Saúde

Prefeitura do Natal inicia segunda dose de Coronavac para idosos 90 anos e mais

Foto: Divulgação SMS Natal

A Secretaria Municipal de Saúde de Natal (SMS/Natal) iniciou nesta segunda-feira (08) a aplicação da segunda dose de Coronavac, para idosos de 90 anos e mais, que se vacinaram a partir do dia 22 de fevereiro no município. Essa etapa segue nas próximas semanas conforme bula do imunobiológico, que recomenda esquema vacinal de reforço entre 14 e 28 dias após a primeira aplicação. A Prefeitura do Natal continua a primeira dose para pessoas com 80 anos e mais e também realiza o reforço, simultaneamente, de acamados e público idoso da etapa anterior.

O imunobiológico está disponível nos drives-thrus e salas para pedestres do Palácio dos Esportes, Via Direta e Nélio Dias de segunda a quinta das 08h às 16h e sexta das 08h às 12h. Além disso, 21 unidades básicas de saúde em todos os distritos sanitários da cidade também oferecem a vacina de segunda a sexta-feira, de 8h às 12h30 e 13h30 às 16h:

Norte I – UBS Pajuçara, UBS Nova Natal, UBS Redinha (novo) e UBS Nordelândia (novo);

Norte II – UBS Vale Dourado, UBS Panatis, UBS Nova Aliança (novo) e UBS Soledade II (novo);

Leste – UBS São João, UBS Brasília Teimosa, UBS Rocas, UBS Alecrim (novo) e Unidade Mista de Mãe Luiza (novo);

Oeste – UBS Nazaré, UBS Felipe Camarão II, UBS Cidade Nova (novo) e UBS Bairro Nordeste (novo);

Sul – UBS Candelária, UBS Rosângela Lima, UBS Nova Descoberta (novo) e UBS Ponta Negra (novo).

“É sempre bom lembrar que as pessoas se atentem ao cartão de vacinação, pois lá existem várias informações importantes como o tipo da vacina, data em que receberam a dose e previsão do reforço. A medida que a gente for recebendo novos lotes, vamos ampliando essa oferta para novos públicos prioritários”, enfatiza George Antunes, Secretário Municipal de Saúde de Natal.

Opinião dos leitores

  1. Parabéns ao blog, ao idealizador e seus colaboradores pela divulgação desta matéria tão importante.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Vacinação para idosos de 90 anos continua nesta sexta em Natal

Foto: Divulgação/SMS

Os idosos de 90 anos e mais, residentes em Natal que ainda não foram imunizados contra a Covid-19, podem ser encaminhados até sexta-feira (26) a um dos três drive-thrus de vacinação instalados pela Prefeitura de Natal no Palácio dos Esportes (zona Leste), shopping Via Direta (zona Sul) e Ginásio Nélio Dias (zona Norte). Os dois últimos contam com sala de vacinação para pedestres. O horário de funcionamento é das 8h às 13h.

Além dos drives, cinco salas de vacinação estão em funcionamento com horário ampliado das 8h às 12h30 e das 13h30 às 16h, na UBS São João, UBS Nazaré, UBS Pajuçara, UBS Candelária e USF Vale Dourado.

A vacinação deste grupo prioritário teve início na última segunda-feira (22) e nesta fase as vacinas que estão sendo aplicadas são da Coronavac. Este imunobiológico tem intervalo de aplicação entre doses de 14 a 28 dias.

Para se vacinar, o idoso deve apresentar cartão de vacina, comprovante de residência e documento original com foto.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Vacinação dos idosos de 90 anos e mais residentes em Natal inicia nesta segunda-feira; veja drives e unidades de saúde

Foto: Divulgação

Após encerramento da vacinação dos profissionais de saúde do município, a Secretaria Municipal de Saúde de Natal inicia nesta segunda-feira, dia 22, mais uma etapa de vacinação, dessa vez os idosos de 90 anos ou mais residentes na capital serão o público alvo. Para se vacinar o idoso deve apresentar cartão de vacina, comprovante de residência e documento original com foto.

A Prefeitura do Natal disponibiliza três drives-thrus de vacinação no Palácio dos Esportes, Via Direta e Nélio Dias, os dois últimos contam ainda com sala de vacinação para pedestre funcionando das 8h às 16h, de segunda a quinta e na sexta até 13h.

Além dos drives, cinco salas de vacinação irão funcionar nas Unidades Básicas de Saúde UBS São João, UBS Nazaré, UBS Pajuçara, UBS Candelária e USF Nova Natal com funcionamento das 8h às 12h30 e das 13h30 às 16h.

