STTU suspende atendimento presencial a partir de segunda-feira

Foto: Divulgação

A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU), vai suspender o atendimento presencial a partir desta segunda-feira (21) até dia 08 de janeiro de 2021. O atendimento será retomado a partir de 11 de janeiro de 2021 mediante agendamento no site do órgão, o www.natal.rn.gov.br/sttu.

Segundo o órgão, a medida busca garantir o bem-estar dos servidores e cidadãos que são atendidos pela instituição diante do aumento no número de casos de Covid-19. Com a medida, nove serviços serão prestados apenas pelo portal directa.natal.rn.gov.br. São eles:

1. Recursos de infração de trânsito à Defesa Prévia, Junta Administrativa de Recursos de Infrações (Jari) e Conselho Estadual de Trânsito (Cetran);

2. Indicação de condutor de infração de trânsito;

3. Solicitação de ressarcimento de valores de multa de trânsito;

4. Solicitação de prescrição de multas de trânsito;

5. Solicitação de antecipação de geração de penalidade de multa de trânsito;

6. Recurso de infração de transporte;

7. Solicitação de ressarcimento de valores de multa de transporte;

8. Solicitação de prescrição de multa de transporte;

9. Análise de Relatório de Impacto sobre o Trânsito Urbano (Ritur).

Já outros três serviços serão suspensos:

1. Emissão e renovação de carteira de operador de transporte para os trabalhadores das empresas de ônibus e dos serviços de transporte opcional, táxis, escolares e motofrete;

2. Renovação dos cartões de gratuidade de transporte;

3. Emissão de cartão de estacionamento para vagas especiais.

Os cidadãos com agendamento de atendimento presencial para o período a partir de 21 de dezembro de 2020 e 08 de janeiro de 2021 deverão aguardar contato telefônico da STTU, onde será realizado o reagendamento do serviço. Com essa nova suspensão do atendimento presencial, serão prorrogadas as validades:

1. As carteiras de operador dos trabalhadores das empresas de ônibus e dos serviços de transporte opcional, táxis, escolares e motofrete vigentes até 29 de janeiro de 2021;

2. Os cartões de gratuidade de transporte:

a) Com vencimento em janeiro de 2020 e janeiro de 2021 até 29 de janeiro de 2021;

b) Vencidos a partir de fevereiro de 2020 por 12 (doze) meses, a partir da data de vencimento em 2020;

3. Os cartões estudantis, até 31 de março de 2021;

4. O alvará de tráfego e certificado de vistoria dos veículos das empresas de ônibus e dos serviços de transporte opcional, táxis, escolares e motofrete até 29 de janeiro de 2021.

Em caso de dúvidas o cidadão pode ligar para o Alô STTU – no telefone 156 – ou perguntar pelo Twitter oficial, o @156Natal.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Oswaldo disse:

    Kkkkkk e haja recesso de fim de ano!

VÍDEO – SUCUPIRA PERDE: Agente da STTU anda de carona em moto sem capacete na orla de Natal

Registro na capital potiguar flagra uma agente da STTU em garupa de motocicleta, sem o uso do capacete. O vídeo de autoria desconhecida vem circulando nas redes sociais.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Azevedo disse:

    Isso é o de menos, pois a lei foi feita só para quem pode ser multado, eles são imunes a lei. O pior desses agentes da STTU e que muitos só sabem assinar o nome.

  2. nasto disse:

    maioria desses agentes de trânsito do RN ( Natal, Macaíba, Parnamirim, entre outros municípios não sabem nem usar o apito , imagine as leis de trânsito. Esse é o exemplo. VERGONHA como muitas outras que vemos diariamente.

  3. Zé Mané disse:

    Faço o que digo mas não faça o que faço

STTU define operação de trânsito para Black Friday

Foto: Divulgação

A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU), preparou uma operação especial para o trânsito em mais uma edição da Black Friday. Os pontos de monitoramento, bem como os locais onde os agentes ficarão posicionados, foram definidos com base na experiência de anos anteriores e a operação vai priorizar as proximidades de supermercados, shoppings, centros comerciais, de forma que, tanto o trânsito de veículos comuns, quanto dos ônibus, táxis e serviço de Uber não sejam prejudicados durante o período do evento.

De acordo com o inspetor Carlos Eugênio, agentes de trânsito, batedores e viaturas do órgão estarão orientando pedestres e condutores de veículos nas principais regiões comerciais da cidade. “Os agentes estarão monitorando o trânsito e realizarão os ajustes necessários em tempo de semáforos, intervenções nas vias e outras ações de acordo com a necessidade de cada corredor viário. Nas áreas adjacentes aos shoppings, como por exemplo o Midway, será permitido o desembarque e embarque de passageiros de Uber, táxis e veículos particulares na Romualdo Galvão, visando desafogar o fluxo de veículos nos corredores que dão acesso ao centro comercial.”

Os bairros do Alecrim, Cidade Alta e os centros comerciais no entorno da região Sul da cidade também estarão com efetivo da STTU e o telefone 156 estará à disposição dos usuários para ocorrências no trânsito e no transporte.

STTU define operação para cobrir Festa de Nossa Senhora da Apresentação neste sábado

Foto: Brunno Antunes

A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), definiu a operação para cobrir a celebração especial pelo transcurso do Dia de Nossa Senhora da Apresentação, padroeira da cidade, no próximo sábado (21). Um efetivo de 14 agentes de mobilidade, distribuídos em quatro (04) viaturas e seis (06) motocicletas, darão todo o suporte à movimentação viária no município.

Este ano, em virtude da Pandemia do Covid-19, as celebrações acontecerão, pela primeira vez na história do evento religioso e festivo, sem a participação dos fiéis. No sábado (21), a partir das 6 horas da manhã, será realizada a tradicional procissão fluvial com a imagem de Nossa Senhora da Apresentação, seguida de missa no comando do 3º Distrito Naval, sem a participação dos devotos. Depois acontecerá mais duas celebrações pela manhã. Uma na antiga Catedral, às 8h, e a outra na Catedral Metropolitana às 10h. Todas com transmissão ao vivo pelo canal da Catedral no YouTube e pela Rádio 91.9 FM.

No período da tarde, a partir das 14h, a imagem da padroeira sairá da Catedral Metropolitana, conduzida em um carro do Corpo de Bombeiros, escoltado por agentes de mobilidade, e passará por vários bairros da capital até retornar novamente à Catedral. A festa será encerrada às 18h, com a bênção do Santíssimo Sacramento.

STTU autoriza serviços extras de transporte público de Natal até o fim da paralisação dos rodoviários

A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU), informa que está autorizando os veículos do transporte opcional e escolar, táxis, e os veículos de fretamento turístico autorizados pelo DER a realizarem lotação e circularem no itinerário das linhas de ônibus, devido a greve deflagrada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado do Rio Grande do Norte (SINTRO).

A operação fica autorizada até a volta da normalidade do sistema. Nesta sexta-feira (23), o Sistema de Transporte Coletivo da capital opera com 40% da frota de ônibus.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Renilson Oliveira disse:

    Se for pra não publicar a opinião das pessoas acabem com esse espaço onde está escrito:" comentar"! Opinei que: A STTU deveria implantar nesses veículos o sistema de bilhetagem pro trabalhador puder utilizar o cartão de vale transporte!

  2. ANDERSON disse:

    PARABÉNS!!
    TIRAR O MONOPÓLIO DAS MÃOS DE POSSÍVEIS PELEGOS É O CAMINHO! NÃO QUER TRABALHAR???? TEM QUEM QUEIRA!!

MAIS FISCALIZAÇÃO E MULTA: Semurb, Urbana, Semdes e STTU vão coibir descarte irregular de resíduos em via pública em Natal

Foto: Divulgação/Semurb

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) firmou, na manhã desta sexta-feira (31), um termo de cooperação com a Companhia de Serviços Urbanos (Urbana), Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) e de Mobilidade Urbana (STTU) para coibir o descarte irregular de resíduos sólidos nas vias públicas de Natal. A partir de agora, os órgãos municipais em conjunto vão atuar com mais rigor nas fiscalizações, podendo o responsável ser penalizado com multa.

Atualmente, Natal possui 691 pontos de deposição irregular de resíduos sólidos especiais e domésticos. Para se fazer a remoção dos resíduos a Urbana chega a ter um custo mensal de dois milhões de reais que saem dos cofres públicos. Para o secretário da Semurb, Thiago Mesquita, é um grande avanço ter firmado essa parceria, pois vai haver um aumento no efetivo das fiscalizações para coibir as ilegalidades no ponto de vista ambiental e urbanístico.

“Estamos dando um avanço muito significativo em relação à capacidade das fiscalizações no Município. Com a assinatura deste termo de cooperação entre as secretarias. E espero em breve poder firmar cooperação com outras pastas para que possam também nos ajudar supervisionando toda a cidade”, disse Mesquita.

O termo tem por base a Lei Municipal nº 6.693/2017, que dispõe sobre a proibição do descarte de resíduos sólidos em vias públicas. E no cumprimento do Decreto Municipal nº 11.823/2019, que regulamentou a lei. O comandante da Guarda Municipal de Natal (GMN), Albefran Grilo, ressalta que a cooperação técnica é muito importante não só para as secretarias municipais, como para toda a sociedade.

“A partir de agora, vai haver mais um instrumento de fiscalização em Natal com uma maior potencialização. Qualquer guarda que estiver em campo, e se deparar com uma situação de deposição de material irregular, poderá fazer o auto de constatação”, afirmou o comandante da GMN.

A Semurb conta com o apoio da população para realização de denúncias pelo telefone da Ouvidoria, no (84) 3616-9829, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h, ou pelo e-mail [email protected] .

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Eduardo Peixoto disse:

    Que comecem pela esquina da Rua Curimatã com Brisa do Mar, LOCAL DA ANTIGA E DA " NOVA FAVELA DO ALAGAMAR", pois há quinze anos está sem pavimentação e saneamento, bem como se transformou em um ponto oficial de descarte de lixo e entulhos do Bairro de Ponta Negra.

  2. Lourdes Siqueira disse:

    Deveria voltar a coleta de recicláveis semanal. O caminhão da Cooperativa passava em dias determinados. Adquiri a prática e continuo separando mesmo sem recolherem mais. Lamentável. Uma fonte de renda para os cooperados.

Seturn solicita cálculo da tarifa de remuneração da prestação de serviço pela 5ª vez à STTU

O Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município do Natal (Seturn), apresentou o quinto requerimento administrativo solicitando que o Poder Público Municipal, por intermédio da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), realize o cálculo da tarifa de remuneração da prestação do Serviço de Transporte Público de Passageiros por Ônibus do Natal. O pedido é requisitado para apurar o déficit tarifário em cada um dos meses desde a decretação das medidas de restrição de circulação de pessoas por decorrência da pandemia da COVID-19 e, ao final, para a STTU apontar as medidas compensatórias (subsídio tarifário e/ou ajustes nos custos do serviço) a serem adotadas para financiamento da contabilidade negativa apurada.

Para o Seturn, o estudo tarifário deve considerar os novos parâmetros de custos, como as rescisões dos contratos de trabalho dos cobradores, concessão de desoneração do ICMS incidente sobre o combustível a partir de 01.07.2020, possível desoneração do ISS (anunciada, porém ainda não implementada). Além da correção dos equívocos metodológicos apontados anteriormente, de acordo com o Laudo Técnico Especializado de Análise do Equilíbrio Econômico-Financeiro das tarifas 2016, 2017, 2018 do Sistema de Transporte Público da Cidade do Natal.

Em carta ao Conselho Municipal de Mobilidade Urbana de Natal o Seturn expõe a necessidade do imediato do cálculo da tarifa de remuneração da prestação do Serviço de Transporte Público de Passageiros por Ônibus do Natal, em função do elevado déficit constatado e para o equilíbrio econômico. ”O Serviço de Ônibus do Sistema de Transporte Público de Passageiros do Município do Natal tem sofrido ao longo dos últimos anos uma progressiva perda de receita, decorrente da redução contínua na demanda pelo serviço, causada por diversos fatores, o que tem ocasionado uma crise financeira crescente nas empresas, impossibilitando a realização de investimentos”, ressalta o consultor técnico do Seturn, Nilson Queiroga.

STTU divulga as cinco vias que registraram os maiores números de acidentes em Natal no ano passado; Eng. Roberto Freire lidera

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) em Natal, apresentou, na manhã dessa quinta-feira (02) os números dos acidentes de trânsito de 2019 à Comissão Intersetorial de Gestão de Dados do Projeto Vida no Trânsito. Foram registrados 5.560 acidentes – o que representa um aumento de 2,1% em relação a 2018, quando foram registrados 5.444 acidentes – e 53 óbitos, o que representa uma redução de 8,6% em relação a 2018, quando foram registrados 58 óbitos.

Segundo os dados apresentados pela STTU, em 2019 as cinco vias que registraram os maiores números de acidentes foram a Av. Eng. Roberto Freire (354 acidentes), Av. Prudente de Morais (293 acidentes), Av. Dr. João Medeiros Filho (252 acidentes), BR-101 Norte (230 acidentes) e Av. Bernardo Vieira (161 acidentes). Dessas vias, as avs. Eng. Roberto Freire e Dr. João Medeiros Filhos são de responsabilidade do Governo do Estado, a BR-101 Norte é administrada pelo Governo Federal e as avs. Prudente de Morais e Bernardo Vieira são administradas pela STTU.

 

STTU autoriza serviços extras de transporte público em Natal até o fim da paralisação dos rodoviários

Foto: Tribuna do Norte

A Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU), informa que, durante a greve deflagrada pelo Sindicado dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado do Rio Grande do Norte (Sintro) nesta segunda-feira (22), será autorizada a operação dos permissionários do transporte opcional no mesmo itinerário das linhas de ônibus.

Também será permitido que os veículos do serviço de transporte escolar, táxis, de transporte da Região Metropolitana e de turismo registrados pelo Departamento de Estradas de Rodagens (DER) possam operar no itinerário das linhas de ônibus. A Portaria de n° 047/2020 será publicada no Diário Oficial do Município desta terça-feira (23).

