STTU faz interdições no entorno do Hotel Reis Magos a partir desta segunda

Foto: Divulgação/site Prefeitura do Natal

A Secretaria de Mobilidade Urbana – STTU, da Prefeitura de Natal, interdita, a partir desta segunda-feira (11/11), parte das ruas que se localizam nas laterais e por trás do Hotel Reis Magos, na praia do Meio, para o trânsito de veículos e pedestres. O temor das autoridades é que o prédio desabe devido ao processo de desgaste da estrutura de sustentação do local.

A STTU informa que a interdição estreita, em seis metros, o trecho da avenida 25 de Dezembro, a partir do muro do hotel, até o término da primeira faixa de rolamento de veículos do lado esquerdo da via, estendendo-se por 126 metros. A passagem de pedestres pelo local não é permitida. No caso da rua Mascarenhas Homem, o local será estreitado em cinco metros no trecho do muro do hotel até o término da primeira faixa de rolamento do lado esquerdo da via, estendendo-se por 69 metros.

A posição do hotel em relação ao terreno garante uma área de segurança em relação a outras ruas que circundam o local. Por isso, de acordo com a STTU, não haverá intervenções na avenida Presidente Café Filho, nem na rua Feliciano Coelho. A secretaria também informa que, por não haver interdições completas nas vias, os itinerários nas linhas de ônibus que passam pela área permanecem inalteradas.

A STTU alerta a motoristas e pedestres para obedecer a sinalização, que será composta por defensas provisórias e placas de sinalização indicando os locais interditados. O órgão informou que não existe prazo para liberação da área.

Os problemas graves na estrutura do Hotel Reis Magos foram encontrados em uma perícia realizada pela empresa Petrus Engenharia, de Pernambuco, ainda em 2016. De lá para cá, o Município, que entende ser necessária a demolição, tem aguardado o fim de um processo de tombamento que tramita no Governo do Estado há seis anos.

O secretário de Obras de Natal, Tomaz Neto, afirma que a perícia, assinada pelo engenheiro da Petrus, Luiz Fernando Dernhoest, não deixa dúvidas quanto ao risco de desabamento do antigo hotel. Segundo o secretário, o estudo aponta que alguns pilares de sustentação já estão com mais de 50% da capacidade de sustentação comprometidos. Um desses pilares, que fica na área da antiga boate Royal Salute, que funcionou no Reis Magos, na década de 80, já teria ruído, revelou Neto.

A Semov realizou um serviço para a colocação de tapumes no entorno do hotel, atendendo a um pedido da Procuradoria Geral do Município – PGM. De acordo com informações da secretaria, a intenção seria evitar que, caso pedaços menores da estrutura venham a se desprender, esses sejam contidos antes que atinjam as ruas ou o passeio público.

Com previsão de conclusão para o fim de 2021, obras do ‘Gancho de Igapó’ são iniciadas e interdições no trânsito começam em novembro

Foto: DER-RN

Orçada em cerca de R$ 39 milhões, com recursos federais do Ministério da Infraestrutura, as obras de readequação do ‘Gancho de Igapó’, na Zona Norte de Natal, foram iniciadas e as interdições nas vias que passam pelo local serão iniciadas em novembro. A informação foi confirmada nesta quarta-feira (11) em uma reunião entre representantes das instituições envolvidas na intervenção urbana.

Estão dentro do pacote a construção de um viaduto, a adequação da rotatória já existente e a construção de um túnel em “Y”, da Avenida das Fronteiras para São Gonçalo do Amarante e Natal. O serviço foi iniciado pelas marginais, no entanto, a partir do mês de novembro, será necessário fazer desvios nas rotas dos veículos que circulam na região. Carros e motos serão desviados pelo binário das ruas Henrique Dias e Santa Luzia.

Os ônibus e vans do transporte alternativo terão faixa exclusiva para circulação. Segundo os representantes, nas próximas semanas outras reuniões como essa serão realizadas para adequar o projeto, com o objetivo de minimizar os transtornos, principalmente para o usuário do transporte público e para os comerciantes da área.

A previsão é de concluir os trabalhos em dezembro de 2021.

Com acréscimo de informações do G1-RN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. manezinho disse:

    O acesso do aeroporto consegue ficar pior…

  2. Assis disse:

    Essa obra com passos de tartaruga só vai terminar em 2040, isto é uma vergonha.

Trechos das Avenidas Jerônimo Câmara e Miguel Castro sofrerão interdições para obras a partir de segunda-feira

Foto: João Maria Alves

A Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU) informa que a partir de 02 de setembro a Av. Jerônimo Câmara – entre as ruas Jaguarari e dos Potiguares – a Rua dos Caicós (Av. 07) – entre as avs. Lima e Silva e Miguel Castro – e a Av. Miguel Castro – entre as ruas dos Caicós e Rubens Maris – sofrerão interdições parciais para realização da obra de macrodrenagem da Arena das Dunas, realizada pela Secretaria Municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (SEMOV). A previsão é que a obra dure oito meses.

Segundo a STTU, a Av. Jerônimo Câmara, Av. Miguel Castro e Rua dos Caicós sofrerão interdições em uma faixa de cada lado da via, não gerando desvios nas linhas de ônibus que circulam na região. Como rota alternativa as avs. Jerônimo Câmara e Miguel Castro, os motoristas de carros de passeio podem utilizar a avs. Lima e Silva e Nascimento de Castro. Já como escape a Rua dos Caicós, o motorista pode utilizar as avs. Interventor Mário Câmara (Av. 06) e Coronel Estevam (Av. 09).

Em caso de dúvidas os motoristas podem ligar para o Alô STTU – no telefone 156 – ou perguntar pelo Twitter oficial, o @156Natal.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Francisco S J Filho disse:

    P A L H A Ç A D A!!!

  2. Manoel disse:

    Inaugurou pra interditar? Kkk