O município de Natal já aplicou desde do início da Campanha de Vacinação, em 20 de janeiro, 37 mil doses da vacina contra a Covid-19. Para a Coronavac, o intervalo de recebimento da segunda dose da vacina é de duas a quatro semanas após a aplicação da primeira dose. Para a vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford, o intervalo para a vacinação é de 12 semanas a partir da primeira aplicação. O calendário adotado pela SMS Natal segue dentro do Plano Nacional de Imunização do Ministério da Saúde, com definição dos grupos prioritários de cada categoria conforme chegada dos novos lotes na capital.

Vacinação contra a Covid-19

Segunda a quinta-feira das 08h às 16h e sexta-feira das 08h às 12h

DRIVES

Shopping Via Direta, Av. Sen. Salgado Filho, 2233 – Lagoa Nova

Ginásio Nélio Dias, Av. Guararapes, s/n – Lagoa Azul

Palácio dos Esporte, Rua Trairí, 516 – Petrópolis

UNIDADES BÁSICAS DE SAÚDE

UBS São João, Rua Romualdo Galvão, Nº 891, Tirol.

USF Nazaré, Rua Rubens Mariz, N° 447, Nsa. Sra. de Nazaré

UBS Candelária, Rua Nossa Senhora da Candelária, N° 3402, Candelária

UBS Pajuçara, Rua Maracai, S/N, Conjunto PajuçaraUSF Nova Natal, Rua do Pastoril, S/N, Nova Natal

USF Vale Dourado, Rua Irmã Vitória, Nº 2, Igapó.

Opinião dos leitores

  1. E os idosos que não tem condições de sair de casa? Vai ter agendamento para uma equipe ir na casa como no Ceara?

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Governo diz que já vacinou todos os idosos com mais de 90 anos e 73% dos profissionais de saúde do país

Foto: Michael Dantas/AFP

A Advocacia-Geral da União (AGU) informou, em documento enviado ao Supremo Tribunal Federal (STF) na quarta-feira (17), que o governo federal já vacinou todos os idosos com mais de 90 anos do país e 4,8 milhões dos profissionais de saúde, o equivalente a 73% do total.

A AGU informou também que já foram vacinados todos os idosos com mais de 60 anos institucionalizados e todas as pessoas com deficiência institucionalizadas. O anúncio foi feito em um momento em que pelo menos 5 capitais suspenderam a vacinação por falta de doses.

Os dados foram encaminhados em resposta a uma determinação do STF de que o governo detalhasse a ordem de vacinação dentro dos grupos prioritários. Na época, o ministro Ricardo Lewandowski considerou que não estava claro qual dos grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde deveria ser atendido primeiro frente à escassez de vacinas no país.

O Plano Nacional de Vacinação atualizado em janeiro afirmava que 77,2 milhões de pessoas pertenciam aos grupos prioritários, incluindo idosos e médicos que atuassem na linha de frente do combate à pandemia.

Na resposta desta semana, a AGU disse que os 4 primeiros dos 29 grupos prioritários definidos no plano incluíam pessoas idosas residentes em instituições de longa permanência, pessoas a partir de 18 anos com deficiência residentes em residências inclusivas, população indígena vivendo em terras indígenas e trabalhadores da saúde.

Ainda de acordo com o documento, “apenas excepcionalmente é que foram estabelecidos subgrupos, o que sucedeu no caso dos Trabalhadores em Saúde, que – dada a dimensão do segmento – teve de observar novo escalonamento, de acordo com os diferentes locais de serviço”.

Além disso, na Região Norte, houve antecipação da vacinação dos idosos de outras faixas etárias, por causa da situação da pandemia nos estados, em especial no Amazonas (veja detalhes mais abaixo).

Apesar das informações no documento entregue pela AGU, em Minas Gerais, de acordo com o próprio governo estadual, só 54,11% dos idosos institucionalizados foram vacinados. Em Teresina, a prefeitura ainda procura idosos com mais de 90 anos para vacinar.

O STF havia dado 5 dias para que o governo apresentasse uma resposta à determinação dos grupos. No texto, a advocacia da União pede uma “oportunidade de complementação das informações prestadas” pela Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde. A AGU alega que, nos últimos dias, “foram recebidos novos dados e novos pleitos de reajustamento no Programa Nacional de Imunização (PNI), cuja consideração seria importante para permitir o atendimento mais detalhado da requisição feita” pelo ministro Lewandowski.

Veja quais grupos já foram vacinados até agora, segundo o governo:

100% dos 60 anos ou mais institucionalizados (156.878 mil habitantes)

100% das pessoas com deficiência institucionalizadas (6.472 mil habitantes)

100% das pessoas com 90 anos ou mais (901.729 mil habitantes)

73% dos trabalhadores de saúde (4.853.994 milhões de habitantes)

Vacinação no Norte

A AGU também informou dados específicos de pessoas que já foram vacinadas na Região Norte do país. A vacinação foi acelerada para algumas faixas etárias nesses estados por causa da situação mais grave deles na pandemia, com o aumento de doses enviadas para cada um. O Amazonas, por exemplo, teve 5% das doses adiantadas.