E aí STTU? O procedimento será o mesmo da Av. Romualdo Galvão?

Em meio a polêmica dos agentes da Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito Urbano – STTU que multavam pais que buscavam filhos em uma escola particular na Av. Romualdo Galvão surgem as seguintes dúvidas:

A STTU adotará o mesmo procedimento nas entradas dos shoppings Midway Mall, Natal Shopping e Shopping Cidade Jardim?

Os motoristas também costumam formar filas e emparelhar nos acessos para esses estabelecimentos, aguardando a entrada e provocando assim engarrafamento nas vias.

Veja aqui o vídeo que está causando a polêmica e o debate nas redes sociais.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Chico disse:

    O McDonald tá Roberto Freire e do mesmo jeito .

  2. Ze mane disse:

    Parabens a sttu, é um absurdo o q acontece naquela via no horario. Da saida e chegada dos alunos, em detrimento de alguns prejudicam muito, tem q prevalecer a coletividade, parabens

  3. JEGUE DEGUE disse:

    E patifaria que é na rua latetal do Colégio Neves nos horários de entrada e saída de alunos vai ter multa por obstrução tb? O trânsito parece o da Índia.

  4. Jussara disse:

    A escola já enviou requerimento solicitando liberação/autorização pra estacionar no canteiro do outro lado da rua nos períodos de entrada e saída da escola visto que um órgão público mais à frente recebeu tal concessão mas tbm não foi concedido esse direito. Acredito que tbm tem dificultado o trânsito nesse local seria a interdição por tempo indeterminado da rua em frente ao Cei o que restringe ainda mais os locais passíveis de estacionamento.

  5. Waldemir disse:

    Os fiscais da STTU. Nao precisa inventar multas e so multar quem está falando e mandando mensagem pelo cwçiçare dirigi do
    Se ficar na Roberto Freire o faturamento vai dobrar duvidão

  6. manezinho disse:

    O problema do transito no midway é a parada de onibus ( com onibus enfileirado com medo de assaltos); a desobediencia dos pedestres em observar a sinalizacao da botoeira na faixa de pedestres na romualdo. Falta de fiscalizacao e controle da STTU. Acham que colocar palhacinhos fantasiados educa… O shopping nao tem culpa, pois foi muito bem planejado. A prefeitura que falha.

  7. Felipe disse:

    MC Donald's da Roberto Freire;
    Videira da Ayrton Senna.

  8. Aidento disse:

    Sem credibilidade.

  9. Manoel disse:

    STTU são todos despreparados do espeto ao fiscal nem ele conhece as leis de trânsito .

    • Alexandre disse:

      Solicite ao fiscal MOSTRAR o que ele está afirmando. A letra da LEI e Peça para ele ler e interpretar. Vai ver o que sai da boca dele.
      São "autoridades" que estão ali para tirar dinheiro do bolso do contribuinte.
      quer mais, ligue para STTU REGISTRANDO UMA OCORRÊNCIA? Sabe quando amarelinhos aparecem NENHUM!
      Todo comércio, residência ou condomínio que fique próximo de escola e tenha suas entradas ou garagens INTERROMPIDAS por carros, NUNCA TEM AMARELINHO DISPONÍVEL PARA IR RESOLVER A QUESTÃO. Quando a STTU é acionada, SEMPRE vem a DESCULPA: ESTÃO TODOS OCUPADOS! E quem tem sua garagem obstruída que fique com o problema.
      A STTU presta um desserviço ao cidadão, pois só tem o objetivo de multar e arrecadar.

  10. Jacio disse:

    Não vai dar nada a escola tem muito dinheiro

  11. Emanuel disse:

    Excelente, tem que multar mesmo, inclusive em outros locais da cidade que motoristas fiquem atrapalhando o fluxo de carro, como no McDonald's da Roberto Freire…
    Ontem vi um vídeo de um sujeito revoltado com um guarda que estava multando quem ultrapassava na faixa continua (ao lado do Favorito da Roberto Freire), e o guarda estava mais do que certo, tem que educar esses motoristas doendo no bolso mesmo.

  12. Deco disse:

    Caro BG, bom dia.
    Tudo bem, o blog é seu, publica o que achar mais conveniente…mas acho que os comentários que dão razão a STTU também deveriam ser publicados. Ontem postei comentário, isento, sobre o problema e o comentário foi removido;
    Agora, o que não está justo é comparar os shoping com o colégio; todos esses shoping, citados tem estacionamentos grandes, inclusive o Miduei é grátis. As retenções na entrada /saída são momentâneas.
    Já quanto ao colégio o problema é constante pois não possui estacionamento suficiente para dar suporte. Assim, os engarrafamentos se estendem não só na frente do colégio mas em todo entorno visto que os pais ficam dando voltinhas até aparecer uma mísera vaga para parar.
    Repito a pergunta do post anterior, que foi removido: será que o colégio não poderia providenciar estacionamento para os seus clientes? terreno em volta é o que não falta.
    Para algumas empresas seu melhor ponto de estacionamento é o meio da rua. O resto que se vire!

  13. Guto disse:

    Isso é um verdadeiro abuso, minha esposa estava na fila para entrar na escola e o amarelinho mandou sair porque a fila estava na via, ela prontamente obedeceu (apesar de não está fazendo nada de errado ou cometendo infração) e mesmo assim, para nossa surpresa, dias depois chegou a multa. Revoltante a atitude covarde do guarda.

    • CHICO disse:

      Eles estão multando por esporte. CUIDADO COM OS SEMÁFOROS ESTRATÉGICOS PARA MULTAS! ESSA INDÚSTRIA DA MULTA TEM QUE ACABAR!

  14. Renata disse:

    Acho isso um absurdo! Vc vai deixar seus filhos (crianças) na escola e nem se quer pode parar um min p entrar no pátio q tem toda a estrutura de recebimento e entrega das crianças . Agora a STTU está resolvendo os problemas de trânsito de todos da cidade q se resume em uma única avenida e o CEI é o único causador de todos os problemas de trânsito nessa cidade. Fora a maneira rude e grosseira dos agentes nas abordagens, somos cidadãos e além de tudo eles esquecem q tem crianças no meio vendo tudo isso.

  15. Luan disse:

    A irresponsabilidade do poder público em soltar alvará de funcionamento a escolas, festas e empreendimento provados, sem as mínimas condições de funcionamento, em virtude da falta de espaços adequado para embarque, desembarque, local de espera veiculares ou de estacionamento é algo alviltante e revoltante. A complacência do MP com os critérios seguido por esses órgãos emissores, é mais grave ainda, pois algema o cidadão, que ver o seu direito mais mais uma vez espoliado por oportunistas e agentes públicos, no mínimo negligentes. Isso é pernicioso e imoral.

