Homem mata outro esfaqueado durante briga em residência na Grande Natal

A Polícia Militar registrou uma morte na noite desse domingo(28), em consequência de uma briga, no distrito de Currais, na zona rural de Nísia Floresta, na Grande Natal. O suspeito do crime se entregou à polícia e confessou o assassinato. A notícia foi destaque no portal G1-RN.

Segundo a reportagem, o homem disse aos policiais, a vítima do homicídio, de 27 anos, invadiu sua casa no para matá-lo. Os dois teriam trocado socos e, em seguida, o homem pegou a faca e desferiu os golpes com o objeto.

Motorista de aplicativo é atacado com vários golpes de faca em assalto durante viagem na Grande Natal

 (FOTO: ILUSTRATIVA)

Bandidos esfaquearam um motorista de aplicativo de transporte de passageiros, de 41 anos, em um assalto que aconteceu no fim da noite dessa quinta-feira (26), por volta das 23h, na comunidade de Taborda, no município de São José de Mipibu, na Grande Natal. De acordo com informações preliminares, os suspeitos seriam dois homens e duas mulheres que teriam se passado por passageiros e começaram a viagem em Parnamirim. Na ocasião, anunciaram com o carro já em corrida. Na ação criminosa, uma corda teria sido colocada no pescoço da vítima, que foi esfaqueada várias vezes, inclusive, na região do pescoço.

Segundo a Polícia, após o crime, os assaltantes fugiram levando o carro da vítima, modelo Etios Sedan de cor prata. A vitima foi socorrida somente após a população da região informar que havia um homem ferido em uma estrada de terra. Temerosos com o desconhecido, não se aproximaram até a chegada de autoridades responsáveis. Na chegada ao local, os policiais solicitaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que resgatou a vítima.

O motorista de aplicativo foi levado para o Hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim e depois foi transferido para o Hospital Walfredo Gurgel, na capital. O estado de saúde do homem é grave.

Turista de SP é esfaqueado durante assalto na Praia do Meio; acusados são detidos

Uma dupla ainda não identificada foi presa pela Companhia de Policiamento Turístico(Ciptur), na tarde desta terça-feira(23), acusada de esfaquear um turista de São Paulo, na praia do Meio. Segundo os policiais militares, a vítima andava com sua companheira quando os bandidos surgiram e anunciaram o assalto.  Na ocasião, mesmo não havendo qualquer tipo de reação do casal, e a entrega de celulares e dinheiro, um dos acusados desferiu um golpe de faca, que pegou de raspão no rapaz.

A vítima foi socorrida logo em seguida e não corre qualquer risco. Já os bandidos, foram detidos minutos depois e encaminhados para a delegacia de Plantão Zona Sul, onde foram autuados.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Serapião disse:

    Dqui a pouco estarão nas ruas e a Polícia sempre será a grande culpada pela violência…

Morador de rua leva facada dentro da igreja de Candelária durante a novena da Padroeira

Foto e Reportagem Sérgio Costa / Portal BO

Os católicos frequentadores da igreja do bairro de Candelária viveram momentos de terror e pânico na noite desta terça-feira (31). Um morador de rua identificado por Ricardo Oliveira da Silva, de 29 anos, invadiu a paróquia no momento que o padre se preparava para começar a novena da padroeira e foi esfaqueado lá dentro.

O invasor fugia de dois outros homens que tentavam matá-lo com uma faca peixeira. Dentro da igreja, a vítima foi alcançada e atacada pelos acusados e um deles ainda conseguiu desferir alguns golpes na região do tórax e na cabeça de Ricardo, que ainda se feriu quando derrubou um jarro de vidro existente no local.

Neste momento, houve pânico e correria dentro da igreja. No entanto, algumas pessoas que iriam participar da novena conseguiram render os autores da agressão e chamaram a polícia. Várias viaturas do 5º Batalhão foram para a frente da paróquia e conduziram os acusados para a Delegacia de Plantão da Zona Sul. Já vítima foi atendida pelo SAMU.

Um dos envolvidos no atentado é um adolescente de 17 anos, o outro, Adriano Pereira da Silva, de 19 anos, que disse a reportagem do Portal BO que a intenção era matar Ricardo e que quando tiver chance vai cumprir a promessa.

De acordo com o policial Robson, a briga entre os três foi motivada por causa do tráfico de drogas que é uma realidade de muitos moradores de rua da zona Sul de Natal. “Isso tudo é resultado da guerra do tráfico que existe por aqui. Eles pedem comida, dinheiro, consomem drogas e cometem crimes todos os dias”, conta.

Adriano foi algemado no portão do estacionamento da Plantão e, para surpresa de todos, conseguiu retirar as algemas sozinho e fugiu. Policiais da delegacia e militares ainda tentaram recapturá-lo, mas não conseguiram.