Veja abaixo os dados de vacinação por estado:

Acre

1.083 pessoas de 80 a 89 anos.

Amapá

4.371 pessoas de 80 a 89 anos.

Amazonas

30.837 pessoas com 80 a 89 anos ou mais
36.050 pessoas de 75 a 79 anos
54.887 pessoas de 70 a 74 anos
25.523 das pessoas de 65 a 69 anos

Pará

3.250 pessoas de 80 a 89 anos.

Rondônia

11.911 pessoas de 80 a 89 anos.

Roraima

1.083 pessoas de 80 a 89 anos.

Tocantins

14.253 pessoas de 80 a 89 anos.

DO BLOG: No Rio Grande do Norte, a informação da AGU não procede, quando se refere ao grupo específico de idosos citado em reportagem.

Com G1

Opinião dos leitores

  1. Até agora eu vinha defendendo o ministério da saúde, pelas injustiças da esquerda e de parte da imprensa contra ele. Porém, não dá pra aceitar uma desinformação dessa magnitude. Não digo que é mentira do MS, porque eles divulgam o que recebem. A mentira deslavada, é de quem envia as informações, Estado por Estado. O erro do MS, e aí eu considero um erro grave, é não averiguar a veracidade de essas informações que chegam até esse órgão. Joga a sua credibilidade lá pra baixo, ao divulgar nacionalmente essas informações inverídicas. Que bagunça esse país se tornou, no que se refere a essa incongruência de informações! Já não basta a irresponsabilidade de alguns "profissionais da saúde", ao aplicar incorretamente as vacinas?

  2. A minha querida Mãe tem 105 anos, acamada, em no bairro Tirol, em Natal- RN foi cadastrada no site do Estado e no da Prefeitura e ainda não foi vacinada.

  3. Governo de mentiras, a minha mãe tem 91 anos e ainda não foi vacinada, até porque não tem vacina para todos os idosos desta faixa.

  4. Esses números do governo são uma piada. Dizer que os idosos acima de 90 anos foram vacinados é uma grande mentira. Meu pai tem 94 anos e minha mãe 93 anos e até agora estão esperando serem vacinados

  5. Aqui no RN ainda nem começou a vacinação para idosos de 90 anos. Fui ontem no via direta com meu pai que tem 90 anos, e disseram que ainda estavam vacinando os profissionais da saúde.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Sarney chega aos 90 anos com festa e autobiografia de 800 páginas

Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

José Sarney faz 90 anos no dia 24 de abril e uma série de homenagens estão sendo preparadas para celebrar a data — ele é o mais velho entre os presidentes brasileiros vivos. Depois dele vem Fernando Henrique Cardoso, que completa 89 em junho.

FESTA

O Congresso Nacional fará uma sessão solene. Vai ainda abrigar uma exposição sobre a carreira literária de Sarney, além de exibir um documentário. Ele será homenageado pela Academia Brasileira de Letras e pelo CNJ (Conselho Nacional de Justiça).

ESTANTE

Dois livros devem ser lançados sobre o ex-presidente: “Sarney: 60 anos de Política”, do cientista político americano Ronald M. Schneider, e “A Receita de Sarney: Recessão Não”, do jornalista José Augusto Ribeiro.

MINHA HISTÓRIA

O próprio ex-presidente tem uma autobiografia pronta, de 800 páginas, chamada “Boa noite, Presidente”. Mas ele não publicou. Diz seguir conselho do ex-presidente Ernesto Geisel, segundo o qual ela não pode ser publicada enquanto o biografado está vivo.

SOBRE TUDO

Ele atualmente escreve um livro sobre a política brasileira, “O Brasil no seu Labirinto”, e um romance, “O Solar dos Tarquínios”.

Via MÔNICA BERGAMO

Opinião dos leitores

  1. Enquanto essa família se deu bem.
    Os maranhenses tudo na miséria.
    Acorda povo
    Deixem de serem otários e protejam suas famílias

  2. O melhor livro sobre nosso grande Presidente é, Honoráveis bandidos. Palmério Dória, mostro nos detalhes a vida de crimes do grande cacique do Maranhão.

  3. Com certeza o mais longevo ladrão do País, com isso fica provado que no Brasil o crime compensa.
    Deixou em vida uma família feliz e rica , deixa também uma legião de seguidores de suas práticas desonestas e um País arrasado e viciado.

  4. Entrou na história! Muita gente podia ser milionário na sua gestão. Quem foi dessa época, vai saber do que estou falando…

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *