Apostas da Mega da Virada de R$ 300 milhões podem ser feitas até as 17 horas desta terça

Foto: Marcelo Brandt/G1

As apostas para a Mega-Sena da Virada podem ser feitas até as 17h da terça-feira (31), segundo informação divulgada pela Caixa Econômica Federal com exclusividade ao G1. O prêmio do concurso da Virada é estimado em R$ 300 milhões para quem acertar as seis dezenas. Normalmente, nos últimos anos, o horário limite das apostas era até as 18h.

Como ocorre em todos os concursos especiais, o prêmio da Mega-Sena da Virada não acumula. Caso ninguém acerte os seis números, o prêmio será dividido entre os apostadores que acertarem cinco dezenas, e assim por diante.

Se apenas um ganhador acertar as seis dezenas da Mega-Sena e aplicar o prêmio estimado na poupança, terá uma renda mensal de R$ 861,3 mil.

As apostas para a Mega da Virada custam o mesmo valor da Mega-Sena regular, R$ 4,50.

Os apostadores também têm a opção de registrar suas apostas pela internet no site http://www.loteriasonline.caixa.gov.br. Basta ser maior de 18 anos, possuir CPF válido e cartão de crédito. Outra possibilidade é fazê-la via internet banking da Caixa (disponível para correntistas do banco).

Probabilidades

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 4,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 22.522,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

G1

Governo autoriza a Caixa a reajustar preço das apostas das loterias; veja novos valores, com Mega-Sena em R$ 4,50

Foto: Marcelo Brandt/G1

O Ministério da Economia autorizou a Caixa Econômica Federal a aumentar os preços das apostas das loterias no país. A Mega-Sena, que hoje custa R$ 3,50, passará a R$ 4,50, um aumento de 28,6%. O banco deverá definir a data em que os novos valores entram em vigor.

A portaria que autoriza o aumento foi publicada nesta quinta-feira (31) no Diário Oficial, e foi elaborada pela Secretaria de Avaliação, Planejamento, Energia e Loteria do ministério.

A última atualização no preço da aposta da Mega-Sena ocorreu em 2015, quando passou de R$ 2,50 para R$ 3,50.

Veja abaixo os novos valores:

Dupla-Sena: a aposta simples, ou mínima, passa de R$ 2,00 para R$ 2,50

Loteca: a aposta múltipla mínima obrigatória passa de R$ 2,00 para R$ 3,00

Loteria Federal: a portaria não faz menção se haverá mudança

Lotofácil: a aposta simples, ou mínima, passa de R$ 2,00 para R$ 2,50

Lotogol: a aposta simples, ou mínima, passa de R$ 1,00 para R$ 1,50

Lotomania: a aposta única passa de R$ 1,50 para R$ 2,50

Mega-Sena: a aposta simples, ou mínima, passa de R$ 3,50 para R$ 4,50

Quina: a aposta simples, ou mínima, passa de R$ 1,50 para R$ 2,00

Timemania: a aposta única passa de R$2,00 para R$ 3,00

O aumento deverá entrar em vigor num domingo ou feriado nacional, após pelo menos 3 dias de propaganda em rádio, TV, jornais e revistas e internet.

A portaria também autoriza a Caixa a, a partir de 2020, fazer reajustes sem necessidade de autorização do governo desde que o percentual seja inferior ou igual à inflação acumulada nos 12 meses desde o aumento anterior. Para reajuste superiores, o banco ainda vai precisar do aval do governo.

Mudança da premiação

De acordo com a portaria, as loterias Lotofácil e Timemania terão os valores de premiação alterados:

Lotofácil

R$ 5,00 para apostas vencedoras com acerto de 11 números
R$ 10,00 para apostas vencedoras com acerto de 12 números
R$ 25,00 para apostas vencedoras com acerto de 13 números

Timemania

R$ 3,00 para apostas vencedoras com acerto de 3 números
R$ 9,00 para apostas vencedoras com acerto de 4 números
R$ 7,50 para apostas vencedoras com acerto do “Time do Coração”

G1

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Mário disse:

    Loteria é o tipo de imposto que os trouxas gostam de pagar.

