciária a lei é bem generosa, ou deveria dizer o julgador?
    Resumindo, só quem tem direito é o marginal, o cidadão e contribuinte que foi assassinado, sua família que se f***…

  3. Esta semana li uma decisão que obrigou ao Estado indenizar em R$ 80.000,00 a família de um preso de alcaçuz que morreu enquanto cumpria pena naquela unidade. Neste sentido, me vem a indagação. O preso quando comete um crime passivo de prisão, assume ou não assume a mesma Teoria do Risco Integral imposta ao cidadão que morreu vitima de um assaltante, sim, assume. Então, assim como fez como a família da vitima do assaltante, o Estado deveria também ter aplicado a família do preso, fazendo valer o inexistente dever de indenizar. Brasil.

  4. Morrer no meio da rua assassinado por bandidos a família se lasca, agora se você for um bandido e estiver preso em Alcacuz tem direito a um seguro de vida dado pela Justiça. Pqp em que mundo vivemos.

  5. RIO GRANDE DO NORTE: ONDE A INJUSTIÇA CONTRA O CIDADÃO DE BEM IMPERA
    Enquanto isso famílias de certos ASSASSINOS, TRAFICANTES e MANDANTES DE FACÇÃO mortos pelos "colegas de profissão" nos presídios recebe indenização do estado no valor de R$ 80.000,00 com juros e correção monetária.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

‘Os caras vão morrer na rua igual barata, pô’, diz Bolsonaro sobre criminosos; presidente vai enviar projeto ao Congresso para dar ‘retaguarda jurídica’ aos policiais

O presidente Jair Bolsonaro deu entrevista para a jornalista Leda Nagle Foto: Reprodução YouTube

Questionado sobre o que fazer para resolver a violência no Rio e no Brasil, em entrevista para o canal do YouTube da jornalista Leda Nagle, publicada nesta segunda-feira, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que vai enviar um projeto ao Congresso com o objetivo de dar “retaguarda jurídica” para que os policiais possam utilizar armas de fogo em operações sem serem procesados. Para ele, a violência cairá “assustadoramente” se houver excludente de ilicitude na proteção da vida, da propriedade e do patrimônio.

– Os caras vão morrer na rua igual barata, pô. E tem que ser assim – declarou Bolsonaro. A entrevista foi concedida na última quinta-feira e publicada hoje pela manhã.

O presidente afirmou que não se acaba com a violência facilmente, mas destacou que a presença dele e do ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sergio Moro, “dando exemplo”, já diminuiu estes índices “em torno de 24%”. De acordo com o “Monitor da Violência” criado pelo G1, com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal, o número de mortes violentas caiu no Brasil no primeiro trimestre desse ano em relação ao mesmo período de 2018.

– Como cai mais? Está desequilibrado, o bandido tem mais direito do que o cidadão de bem. Eu estou mandando um projeto, que vai ter dificuldade de ser aprovado, mas não tem outra alternativa. Nós temos que dar uma retaguarda jurídica para as pessoas que fazem a segurança: policial civil, militar, federal, rodoviário. Em operação, o pessoal tem que usar aquela máquina que tem na cintura, ir para casa e no dia seguinte ser condecorado, não processado – disse.

Ao ser indagado sobre o caso do morador de rua Plácido Correa de Moura, de 44 anos, preso no dia 28 do mês passado acusado de ter matado a facadas dois homens na Lagoa Rodrigo de Freitas, na Zona Sul do Rio, Bolsonaro afirmou que “a faca é pior do que o tiro”. E lembrou da própria declaração, no dia seguinte, “de que não tinha ninguém armado para dar um tiro nele”. Em seguida, afirmou que, se estivesse armado no local, teria atirado.

– E eu falei, faltou uma arma na mão de alguém para abater o bandido de rua. E eu apanhei. Se eu tivesse armado ali, teria atirado naquele cara. O próprio policial que chegou ali depois atirou na perna. Tinha que ter atirado no meio dele, pô. A gente vê de vez em quando o cara que leva tiro na perna e reage ainda. Você agindo dessa maneira e o policial tendo a garantia de que não vai ser preso, não vai responder processo, o bandido pensa duas vezes antes de fazer besteira – disse.

Na mesma linha, ele rememorou o caso do cunhado da apresentadora Ana Hickmann, Gustavo Correa, que foi denunciado por homicídio doloso por matar o autor de um atentado contra Ana e sua mulher, que é assessora dela. Um suposto “fã” rendeu os três em um hotel em Belo Horizonte, em 2016. Ele foi morto por Correa após atirar contra sua esposa. O Tribunal de Justiça de Minas Gerais concluiu que o cunhado da apresentadora agiu em legítima defesa.