  16. alex_dubeux disse:

    TEM UMA RUA EM FRENTE QUE PODE ESTACIONAR , MAIS O POVO PREFERE COMODISMO
    EU IMAGINO OS 2 PREDIOS QUE TEM ENTRADA ANTES DA ESCOLA

  17. Lourdes Siqueira disse:

    Viiiiiiiiiiige!?!?
    E os caminhões parados nas avenidas para podar árvores em pleno pico? Não é obstrução?
    Tenha paciência. A gente vê cada coisa com essa turma fosforescente……

  18. Jackson disse:

    STTU ê uma fábrica de multas, só sabem multar, guardas sem nenhum preparo ou bom senso de fazer fluir o trânsito. Fui multado neste mesmo local porque minha filha entrou no meu carro que estava parado no trânsito, depois que ela entrou no carro passei mais de 3 minutos sem sair do lugar…..
    Além disso, existem os motoristas imbecis, a falta de segurança nas ruas, que ssomados aos guardas tonam o trânsito uma guerra….

  19. Brasil e RN acima de tudo. disse:

    Tem que multar mesmo, a escola tem que arrumar uma solução, não é justo uma dúzia de motoristas atrapalharem uma centena de outros motoristas. Mas também tem que ir para os shoppings, alecrim, cidade Alta, onde tiver essa presepada. Também não tem essa história de indústria da multa não, seja educado(a) no trânsito e não leva multa. Outra coisa, antes de falarem besteira, votei em Bolsonaro para exorcisar o PT.

  20. Vergonha disse:

    Cadê os PTralhas para falar sobre isso ??? Os comedores de mortadela ? Que estavam criticando o país que buscam os seus filhos na escola

  21. Juvenal disse:

    Isso é um abuso por parte dos amarelinhos! É claro que num horário de pico vai haver engarrafamento, não tem milagre, um carro só pode entrar no estacionamento se houver espaço, enquanto isso o jeito é esperar na via. Mas o que os amarelinhos querem é que o motorista fique dando voltas no quarteirão, o que só vai piorar o trânsito e atrapalhar a vida de muito mais gente. Certa vez ocorreu isso comigo na entrada do Shopping10, no Alecrim. Enquanto aguardava um carro sair do estacionamento (já estava na cancela) para eu poder entrar, fui abordado por um amarelinho que, muito grosseiramente, mandava que eu saísse do local sob pena de multa. Resultado: fui embora e deixei de comprar o que procurava no local. O que a STTU tem que fazer é buscar soluções para minorar o congestionamento na porta das escolas (que acontece em todas elas), mas infelizmente temos uma secretária incompetente.

  22. Emmanoel do Nascimento Costa disse:

    Nunca fui assaltado em Natal .Mas o Governo me rouba todo dia.

  23. Zanoni disse:

    O errado é errado. O certo é certo! O poder Público tem o dever de deixar, no caso, as vias em condições de se transitar. Agora, o que não pode são os pais do CEI erguerem tal argumento para o Poder Público ceder nem o Poder Público deixar de atuar, em razão do "poderio" econômico financeiro dos mencionados Shoppings.

  24. Juka disse:

    Os amarelinhos só são treinados para aplicar multas. Já levei multa por não utilizar o cinto de segurança e nunca andei sem cinto de segurança. Outro dia, quase levo uma multa pq fui coçar minha orelha e o amarelinho já foi apitando pensando que eu estava ao celular. Essa indústria da multa tem que acabar.

  25. ERNESTO MORAES VIANA disse:

    Antes do início do mi mi mi contra os agentes que faz a desobstrução da Romualdo Galvão, entre a Antônio Basilio e Nascimento de Castro, garantindo o trânsito mais livre para parte grande da sociedade que usa aquela avenida apenas para deslocamento, lembrem-se que o agente esta ali por ordem da secretaria e não foi por conta própria inventar nada.

  26. joão carlos disse:

    o transito dessa cidade é uma piada… esses amarelinhos não servem pra nada, a função deles é primeiramente orientar, mas ficam escondidos atrás de postes e muros só para MULTAR

  27. Manoel disse:

    Tomara que sim! Os carros parados ali estão atrapalhando muito o trânsito… No Midway está ficando insuportável entrar pela Bernardo Vieira…

  28. Antônio Carlos disse:

    Tem muitos outros lugares: Aabb também.
    Coincidência ou não as eleições se avizinham.
    Meu voto não terá mais.

  29. Minion alienado disse:

    Parabéns STTU, moralize o trânsito e garanta o direito de ir e vir.

STTU prepara operação para o Carnaval de Natal de 2020: veja interdições de vias nos arredores dos sete polos de folia da capital

Foto: Josenilson Rodrigues/Busão de Natal

A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana, preparou uma operação especial de trânsito e transporte devido ao Carnaval de Natal 2020. Participarão na operação 60 agentes de mobilidade e 28 viaturas, dentre carros e motos.

POLO PETRÓPOLIS

Para a realização do carnaval no Polo Petrópolis, serão bloqueadas as ruas Seridó – das avenidas Prudente de Morais até Afonso Pena –, Manoel Machado e Joaquim Fabrício – da Rua Cel. Joaquim Manoel até a Rua Seridó – e a Av. Campos Sales – da Rua Potengi até a Rua Seridó. A interdição da região começa no dia 19 e segue até 26 de fevereiro.

Com as interdições, a linha 35 (Soledade/Candelária) vai desviar de itinerário – apenas no sentido Soledade – a partir da Av. Prudente de Morais, entrando na Rua Otávio Lamartine, Av. Campos Sales e Rua Trarí, de onde segue o itinerário normal.

Já a linha 39 (Cidade Nova/Tirol) sofrerá desvios – apenas no sentido Cidade Nova – a partir da Rua Potengi, entrando na Av. Floriano Peixoto, Rua Mossoró e seguindo para a Av. Hermes da Fonseca, de onde segue o itinerário normal.

Os desvios das linhas de ônibus ocorrerão a partir 17h00 de cada dia, no período de 20 a 25 de fevereiro.

POLO ROCAS

No Polo das Rocas, será fechada a Rua Pereira Simões – no trecho da rotatória com a Rua São João de Deus até a Rua São Francisco. Também serão bloqueadas a Rua São João de Deus – da Travessa Pereira Simões até a Rotatória com a Rua do Areal –, e a Rua das Donzelas – da Rua Jacinto Dantas até a Rotatória com a Rua do Areal. Os bloqueios já iniciam nesta sexta-feira (21/02) seguindo até segunda-feira (24/02).

Com a interdição, as linhas 33 (Planalto/Praia do Meio) e 59 (Guarapes/Praia do Meio) vão sofrer desvios – no sentido Praia do Meio – a partir da Rua Almino Afonso, entrando na Rua Olavo Bilac, Av. Duque de Caxias, Rua São João de Deus, Rua Coronel Flamíno, Rua Professor José Melquíades e chega a Av. Pres. Café Filho, de onde segue seu itinerário normal.

A linha 64A/43 (Nova Natal/Praia do Meio/Candelária) desvia a partir da Rua Almino Afonso, entrando na Rua Olavo Bilac, Av. Duque de Caxias, Rua São João de Deus, Rua Coronel Flamíno, Rua Professor José Melquíades e chega ao Viaduto de Santos Reis, de onde segue o itinerário normal.

POLO RIBEIRA

Já no Polo da Ribeira, os bloqueios iniciam no sábado (22/02) e domingo (23/02) e será fechada a Av. Duque de Caxias, da Esplanada Silva Jardim até a Praça Augusto Severo. Também serão fechadas as ruas Quinze de Novembro, Ferreira Chaves – todas no trecho da Rua Frei Miguelinho até a Rua Almino Afonso –, Rua Nísia Floresta – da Rua Frei Miguelinho até a Av. Duque de Caxias –, e a Travessa Bom Jesus – da Rua Almino Afonso até a Av. Duque de Caxias.

Com o bloqueio, as linhas 13, 22/71, 33A, 35, 59, 64A/43, 75, 78A/47, 81, 84, 85 e 313 sofrerão desvios de itinerário a partir da Rua São João de Deus, entrando na Av. Eng. Hildebrando de Góis, Rua Frei Miguelinho, Rua Dr. Barata e chegando a Praça Augusto Severo, de onde seguem o itinerário normal.

POLO NAZARÉ FOLIA

Para o Polo Nazaré, a Rua Hidrógrafo Vital de Oliveira será fechada no trecho entre a Av. Jerônimo Câmara até a Av. Capitão-Mor Gouveia, ao lado da Rodoviária de Cidade da Esperança. A interdição começa a partir desta sexta-feira (21/02) e segue até quarta-feira (26/02).

POLO CENTRO HISTÓRICO

Para o Polo Centro Histórico, serão interditadas o entorno das praças André de Albuquerque e Sete de Setembro a partir desta quinta-feira (20/02) até a quarta-feira (26/02). Neste polo, não há alterações em linhas de ônibus.

POLO REDINHA

Na Redinha, serão montados dois palcos, sendo um no Largo do Buiu e outro na Praça do Cruzeiro. As interdições ocorrem apenas no Palco da Praça do Cruzeiro, sendo interditadas as ruas José Herôncio de Melo e a Travessa do Cruzeiro – do trecho da Rua Eng. Clóvis Aragão até a Praça do Cruzeiro –, e a Rua do Cruzeiro, da Praça do Cruzeiro até a Rua Presbítero Manoel Alves Cardoso.

Nenhum dos palcos do Polo Redinha afeta a circulação das linhas de ônibus.

POLO PONTA NEGRA

No Polo Ponta Negra, ocorrerá interdições no entorno da Praça Ecológica de Ponta Negra, mais conhecida como Praça do Gringo’s. Serão bloqueadas a Av. Praia de Ponta Negra – da Rua Praia de Itapuã até a Rua Eng. Amon Saraiva da Silveira –, Rua Palestina – da Av. Eng. Roberto Freire até a Praça – e Rua Praia do Rio Doce – da Rua Praia do Zumbi até a Praça.

Neste polo não há alterações em linhas de ônibus.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. joao maria disse:

    è muito interesse por polo de canaval , imagine cada um dando lucro milionário para o prefeito do circo, enquanto as Upas estão agonizando que nem serviço de raiox tem

    • paulo disse:

      BG
      Falou em festa o prefeito de Natal oriundo do seridó está em todas e os milhões de reais se esvaindo pelo ralo ou reeleição. Outubro vem ai o povo de Natal precisa escolher um prefeito que trabalhe a gestão toda e não nos últimos dez meses para que o alcaide de plantão se reeleja. Ele tem uma boa companhia para a eleição é o henriquinho do aeroporto de São Gonçalo do Amarante.

Trabalhadores do transporte escolar, alternativo e taxistas reclamam de atraso diário em departamento de vistoria na STTU

Fotos: Divulgação

Trabalhadores do transporte escolar e similares enviaram uma reclamação ao Blog sobre o expediente da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU). Eles se queixam quem o pessoal do DOP- Departamento de Operações, responsável para abrir os processos de vistorias, tem sido aberto de entre 9h e 9h30, enquanto muitos que precisam do atendimento ficam aguardando, diariamente, desde às 8h.

Segundo os denunciantes, o prejuízo com o atraso se estende também a categorias como taxistas e alternativos. Pedem, portanto, uma normalização e posicionamento da secretaria. “Revoltante”, resumem.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. PAULO disse:

    BG
    Uma pergunta que não quer calar, quando essa secretaria há 20 anos na STTU, vai ser exonerada?. INCOMPETÊNCIA chegou ai e parou. Basta ver o exemplo recente da Av. Senador Salgado Filho o que ela e sua "equipe" impuseram, inclusive peitando a PRF em área fora de sua competência (sttu).

  2. Maxwell disse:

    Não sei porque a reclamação sempre que vou resolver alguma coisa resolvo dentro do horário, e sou muito bem atendido, principalmente por um rapaz de Óculos que atende super bem todos os usuários.

  3. Usuário disse:

    A central do usuário, prédio onde fica o departamento citado "DOP" abre as 08hs e encerra os atendimento às 14hs, todos os departamentos tem por obrigação de funcionar no horário estabelecido, são apenas 06hs de expediente para atendimento, agora se alguns tem regalias e trabalham menos e ainda tem.gente q defende, somente NiNa para resolver… chamem Nina!!!!

  4. Santos disse:

    Se o atendimento começa às 09 ou 09:30hs por q eles chegam as 08:00hs? … o povo gosta mesmo é de reclamar de tudo, a mesma coisa tá acontecendo com aquelas sebosas escadas que a PMN de forma certa retirou da praia de Ponta Negra, os quiosqueiros fizeram aqueles trambolhos para não ter que andar e usar as "oficiais" e agora vão para a TV reclamar.

  5. João Herculano disse:

    Acho que foi um caso isolado, pois todas as vezes que precisei, fui muito bem atendido pelo barbudo que fica no guichê.

  6. Manoel disse:

    Tem que ter a dificuldade para venderem a "facilidade"…

STTU realiza operação nos semáforos para aliviar trânsito nos centros comerciais

Foto: Monitoramento/STTU

Durante o período natalino, o trânsito fica mais movimentado nos centros comerciais devido às compras de presentes. Para aliviar as condições do trânsito, a Prefeitura do Natal – por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU) – tem monitorado e realizado alterações nos tempos dos semáforos, principalmente nos bairros do Tirol, Lagoa Nova e Alecrim.

Segundo o órgão, a região do shopping Midway Mall é uma das mais delicadas devido ao grande público que é atraído pelo centro comercial. “Os motoristas formam fila para entrar no shopping e isso acaba fechando um cruzamento, que leva ao fechamento do seguinte e assim se forma um efeito cascata”, ressalta Walter Pedro da Silva, secretário-adjunto de Trânsito.

Um exemplo dado pelo secretário é a entrada do Midway Mall pela Av. Romualdo Galvão, onde os motoristas formam fila e acabam impedindo que os veículos cruzem a Av. Bernardo Vieira sentido Zona Norte, que por sua vez acaba impedindo os que estão na Av. Sen. Salgado Filho sentido Zona Sul, que impedem a Rua Alberto Silva, que impedem os que estão nas avs. Romualdo Galvão e Prudente de Morais e assim consequentemente, como demonstra a animação.

Para combater o efeito cascata, a STTU tem monitorado os semáforos constantemente das 07h00 às 20h00 e realizado ajustes nos equipamentos. “Na região do Midway, quando se inicia o efeito cascata, nós mudamos o tempo para – primeiramente – liberar o tráfego nas vias onde circulam os ônibus, afinal a preferência é do transporte público. Isso significa que o tempo de verde dessas vias é aumentado e o das que cruzam com elas é reduzido”, explica Walter Pedro.

Segundo o secretário, toda a operação dura cerca de 10 minutos. “Há impacto nas demais vias, podendo ocorrer retenções. Contudo, se a operação não for executada, o efeito cascata se estabelece e trava toda a área, podendo impedir a circulação totalmente. Assim que a situação se normaliza, os tempos voltam ao normal”, reforçou.

Ainda de acordo com a STTU, as vias que podem sofrer alterações nos semáforos na região de Tirol e Lagoa Nova são as avs. Rui Barbosa, Sen. Salgado Filho, Romualdo Galvão, Prudente de Morais, Alm. Alexandrino de Alencar, Bernardo Vieira, Antônio Basílio, Nascimento de Castro, Amintas Barros e Miguel Castro, além das ruas São José e Jaguarari. Já na região do Alecrim, as avs. Coronel Estevam (Av. 9), Pres. Bandeira (Av. 2), Alm. Alexandrino de Alencar e as ruas Pres. Leão Veloso (Av. 5), Pres. Sarmento (Av. 4), Pres. José Bento (Av. 3), Pres. Quaresma (Av. 1) são as trabalhadas.

ROTAS ALTERNATIVAS

A STTU pede que os motoristas que não vão realizar compras evitem as regiões dos grandes centros comerciais procurando rotas alternativas, onde o trânsito tende a ser menor e mais tranquilo.

Para os motoristas que saem de Petrópolis com destino a Zona Sul e desejam evitar o Midway Mall, as rotas alternativas são as ruas São José e Jaguarari – principalmente para os que se destinam a Candelária, Cidade Satélite, Planalto e BR-101 Sul após o Viaduto de Ponta Negra –, a Av. Rui Barbosa, o Anel Viário da UFRN e a Via Costeira.

Já para os que desejam evitar o centro comercial do Alecrim, a Av. Interventor Mário Câmara/Rua dos Canidés (Av. 6), a Rua Jaguarari e a Rua São José/Desembargador Régulo Tinoco são boas rotas de escape.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lucia Campos disse:

    É notório que o mais prejudicado é para quem vai para zona Norte, passamos em torno de 25 minutos para cruzar a Benardo vieira com salgado filho. Não vejo nem uma prioridade para o transporte público!!! Indignada com toda a situação!!!

  2. Andrade Vaz disse:

    algo muito amador mudar tempo de sinal de acordo com o "achismo" do agente de trânsito. A prefeitura deveria investir em tecnologia. Semáforos inteligentes usando não sensores e sim sistema dos próprios celulares dos usuários da via. se existe contenção de fluxo em uma via o sistema automaticamente detecta e faz a liberação do sinal verde. Sistema usado em São José dos Campos, interior paulista. Iria dá muita fluidez ao trânsito sem nenhuma obra estruturante.

  3. Senna disse:

    Quem circula pela Av. Rui Barbosa sofre muito, pois os motoristas principalmente de ônibus que fecham o cruzamento com a Bernardo Vieira demonstrando um despreparo e desrespeito total.

  4. LOL disse:

    essa "solução" da Rua Alberto Silva não poderia ser mais ridícula! Além de em nada melhorar o tráfego na própria rua interditada, só aumenta o engarrafamento nas Avs. Alexandrino de Alencar e Salgado Filho, ao jogar para lá todo o fluxo…
    OU seja, trapalhadas e transtorno urbano… solução real, zero!

  5. natalsofrida disse:

    Enfim algo proveitoso, só sabem multar os cidadãos de bem. Esquecer de usar o cinto de segurança, é normal hoje, devido as inúmeras obrigações que o estado nos impõe.

    • Minion doente disse:

      Como é que e? Esquecer de usar o cinto é normal? Então nesse seu raciocínio excesso de velocidade , usar o celular em quanto dirige , beber e dirigir também é normal?

STTU faz interdições no entorno do Hotel Reis Magos a partir desta segunda

Foto: Divulgação/site Prefeitura do Natal

A Secretaria de Mobilidade Urbana – STTU, da Prefeitura de Natal, interdita, a partir desta segunda-feira (11/11), parte das ruas que se localizam nas laterais e por trás do Hotel Reis Magos, na praia do Meio, para o trânsito de veículos e pedestres. O temor das autoridades é que o prédio desabe devido ao processo de desgaste da estrutura de sustentação do local.

A STTU informa que a interdição estreita, em seis metros, o trecho da avenida 25 de Dezembro, a partir do muro do hotel, até o término da primeira faixa de rolamento de veículos do lado esquerdo da via, estendendo-se por 126 metros. A passagem de pedestres pelo local não é permitida. No caso da rua Mascarenhas Homem, o local será estreitado em cinco metros no trecho do muro do hotel até o término da primeira faixa de rolamento do lado esquerdo da via, estendendo-se por 69 metros.

A posição do hotel em relação ao terreno garante uma área de segurança em relação a outras ruas que circundam o local. Por isso, de acordo com a STTU, não haverá intervenções na avenida Presidente Café Filho, nem na rua Feliciano Coelho. A secretaria também informa que, por não haver interdições completas nas vias, os itinerários nas linhas de ônibus que passam pela área permanecem inalteradas.

A STTU alerta a motoristas e pedestres para obedecer a sinalização, que será composta por defensas provisórias e placas de sinalização indicando os locais interditados. O órgão informou que não existe prazo para liberação da área.

Os problemas graves na estrutura do Hotel Reis Magos foram encontrados em uma perícia realizada pela empresa Petrus Engenharia, de Pernambuco, ainda em 2016. De lá para cá, o Município, que entende ser necessária a demolição, tem aguardado o fim de um processo de tombamento que tramita no Governo do Estado há seis anos.

O secretário de Obras de Natal, Tomaz Neto, afirma que a perícia, assinada pelo engenheiro da Petrus, Luiz Fernando Dernhoest, não deixa dúvidas quanto ao risco de desabamento do antigo hotel. Segundo o secretário, o estudo aponta que alguns pilares de sustentação já estão com mais de 50% da capacidade de sustentação comprometidos. Um desses pilares, que fica na área da antiga boate Royal Salute, que funcionou no Reis Magos, na década de 80, já teria ruído, revelou Neto.

A Semov realizou um serviço para a colocação de tapumes no entorno do hotel, atendendo a um pedido da Procuradoria Geral do Município – PGM. De acordo com informações da secretaria, a intenção seria evitar que, caso pedaços menores da estrutura venham a se desprender, esses sejam contidos antes que atinjam as ruas ou o passeio público.

FOTO: Responsável por fiscalizar e notificar infratores, STTU também comete infração

Foto: Cedida/Divulgação

O cidadão natalense acompanha diariamente o severo trabalho da Secretaria de Mobilidade Urbana(STTU) na fiscalização do trânsito na capital, “parece” que ganhou seu momento de “solidariedade” do órgão.

Uma motocicleta, conforme imagem acima, encontra-se com seu licenciamento vencido desde 2017.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. paulo disse:

    Im7nidade em relação aos impostos, Licenciamento tem natureza jurídica de taxa.

  2. Mane disse:

    Pelo que consta no sistema do detran apenas a taxa dos correios nao foi paga, taxa essa que nao é obrigatoria, portanto a motocicleta esta em dia e nao em atraso

  3. Silva disse:

    Quem consultou se equivocou, a motocicleta está com o licenciamento em dia.

  4. LAMPEJÃO disse:

    PARA QUE SERVE A STTU ??????

  5. paulo disse:

    Aproveita e faz umas fotos das viaturas da polícia tbm se tiver coragem kkkk

  6. Liz disse:

    Antes de publicar informações desse tipo, verifique corretamente suas fontes. No site do DETRAN este veículo está sem pendências.

  7. Elionaldo disse:

    BG, que a PRF faça cumprir a lei quando p gar um deles em rodovia federal assim como fez com o carro dos bombeiros

  8. John disse:

    Não deve ser só essa motocicleta. Duvido.

  9. Maria Adélia disse:

    Mas, quando é pra multar os demais motoristas, são eficientes. Outro dia vi três agentes na rua ao lado do shopping via direta promovendo um verdadeiro arrastão guinchando os carros e levando. Também vejo uma agente dirigindo e usando o telefone celular. Sou louca para fotografar um dia…

    • Danilo disse:

      Os infratores são o alimento da indústria da multa kkkkkkkk
      Quer acabar com a indústria da multa não cometam infrações

  10. Roberto Guedes da Fonseca disse:

    Licenciada só até 2017!

  11. Matematica disse:

    Tem imunidade tributária não?

    • paulo disse:

      BG
      Eles transitam pelas rodovias estaduais e Federais, atenção PRF e CPRE para apreensão desta e de outras motocicletas em débito. Guincho neles e multas e pontos nos condutores irresponsáveis que transitam com documentação VENCIDA, faça o que eu digo mais não faça o que eu faço. Simplesmente uma VERGONHA secretária INCOMPETENTE.

    • paulo disse:

      Só IPVA, Detran,taxa de bombeiros e DPVAT não.

Intervenções da STTU no trânsito e semáforo: ‘Em lugar nenhum no mundo 200 metros de engarrafamento é grande prejuízo’, diz secretário na Câmara Municipal de Natal

Foto: Marcelo Barroso

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) esteve presente na manhã desta segunda-feira (16) na Câmara Municipal de Natal. Representada pelo secretário adjunto da pasta, Walter Pedro, o gestor esteve na Casa a convite da Comissão de Finanças, Orçamento, Controle e Fiscalização com o objetivo de esclarecer sobre as alterações no trânsito na capital potiguar.

Em questão no debate, especificamente, os sinais e faixas instalados nas avenidas Hermes da Fonseca (junto à Avenida Alberto Maranhão) e um segundo na Avenida Salgado Filho (nas proximidades da Igreja Universal). Ambas medidas foram suspensas pela Secretaria na última sexta-feira (13).

De acordo com o secretário Walter Pedro, o recuo na decisão da pasta se deve a necessidade vista pelo órgão de estabelecer novos debates com a população, explicando mais a toda sociedade sobre as premissas de mobilidade urbana, que também norteiam as necessidades de trânsito de uma cidade.

“A prefeitura vem observando diversos corredores de Natal e a situação que trata de travessias de pedestres. Já fizemos grandes intervenções, como corredores exclusivos, e estávamos em falta na intervenção para pedestres, avaliando que as Leis tratam sobre segurança e conforto das pessoas nessa situação e levando em conta, também, que se existir alguma intervenção de trajeto o veículo é que deve se deslocar. Infelizmente existiu uma falsa comunicação nas redes sociais, o que prejudicou o projeto e nos levou a perceber que era necessário um novo debate”.

De acordo com o gestor, a distância entre a faixa instalada próximo a Igreja Universal e a Avenida Amintas Barros é de 350 metros, e que a instalação da faixa/semáforo registrou um aumento, no máximo, de 200 metros de congestionamento. “Em lugar nenhum no mundo 200 metro de engarrafamento é considerado prejuízo de grande escala. As pessoas que estão de carro não têm prejuízo, mas o pedestre tem. Nas premissas de mobilidade urbana nós tentamos sempre trabalhar com impacto mínimo, e que o pedestre e os veículos estejam no mesmo nível”, relata.

Segundo Walter Pedro, pelo menos 3 mil pessoas utilizariam diariamente a faixa. Ao se tratar da passarela existente na Salgado Filho, o secretário esclareceu que o objetivo é que a mesma seja retirada.

Para o presidente da Comissão, o vereador Dinarte Torres (PMB), a partir do momento que a STTU reconhece que houve erro na implantação e retirada do semáforo há o reconhecimento que deveria ter existido um debate prévio sobre as medidas. O parlamentar usou como base uma pesquisa divulgada pelo portal G1, que constatou que mais de 70% população aprovou a faixa de pedestre da Avenida Salgado Filho. “Sem dúvida houve uma precipitação no momento que se coloca e que se retira radicalmente, mas mesmo assim é um momento importante, pois abre o debate para a população e, sendo pedestre a parte mais importante que falamos aqui, são eles que devem ser ouvidos”, disse.

Especialista em trânsito, o professor da UFRN Rubens Ramos defende a instalação das faixas/semáforos. “Os semáforos são corretos sim. Esse é um modelo utilizado em São Paulo e nele o pedestre cruza a via com proteção de um sinal”, explica. Para o especialista, o uso da passarela não condiz com o fluxo urbano, sendo essa uma alternativa não viável. “A passarela é um obstáculo para o usuário. Ela tira o pedestre da rua, assim como tira o comércio, pois não há fluxo de pessoas, para zona urbana não é uma saída”, conclui.

Também presente na discussão, o vereador e membro da Comissão de Finanças, Maurício Gurgel (PSOL) entende que a iniciativa da comissão vem esclarecer a população sobre questionamentos que envolvem seu dia a dia. “A STTU reconhece que precisa haver mais debate com a sociedade e também entende que o pedestre precisa ser prioridade. Essa é uma oportunidade e alternativa de trazer temas de interesse social, mostrando alternativas para o pedestres, para o ciclistas e que ao mesmo tempo tragam fluidez no trânsito”, avalia.

Estiveram presentes no debate os vereadores Aroldo Alves (PSDB), Preto Aquino (PATRIOTA), Felipe Alves (MDB) e Fúlvio Saulo (Solidariedade). Representantes de comunidades relacionadas ao tema também marcaram presença, entre eles Francisco Iglesias, da Associação Potiguar Amigos da Natureza (Aspoan); Kleberson Melo, da Associação Bike Anjo; e José Canuto, presidente do Conselho Municipal de Política Cicloviária e da Associação de Ciclistas do Rio Grande do Norte (Acirn).D

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. joaozinho da escola disse:

    Talvez alguem precise desenha uma passarela pra o setor de desengenharia da prefeitura. 3 mil pessoas que vao rezar nao podem prejudicar mais de 100 mil pessoas que precisam trabalhar. Será que se boicotassemos o IPTU e o ISS a prefeitura entenderia a diferença de uma passarela e uma faixa de pedestres? PQ nao adaptam a passarela atual? Ou se o motivo for preguiça, pq nao fazem outra passarela na porta da igreja? Se todos vendessem seus carros, a prefeitura e o Estado iriam ter que criar um imposto novo pra existirem, ja que o carro mantem o IPVA, bombeiro, ISS de oficinas mecanicas e estacionamentos, e todo o comercio que depende de veiculos pra levar produtos. VAo acabar com a cidade com esse idealismo utopico.

  2. Isabel disse:

    Volta semáforo logo vcs que tem carro tem que esperar isso é um absurdo está ganhando na enquete que o.povo e a favor

  3. Madeira disse:

    Fica latente a diferença de conhecimentos técnicos referente à tráfego de trânsito, entre as engenharias do DNIT e a STTU. O Prefeito deveria buscar apoio técnico do DNIT, pois são vias interligadas de responsabilidades do governo federal e municipal. Não se pode jogar dinheiro fora por incompetência de quem deveria buscar soluções.

  4. Roberto Machado disse:

    O que fica claro nesse episódio é o total despreparo e incompetência das pessoas que gerenciam a STTU, São ações como essa que fazem Natal está tão atrassada, na minha opinião uma ação eleitoreira , as desculpas dadas são pior que o que foi feito com o povo de Natal. Triste ver esse despreparo com o trânsito de nossa Capital.

  5. Sérgio disse:

    Tornar a Jaguarari e a São José mão única, eles não fazem! Mas piorar é com eles mesmos…

  6. Henrique disse:

    Uma prova que a STTU está mal de capacitação são os semáforos descalibrados. A "onda verde" não funciona. A gente mal sai de um sinal e já é obrigado a parar em outro. Estão fazendo isso pra gente gastar mais gasolina, poluir mais o ar e também ser assaltado nas paradas…. Bota o prefeito e a STTU pra andar na Av. Rui Barbosa. Se conseguirem andar sem parar, aplaudo com prazer; senão provam que mentem para a população….

  7. Rlrosa disse:

    Toda a população é contra e mesmo assim insistem, de onde vieram esses gênios???

  8. Fabio Cardoso disse:

    Quantos milhões foram gastos na BR para eliminar os semáforos que existiam, os retornos e na construção de viadutos, para aparecer um mentiroso (o congestionamento foi, no mínimo, 4 vezes mais) que desconsiderou recomendação do DNIT e da PRF? Dinheiro jogado no ralo por causa de causa de ego ou de negociatas para instalação de um semáforo (quem sabe os dois) que só trará imobilidade urbana.

  9. Kennedy Diniz disse:

    Só lamento a defesa de Walter Pedro sobre o congestionamento que ocasionou com o semáforo da Universal. No início da manhã o transtorno está na Br no sentido centro, já no final da tarde, toda a Salgado Filho estava congestionada. O próprio Twitter da STTU, pedia para não utilizar a Salgado Filho que estava congestionada. Já imaginaram se tirassem todas as passarelas da BR(Neopolis, Potilandia, a passarela do Sebrae e no lugar delas, substituísse por semáforos e faixas de pedestres? Enquanto a lógica da STTU é tirar passarelas, a população da zona norte, clama a muitos anos por passarelas na Felizardo Moura, Tomaz LANDIN, João MEDEIROS Filho, etc…SE A STTU se atrever de desmontar a passarela da SALGADO FILHO, vamos acionar a justiça. Seria um crime contra o patrimônio público é claro uma irresponsabilidade muito grande.

    Se a STTU alega que a passarela está em péssimo estado, a CULPA É EXCLUSIVAMENTE DELA! A manutenção é de total responsabilidade da STTU!

  10. oswaldo disse:

    Esses caras são os mesmos que acabaram as vias de fluxo das Av Afonso Pena, Rodrigo Alves e Campos Sales, fazendo de faixas áreas de exploração dos flanelinhas, e tb os mesmos que criaram as ciclofaixas nas avenidas para circulação de uma bicicleta por dia, pense nuns engenheiros!!!

  11. Edu_Brasil disse:

    A rua Alberto Maranhão já era para ser só no sentido da Prudente de Morais. Outras avenidas já eram para ser mão única.

  12. Antonio Turci disse:

    Parece que esse povo da STTU, mais o professor que defende o caos no nosso trânsito, esqueceram, ambos de mostrar algo importante: dizem que por aquele local passam 3 mil pedestres. Entretanto, se transitam pelo trecho em discussão, cerca 70 mil veículos, ônibus inclusive, temos algo superior, provavelmente, a 150 mil pessoas. 3 mil, portanto, representa uma minoria que deve ser respeitada, mas não a ponto de dificultar tão intensamente a vida da maioria.

  13. DeSacoCheio disse:

    Certamente esse senhor não passou por lá nos horários de pico. E se realmente passam 3 mil pedestres ali todos os dias, o mais seguro, sem sombra de dúvida é uma passarela de verdade, não aquele "elefante branco" que fizeram a poucos metros dali. Uma passarela bem feita seria benéfica p/ os pedestres e não causaria nenhum impacto no trânsito. Aproveito p/ lembrar da construção da passarela do Extra na Eng. Roberto Freire, que não provocou problemas no trânsito por mais de 1 (UM) dia. Talvez na Eng. Roberto Freire tivesse um engenheiro de verdade tocando a obra.

  14. Cidadão disse:

    200 metros d congestionamento……
    Kkkkkkkkkk
    Isso é um fanfarrão❗️

  15. Luladrão Encantador de Asnos disse:

    Pq não usar uma passarela?
    Discurso vazio.
    Deve ser cobrado de quem determinou esse absurdo, o custo dessa obra sem resultado.

  16. VTNC disse:

    Engarrafou a partir do complexo viário do quarto centenário , tornou o trânsito da BR 101 e da Salgado Filho/Hermes da Fonseca UM CAOS , este secretário está subestimando Nossa inteligência.
    Omitiu que a 50 metros da nova faixa de pedreste tem uma passarela há anos e subutilizada . Claro que eles já estão em campanha política branca, uma vez que tem mais votos dos pedrestes que dos motoristas !!!

  17. Alaca disse:

    Não são 200 metros, são MAIS 200 metros.

  18. Prof Lira disse:

    E sem os 200 M de engarrafamento n é melhor?

  19. Luiz Fernando disse:

    Querer comparar São Paulo com Natal é de lascar. Gastou-se milhões para se fazer a entrada da cidade uma via expressa, aí vem os a "turminha cabeça de fumaça" e coloca uma porteira.