  2. Diogo disse:

    Tem que boicotar a "fézinha" para ver se o preço ficar mais agradável.

Caixa lança aplicativo para apostas com nove modalidades de jogos

Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Apostadores terão mais uma opção para jogar nas modalidades de loterias. Já está disponível o aplicativo Loterias Caixa, plataforma de vendas de apostas via celulares.

Segundo a Caixa, o novo serviço aumenta os canais disponíveis aos apostadores, permitindo o registro de apostas em nove das dez modalidades das loterias federais, de qualquer lugar e de forma prática, segura e digital.

Para utilizar o aplicativo, o usuário precisa ter mais de 18 anos e efetuar um cadastro uma única vez, inserindo o CPF (Cadastro de Pessoa Física) e criando uma senha para acesso.

O usuário já cadastrado no portal Loterias Online deve utilizar os mesmos dados para acesso. O pagamento das transações realizadas pelo aplicativo Loterias Caixa é feito com cartão de crédito, com valor mínimo de compra de R$ 30 por transação e máximo de R$ 500 por dia.

Funcionalidades

No aplicativo Loterias Caixa, o apostador poderá escolher os números ou deixar que o sistema os escolha aleatoriamente (surpresinha).

Também é possível conferir os números sorteados e outras informações sobre os concursos passados de todas as modalidades e o valor dos prêmios ofertados nos concursos futuros.

Os apostadores podem personalizar suas apostas, utilizando como base os números de sua preferência, bem como informações e comportamentos de outras apostas realizadas anteriormente, o Rapidão.

O aplicativo permite ainda conferir se os bilhetes de apostas realizadas nas lotéricas estão premiados, por meio da leitura do código de barras com uso da câmera do celular.

Além disso, o aplicativo mostra, em tempo real, o valor repassado pelas Loterias Caixas às áreas sociais beneficiárias de parte da arrecadação das Loterias Federais.

Inicialmente, o aplicativo está disponível para usuários da plataforma iOS, na Apple Store, e a Caixa irá, em breve, disponibilizá-lo também na loja Google Play.

As modalidades que estão disponíveis para apostas são nove: Mega-Sena, Lotofácil, Quina, Lotomania, Timemania, Dupla Sena, Loteca, Lotogol e Dia de Sorte. As apostas podem ser feitas todos os dias e a qualquer hora, durante o período de captação de cada concurso.

Agência Brasil

 

Ministério da Economia quer regulamentar apostas

Sites de apostas esportivas já investem em patrocínio de clubes, como o Fortaleza Foto: Ricardo Moreira/Fotoarena / Agência O Globo

O governo quer propor até o fim do ano uma versão preliminar de regulamentação do setor de apostas no país. No último mês, o ministério da Economia recebeu quase 1.200 sugestões, vindas de brasileiros e de estrangeiros, sobre como regulamentar a atividade. Em 29 de julho, a pasta abriu uma consulta pública para coletar ideias acerca das chamadas apostas esportivas de quota fixa — modalidade em que o apostador tenta prever o resultado de eventos reais, como partidas de futebol, e ganha se acertar o placar. O interesse pela definição das novas regras da atividade surpreendeu a área econômica, cujas consultas públicas sobre temas semelhantes não ultrapassaram a marca de 70 sugestões.

O plano da equipe econômica é apresentar, no máximo até dezembro, uma minuta de decreto sobre o tema ao governo e ao Congresso. De acordo com a lei sancionada em dezembro passado, o ministério tem até o final de 2022 para definir a regulamentação — e esse prazo pode ser prorrogado até 2024.

Modelos estrangeiros

A ideia é que, com base na proposta de decreto, uma nova consulta pública seja aberta, e a regulamentação definitiva esteja pronta num prazo mais célere do que o previsto. Estimativas não oficiais apontam que o mercado brasileiro de apostas eletrônicas sobre eventos esportivos é de cerca de R$ 4 bilhões.

Segundo Waldir Marques, subsecretário de prêmios e sorteios da Secretaria de Avaliação, Planejamento, Energia e Loteria (Secap) da pasta, além de trazer para a legalidade uma série de serviços online de apostas que hoje operam no país ainda em um limbo jurídico, o potencial econômico da regulamentação é grande:

— A ideia é trazer isso para a legalidade para gerar recursos, renda, fonte de emprego para as pessoas. Essa é a ideia do ministério. Esse mercado já está aqui dentro e não está gerando recurso nenhum para o governo — afirma Marques. — O mercado físico vai gerar emprego imediato para as pessoas, e o online gera renda para todo mundo.

Ainda segundo o subsecretário, a equipe econômica está debruçada sobre modelos regulatórios estrangeiros para entender que arcabouço pode ser construído aqui:

— Estamos procurando as melhores práticas mundo afora. Queremos focar no controle social dessa atividade, um controle que evite vícios (por menores de 18 anos), que estabeleça prevenção à lavagem de dinheiro e à manipulação de resultados de jogos.

A legislação em vigor desde dezembro passado estabelece que deverá ser definido no momento exato da aposta quanto cada apostador pode ganhar caso acerte. Pela lei sancionada ainda no governo Michel Temer, casas de apostas, entidades esportivas e serviços online de apostas passarão a se reportar à União, e parte da receita arrecadada com as apostas será destinada aos cofres públicos. O Fundo Nacional de Segurança Pública, por exemplo, será um dos destinos.

O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lúcifer disse:

    Essa questão de "jogo duplo" ou oculto já vem despertando a desconfiança no futebol desde bem antes do escândalo da loteria nos anos setenta.
    Depois de se tornar público que clubes eram beneficiados até com a confecção das tabelas em determinadas competições, vendas de copas do mundo, resultados improváveis acontecendo aos montes, clube paulista comprando o mais importante campeonato de futebol do mundo com árbitro assumindo a manipulação de resultados, assim como centenas de outros escândalos emoldurados por inexplicáveis e suspeitos 7 x 1 da vida, o futebol perdeu completamente a credibilidade e passou a ser um celeiro de apostas onde o torcedor – fazendo papel de besta – funciona como um irrelevante e desprezível detalhe: apenas um peão no milionário jogo do xadrez manipulado chamado futebol.
    E ainda tem otário que acredita que futebol se decide dentro de campo….

  2. Gustavo disse:

    Libera Casino, jogo do bicho e tudo mais. O governo vai arrecadar horrores.

Mega da Virada: Apostas podem ser feitas até 16h(15h no RN) desta segunda

Foto: Heloise Hamada/G1

O prazo para apostar na Mega-Sena da Virada termina às 16h (horário de Brasília) desta segunda-feira (31). Os jogos podem ser feitos em lotéricas de todo o país ou pela internet. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Mega da Virada: estado mais sortudo, números mais sorteados, pagamentos e outras curiosidades
Nas lotéricas, elas dever ser realizadas com o volante específico do concurso da Virada. Na internet, pela primeira vez é possível participar pelo site Loterias Online (é preciso ser maior de 18 anos, possuir CPF válido e cartão de crédito).

O sorteio do concurso especial de fim de ano será às 20h desta segunda. Quem acertar as seis dezenas levará um prêmio estimado em R$ 280 milhões pela Caixa Econômica Federal.

O prêmio da Mega da Virada não acumula. Caso ninguém acerte os seis números, ele será dividido entre os apostadores que acertarem cinco dezenas, e assim por diante.

R$ 1 milhão por mês

Ainda segundo estimativa da Caixa, o prêmio do concurso pode render mais de R$ 1 milhão por mês, caso seja aplicado inteiramente na poupança. O valor é suficiente para comprar um carro popular por dia.

Neste ano, a Mega da Virada chega ao 10° sorteio. O primeiro deles ocorreu no dia 31 de dezembro de 2009, teve valor superior a R$ 144 milhões e duas apostas vencedoras.

Desde a criação do concurso, a Caixa já pagou R$ 2,8 bilhões em todas as faixas de premiação: somando sena, quina e quadra.

G1

 

Apostas para a Mega da Virada já estão abertas

Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil/Agência Brasil

As apostas para a 10ª edição da Mega da Virada, sorteada no dia 31 de dezembro, começam nesta segunda-feira (5), com estimativa de prêmio de 200 milhões para quem acertar os seis números. As apostas podem ser feitas até as 19h horas do próprio dia 31.

Neste concurso, por ser uma edição especial, o prêmio principal não acumula. Caso não haja apostas premiadas com seis números, o valor será dividido entre acertadores de cinco números (quina), e assim sucessivamente.

A aposta simples custa R$ 3,50. Quem quiser aumentar as chances de ganhar também pode fazer um Bolão CAIXA, no valor mínimo de R$ 10, com cada cota de no mínimo R$ 4. É possível fazer bolão de 2 a 100 cotas. Também é possível comprar cotas de bolão organizado pelas lotéricas.

As apostas podem ser feitas com volantes específicos da Mega da Virada nas lotéricas e também no Portal Loterias Online. Clientes da CAIXA que têm acesso ao Internet Banking CAIXA podem fazer suas apostas por meio do aplicativo.

A assessoria da CAIXA fez uma estimativa que mostra que, se o prêmio for para apenas um apostador e ele aplicar todo o valor na Poupança da CAIXA, receberia R$ 743 mil em rendimentos mensais.

Agência Brasil

 

Apostas para Mega-Sena da Virada terminam às 14h desta quarta

Por interino

As apostas para a Mega-Sena da Virada poderão ser efetuadas até as 14h desta quarta-feira (31). O sorteio do concurso especial 1.665 da Mega-Sena tem prêmio estimado de R$ 240 milhões.

De acordo com a Caixa Econômica Federal, o prêmio da Mega da Virada não acumula. Caso ninguém acerte as seis dezenas, o valor será rateado pelos apostadores que acertarem cinco números. Se não houver ganhadores nesta faixa, o prêmio será dividido com quem acertar a quadra e assim sucessivamente. Por conta da Mega-Sena da Virada, no último sábado (26) não houve sorteio.

Se um apostador levar a bolada sozinho e aplicar o valor integral na poupança da Caixa, por exemplo, poderá ter uma renda de cerca de R$ 1,4 milhão por mês, o que equivale a mais de R$ 46 mil por dia.

A aposta mínima, de seis números, custa R$ 2,50 e pode ser feita em qualquer lotérica do país. Em 2013, o prêmio de R$ 224,6 milhões saiu para quatro ganhadores : Curitiba (PR), Palotina (PR), Maceió (AL) e Teofilândia (BA).

RECORDE

O maior prêmio da Mega-Sena da Virada foi o do concurso 1.455, sorteado em 2012, que pagou R$ 244.784.099,16 a três ganhadores; um de Goiás e dois de São Paulo, que dividiram o valor do prêmio.

A Mega-Sena da Virada é considerada a mais popular das loterias especiais da Caixa e teve sua primeira edição em 2009, quando dois ganhadores dividiram o prêmio de R$ 144,9 milhões.

“Big Brother Brasil 14″ aposta em peladões da internet

claraBem, você já sabe que logo mais começa o BBB 14, certo? E nessa edição parece que a produção decidiu apostar pesado no erotismo, para não dizer outra coisa. Não que as outras temporadas não tivessem isso, mas dessa vez a coisa está escancarada. Pelo menos dois participantes têm vídeos eróticos na internet e, claro, que a equipe da Globo sabia disso quando os escolheu.

Uma destas pessoas é a Clara Aguilar. A loira é uma camgirl e exibe seu corpo via internet para quem pagar. O outro é Roni, que tem um vídeo se masturbando. E ainda temos Bela, que já andou exibindo o corpão em fotos nuas.

Você já deve ter reparado como estes brothers, principalmente os dois primeiros citados aqui, estão causando na internet. Quando o programa começar, vão ser ainda mais alvos de comentários positivos ou negativos. Fato é: BBB 14 deve abusar da sensualidade nesta edição.

Odair Braz – R7

Apostas da Mega da Virada começam nesta segunda; previsão de prêmio é de R$ 200 milhões

Nesta segunda-feira (11), começam as apostas para a Mega da Virada. O concurso especial 1.560 da Mega-Sena será sorteado no dia 31 de dezembro e a estimativa do prêmio é de R$ 200 milhões.

Caso um único ganhador aplique o valor integral do prêmio em poupança, poderá se aposentar e viver com rendimentos de R$ 1,2 milhão por mês, o que equivale a cerca de R$ 40 mil por dia. A fortuna também é suficiente para comprar um bairro inteiro com 400 casas, no valor de R$ 500 mil cada.

A Mega da Virada teve sua primeira edição em 2009, no concurso nº 1.140, quando pagou R$ 144,9 milhões divididos por dois ganhadores, um de Santa Rita do Passa Quatro (SP) e outro de Brasília (DF). Já a última edição, em 2012, dividiu R$ 244,7 milhões para três ganhadores, de Aparecida de Goiânia (GO), Franca (SP) e São Paulo (SP).

O prêmio da Mega da Virada não acumula. Caso não haja ganhador com as seis dezenas sorteadas, o valor será somado ao rateio dos acertadores de cinco números. Se não houver ganhadores nessa faixa, os acertadores da quadra dividirão todo o prêmio e assim sucessivamente.

Os concursos especiais são sorteios que têm como objetivo mobilizar os apostadores para que participem cada vez mais, concorrendo a grandes prêmios. As apostas com volante específico terão o mesmo custo das apostas regulares, e podem ser feitas em qualquer uma das mais de 12.600 lotéricas do país.
Bolão

Apostadores já podem registrar os palpites e tentar a sorte com amigos e familiares. Para participar do Bolão oficial da Caixa Econômica Federal, basta formar um grupo, escolher os números da aposta, marcar a quantidade de cotas e registrar em qualquer uma das lotéricas do país. Ao ser registrada no sistema, a aposta gera um recibo de cota para cada participante que, em caso de premiação, poderá resgatar a sua parte do prêmio individualmente.

Os bolões para a Mega-Sena têm preço mínimo de R$ 10, e cada cota deve ser de, pelo menos, R$ 4, sendo possível realizar um bolão de, no mínimo, duas e no máximo 100 cotas. Na Mega da Virada, caso dez pessoas organizem um bolão de 10 números, pagarão individualmente R$ 42, e cada apostador do grupo receberá R$ 20 milhões, caso a aposta seja contemplada. A probabilidade de acerto da aposta simples, de seis números é de uma em 50 milhões. Já no caso da aposta de 10 números, aumenta para uma em 238 mil.

O apostador também pode adquirir cotas de bolões organizados pelas lotéricas. Basta solicitar ao atendente a quantidade de cotas que deseja e guardar o recibo para conferir a aposta no dia do sorteio. Nesse caso, poderá pagar uma tarifa de serviço adicional de até 35% do valor da cota, a critério da lotérica.

UOL

Caixa Econômica Federal anuncia lançamento de bolão nas loterias

A prática do bolão de apostas, tão comuns entre grupos de amigos, agora será institucionalizada. A Caixa Econômica Federal apresentou, nesta sexta-feira, uma nova modalidade de apostas nas loterias de todo o país: o Bolão CAIXA. Com previsão para entrar em vigor a partir de 1º de outubro, a nova modalidade tem como principal objetivo garantir segurança e transparência aos apostadores, além de acabar com problemas dos jogos onde os apostadores pagavam o combinado, acertavam as dezenas, mas na hora de receberem os prêmios ficavam sabendo que as apostas não haviam sido concluídas. Ou seja, os volantes não haviam sido pagos e os apostadores terminavam sem o prêmio e muitas vezes sem o ressarcimento devido, já que a CAIXA não tinha como se responsabilizar por apostas não concluídas.

De acordo com Cleto, com a oficialização, a partir do momento em que for montado o bolão em uma casa lotérica, haverá um número de bilhetes correspondente ao número de cotas. “Se você entra com dez pessoas se cotizando para fazer um bolão, você vai ter a emissão de dez recibos de aposta, cada um contemplando uma cota de um dez avos desse bolão. Porque já vai ter a segurança de o apostador estar participando do bolão de forma oficial e com toda a garantia de que ele pode ir pegar o prêmio correspondente à sua cota”, disse à Agência Brasil.

O Bolão Caixa, segundo ele, terá um teto de 100 apostadores, mas não há limite financeiro. A aposta mínima será R$ 10, divididos em duas cotas de R$ 5 cada. Fábio Cleto informou ainda que a partir de negociação com os lotéricos, feita pela Secretaria de Acompanhamento Econômico (SAE), ficou acordado que será até 35% o percentual de prêmio que eles poderão cobrar de taxa de administração de um bolão. Ressaltou que, ao mesmo tempo, as pessoas poderão montar um bolão entre os amigos e apenas registrá-lo na casa lotérica, sem nenhuma cobrança de taxa de serviço.

A criação do Bolão Caixa acaba com a informalidade e com o risco de um apostador participar de um bolão e não receber o prêmio. “Alguns casos já ocorreram e a Caixa sempre foi sensível a essa demanda dos próprios lotéricos para a constituição da estrutura tecnológica que contemplasse isso”. Cleto disse que não se trata de uma estrutura simples, porque ela permite o pagamento em cotas, ou parcelas. “As pessoas podem ir pegar individualmente. Elas não precisam ir todas juntas pegar o prêmio. Segundo ele, isso demandou grande esforço da área de tecnologia da informação (TI) da Caixa “. O novo produto já foi homologado pela Caixa, passou por todos os processos e se acha, no momento, em fase de distribuição para as lotéricas.

A instituição está comemorando também os 50 anos das Loterias Caixa, com sorteio da Loteria Federal, extração especial 4.693, amanhã (15), às 20h25m (horário de Brasília), no Caminhão da Sorte, que estará estacionado nos Arcos da Lapa, no centro do Rio de Janeiro. O prêmio principal alcança R$ 1 milhão. O bilhete tem valor inteiro de R$ 70, com preço por fração de R$ 7. A primeira extração da Loteria Federal foi sorteada também no município do Rio, em 15 de setembro de 1962.

O vice-presidente de Fundos de Governo e Loterias da Caixa destacou que as loterias constituem uma área em que a Caixa presta “um grande trabalho ao governo e à sociedade”. Cerca de 40% a 45% do faturamento das loterias da Caixa são direcionados a programas e projetos de assistência social do governo, de autarquias e de entidades, como o Comitê Olímpico Brasileiro (COB), sendo um terço para a área da saúde e um terço para educação e esporte. “São mais de 15 beneficiários”, salientou Cleto.

Para se ter uma ideia da importância das loterias, o vice-presidente destacou que o faturamento total do setor foi R$ 9,4 bilhões, no ano passado, dos quais R$ 4,5 bilhões foram direcionados a beneficiários. Para 2012, a meta é atingir uma arrecadação em torno de R$ 10,5 bilhões.

Com informações da Agência Brasil