– Um canalha, bandido, entra num hotel. Dá dois tiros numa senhora. O cunhado da Ana Hickmann pega esse cara, toma a arma dele, e naquela briga no chão dá três tiros na nuca do cara. Está sendo processado por excesso. Vai para tribunal de júri. E já tem anos esse processo aí. O Ministério Público de Minas Gerais recorrendo o tempo todo. Qual exemplo que nós estamos dando? Que crime compensa.

– Se um cara entrar na sua casa, você tiver uma arma, legal, você pensar para atirar nele, você está morta. Você tem que atirar nele. O cara tem que saber que se invadir uma propriedade privada, ele vai ter uma reação. E esse projeto nosso vai entrar nesse lado também – afirmou o presidente.

A jornalista perguntou então se ele conseguiria aprovar o projeto no Congresso e Bolsonaro disse que já garantiu a posse de arma para o “homem do campo”, acrescentando:

– Mas a partir do momento que eu entro no excludente de ilicitude, ao defender a minha vida e a de terceiros, a minha propriedade ou de terceiros, o meu patrimônio ou de terceiros, a violência cai assustadoramente.

Sem Garantia da Lei e da Ordem

O presidente disse ainda que não pretende editar novos decretos de Garantia da Lei e da Ordem (GLO), autorizando o emprego das Forças Armadas na segurança pública, enquanto não conseguir aprovar a mudança na legislação. E comentou que não tem autorizado as medidas porque tem que ter responsabilidade sobre o futuro dos militares.

– Se o Congresso me der essa liberdade, para os militares agirem, eu boto a tropa na rua. Eu não vou visitar meu sargento, meu cabo, meu coronel na cadeia – afirmou.

– Se não conseguir aprovar, a BIC não tem GLO. [Os parlamentares] Se entendam com a população. E eu consigo convencer todo mundo, porque pode ser teu filho que está prestando o serviço militar obrigatório, pode ser o teu marido, que é sargento do Exército, teu cunhado, que é capitão da Marinha, tá? Estamos todos nós envolvidos… nós queremos vencer essa batalha – acrescentou, apontando para a câmera.

Bolsonaro deu como exemplo policiais que o acompanharam nos tempos de deputado federal que temiam que eventuais vítimas de criminosos testemunhassem contra eles caso os algozes fossem mortos em uma ação.

– Ela pode até falar: ele só queria meu relógio, ele é uma vítima da sociedade’. Vai ser uma testemunha contra nós. É verdade, é verdade. Agora [em] uma ação como essa, nós temos que interferir ou intervir, não interessa o que aquela pessoa na frente vai falar, nós temos que abater esse cara.

Ele concluiu lembrando do ex-prefeito de Cariacica (ES), conhecido como Cabo Camata, que era da Polícia Militar e faleceu no ano 2000.

– Como ele já morreu, eu posso falar. Tinha muito assalto a ônibus. Ele começou a pegar os colegas dele da reserva –outros tempos, né?, melhor do que hoje no tocante à segurança, muito melhor do que hoje — e começou a botar dois, três atrás do ônibus, descaracterizado. Quando o cara anunciava o assalto, pimba. Pô, matou três, quatro, acabou o assalto a ônibus. Vagabundo não foi mais assaltar ônibus, acabou assalto a ônibus. Está chegando num ponto tal que você é obrigado a agir dessa maneira – disse Bolsonaro.

O Globo

 

Opinião dos leitores

  1. Quem protege bandido é porque ainda não foi vítima, mais vai ser, pode ter certeza, a violência só cresce, aguardem…

  2. É isso aí MITO, bota pra fuder nesses fdp. Tá passando do tempo, ou é agora ou essa cambada de vagabundos tomam conta do Brasil.
    Isso é um legado petista, esses vermes acabaram com a paz no Brasil, quem sai de casa é com medo, vendo a hora se deparar com um vagabundos desses.

  3. Perfeito presidente. E ainda me aparece gente oligofrênica preocupada com a vida das arvores acima da vida humana.
    Tiro na perna é burrisse, o vagabundo acaba gerando custo pro Sus.

  4. QUE ABSURDO, COMBATER BANDIDO ARMADO COM ARMA DE FOGO, ONDE SE VIU ISSO, SÓ EM PAÍSES REPRESSORES
    ISSO NÃO PODE, ISSO NÃO DEVE SER PERMITIDO
    BANDIDO ARMADO COM REVOLVER, PISTOLA, FUZIL, METRALHADORA TEM QUE SER COMBATIDO COM CONVERSA, PEDIDO DE LICENÇA, FLORES E LIVROS, NUNCA COM VIOLÊNCIA, POIS VIOLÊNCIA SÓ GERA VIOLÊNCIA
    MAIS OU MENOS ASSIM NÃO É MESMO?
    DIGAM ISSO AS 70 MIL FAMÍLIAS QUE POR ANO, TEM SEUS FAMILIARES RETIRADOS DA VIDA PELA VIOLÊNCIA

  5. Impossível combater bandidos bem armados e dispostos a qualquer coisa, sem quase nada a perder, usando flores, pombas da paz, música do John Lennon e abraços simbólicos a lagoas e monumentos. Os bandidos devem dar gargalhadas com essas palhaçadas. Precisamos AGIR com rigidez ao mesmo tempo em que cuidamos da educação, da saúde e de outros fatores sociais. Mas o enfrentamento do crime é imprescindível.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

Moro: “Ninguém foi hackeado por falta de cautela. Vulnerabilidade foi explorada por hackers criminosos e pessoas inescrupulosas”

Sergio Moro foi ao Twitter para tratar dos ataques de hackers aos celulares dele, de Deltan Dallagnol, Jair Bolsonaro e de várias autoridades. Quatro suspeitos foram presos na última terça-feira pela Polícia Federal, no âmbito da Operação Spoofing.

“Pelo apurado, ninguém foi hackeado por falta de cautela”, tuitou o ministro da Justiça e Segurança Pública.

Moro reconheceu, no entanto, que “não havia sistema de proteção hábil”.

“Há uma vulnerabilidade detectada e que será corrigida graças à investigação da Polícia Federal”, escreveu o ministro.

Em outra postagem, Moro disse:

“A vulnerabilidade foi explorada por hackers criminosos e pessoas inescrupulosas. As centenas de vítimas, autoridades ou não, que tiveram a sua privacidade violada por meio de crime, serão identificadas e comunicadas pela Polícia Federal ou pelo MJSP.”

O Antagonista

Opinião dos leitores

  1. Nosso Herói Nacional é imbatível, quanto mais levantam mentiras contra ele, não baixa a cabeça e coloca os criminosos na cadeia, mostrando a população e as autoridades onde estão os crimes.
    É muita competência, foi enviado para livrar o Brasil de todo mal.
    Vão falando cambada de FDP e o nosso Herói Moro agindo.

  2. Essa quadrilha na mão de Dr Moro, dá pra imaginar o tamanho da cadeia que vão puxar. Bem empregado.
    Vão mofar.

    1. Moro não é mais juiz, nem poder de prender nem soltar, ele só tenta cumprir o que a justiça determinar

    2. Vc esqueceu que o homem é ministro da justiça.
      A PF tem vínculo ta??
      Vamos avante, que tu vai vê.
      Mimimimimimimimimi

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

Reportagem de O Globo revela que ataque criminoso de hackers foi orquestrado e mirou ‘coração’ da Lava-Jato”, atingindo até Janot e juíza que substituiu Moro; veja como PF detalha ação

Foto: Jorge William / Agência O Globo -20/05/2019

Polícia Federal e o Ministério Público Federal (MPF) têm indícios de que o ataque hacker que expôs mensagens privadas do juiz Sergio Moro e de procuradores foi muito bem planejado e teve alcance bem mais amplo do que se sabe até agora. Entre os alvos dos criminosos, estiveram integrantes das forças-tarefas da Operação Lava-Jato de ao menos quatro estados (Rio, São Paulo, Paraná e Distrito Federal), delegados federais de São Paulo, magistrados do Rio e de Curitiba.

Além do atual ministro da Justiça e do procurador Deltan Dallagnol,foram alvo de ataques a juíza substituta da 13ª Vara Federal Gabriela Hardt (que herdou processos de Moro temporariamente quando ele deixou o cargo), o desembargador Abel Gomes (relator da segunda instância da Lava-Jato no Rio), o juiz Flávio de Oliveira Lucas, do Rio, o ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot , os procuradores Januário Paludo, Paulo Galvão, Thaméa Danelon, Ronaldo Pinheiro de Queiroz, Danilo Dias, Eduardo El Haje, Andrey Borges de Mendonça, Marcelo Weitzel e o jornalista do GLOBO Gabriel Mascarenhas . Outros dois procuradores, ambos ex-auxiliares de Janot, relataram ao GLOBO também terem sido vítimas de ataques de hackers, mas pediram para não terem os nomes publicados.

Em nota, a Justiça Federal confirmou que a substituta de Moro foi atingida e disse que o fato foi “imediatamente comunicado à Polícia Federal”. Segundo o texto, “a juíza não verificou informações pessoais sensíveis que tenham sido expostas”.

Em alguns casos, como o da força-tarefa da Lava-Jato no Rio, alguns integrantes evitaram a invasão, já que tinham controles mais rígidos, em especial a verificação em duas etapas para acesso remoto ao aplicativo Telegram.

As mensagens atribuídas a Moro e Deltan indicam uma atuação combinada em determinados momentos da Lava-Jato, inclusive no processo que resultou na condenação do ex-presidente Lula, expondo a operação a inédito desgaste.

Mesmo após a revelação do caso, o esquema criminoso continua em atuação. Na noite de terça-feira, um hacker entrou em contato com José Robalinho, ex-presidente da Associação Nacional de Procuradores, se fazendo passar pelo procurador militar Marcelo Weitzel, que teve seu celular invadido, como revelou a revista Época.

Em meio à crise deflagrada pelos ataques, procuradores discutem entre si as mais variadas teses sobre as origens dos ataques. Alguns levantam suspeitas até sobre invasões de origem russa, o que não está comprovado. Mas, se os autores ainda são desconhecidos, entre os alvos prevalece a ideia de que as invasões são uma ação orquestrada contra a Lava-Jato.

Ação profissional

A Polícia Federal investiga os ataques dos hackers com duas turmas de agentes e delegados, em quatro cidades. A Procuradoria-Geral da República também abriu um procedimento para acompanhar o trabalho da polícia. A apuração desse tipo de crime é tida como complexa, e o prazo para conclusão das investigações será longo, prevê a cúpula da PF.

As suspeitas iniciais apontam para um mandante com capacidade financeira para bancar o esquema aparentemente sofisticado de ação. Uma das hipóteses é a de utilização de equipamentos que custam entre US$ 2 milhões e US$ 3 milhões, segundo uma fonte da cúpula da PF ouvida pelo GLOBO. Há diversas empresas sediadas no leste europeu e no Oriente Médio que oferecem estes serviços por esses valores.

Por outro lado, chamou a atenção o fato de o suposto hacker ter feito piada na terça-feira com um dos alvos. Numa das mensagens, o invasor afirmou que é apenas um “técnico de TI” (Tecnologia da Informação), sem objetivos partidários.

Segundo os relatos das vítimas e apurações do Ministério Público Federal, o esquema funciona em três etapas:

1 – O hacker descobre o número do celular da vítima e o utiliza para solicitar, via desktop, a abertura de nova sessão do Telegram. Imediatamente, o aplicativo encaminha para a vítima o código de acesso, via SMS, achando que o pedido foi feito pelo dono da conta;

2- O clonador adquire um número de celular, geralmente em países onde há pouca fiscalização, e o utiliza para ligar para a vítima, depois de ter solicitado o código de acesso. Por alguma técnica ainda desconhecida, a vítima, ao atender, permite que o clonador capture todo o conteúdo do SMS, incluindo o código de acesso ao Telegram;

3- Com esse código, o hacker acessa o Telegram através de seu PC e pode ver todas as conversas da vítima, entre as quais as de grupos. Isso porque os diálogos pretéritos ficam guardados no aplicativo. O hacker pode fazer um backup de todos os arquivos, mídias e conversas da vítima e/ou pode se passar por ela perante terceiros no aplicativo, dialogando etc.

Os integrantes do MPF só deram conta do tamanho da ação depois da divulgação dos diálogos de Moro com os membros da força-tarefa de Curitiba. Para o golpe ter êxito, desconfiam, é preciso da conivência de alguém dentro das operadoras de telefonia, uma vez que o acesso é dado no momento em que a vítima atende a ligação. Alguns dos números usados pelo esquema já foram repassados à Polícia Federal.

O problema, apuraram, seriam uma brecha denominada pelas operadoras de “Falha SS7”. Embora aplicativos como o WhatsApp e a Telegram ofereçam criptografia ponta a ponta para evitar que suas mensagens sejam interceptadas, ambos usam o número de celular do usuário para funcionar, e isto abre a guarda para os ataques. A fraude do SS7 permite que qualquer pessoa com acesso à rede de telecomunicações envie e receba mensagens celulares específicas, com alguns ataques que permitem aos hackers interceptar textos, chamadas e dados de localização.

O início dos ataques

A série de invasões teve início, até onde se sabe no momento, em 24 de abril. No primeiro dia de aposentadoria, Janot voltou mais cedo para casa aborrecido com uma série de ligações e mensagens esquisitas que tinha recebido ao longo do dia. Alguns telefonemas tinham partido do próprio número do ex-procurador. Por volta das 22 horas, o telefone celular voltou a tocar.

— Diga aí — disse um procurador, amigo de Janot, do outro lado da linha.

— Diga aí você, que está me ligando — respondeu o ex-procurador-geral, estranhando a abordagem do colega.

— Estou ligando porque você está me pedindo dados que eu já te passei — respondeu Janot.

— Estou estou te pedindo dados ?? — questionou Janot.

Antes de terminar a frase, os dois perceberam que estavam sendo vítimas de um ataque quase simultâneo de um mesmo hacker. O estranho, que tinha ligado várias vezes durante o dia para Janot, estava usando a conta do Telegram do ex-procurador-geral para conversar com um outro procurador. O invasor estava em busca da senha do Twitter do ex-procurador-geral.

No meio da confusão, o procurador interrompeu a conversa com o hacker e orientou Janot a não mais atender ligação e nem abrir mensagens para mudar códigos da Apple, do Telegram ou de outros aplicativos.

O Globo

(Colaboraram Cleide Carvalho, Gustavo Schmitt e Bela Megale)

 

Opinião dos leitores

  1. Hacker não tem dever funcional de seguir a lei. Não adianta a Globo tentar inverter a situação! Quem tem dever de seguir a lei são os juízes! Moro, o anti-herói dos bozopatas, estava em conluio com a acusação para prender Lula para fins políticos. Isso já era praticamente verdade sabida, mas não havia como provar. Agora que a merda foi jogada no ventilador, ele pode esquecer a cadeirinha no STF, e tomar cuidado para não ir para atrás das grades! Estou ansioso pela liberação de áudios, pois são irrefutáveis!

    #VazaJato

  2. A desmoralização da operação lava jato é mundial, não tem como mudar isso. O conteúdo do que está sendo exposto é criminoso para um juiz que deveria ter a função de zelar pela legalidade e isenção do julgamento. O fato se torna mais criminoso ainda, quando as decisões são para interferir no processo democrático. Quanto a globo, esperava-se o que? Como disse o jornalista , ela é sócia da operação lava jato. Essa discussão do hacker é para desviar o foco dos crimes cometidos. Não tem nenhuma prova que os documentos que desmascaram a operação tenha partido de hackers. Tem muita coisa para vir à tona e é isso que a globo teme.

  3. Ativar verificação em dois passos evitaria todo esse imbróglio, mas a turma usa celular desprotegido para veicular informações sensíveis.
    OBS: O Telegram não tem criptografia ativada nos chats normais, do nos secretos.

    1. Melhorando seu comentário: O país onde o professor tem de ser imparcial, quanto a política, mas o juiz pode ter lado, quanto a corrupção.

  4. Essa reação contra os vazamentos da conversa do Moro era esperada. Eles não vão soltar o lula tão facilmente, apesar das evidências. Todavia, a repercussão do tema é grande no exterior vide reportagem do le monde, guardian, NYT… A dúvida que resta é a seguinte: lula receberá o nobel em Curitiba ou Oslo?

    1. Ele deve receber é mais algumas condenações pelos muitos desvios de verbas que praticou.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Criminosos atacam estação ambiental, rádio e Câmara dos Vereadores no 6º dia de violência no Ceará

Força Nacional começa a atuar nas ruas de Fortaleza — Foto: Camila Lima/SVM

Criminosos voltaram a cometer ataques no Ceará no 6º dia seguido de uma onda de violência que atinge o estado desde quarta-feira (2). Bandidos incendiaram uma ambulância em Reriutaba, uma loja de móveis em Fortaleza e atacaram uma rádio e a Câmara dos Vereadores da cidade de Icó, na madrugada desta segunda-feira (7). Em todo estado, ocorreram 125 ações criminosas desde o início da onda de violência. A Força Nacional chegou ao estado na sexta-feira e começou a atuar nas ruas na noite de sábado (5).

Em resposta aos crimes, o Governo do Ceará informou que transferiu um dos chefes de uma facção criminosa do Ceará para um presídio federal. Outros 19 detentos também devem ser levados para outras unidades prisionais nos próximos dias. (veja a lista dos ataques abaixo)

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), 110 pessoas suspeitas de participação nos crimes foram capturadas, e dois homens morreram em confronto com policiais. Pelo menos 60 prisões ocorreram após a chegada de tropas da Força Nacional ao Ceará.

O Governo Federal ofereceu 60 vagas em presídios federais para receber integrantes de facções criminosas que atuam no estado do Ceará. Atualmente, algumas unidades prisionais do estado têm presos separados de acordo com os grupos criminosos que participam.

Motivação

A Secretaria da Segurança e Defesa Social do Ceará não se pronunciou oficialmente sobre o motivo dos ataques no estado.

A sequência de ataques ocorreu após a fala do novo secretário da Administração Penitenciária, Mauro Albuquerque, que prometeu fiscalizar com mais rigor a entrada de celulares nos presídios, segundo o governo. Desde o início da onda de crimes, agentes penitenciários apreenderam 407 celulares em presídios de onde foram ordenados os crimes. Em uma das ações, os presos fizeram um motim.

O presidente do Conselho Penitenciário do Estado do Ceará, Cláudio Justa, afirmou que os atentados são uma represália a essa fala do novo secretário de Administração Penitenciária.

De acordo com uma fonte do Serviço de Inteligência da Secretaria da Segurança ouvida pelo G1, membros de duas facções rivais fizeram um “pacto de união”, com o objetivo de “concentrar as forças contra o Estado”. Em pixações em prédios públicos de Fortaleza, criminosos escreveram que “não vão parar até o secretário sair”. “Fora Mauro Albuquerque”, diz a mensagem.

Ataques na madrugada

Durante a madrugada desta segunda-feira, a cidade de Icó, no Centro-Sul do Ceará, registrou, pelo menos, três ações criminosas em diferentes pontos. Os bandidos atiraram contra o prédio da Câmara dos Vereadores da cidade e em uma rádio local. Além disso, um outro grupo de suspeitos incendiou um caminhão caçamba que presta serviços para a Enel, empresa distribuidora de energia elétrica no estado.

Em Fortaleza, por volta de 1h, uma oficina mecânica que atende a Enel foi incendiada em Fortaleza. Dois veículos foram destruídos pelas chamas. O fogo foi contido pelo proprietário do local com a ajuda de vizinhos. Já no Bairro Couto Fernandes, também na capital, uma loja de móveis foi queimada por criminosos.

Em Reriutaba, no interior do estado, bandidos queimaram uma ambulância do município. O fogo atingiu todo o veículo, que ficou destruído pelas chamas.

Celulares nos presídios

De acordo com o secretário Mauro Albuquerque, o controle da entrada de celulares será “uma das medidas” adotadas na gestão dele como secretário de Administração Penitenciária, cargo criado no segundo mandato do governador do Ceará, Camilo Santana, em 1º de janeiro deste ano. “É uma das medidas, mas não a única. Investir nos equipamentos que impeçam a entrada de objetos é um trabalho mais importante e que vamos aprimorar aqui”, afirmo Mauro.

“O crime hoje está organizado nacionalmente, para além das divisas. Então não adianta uma unidade possuir o bloqueio [de sinal de celular] e as demais, não. Iniciativas como o Sistema Único de Segurança Pública e o Fundo Penitenciário são importantes para essa nacionalização das medidas”, disse.

Reforço policial

Desde a quinta-feira, as equipes de segurança do Ceará receberam vários reforços: 300 membros da Força Nacional, 100 policiais militares da Bahia e 50 policiais rodoviárias federais.

As equipes da Força Nacional atuam principalmente em blitze, já que a maior parte dos criminosos usam carros para ir aos locais do crime e em seguida para fugir, de acordo com a Secretaria da Segurança Pública do Ceará.

As equipes foram pelo menos 20 blitze simultâneas em “vias estratégicas” de Fortaleza e cidades da Região Metropolitana, que concentram cerca de 80% dos ataques no estado.

Já os policiais baianos que chegaram neste domingo ao Ceará para ajudar no combate ao crime atuam no interior do estado.

G1-CE

 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Empresária dona de posto de combustíveis é achada morta após ser sequestrada por criminosos no interior do RN

Foto: Arquivo da família

A Polícia Militar confirmou o encontro do corpo de uma empresária dona de uma posto de combustíveis na cidade de Santo Antônio. Maria da Conceição de Lima Barbosa, de 56 anos foi encontrado na madrugada desta quinta-feira (8) na zona rural do município de Pedro Velho, distante cerca de 90 quilômetros de Natal. Ela e sua filha foram vítimas de assaltantes na tarde anterior e levadas como reféns. Na ocasião, a filha foi libertada pouco tempo depois.

Segundo informações inciais, a empresária e a sua filha estavam na estrada, saindo de Santo Antônio a caminho de Natal, quando o carro em que estavam, um Ônix, foi trancado por um Gol com bandidos. Durante a abordagem, dois criminosos assumiram o controle do Ônix e partiram com as vítimas em direção a Brejinho, entrando em uma estrada de terra que dá acesso ao município de Espírito Santo. Neste local, o veículo foi incendiado, e o assaltante que estava no carro se juntou aos outros dois e o Ônix com as reféns seguiu viagem. Eles então decidiram libertar a filha e empreenderam fuga com a empresária rendida.

O que teria sido o objetivo dos bandidos foi noticiado em reportagem do portal G1-RN. Parentes revelaram que os bandidos queriam o dinheiro do posto, exigindo que a empresária entregasse uma certa quantia. Contudo, a vítima teria entregue um envelope com cerca de R$ 3 mil em dinheiro, dizendo que era tudo o que tinha com ela.

Na madrugada,  a trágica notícia: o corpo havia sido encontrado com um disparo de arma de fogo na cabeça em uma estrada de terra entre Espírito Santo e Pedro Velho, próximo ao distrito de Coité.

 

Opinião dos leitores

  1. Mais uma pessoa do bem que perde a vida para a bandidagem. O que fazer com esses covardes que assassinaram uma mulher indefesa? Se alguém dos direitos humanos puder responder?

  2. JUIZ, JURADO E EXECUTOR DA SENTENÇA!!!! Ainda querem que acreditamos que não pena de morte, neste país???? Quando presos deveriam mofar na prisão!!! Esqueci, estamos no Brasil. Meus sentimentos aos familiares e Justiça para esses criminosos.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Motorista de aplicativo tem carro alvo de disparos em Natal e passageiro é levado por criminosos

O portal G1-RN destaca nesta manhã. Um motorista de aplicativo teve o carro tomado por criminosos após pegar um passageiro no bairro Ribeira, na Zona Leste de Natal, na madrugada desta segunda-feira (8), por volta de 1h30. Porém, o passageiro que ele transportava também foi levado. Durante o sequestro, tiros foram disparados contra o veículo, que foi atingido várias vezes. O carro foi encontrado ainda na madrugada, e havia marcas de sangue dentro do automóvel.

Segundo a Polícia, os criminosos sinalizaram para que o motorista parasse o carro, mas o passageiro, que estava armado, mandou ele acelerar. A dupla começou a atirar no carro e o passageiro revidou. O motorista conseguiu sair do veículo correndo ao chegar próximo ao prédio do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep). Um dos criminosos da moto entrou no carro e obrigou o passageiro a dirigir o veículo. O carro foi abandonado no bairro Alecrim, também na Zona Leste da cidade. O veículo tinha marcas de sangue no banco traseiro. Porém, o passageiro não foi encontrado.

Segundo a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), não há registro de assassinatos na área onde o carro foi achado.

Com informações do G1-RN

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

[VÍDEOS] População coloca bandidos para correrem pelados até a delegacia; confira as imagens

IMG_4040Uma cena no mínimo inusitada foi registrada na noite desta segunda-feira (11). Populares, revoltados com a ação de uma dupla de assaltantes, renderam os criminosos e colocaram os dois para fugirem pelados pela avenida Bernardo Vieira em direção à Zona Norte.

Pelo que o blog foi informado, os dois foram andando até a Delegacia de Plantão Zona Norte para serem presos em flagrante por um assalto. Motos e carros acompanharam os dois com buzinaços e gritos de revolta da população. O vídeo mostra a cena. Confira:

Opinião dos leitores

  1. se fossem filhos deles , eles não fariam isso com eles, o crime deles voltam aos que os seguiram businando e gritando, vejam só n se fas justiça assim, leiam a biblia.

  2. Esses caras quando pegam um de nós pra roubar, nos humilham dando maozadas na cara, sou se seu celular for um desses lanterninha, que eles manda criar vergonha e comprar um celular desses caros, e ainda eles que tem a cara de pau de nos chamar de vagabundo, e quando resolvem atirar acontece como aconteceu com a universitaria na itapetinga, e recentemente o vigilante que estava trabalhando na farmacia, e mais, eles estao sendo incentivados pela justiça a continuar aprontando, é que aquele povo que apenas fizeram isso como defesa vao ser localizados e responder por tentativa de omicidio, pode uma coisa dessa?
    Se alguma mae tem que chorar e lamentar alguma coisa, que seja a deles e nao as nossas
    É claro que nao é da natureza de nos que so,os cidadaos de bem, que tem amor no coração fazer esse tipo de tortura, mas com a falta de justiça no nosso pais nos somos sim obrigados a fazer.

  3. O que talvez os missivistas e os leitores não tenham observado é que em todo o trajeto que a dupla dinâmica percorreu nua, de Lagoa Sêca até a ponte, não apareceu nenhuma viatura, ou um policial sequer! O que nos deixa aínda mais preocupados com a insegurança que vivemos.

    1. Sem falar que eles passaram em frente o posto da policia que fica antes de chegar na ponte kkkk eu vi uma blitz policial ja chegando em frente o norte shopping, muuito distante da ponte onde a populacao estava apenas se defendendo de bandidos

  4. Pronto, era tudo que os "direitos humanos" precisavam, agora esses bandidos viram "vítimas".
    A população não suporta mais a ineficiência do sistema de segurança brasileiro, faliu!
    A situação foi impulsionada pelo desarmamento sugerido pelo PT, que tirou a arma da mão do cidadão e deixou a bandidagem armada.

  5. Já que o poder público não toma providência garantindo a segurança da população e prendendo os marginais, o poder irá emanar do povo.
    Observe-se que andaram toda a Bernardo Vieira até a ponte de Igapó e não passou no local uma viatura sequer.
    O estado do RN também tem que ser chamado à responsabilidade.

  6. Isso foi pouco, era para ter dado uma camada de pau nesses dois vermes, pois só assim teria tirado os dois de circulação por um bom período. Acho que o castigo foi pouco.

  7. Na verdade eles não foram até a delegacia, foram obrigados a pular da ponte de Igapó com as mãos amarradas, um foi encontrado por pescadores e já está em casa, o outro não se sabe até o momento se escapou ou não!

  8. O Senhor Antonio Lopes, com todo respeito, provavelmente nunca ouviu falar de marginais em canto nenhum ou faz parte dos "DEREITOS DOS DESHUMANOS", que só protege bandido.

  9. Isso foi pouco.
    Deveriam ter ordenado subir num poste e se pendurado nos fios.
    Tolerância zero!!

    1. Fernando Rocha, pegue os bichinhos inocentes e leva para a sua casa.

    2. Esses MARGINAIS atiram em INDEFESOS como o caso recente do vigilante, a pouco tempo atrás numa moça da Zona Norte, não podemos mais tolerar esses CANALHAS, SAFADOS, SEM-VERGONHAS que matam a toda hora as pessoas TRABALHADORAS, DECENTES, HONESTAS. Se o sr. é adepto de Meliantes acolha-os em sua casa.

    3. Bom dia Sandra, eu acho que vivemos em uma democracia, no qual todos tem direito a ampla defasa e o contraditório. Isso é papel da segurança pública e do judiciário. No dia que pegarem alguém da sua família e imputarem um crime(Calúnia) e esses sofrerem um lixamento, quero ver qual será sua reação. Agora ninguém vai lá na assembléia "lixar" os fantasmas, que desviam milhares de reais que seriam destinado a saúde, segurança e educação. É muita hipocrisia!

    4. Fernando Rocha, é por causa de pessoa que pesam como vc que hoje nao temos mais PAZ! Ta com pena? Leva pra tua casa. TEM QUE BAIXAR O CACETE MESMO!!!!!!!!

    5. É difícil demais frequentar um blog que só "autoriza" os assuntos que convêm. Imparcial demais. Falou na assembléia, você corre!

  10. Na verdade foram pro endereço errado, o correto seria ir direto para o cemitério, lá estaria já dois buracos aguardando esses elementos. Enterra-los vivos.

  11. Isso é um caso gravissimo de constrangimento. Onde estão os protetores da sociedade a turma dos direitos humanos. Os meliantes podem pedir uma indenização por danos morais e o pior é que os vagabundos podem ter traumas psicológicos para o resto da vida. Danos irreversiveis.

    1. Grave foi o que aconteceu com a dona Gisele, Karolaine, o vigilante e outros mais, esses familiares que já passaram por violência cometidas por esses bando de assaltantes só elas sabem a dor que estão passando, a população não aguentam mais, os cidadãos e cidadãs saem de suas casas para trabalharem sem terem a certeza de que voltarão em paz, a atitude do pessoal foi mais do que correta, pressão psicológica sofre os cidadãos e cidadãs de bem quando eles pegam. É muito fácil querer jogar pedra no outro, quando a pessoa vem tendo a sorte de não acontecer com si e com o próximo.

    2. Antonio Lopes, saudações!
      Leve-os para conviver com a sua família e reeducá-los, aproveitando para pagar plano de saúde a fim de terem assistência psicológica, tendo em vista sua tamanha preocupação.
      Vigilante paraplégico (trabalhador, gerador de impostos, Homem de bem), jovem universitária morta por motivo fútil e semana passada um amigo meu, o saudoso Joaquim, jovem de expressivo futuro, também foi morto pelos seus defendidos.
      Sucesso na sua batalha, que não vai ser fácil, já te adianto!!!

    3. Antônio Lopes,tomara que o que sobreviveu vá fazer uma visita a vc para pedir conselhos de como processar um multidão cansada de sofrer na mão desse e de outros tipos de bandido… há e na saída da sua casa espero que ele faça com vc o que andava fazendo na rua quando os pegaram, quem sabe assim vc começa a enxergar q pra vagabundo a unica moradia deve ser o CEMITÉRIO.

  12. Agora tu imagina se a populacao brasilera fizer isso com os deputados e senadores em brasilia, vai fechar ate as lojas de Roupas de DF. Kjkkkkkkk

  13. Pena que ninguém brincou de "tiro aos alvos". Mas entendo, pois a população está desarmada, enquanto bandidos estão muito bem armados e também municiados. Eita Brasila que eu ainda acredito, mesmo que em sonho!!!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *